Cantor e compositor Belchior concede entrevista musical, aberta ao público

28/8 · Fortaleza, CE
Divulgação
Belchior partilha história de vida e descreve trajetória artística na entrevista
1
Luciano Sá · Fortaleza, CE
27/8/2007 · 67 · 2
 

O cantor e compositor cearense Belchior concederá entrevista musical, aberta ao público, na próxima edição do programa Nomes do Nordeste, a realizar-se na terça-feira, 28, às 19 horas, no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 – 2º andar – Centro – fone: (85) 3464.3108).
Sempre se mantendo dentro de um padrão poético-musical coerente em toda a sua carreira, Belchior tem mais de 300 composições gravadas por ele e por intérpretes como Elis Regina, Roberto Carlos, Erasmo Carlos, Gilberto Gil, Ivan Lins, João Bosco, Toquinho, Jair Rodrigues, Vanusa, Wanderléa, Ney Matogrosso, Engenheiros do Hawaii, Los Hermanos, Fagner, Ednardo, Elba Ramalho, Zé Ramalho, Daniela Mercury, Margareth Menezes, Pedro Camargo Mariano, Oswaldo Montenegro, Jessé e Chico Anysio, além da cantora italiana Gigliola Cinquetti, a dupla uruguaia Larbanois & Carrero e o estadunidense Leo Robinson.
Desenhista, além de músico e poeta, Belchior se dedica também à pintura, à caricatura e à caligrafia. Guru da década de 1970, ele chega ao Nomes do Nordeste para compartilhar sua história de vida e descrever sua trajetória artística, trazendo sucessos em sua bagagem e prometendo fazer uma viagem pelo tempo juntamente com os seus fãs.
Durante a entrevista aberta ao público, Belchior falará e cantará as palavras e os tons que ligam suas canções a Sobral e Fortaleza, ao Festival Universitário da Canção, realizado no Rio de Janeiro, a São Paulo e os milhões de nordestinos que habitam a cidade, e à América Latina.
Belchior será entrevistado pelo jornalista Moacir Maia, apresentador do programa Cena Pública, da TV Ceará (TVC), e pela platéia presente, que poderá fazer perguntas por escrito.
Na entrevista musical, Belchior será acompanhado por banda formada pelos seguintes músicos: Mimi Rocha (guitarra e violão), Luís Miguel (baixo), Ítalo Almeida (teclados e acordeom), Adriano Azevedo (bateria) e Nilton Fiore (percussão).

História de vida e trajetória artística
Nascido em Sobral (CE), em 26 de outubro de 1946, Antônio Carlos Gomes BELCHIOR Fontenelle Fernandes, durante sua infância, foi cantador de feira e poeta repentista, e estudou música coral e piano com Acaci Halley.
Seu pai tocava flauta e saxofone e sua mãe cantava em coro de igreja. Tinha tios poetas e boêmios. Ainda criança, recebeu influência dos cantores do rádio Ângela Maria, Cauby Peixoto e Nora Ney.
Em Sobral, foi também programador musical de rádio. Em 1962, mudou-se para Fortaleza, onde estudou Filosofia e Humanidades. Começou a estudar Medicina, mas abandonou o curso no quarto ano, em 1971, para dedicar-se à carreira artística.
O cantor e compositor Belchior é um dos integrantes do chamado Pessoal do Ceará, que inclui Fagner, Ednardo, Rodger de Rogério, Wilson Cirino, Fausto Nilo, Téti, Amelinha, entre outros.
Começou sua carreira apresentando-se em festivais de música no Nordeste, entre 1965 e 1970. Em 1971, inscreveu-se no IV Festival Universitário da Canção e ganhou o primeiro lugar com a música “Hora do almoço”, interpretada por Jorge Mello e Jorge Teles.
Na mesma época, Belchior conheceu o cantor e compositor Sérgio Ricardo, que escolheu a música “Mucuripe”, escrita em parceria com o também cearense Fagner, para fazer parte do disco de bolso do Pasquim, jornal alternativo da época.
Em 1972, começou a obter reconhecimento nacional a partir da gravação de “Mucuripe” pela cantora Elis Regina. Em seguida, transferiu-se para São Paulo, onde compôs trilhas sonoras para filmes de curta-metragem.
Na mesma época, apresentou shows em praças públicas e fez aparições em programas de televisão. Em 1974, lançou seu primeiro disco, “A palo seco”, cuja música-título tornou-se sucesso nacional.
Nesse mesmo ano, faria sucesso novamente com a canção “Paralelas”.

onde fica
Cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 ? 2º andar ? Centro ? fone: (85) 3464.3108).
quando ir
28/8/2007, às 19:00h
quanto custa
Grátis.
website
www.bnb.gov.br/cultura
contato
Luciano Sá (assessor de imprensa do Centro Cultural Banco do Nordeste) ? (85) 3464.3196 / 8736.9232 ? lucianoms@bnb.gov.br

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Cecilia de Paiva
 

cearensada porreta!!

Cecilia de Paiva · Campo Grande, MS 28/8/2007 11:18
sua opinião: subir
eric renan ramalho
 

De fato Belchior é um dos grandes nomes de nossa produção musical .

eric renan ramalho · Belo Horizonte, MG 28/8/2007 13:50
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados