Concurso Nacional de Marchinhas Carnavalescas da Fundição Progresso

de 12/12 a 10/1 · Rio de Janeiro, RJ
Divulgação
Ó abre alas
1
Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ
30/11/2006 · 27 · 1
 

Ó abre alas / Que eu quero passar
Ó abre alas / Que eu quero passar


Tudo começou com esses versos.

Os mais megalomaníacos dizem: “o maior espetáculo da Terra”. E uns outros concordam, falando que: “Isso dá samba”.

Mas nem só de samba vive o Carnaval carioca. É bom que se saiba. Tudo começou com esses versos, uma marchinha da maestrina Chiquinha Gonzaga, datada de 1899.

E, daí em diante, o ritmo acelerou, chegou a polca, a toada, o maxixe, o samba. Mas as marchinhas que grudaram como chiclete graças ao apelo radiofônico, eu ouso dizer, foram o “axé” do início do século passado.

Lá vem / O cordão dos puxa-saco
Dando viva aos seus maiorais
Quem está na frente é passado para trás
E o cordão dos puxa-saco / Cada vez aumenta mais


Naquela época, o custo de produção de um disco não era tão caro e investir em marchinhas foi por muito tempo fonte de lucro das gravadoras.

Hei você aí me dá um dinheiro aí / Me dá um dinheiro aí
Não vai dar / Não vai dar não / Você vai ver que grande confusão
Eu vou beber / Beber até cair / Me dá, me dá. me dá, oi
Me dá um dinheiro aí


Mas o processo foi encarecendo e as multinacionais que disputavam (e disputam) o mercado entenderam que era mais fácil e mais barato investir em música estrangeira, porque já vinha tudo pronto lá de fora.

As águas vão rolar / Garrafa cheia eu não quero ver sobrar
Eu passo a mão no saca-saca-saca rolha / E bebo até me afogar


Parecia o fim das marchinhas – apesar do esforço do Braguinha e do Sílvio Santos!

A pipa do vovô não sobe mais
Apesar de fazer muita força
O vôvô foi passado pra traz
Ele tentou mais uma empinadinha
A pipa não deu nenhuma subidinha


Mas eis que surge uma luz no fim do túnel.

Allah-la-ô, ô ô ô, ô ô ô ô
Mas que calor, ô ô ô, ô ô ô


Alguém resolveu tirar do baú essa vontade inenarrável do carioca de marchar. O Carnaval de rua do Rio tem se fortalecido a cada ano que passa e as marchinhas não ficam atrás. Pelo segundo ano consecutivo, a Fundição Progresso recebe inscrições para o Concurso Nacional de Marchinhas Carnavalescas (Prêmio Chiquinha Gonzaga).

As inscrições estão abertas até o próximo dia 12. Há duas categorias: a das "Marchinhas Tradicionais" e a das "Marchinhas Eletrônicas". Quem sabe não é a oportunidade que você estava esperando para sassaricar? Quem sabe um novo
Sílvio santos vem aí
Olê olê olá

onde fica
O regulamento pode ser conferido no site da própria Fundição.
quando ir
12/12/2006 a 10/1/2006
quanto custa
De grátis. É só cair no samba... ops. Na marchinha!
website
http://www.fundicao.org

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Viktor Chagas
 

É bom avisar pra galera que houve uma prorrogação na categoria "Marchinhas eletrônicas", com inscrições agora até 10 de janeiro. Já a categoria "Marchinhas tradicionais" receberá suas inscrições somente até 12 de dezembro, ok?

Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ 5/12/2006 11:51
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados