Exposição "Poesia Visual", de Hannah Brandt

de 01/2 a 19/3 · Juiz de Fora, MG
Márcio Fischer
O Barqueiro, de Hannah Brandt
1
Renata Barros - Seven Comunicação · Rio de Janeiro, RJ
27/1/2011 · 1 · 0
 


Poesia Visual

Mostra resgata obra da premiada artista-gravadora Hannah Brandt

O Espaço Cultural Correios recebe a partir de 2 de fevereiro de 2011 a mostra “Poesia Visual”, de Hannah Brandt. Com curadoria de Paulo Vergolino, a exposição reúne um conjunto de 50 trabalhos de fases variadas da artista-gravadora.

Em “Poesia Visual” o visitante encontrará obras coloridas e em branco e preto que apresentam paisagens brasileiras, retratos, naturezas mortas, marinhas e exemplos por vezes líricos de uma artista versátil apresentando sua visão peculiar do mundo.

Alemã naturalizada brasileira, Hannah Brandt possui uma obra refinada e metódica, catalogada em arquivos organizados de maneira que nos leva a constatar a riqueza de seu conjunto artístico.

Entre 1950 e 1960 a artista-gravadora buscou a temática social mergulhando no expressionismo em branco e preto. O trabalho deste período é dramático, por vezes denso e emocional, e utiliza a luz do papel em composições fartas de equilíbrio, quase matemáticas, e de pleno lirismo.

Posteriormente, Hannah Brandt adotou a utilização de cores. Sua gravura passou a vislumbrar paisagens luminosas e composições de caráter abstrato, evocando formas ovóides, celulares e atávicas. A figura humana foi cedendo espaço à textura, aos gestos e ao requinte abstrato. Surgiram catedrais, totens, pássaros, vegetações, mitos e ritos que se aglutinam e derramam sorrisos e algum silêncio sobre o expectador.

A exposição patrocinada pelos Correios fica em cartaz até 19 de março de 2011. A abertura da mostra será realizada em 1 de fevereiro, às 20h, através de uma visita guiada que contará com a presença do próprio curador, Paulo Vergolino.

Hannah Brandt

Nasceu no ano de 1923, em Essen (Alemanha), naturalizou-se brasileira em 1941 e adotou a cidade de São Paulo como berço de sua criação artística produzindo obras que parecem tão simétricas quanto o seu próprio nome e, ao mesmo tempo, tão dinâmicas como sua própria história.

Premiada trinta e três vezes em Salões e Bienais, integrou mais de cem coletivas e mostras individuais no país. Suas obras estão presentes em acervos de museus brasileiros como Museu de Arte Brasileira da FAAP de São Paulo; Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM; e coleções estrangeiras, ente as quais a Print Collection of San Francisco - USA, no Museu de Arte de Skopje - Iugoslávia, no Museu Nacional de Belas Artes - Chile e no ETH - Suíça.

Hannah foi sócia fundadora do Núcleo dos Gravadores de São Paulo (Nugrasp). Em 1973, recebeu o prêmio Itamaraty na 12° Bienal Internacional de São Paulo. Um ano depois, foi também premiada pela Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo e pelo Conselho Estadual de Cultura de São Paulo.

onde fica
Espaço Cultural Correios
Endereço: Rua Marechal Deodoro, 470 - Centro - Juiz de Fora - MG
quando ir
01/2/2011 a 19/3/2011
quanto custa
Entrada Franca
contato
Telefone: (32) 3690-5715

compartilhe

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados