Festa Nômade

26/6 · Curitiba, PR
Rodrigo Juste
Klezmorim
1
Tatyane Ravedutti · Curitiba, PR
25/6/2010 · 0 · 0
 

De um lugar para o outro, sem habitação fixa. Povos caçadores ou pastores que mudavam-se a fim de buscar novas paisagens e melhores condições de vida. Este modo de viver fez dos povos nômades verdadeiros migrantes culturais, pois era a arte que os aproximava. A música, a dança, enfim, a arte era o principal instrumento de diálogo e cooperação entre os povos errantes.
Essas miscigenações folclóricas e culturais que foram trazidas pelos viajantes do mundo, puderam enriquecer a arte com tamanha beleza, presente nas suas línguas, músicas e danças, nos instrumentos musicais (re) inventados e na pluralidade étnica que se criava com as suas peregrinações. A Festa Nômade acontecerá em Curitiba com esse propósito; de levar ao público essas interessantes fusões culturais, que constituem uma categoria importante no panorama da arte mundial, muitas vezes perdida no tempo.

Para a festa estão programadas diversas atrações. Abrindo a noite, a Cia Aire Flamenco apresentará Dança Flamenca. De origem espanhola, os ciganos andaluzes formaram essa dança com materiais de culturas grega, hindu, muçulmana, árabe e judaica. Perseguidos, começaram em segredo, a dar vazão a todo esse sofrimento. Expressavam-se em lamentos que constituíram a origem de todo o flamenco. Também faz parte da programação a Dança Tribal, com Mariah Voltaire e o Grupo Damballah. A dança, que mescla dança do ventre, indiana, flamenco e outras etnias, será apresentada com uma roupagem nova com músicas vibrantes.

O ponto alto da festa será a apresentação do grupo Klezmorim. Formado no final de 2009, o Klezmorim tem em seu repertório composições derivadas do gênero Klezmer. A palavra Klezmer vem do hebraico e faz referência a um gênero musical não-litúrgico judaico da Idade Média. São canções de judeus do Leste Europeu, sendo que a língua é o iídiche (dialeto com base no alemão) que nem os próprios músicos dominavam. Sua formação é bem característica do Klezmer - multi-instrumental: Marcelo Oliveira na clarineta; Levy de Castro na tuba; Ivan Wolkof na percussão; Marco Farracha na bateria; Lucio Lowen no violão; Rodrigo Oliveira no teclado; Hudsson Muller no sax e trumpete, e Julio Coelho no violino. Músicos com tantas e diferentes experiências, tanto na área de música erudita quanto popular, fazem do Klezmorim um riquíssimo trabalho de estudo deste gênero que exprime o sentimento de um povo: suas aflições, sua êxtase, sua existência, sua crença.

onde fica
BARBARAN – SOCIEDADE UCRANIANA

Rua Augusto Stelfeld, nº 795, Centro, próx. Sesc da Esquina
quando ir
26/6/2010, às 20:00h
quanto custa
R$ 10,00
contato
9138-8698

compartilhe

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados