ADEUS DAS ÁGUAS

A.Fernandes, IMAGEM DE WWW.OLHARES.COM
1
Cintia Thome · São Paulo, SP
29/4/2008 · 279 · 56
 

Despeço-me de ti
Mar que chora
Choramos...
Punhados de lágrimas
Escorrem dentro de nós
Tesouros guardados, mistérios
Ancoras que nos feriram
As luas afogadas por grande amor
Sóis quentes encharcando com fitas raios
Abraços, laços no cais, ais
Descortinadas manhãs, estrela salina
Conchinhas meninas, púrpuras pequeninas
Algas, daninhas na escuridão,
Cordas, amarras do meu viver
Correntes, elos enferrujados no limbo
Asteróides imersos, filhos da Luz
As secretas virgens, pássaros caídos
Sereias, mulheres, as metades que fui
Areias resvaladas, cicatrizes bronzes
Pérolas, amigos na concha do coração
Escamadas virtudes, óleo da vida
Atracado amor, navegante
Anzol de pão, beijo
Gozadas espumas, espasmos
Ondas frenéticas, salivas em cio
Ah! Amor!
Gritos de socorro, turbilhão de pecados
Roseiras negras, bosques líquidos
Cama de nossos suores seculares
Pingos d'água , colar de lágrima,
Pétalas flor
Marés tantas, tempo tanto
Monstro sagrado
Balde a diluir castelos
Do velho homem do mar
Único anel meu mergulhado
Umbral, rochas e rochedos
Continuarás a chorar
Terra voraz por nós, de mim
Vazia, caminho seco
Soltando-me
Sede... sede...

Princípio e fim
Continuarás a chorar
Despeço-me de ti

Cíntia Thomé

...

compartilhe



informações

Autoria
..CÍNTIA tHOMÉ
Ficha técnica
Imagem de A. Fernandes, fotógrafa de Lisboa, Portugal, autora da Capa dos Livros OLHOS DE FOLHA MINHA e DIVÓRCIOS TANTOS de Cíntia Thomé - imagem autorizada - www.olhares.com
Downloads
410 downloads

comentários feed

+ comentar
Benny Franklin
 

Puxa!

Grande poema, hein?...
E grande, muito grande, porque fora de série, é o ser pensante que o galou.

Flor, sempre posso estar aqui!

Abçs.

Benny Franklin

Benny Franklin · Belém, PA 27/4/2008 12:03
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marcos André Carvalho Lins
 

Maravilha!!!!
Mais uma pérola!
abração,

Marcos André Carvalho Lins · Recife, PE 27/4/2008 12:32
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
clara arruda
 

Sempre aprendo com a leitura dos seus trabalhos.Obrigada Cintia.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 27/4/2008 13:16
sua opinião: subir
azuirfilho
 

ADEUS DAS ÁGUAS
Cintia Thome · São Paulo (SP)

Verdadeiro mergulho num MardeTudo.
No mais abrangente de coisas e sentimentos, desde a superfície até ao mais fundo.
Um Mergulho viagem de decisão.

......Princípio e fim
Continuarás a chorar
Despeço-me de ti....

Transcendente e de ruptura.
Marcando um outro tempo.
Sabe fazer valer a expressão forte das palavras.
Parabéns Abração

azuirfilho · Campinas, SP 27/4/2008 15:31
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
marilia carboni
 

Com certeza mais uma preciosidade tua !!
Mil beijos...volto !!!!

marilia carboni · Londrina, PR 27/4/2008 16:39
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Tiago Medeiros
 

Parabéns!
Muito bonito.

Tiago Medeiros · Salvador, BA 27/4/2008 17:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
linney
 

Deliciosamente belo!
Beijos,Cíntia!

linney · Canoas, RS 27/4/2008 18:43
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Regina Luna
 

Lindo, Cinthia.
Beijo.

Regina Luna · Fortaleza, CE 27/4/2008 18:44
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
brigitte
 

Cíntia, a despedidas são sofrimento para a alma.Melhor seria nunca vivermos esse momento!
Extasiante, querida!
Até mais!

brigitte · Goiânia, GO 27/4/2008 19:00
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Patipetista
 

Que as sereias te inspirem sempre, para que possamos usufruir destas inspirações deliciosas...

Beijos muitos Cíntia !

Patipetista · Taboão da Serra, SP 27/4/2008 21:05
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
BETHA
 

Cíntia,
que bela viagem faço pelos teus versos, sempre tão fortes e suaves, como o mar!
bjs.

BETHA · Carnaíba, PE 27/4/2008 21:43
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
carlos magno
 

Olá amiga Cíntia,

Quanta beleza existe netes teus versos que a todos nós encantam como estes por exemplo:
Descortinadas manhãs, estrela salina
Conchinhas meninas, púrpuras pequeninas
Algas, daninhas na escuridão

Meus sinceros aplausos e beijos.
Carlos Magno.

carlos magno · Rio de Janeiro, RJ 27/4/2008 23:29
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Juliaura
 

Uma oração de alma lavada que recusa o mesmo, nem perece, ainda que lembre, vagamente, o vaivém marolado dos lambusos arreliados na areia, às costas escalavradas das praias já sãs.
Caracoles!

Juliaura · Porto Alegre, RS 27/4/2008 23:31
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
raphaelreys
 

O mar tem tudo, principalmente mistérios e conchinhas que nos trazem de volta a infância. O mar é um grande útero com suas "vagas irónicas e estridentes". Nesse finalzinho dei uma plagiada no mestre maior Castro Alves. E estamos em pleno mar de Cíntia, doudo no espaço...Brinca ao luar, douradas borboletas...

raphaelreys · Montes Claros, MG 28/4/2008 05:19
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
W@nder
 

Intenso... como tudo que vem de você.
Beijos.

W@nder · Rio de Janeiro, RJ 28/4/2008 13:56
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lioviola
 

MARAVILHA,COMO SEMPRE ENCANTADOR.
EMOCIONA-ME AO LER-TE.

GRANDE BEIJO FRATERNO.

Lioviola · Carnaíba, PE 29/4/2008 07:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Alice Poltronieri
 

Oi Cintia querida,
Que lindo...Que triste!
Maravilhoso poema. Palavras nobres e bem encaixadas.
Traz a sensação de uma consciência cómica.
Beijos e votos claro.

Alice Poltronieri · Porto Velho, RO 29/4/2008 11:48
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
W@nder
 

Votadíssimo.
bjs.

W@nder · Rio de Janeiro, RJ 29/4/2008 13:03
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
clara arruda
 

Voltando minha querida Cintia.Seus textos,todos de qualidade e poesia.Fico grata por poder estar aqui deixando meu pequeno agradecimento.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 29/4/2008 14:16
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
marilia carboni
 

Minha bonequita linda !!! Vim votar e deixar uma beijoquita !!!!

marilia carboni · Londrina, PR 29/4/2008 14:33
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Tita Coelho
 

A força da tua poesia não tem comparação,
toca fundo n´alma...
Os versos são delicados e leves...
Meus parabéns
beijos

Tita Coelho · Porto Alegre, RS 29/4/2008 15:51
sua opinião: subir
Homenino Poeta
 

onhecendo seus textos e votando nessa bela poesia

Homenino Poeta · Porto Alegre, RS 29/4/2008 16:01
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Ailuj
 

As despedidas sáo tristes,as servem de belas inspirações,né?
Um beijjo e votando

Ailuj · Niterói, RJ 29/4/2008 16:07
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
ana wagner
 

Ötimo texto Cintia! Votadíssimo!
Beijo.

ana wagner · Porto Alegre, RS 29/4/2008 19:54
sua opinião: subir
zilka jacques
 

Ah! Esse MAR interior...Parabéns Cintia. Votado.Beijo

zilka jacques · Porto Alegre, RS 29/4/2008 19:59
sua opinião: subir
André Teixeira
 

Cintia Thome!!!

Apoteose pura!!!

A poesia escorre morro abaixo,
palavra purapoteótica estalando nas fibras do Ser
líquida Luz,
marés de sempre incensando
o Espaço de dentro,
Sonho sonhando-Se
por fora.

Dentes de ouro
delicadamente rasgando
a carne da prata dos nossos olhos,
lastro lanho ardencias de depois
no eco da Luz que chove agora,
por baixo
tua voz invisível acende essa vela
ou aquele Sol,
sempre a se despedir daquela Lua,
daquela
Alma.

Era uma vez um porto sem ancoradouros...


========

menina Cintia,

GRANDE abraço!!!

André Teixeira · Aracaju, SE 29/4/2008 20:26
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
victorvapf
 

Bela poesia, como sempre voce sabe fazer, beijos

victorvapf · Belo Horizonte, MG 29/4/2008 21:24
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Andre Pessego
 

Sabe que estou assim - precisando de ler e reler.
estou baixando pra reler.
um abraço
andre.

Andre Pessego · São Paulo, SP 29/4/2008 22:11
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Nydia Bonetti
 

Pérolas, amigos na concha do coração...
Lindíssimo, Cintia.
bj.

Nydia Bonetti · Piracaia, SP 29/4/2008 22:29
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cherry Blossom
 

Menina. Que intensidade... Após a leitura de cada verso parei e refleti, foi como mergulhar num mar de sensações e memórias. Também tenho um relacionamento quase mágico com o mar.
Como tenho tentado cortar meus excessos numa tentativa de ser mínima. A cada observação sua enxerguei um pequeno poema.
______Anzol de pão_____
______Bosques líquidos____
______Colar de lágrima_____
______Marés tantas______
______Princípio e fim _____

Lindíssimo Cintia
Não tenho muito que falar mais não, basta ler e se encantar...
Beijos

(tenho me encantado contigo)

Cherry Blossom · Dracena, SP 30/4/2008 00:48
sua opinião: subir
Regina Lyra
 

Parabens Cintia,
Pema belo e de fôlego.
Beijos e votos,
Regina

Regina Lyra · João Pessoa, PB 30/4/2008 00:49
sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Cíntia, impossível não poder se sensibilizar com as coisas linda que você escreve. Beijos

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 30/4/2008 03:11
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Letícia L. Möller
 

Lindo, Cintia! Parabéns por mais esta poesia sublime.
Meus beijos,

Letícia L. Möller · Porto Alegre, RS 30/4/2008 07:35
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Regina - poesia em volta
 

Nossa! que mais posso dizer? belo é pouco, overdose de versos.

Regina - poesia em volta · Volta Redonda, RJ 30/4/2008 07:53
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Roberto Girard
 

Votos com louvor.
Abs
Beto

Roberto Girard · Rio de Janeiro, RJ 30/4/2008 09:51
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Yasmin Backer
 

Cintia,
Profundo e delicado teu poema, tens o poder de penetrar em nossa alma...
Beijos e votos!

Yasmin Backer · Rio de Janeiro, RJ 30/4/2008 10:07
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Patipetista
 

Atrasadinha voltei pra ler novamente, sentir outras emoções e deixar meu voto !

Patipetista · Taboão da Serra, SP 30/4/2008 10:13
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
LAILTON ARAÚJO
 


AMIGA...


"Adeus das Águas" é um dos grandes poemas de "Cíntia Thomé".

No livro "Olhos de Folha Minha", o "Adeus das Águas" pede releitura... Várias vezes. É bonito! Transparente! Puro! Deve ser ingerido como gole de cultura, para matar a sede de quem precisa de informação e humildade. Assim devem ser as águas para o consumo humano. É espiritual! Águas da cultura! Águas da vida! Águas de Iemanjá! Planeta Água.

Eu tenho uma "queda" especial por poemas que falam das águas... As cachoeiras (muitas vezes) viram hidrelétricas... E produzem energia! Talvez sejam a mesmas fontes de energia (ou similares) que movem ou não, moinhos! Da Holanda? Ainda é cedo amor... (Cartola). Sempre disse que você é prima-irmã do “Grande Cartola”. Poeta viva! Viva a poeta Cíntia!

“Adeus das Águas” é mais uma obra prima de quem domina a arte e técnica de escrever.

Parabéns!

Beijão!

Lailton Araújo

LAILTON ARAÚJO · São Paulo, SP 30/4/2008 13:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Branca Pires
 

Oi Cíntia, mais um dos teus belos presentes em versos.
Bela despedida e belo chorar pético...
Despeço-me de ti
Mar que chora
Choramos...

Super beijos

Branca Pires · Aracaju, SE 30/4/2008 13:45
sua opinião: subir
Berioliveira
 

Cíntia,
Que belo poema, mesmo sendo triste despedida, a sensibilidade dos teus versos mostra uma lição em vida e caminhadas... Parabéns, votado abraços

Berioliveira · Vitória da Conquista, BA 30/4/2008 15:55
sua opinião: subir
Fátima Ricci
 

Substancial! Assim é o que vc escreve: parabéns, de novo! :-)

Fátima Ricci · Poços de Caldas, MG 30/4/2008 16:43
sua opinião: subir
Roberta Tum
 

Cintia,

volto a ler um poema seu com alegria no coração.
Este é especialmente lindo.

Um abraço!

Roberta Tum · Palmas, TO 30/4/2008 17:06
sua opinião: subir
Raiblue
 

Cósmico....lírico....definitivo....
Simplesmente belíssimo!
Parabéns,Cíntia,és grande poeta!!

um beijo azul...
Rai...blue

Raiblue · Salvador, BA 30/4/2008 18:40
sua opinião: subir
Raiblue
 

Gostei demais da imagem...perfeita...muito poética!!
bjks

Raiblue · Salvador, BA 30/4/2008 18:41
sua opinião: subir
carlos magno
 

Olha o voto aí amiga.
Beijos.
Carlos Magno.

carlos magno · Rio de Janeiro, RJ 30/4/2008 20:10
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lígia Saavedra
 

Amiga querida, é real a emoção sentida ao ler-te, e ao transportarmos essa emoção para o pensamento nos envolvemos com tuas palavras num encantamento lúcido como se suas palavras nos guiassem ao Belo.

Amo suas poesias e também amo vc.

Bjs nortistas

Lígia Saavedra · Ananindeua, PA 30/4/2008 20:29
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Alexandre Spinelli
 

Belo poema...
Muitas imagens...sensível e sensual, como o mar...
Cheio de lembranças, como toda despedida...
Parabéns!

Alexandre Spinelli · Estados Unidos da América, WW 1/5/2008 00:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marco Bastos
 

Boas reflexões, belo poema. Gosto da gravidade que te cerca e te dá poemas de conteúdo.
Antes de ler esse Adeus, reli o Adeus à Sampa - separações difíceis porque não como vivermos sem os arquétipos.
beijo..

Marco Bastos · Salvador, BA 1/5/2008 00:56
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Querida Amiga Lígia.
Você trata dos desejos e inquietações da alma, com uma afinidade de quem a chama de 'você'.
Beijos; meu doce de Buriti.

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 1/5/2008 18:33
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Querida Cíntia Thome, por favor perdoe-me, por um lapso, dirigi-me a você, achando está no perfil da também qurida amiga, Lígia
Saavedra. (Desculpe, pelo doce de Buriti)
Beijos

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 1/5/2008 18:43
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Harley Farias Dolzane
 

é um prazer ler-te...
carpe diem!

Harley Farias Dolzane · Belém, PA 1/5/2008 19:37
sua opinião: subir
eric renan ramalho
 

um outro dia escri um texto no qual falava que o sentimento é liquido. Bem .é isso, por mais que tentantos apanhá-lo em nossas mão ele nos escapa entre os dedos, se nos escapa causa angustia. as vezes afogamentos, na mesma imensidão por onde antes navegavamos serenos. Enfim , seria o sentimento sinônimo de conflito ? não sei. penso apenas que ele ganha sentidos diferentes quando aquele nosso afeto não está por perto. quando não podemos abraçá-lo e mesmo beijá-lo e amá-lo. a vida então nos apresenta tão aspera e de significações aversas às de antes , quando aqui ele estava. somos então impelidos a questionamentos. uns dirão que valeu a pena, outros que foi um engano.não obstante, são só angulos ditintos de um mesmo objeto.

ps: desculpe se me perdi em devaneios e conjecturas sobre a natureza dos sentimentos. penso apenas com uma alma de aprendiz a filosofo, que os afetos são sintomas do noso estado de alma.
de qualquer forma este éum belo texto. bjo

eric renan ramalho · Belo Horizonte, MG 2/5/2008 10:33
sua opinião: subir
eric renan ramalho
 

desculpe pelo erros de português. tentei corrigí-los mas alguns sempre passam despercebidos. bjo

eric renan ramalho · Belo Horizonte, MG 2/5/2008 10:36
sua opinião: subir
Renato Torres
 

cíntia,

adeuses e encontros são sempre líquidos, não? é a impressão que tenho, e que tudo o que aproxima é água - contudo, ao afastarmo-nos do que nos é caro, tentamos reter, num afago, o que nos afoga.

beijos,

r

Renato Torres · Belém, PA 3/5/2008 10:37
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Edson Marques
 

Cíntia,

Após te ler, sinto-me inundado de poesia!

Abraços, flores, estrelas..

Edson Marques · Guarujá, SP 3/5/2008 11:36
sua opinião: subir
Denis Sen@
 

Muito bom!!!


http://www.denissena.com

Denis Sen@ · Salvador, BA 8/5/2008 12:40
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

imagens clique para ampliar

Águas: Eu e o Mar zoom
Águas: Eu e o Mar
Livro de Cíntia Thomé na www.livrariasaraiva.com.br zoom
Livro de Cíntia Thomé na www.livrariasaraiva.com.br
baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados