(AMOR) NA POLPA DOS SENTIDOS...

Flickr
1
Gustavo Adonias · Salvador, BA
5/1/2009 · 177 · 41
 


Na pele do quarto crescente
Sinto falta do teu calor
Sigo à míngua, sou retirante
Nas mil léguas tiranas da madrugada
Procuro teu oásis
Simples senda, pequena tenda
Tesouro do nosso amor beduíno
Que na falta de água
Sorve e dissolve-se
No suor e no sereno
Amor jovial, mas amadurecido
Se criou na polpa dos sentidos
Pelas dunas do caminho
Fez morada em uma praia
Num farol à beira do precipício
No atalho impreciso
Entre o ocaso e o renascer da alvorada
Sinuosa estrada
Picada de espinho
Lança afiada e certeira
Atravessando o coração
Fazendo-nos cair na areia
Saciados pela visão das constelações
Na louca mandala universal...

(Gustavo Adonias)

compartilhe



informações

Autoria
Gustavo Adonias
Ficha técnica
Poesia: "(Amor) Na Polpa dos Sentidos..."
Downloads
283 downloads

comentários feed

+ comentar
Saramar
 

A incoerente ânsia de buscar faróis em quase-precipícios, contradições do amor que você derrama nestes versos, ainda que felizes.

Gostei muito, como sempre!

beijos, feliz ano novo.

Saramar · Goiânia, GO 3/1/2009 03:20
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Saramar

Que bom poder contar com a sua presença, mais uma vez. Obrigado. O amor, como todas as manifestações das emoções humanas, traz em si tanto das incoerências e contradições da alma humana, sempre se equilibrando em precipícios...

Bjs e um Feliz 2009...

Gustavo Adonias · Salvador, BA 3/1/2009 07:42
sua opinião: subir
azuirfilho
 

Gustavo Adonias · Salvador (BA)

(AMOR) NA POLPA DOS SENTIDOS...

Muito bonito Amigo Poeta, tem uma carga de tristeza, lembra a vida dura da nossa gente nas secas e estiagem do nordeste.
Ficou belo e Heróico, lembra Euclides da Cunha dizendo que o Nordestino é um forte ao que a gente adiciona que é também cheio de amor.
Maior orgulho da nossa gente e de voce.
Náo só pela capacidade de criar uma bel poesia mas, principalmente por ser amigo e ter elevados valores morais e de profundo amor por nossa terra e nossa gente.
Suas poesias ensinam e somam.
Parabéns.
Abracáo Amigo.
feliz 2009

azuirfilho · Campinas, SP 3/1/2009 09:21
sua opinião: subir
Ivan Cezar
 

Rico em metáforas
Divaga em ambientes
incomuns
Belo !

Ivan Cezar · São Sepé, RS 3/1/2009 09:58
sua opinião: subir
Aube
 

Picada de espinho

Muito bom, adorei! E lá vamos nós seguindo na vida em busca do amor que atravesse nosso peito afiado e certeiramente...
Beijos,
Aube.

Aube · Salvador, BA 3/1/2009 10:05
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Gustavo

triste poema.
E a gente se pergunta, o que é o amor?
Uma rosa e um espinho?
Gustavo... até a próxima ...
estou viajando, férias!!!
bjs
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 3/1/2009 10:38
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Azuir, caro amigo

Obrigado pela sua presença também ! Que bom que tenha gostado do poema. A força de nós, seres humanos, vem justamente do Amor e dos nossos Sonhos...

Grande abraço

Gustavo Adonias · Salvador, BA 3/1/2009 11:42
sua opinião: subir
graça grauna
 

...o amor e suas contradições, por isso mesmo é belo, é poético se derramando assim pelas tiranas madrugadas. Lindo...lindo....parabens, Adonias. bjos, Grauninha

graça grauna · Recife, PE 3/1/2009 12:49
sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Impossível não perceber influências, como Vital Farias com suas "léguas tiranas" ou os medievais cordelistas e repentistas. O amor, maior e mais explorado tema dos poetas, continua inspirando criações soberbas.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 3/1/2009 13:00
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

um trabalho muito bem feito, parabéns.votado.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 3/1/2009 14:18
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

depois eu volto.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 3/1/2009 14:18
sua opinião: subir
José Carlos Brandão
 

O amor é mesmo cheio de contradições, de incoerências.
Sob a delicadeza do quarto-crescente, que nos envolve, sentimos falta do amor. Esse amor sempre à beira do precipício...
Abraços.

José Carlos Brandão · Bauru, SP 3/1/2009 17:58
sua opinião: subir
JACINTA MORAIS
 

GUSTAVO,
"O amor jovial,mas amadurecido
Se criou na polpa dos sentidos..."
Inquieto palpitar,do isensato coração!
Os sentimentos seguem entre acenos,
Cálices de lágrimas,no reverso e verso
Dos poetas apaixonados...
LINDO!!!
Abraços,
2009 de mtas construções!

JACINTA MORAIS · Cascavel, PR 3/1/2009 18:27
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Gustavo, nos seus versos, a beleza do amor, suas contradições. Amor que nos dá forças para viver e sonhar.
Feliz 2009, com muito amor e poesia!

Sônia Brandão · Bauru, SP 3/1/2009 20:40
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

amor, sangue e areia !
Bom !
abs

joe_brazuca · São Paulo, SP 3/1/2009 21:24
sua opinião: subir
Claudia Almeida
 

Oi Gustavo,

Que bonito ,tenho um poema que falo em beduíno, parace que gostamos do tema,parabéns.bjs

Claudia

Claudia Almeida · Niterói, RJ 3/1/2009 22:11
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Ivan

Obrigado pela sua presença também ! Que bom que tenha gostado.

Abraços e um Feliz 2009...

Gustavo Adonias · Salvador, BA 3/1/2009 22:45
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

A sequidão do deserto é sempre lamentável...
Abraços e 2009 longe do deserto.

Juscelino Mendes · Campinas, SP 3/1/2009 23:30
sua opinião: subir
rosa melo
 

rosa melo · Pio IX, PI 4/1/2009 00:43
sua opinião: subir
Almirante Águia
 


O quarto crescente em que se divaga na madrugada aguça os sentidos e fica bem maior com o amor em retirancia.

Almirante Águia · Itaberaba, BA 4/1/2009 01:07
sua opinião: subir
Vinícius Motta
 

Adorei o titulo do seu poema.

Sobre o poema em si, é de uma riqueza no trato do amor como circunstância de abundâncias e ausências. Que nos fazem percorrer milhas ou milímetros com o mesmo impeto.
Como sempre digo, o amor é inesgotável. Quanto mais falado e sentido, mais palavras e emoções surgem sobre ele.

Parabéns. Que seu retorno seja guiado pela inspiração do ano passado.

Abraço.

Vinícius Motta · Rio de Janeiro, RJ 4/1/2009 13:32
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Aube

Obrigado também pela sua presença ! Que bom que tenha gostado. O que todos nós queremos é ser atingidos pela flecha do amor...

Bjs

Gustavo Adonias · Salvador, BA 4/1/2009 13:46
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

joe_brazuca · São Paulo, SP 4/1/2009 16:55
sua opinião: subir
Ivan Cezar
 

De passagem, Gustavo !
Votando e incentivando-o a continuar sempre com belos trabalhos. Avante amigo !

Ivan Cezar · São Sepé, RS 4/1/2009 18:39
sua opinião: subir
Raiblue
 

Gusta, querido,cheguei!!!

E que bom encontrar um poema tão lindo como este!!
O amor sempre na corda bamba... se equilibrando diante do precipício... oásis e deserto,oceano e suas profundezas... louca mandala universal nos fazendo girar sem parar em torno desse sol
que nos queima,mas não dói....

Parabéns,meu lindo!!!
Sempre especial seu poema...uma viagem!
Votado e adorado!

beijinhos blue_constelares..
Blue

Raiblue · Salvador, BA 4/1/2009 19:55
sua opinião: subir
graça grauna
 

bjos e votos

graça grauna · Recife, PE 4/1/2009 20:13
sua opinião: subir
ayruman
 

Chegando devagarzinho e retomando a dinâmica do Over.
Magn´fico Poema. Dilacerante como faca de dois gumes...
Grandes realizações em dois mi-inove!!!
jbconrado.

ayruman · Cuiabá, MT 4/1/2009 22:28
sua opinião: subir
Marco Bastos
 

no dia que entrei em órbita.

pelas estradas da vida
ia eu de barro.
- no ar duas canções
que a tocar se tocam...

tu és bela e sensual
no banco do meu carro
- vem a outra pela antena
e quase se entrechocam.

toco em ti que canta
por conta
da canção que toca.

piso mais fundo
sem saber o que faço.
se te agarro
ou acendo o meu cigarro
se vôo, desligo o rádio
- ou se te amasso.

a estrada é sinuosa
como são os corpos
e sabem as mãos
que já não sabem nada

pelas estradas da vida
sossegado
no meu carro eu ia
- talvez pela poesia
que andava passo a passo...

foste tu que me alçaste o vôo?
- ou foi esse carro louco
que me levou pro espaço?...

Marco Bastos

Passei aqui. Deixei o voto.
abrçs.
Marco.

Marco Bastos · Salvador, BA 4/1/2009 23:56
sua opinião: subir
Dorita
 

Nossa amigos poeta, adorei começar o ano lendo teu poema.
Triste, mas ao mesmo tempo lindo como somente o amor pode ser.
Beijokas e tenha um 2009 inspirador para presentear-nos com seus poemas.

Dorita · São Paulo, SP 5/1/2009 01:51
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Sônia Brandão · Bauru, SP 5/1/2009 02:02
sua opinião: subir
Vinícius Motta
 

Trago agora os meus votos...
Abraço Gustavo.

Vinícius Motta · Rio de Janeiro, RJ 5/1/2009 12:48
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Doroni

Obrigado pela sua presença também ! O amor é pétala e espinho...

Bjs, boa viagem e um Feliz 2009...

Gustavo Adonias · Salvador, BA 5/1/2009 14:20
sua opinião: subir
Carlos Mota
 

que amor em camarada!
abraço,

Carlos Mota · Goiânia, GO 5/1/2009 17:21
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Graúna

Obrigado também por ter vindo ! Que bom que tenha gostado. O que faz o amor justamente belo são suas contradições...

Bjs e um Feliz 2009...

Gustavo Adonias · Salvador, BA 6/1/2009 14:17
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Marcos

Obrigado pela sua presença também ! Que bom que tenha gostado. Sempre recebemos influências em arte, pois que quase tudo já foi cantado. E em matéria de amor, então... Mas sempre há o que cantar ainda, o coração sempre dá um jeito de (en)cantar...

Abraços e um Feliz 2009...

Gustavo Adonias · Salvador, BA 7/1/2009 12:55
sua opinião: subir
Carlos Mota
 

Carlos Mota · Goiânia, GO 7/1/2009 13:26
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Bebericando...

Juscelino Mendes · Campinas, SP 7/1/2009 19:56
sua opinião: subir
JACINTA MORAIS
 

ABRAÇOS
E VOTOS!

JACINTA MORAIS · Cascavel, PR 8/1/2009 00:47
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Marques

Obrigado pela sua presença também ! Que bom que tenha gostado.

Abraços e Feliz 2009...

Gustavo Adonias · Salvador, BA 8/1/2009 16:37
sua opinião: subir
Vanessa Anacleto
 

Gustavo , tava sentindo falta dos teus textos. Tõ tentando voltar a ler e publicar no overmundo. Abraço.

Vanessa Anacleto · Rio de Janeiro, RJ 10/1/2009 21:48
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

"Sinuosa estrada
Picada de espinho
Lança afiada e certeira
Atravessando o coração"

beleza gustavo.
abraços

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 12/1/2009 15:30
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados