Apocalipse 1

Bolandrotor
1
Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ
28/11/2007 · 114 · 7
 

Mundo

Antes morada
de todos os deuses
(hoje desmascarados)
e de todos os monstros sagrados
(embora pré-mortos)
iludidos em suas
invencibilidades aparentes
de antemão derrotadas
desde jurássicas eras

Mundo

(Embora também quase morto)
ainda infenso
a pensamentos
de indefeso
e pobre ser
de cultivadas
quiçá bem estudadas
dúvidas

Do universo de sujidades
incessantemente recicladas
onde vivo
sufocado pelo bafo de seu bagaço,
de pobre e quase derradeiro
planeta-sem-água
declaro ser a tua bagunça
insofismável
coisa instrínseca à natureza humana
irrevogável surda muda que é
a nos deixar falando para as paredes

Mundo

Prestes a ser o quase nada
passível que está
de ter a correr em si,
nas suas hoje já tão tristes
e atravancadas veias
todos os males e peias
das duras surras
do tal colapso final
do apocalipse

Mundo elíptico
previsível e recorrente
renitente
imundas priscas eras
a lhe pesar nas costas burras
a curtir, sem perdão algum a vista,
o auto flagelo
de pretender-se,
a despeito de qualquer
prognóstico conhecido de Deus,
O centro do universo

Reconheça-se
mundo morto
pasto prestes a ser seco
poço sem fundo

E chore o choro tardio
perpétuo
e sem vela
como escorregadio
chorume de lixo
que corre por um esgoto
ao céu aberto qualquer
rumo à vala negra
do buraco negro
do oco do mais silencioso
vazio

Nada inquestionável
como uma tabuleta de papelão
onde alguém (o último a cair)
escreverá:
‘Fim’

Spírito Santo
Novembro 2007

compartilhe



informações

Downloads
241 downloads

comentários feed

+ comentar
Saramar
 

"Antes morada
de todos os deuses
.........................
mundo morto
pasto prestes a ser seco".

Creio que esta derrocada que você descreve, nestes versos desencantados, é o que o homem chama de evolução.
Evolução para o fim, para nada.

Gostei demais.

beijos

Saramar · Goiânia, GO 25/11/2007 23:26
sua opinião: subir
Benny Franklin
 

Reconheça-se
mundo morto
pasto prestes a ser seco
poço sem fundo


Reconheça-se poeta beat, Spirito!
Excelente.

Abçs.

Benny Franklin · Belém, PA 26/11/2007 02:19
sua opinião: subir
Spírito Santo
 

Benny,

Mesmo modestamente, me reconheço sim. A galera beat é a referência artística básica da minha geração (não só na literatura, diga-se, de passagem). Só não tinha me dado conta disto ainda porque, honrando o estilo, sou avesso a avesso à 'escolas'.
Valeu!

Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ 26/11/2007 06:37
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Saramar
 

Olha, vou lhe dizer duas coisas mas, antes lembre-se que sou aprendiz e perdoe tanta ignorância e teimosia.

Eu não sei o que é beat. Mas se for algo em que se insere o que você e Benny dizem nos poemas, já me tornei admiradora.

Outra coisa: eu sei que não posso dizer que o poema é lindo, mas eu digo assim mesmo, é triste, é lindo, é perfeito.

beijos

Saramar · Goiânia, GO 27/11/2007 21:45
sua opinião: subir
Branca Pires
 

Olá, prezer!
Concordo com a Sramar: "é triste, é lindo, é perfeito"!

Reconheça-se
mundo morto
pasto prestes a ser seco
poço sem fundo

Pois é, quase a nossa realidade. Um "Apocalipse" que pode se tornar real.
Grande abraço

Branca Pires · Aracaju, SE 28/11/2007 00:16
sua opinião: subir
Spírito Santo
 

Saramar,

É fácil: Existiu uma galera de poetas e artistas muito rebeldes e criativos na década de 60 (entre os mais famosos, Jaqcues Kerouac e o Alain Ginsberg) que foram apelidados de Beatnik (beat de 'batida', com o sentido de 'tipo de ritmo' musical) e 'nik', como alusão a 'Sputnik', com o sentido de 'moderno'.
Esta galera inconformista (como todo artista deveria ser), criou as bases da poesia moderna, tal qual a conhecemos hoje. Na verdade, de toda a cultura pop moderna.

Li mais sobre o assunto ontem mesmo, na Wikipédia e outros sites, pra saber, direitinho, do que o Benny estava me chamando.

Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ 28/11/2007 06:42
sua opinião: subir
Mansur
 

O mundo
Ah, o mundo
De nada vale
Nunca valeu
Vejo o eterno tatuado em sua poesia aparentemente triste e cheia de luz.
Pena Beat a quem de direito, amém Spirito Santo.

Mansur · Rio de Janeiro, RJ 28/11/2007 13:43
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 150 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados