ARCO DE PUA!

 Galeria de primolord
1
Benny Franklin · Belém, PA
23/2/2008 · 184 · 17
 

Fotografia: Primolord/Flickr/Creative Commons

(Face nossa em cada ausência ressequida...)

Haste de ipê!
- sou o torniquete que deforma o medo.
Supérflua miragem de mim mesmo a planar
num tempo disposto em lasso-pêndulo...
O ir-vir da saliva em movimento,
que encabula a língua e regenera
a face-fala do mormaço
- a respirar-me.
..................

Homens idos.
Fulcros do antemanhã vencido,
Despressurizai-vos do bolor da partida.
O penúltimo cheiro que vos atormenta em cópula,
requer a vulva-eternidade da mana-pérola...
E não é verdade
(o fêmeo fecho éclair da aurora
manipula o aroma do silêncio e depois crucifica-se em galho...),

que o ente-soluço da palavra quebranta,
ou esmorece o fogo do ás-prazer...
Ai... Confesso-vos que apenas a verdade é completa,
quando a libido do olhar termina arqueada
feito trago em confinamento copulado.

- Tal a passagem e lamento da borda escamada.
- Tal o excremento do homem-pássaro que decodifica a lápide,
o sol-poema com ânsia de desvirginar a roseira em broto,
corteja-me, me engaja!
..................

A acriançada parábola do espinho martiriza-me.
oh! Espírito folgazão,
aqui jaza o meu corpo diluído: corte raso e súplica talhante...
Arco de pua que fere e amola.
Ai... Por que “ter fé” e por que “duvidar”
que existe um “louco-vazio”
a (nos) confundir... Por quê?

- Longe é um Deus que não existe.
Epicentro da tempestade - é!...
Criatura nascida do nada - é!...
- Lobo mofomanufaturado que pende, goza e poeta,
mas que em seguida me enjoa.

Benny Franklin

compartilhe



informações

Autoria
Benny Franklin
Downloads
335 downloads

comentários feed

+ comentar
Regina Lyra
 

Benny,
Muito bom!
Aplausos!!!
Grande abraço,
Regina

Regina Lyra · João Pessoa, PB 21/2/2008 00:24
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

A acriançada parábola do espinho martiriza-me.
oh! Espírito folgazão,
aqui jaza o meu corpo diluído: corte raso e súplica talhante...
Arco de pua que fere e amola.
Ai... Por que “ter fé” e por que “duvidar”
que existe um “louco-vazio”
a (nos) confundir... Por quê?



Ah! Deus!

OSHF

Cintia Thome · São Paulo, SP 21/2/2008 12:01
sua opinião: subir
raphaelreys
 

Diz-me com o que sonhas e eu te direi onde vai a sua imaginasãop. Beleza de texto meu caro Benny. Esse fêmeo fecho éclair da aurora que fecha a virgindade da roseira em broto. Parabéns.

raphaelreys · Montes Claros, MG 22/2/2008 10:53
sua opinião: subir
j.alves
 

Grande Benny. abraço

j.alves · São Paulo, SP 22/2/2008 18:45
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Nossa! Cada vez mais assusto-me!
Leio, depois volto e tenho multiplas direções.
Você é Beat mesmo!
bjuFlor (de maracujá) Lembra?

Cintia Thome · São Paulo, SP 22/2/2008 19:48
sua opinião: subir
Sinvaline
 

Belo texto! Deixo meu voto e volto para reler depois sem pressa.
bjs
sinvaline

Sinvaline · Uruaçu, GO 23/2/2008 20:11
sua opinião: subir
Lili_Beth*
 

Querido Benny:

Gosto de chegar
e ver-te sublime
em teu compromisso
com a arte crua e nua,
mas tua... Só tua!

Beijos_Meus*
*

Lili_Beth* · Rio de Janeiro, RJ 24/2/2008 01:58
sua opinião: subir
Sérgio Franck
 

Magico!

abço.

Sérgio Franck · Belo Horizonte, MG 24/2/2008 10:07
sua opinião: subir
Adroaldo Bauer
 

Eu te percebo poeta, enfarado e acerbo
de uma vida em que dela perdeu o medo
enojado das coisas pequenas, desarmado
das loucuras plenas. Acabas de conferir,
quem sabe um martírio, sem um delírio ou
chance alguma ao porvir. Por que é assim
se ainda podia de outra maneira o devir?

Eu te percebo, no entanto, e mais poeta.

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 24/2/2008 12:20
sua opinião: subir
Pepê Mattos
 

Amuado das coisas vãs que dão vergonha a uma samaúma sobressaindo-se por entre as árvores médias dum arquipélago eqüidistante na paisagem, meu olhar prostra-se enfeitiçado ante tua poesia que ignora o caminho letárgico das sensaborices malsãs... Há algo de subliminar em que tua caligrafia ainda não tenha deconjuntado para depois e eternamente re-montar?... Acaso algo passou incólume depois que tua verve desandou os mundos deste Overmundo?... Beat-poeta dos tempos esses de bytes e bits, que continue a nos brindar agora e sempre com tua canção que anuncia os primeiros anos do III Milênio... Abraços e elogios sinceros...

Pepê Mattos · Macapá, AP 24/2/2008 23:10
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Benny!
Meu poeta maravilhoso, e talento não é para qualquer um! Te tenho inveja.
Abraços

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 29/2/2008 00:53
sua opinião: subir
Frazao my brother
 

...o sol-poema com ânsia de desvirginar a roseira em broto...
...e o espinho, soberbo guardião da rosa, hiroshima no galho ante a cópula explosiva do Sol.
Mais um Belo Poema, Benny.

Frazao my brother · Anastácio, MS 29/2/2008 22:26
sua opinião: subir
soninha porto
 

cara que lindo poema! estes versos disseram tudo!
Haste de ipê!
- sou o torniquete que deforma o medo.
Supérflua miragem de mim mesmo a planar
num tempo disposto em lasso-pêndulo...
O ir-vir da saliva em movimento,
que encabula a língua e regenera
a face-fala do mormaço
- a respirar-me.



parabéns,
demais!
Convido você a participar do evento no Pará.poebeijos.
http://www.overmundo.com.br/agenda/sarau-da-poemas-a-flor-da-pele-em-belem

soninha porto · Porto Alegre, RS 1/3/2008 11:49
sua opinião: subir
Dora Dimolitsas
 

Obrigado benny por sua visita
sua obra é profundamente bela
parabéns abraços Dora

Dora Dimolitsas · São Paulo, SP 11/3/2008 13:10
sua opinião: subir
marilia carboni
 

Muitos poemas teus que eu não havia lido ainda...estou encontrando p aqui...!!!!
No teu dia de aniversáio...sou eu que estou ganhando presentes...obrigado !!!!! Parabéns...mil beijos !!!!

marilia carboni · Londrina, PR 14/3/2008 12:40
sua opinião: subir
marilia carboni
 

Muitos poemas teus que eu não havia lido ainda...estou encontrando p aqui...!!!!
No teu dia de aniversário...sou eu que estou ganhando presentes...obrigado !!!!! Parabéns...mil beijos !!!!

marilia carboni · Londrina, PR 14/3/2008 12:41
sua opinião: subir
Circus do Suannes
 

Caramba!

Circus do Suannes · São Paulo, SP 22/3/2009 22:43
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 31 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados