As correntezas de seu corpo

1
Jéfte Sinistro · Cabo de Santo Agostinho, PE
20/4/2009 · 115 · 26
 

Encontram-se rio e mar
nas correntezas de seu corpo.

Seus olhos, translúcidas águas
que resguardam os tesouros
de su'alma sutilmente doce,
inundam meus sonhos
que bordam instantes inebriantes
sob seu acolchoado de seda azul.

Perco-me pelos labirintos
dos horizontes nascentes
de sua pele aveludada
que seduz e dá asas
aos desejos que, sob o azul do céu,
dançam frevo em minh'alma.

Seus lábios, delicados e atraentes,
são brasas vivas do prazer ardente
que consome o fôlego
das minhas idéias inquietas
a buscar as frestas dos suspiros
que desabrocham em seu charme.

Seus versos, água salgada
que escorre pelo corpo,
são mares de ondas bravias,
o beijo frio da brisa
e o silêncio pacífico
das aconchegantes calmarias.

E todos os seus encantos,
que desembocam em meu pensar,
despertam o perfume da certeza
de que no corpo de sua correnteza
encontram-se rio e mar.


(Jéfte Sinistro)

Sobre a obra

"Encontram-se rio e mar
nas correntezas de seu corpo."

Um presente embrulhado com um laço de fita AZUL.

compartilhe



informações

Downloads
306 downloads

comentários feed

+ comentar
Raiblue
 

Ei, Jéfff!!!!

Que coisa mais linda!!!
Menino,vc conseguiu uma precisosidade: iniciar e fechar o poema com os mesmos versos,apenas com uma inversão maravilhosa!!!!!
Aplausos procê!!!!Magnífico!!!!

Todo o poema é fluido..pura correnteza de emoções que beiram
as almas que se encontram no invisível...onde tudo é possível!
Absolutamente tudo!!

"...aos desejos que, sob o azul do céu,
dançam frevo em minh'alma."


Que imagem linda vc construiu ...desejo colorido com todas as cores
desse frevo que só pernambuco tem e que ainda verei de pertinho!

"Seus versos, água salgada
que escorre pelo corpo,
são mares de ondas bravias,
o beijo frio da brisa
e o silêncio pacífico
das aconchegantes calmarias."

O que dizer dessa cena?...de arrepiar e transcender...

E quando tudo isso desemboca no pensar... não há como não naufragar e se entregar às ondas naturais desse mar(a - mar...)

Com certeza quem ganhou esse presentinho (presentaço!!) não vai dormir hoje...hehe...o laço de fita azulzinho ficou perfeito!rs

Parabéns, meu lindo, pelo poema incrivelmente belo!!!
mil besitos blue_encantados...
Blue

Raiblue · Salvador, BA 17/4/2009 21:05
sua opinião: subir
Raiblue
 

....quis dizer:.. 'preciosidade'...rs
....relendo....e adorando!!!!

bjkitas azuis
Blue

Raiblue · Salvador, BA 17/4/2009 23:03
sua opinião: subir
Jéfte Sinistro
 

Agradeço suas tão doces palavras, Blue! Muito obrigado - mesmo - pelo carinho! E, embora estes versos nunca sejam capazes de descrever a beleza (não só a física, mas a beleza em seu sentido mais amplo e subjetivo - a beleza da alma -, que é o realmente importante e encantador) da musa em questão, oferto-os com carinho nesse humilde embrulho com um laço de fita azul.

Jéfte Sinistro · Cabo de Santo Agostinho, PE 18/4/2009 13:12
sua opinião: subir
menina_flor
 

Olá Jéfte,
Nada mais belo que o encontro do rio com o mar. Do encontro de suas águas. Quando se tornam um só. O rio é manso suave; o mar bravio, corajoso! Um completa o outro. É como o encontro entre um homem e uma mulher. É o amor fluindo e explodindo.
Lindo poema!
Volto certamente!
Parabéns!
Beijos
Patty

menina_flor · Rio de Janeiro, RJ 18/4/2009 22:58
sua opinião: subir
danlima
 

jéfte,
gostei do seu poema... poema líquido, aquático, marinho, com cheiro e gosto de mar, sabores de mar, de amor, cheiros salgados, algas, seu poema é uma ode ao mar e ao amor, e ao corpo e alma da amada... muito bem construído, belas metáforas. Meus parabéns, poeta!

danlima · Brasília, DF 18/4/2009 23:32
sua opinião: subir
poesiabrindada
 

é doce morrer no mar, assim é...Lindas imagens e lindo sentimento, jéfte!! Parabéns! Bjs.

poesiabrindada · Rio de Janeiro, RJ 19/4/2009 01:53
sua opinião: subir
graça grauna
 

um belo poema, meu amigo. Bjos.

graça grauna · Recife, PE 19/4/2009 09:18
sua opinião: subir
menina_flor
 

Olá Jéfte,
Retorno e voto com imenso prazer!
Sucesso!
Beijos
Patty

menina_flor · Rio de Janeiro, RJ 19/4/2009 21:07
sua opinião: subir
Pessoa de Melo
 

Parabéns como sempre!
Impressiona a sua percepção dos detalhes.

Pessoa de Melo · Olinda, PE 19/4/2009 22:09
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

E todos os seus encantos,
que desembocam em meu pensar,
despertam o perfume da certeza
de que no corpo de sua correnteza
encontram-se rio e mar.


lindos versos, parabéns.votado.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 20/4/2009 15:16
sua opinião: subir
gamito
 

Ola Amigo

Muito profundo o seu sentir! Gostei demais do termo:

..." o perfume da certeza..."

Voto com prazer

Abs
GaMitto

gamito · Brasília, DF 20/4/2009 15:44
sua opinião: subir
andré diefenbach
 

Votado com a AZUL do grêmio!!!! De uma escutada nesta melodia que está em edição... http://www.overmundo.com.br/banco/mundo-nao-mais-vazio

andré diefenbach · Santa Maria, RS 20/4/2009 15:54
sua opinião: subir
Ivan Cezar
 

Brasas ...
algumas queimam fundo
Outras aquecem
lentamente ...
abraço

Ivan Cezar · São Sepé, RS 20/4/2009 16:47
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Jefte,
maravilha de texto,
Rio e Mar em sintonia percorrendo caminhos do corpo,
e o seu lindo poema transbordando emoção
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 20/4/2009 17:27
sua opinião: subir
Arimatéia Macêdo
 

Jefté,
Cantar o amor não é fácil.
E ritimado ainda por cima.
Meus parabéns.
Um abraço.
Arimatéia.

Arimatéia Macêdo · Gurupi, TO 20/4/2009 19:28
sua opinião: subir
Raiblue
 

Besitos bluemarulhados...hehe
Blue

Raiblue · Salvador, BA 20/4/2009 19:32
sua opinião: subir
Jéfte Sinistro
 

Agradeço o carinho e as palavras de todos! É uma honra contar com seus comentários...

E, Raiblue, presente entregue em suas mãos... rs.

Jéfte Sinistro · Cabo de Santo Agostinho, PE 20/4/2009 19:45
sua opinião: subir
Tatiana Moreira
 

Olá Jéfte,
Lindo o seu poema!
Parabéns!
Dá uma olhada lá no meu Soneto da esperança:
http://www.overmundo.com.br/banco/soneto-da-esperanca
Abs.

Tatiana Moreira · Rio de Janeiro, RJ 20/4/2009 19:57
sua opinião: subir
azuirfilho
 

Jéfte Sinistro · Cabo de Santo Agostinho (PE)
As correntezas de seu corpo

Uma Poesia Bonita e diferente pela beleza e energia do encontro do Rio e o Mar.
Lembra estas coisas bonitas que voce descreveu de forma tão bela, e lembra o nosso Amazonas, encontrando com o Oceano Atlântico.
Nada mais merecedor para caracterizar a força da beleza do femenino da nossa gente e da nossa terra.
Ficou muito bom.
Parabéns,
Abração Amigo

azuirfilho · Campinas, SP 20/4/2009 20:01
sua opinião: subir
Ivette G.M.
 

Uma pessoa enamorada, que vê todas as belezas da mulher amada.
Parabéns. Ivette G M

Ivette G.M. · Cotia, SP 20/4/2009 20:05
sua opinião: subir
alcanu
 

E nada de nadar contra a correnteza...
Um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 20/4/2009 20:14
sua opinião: subir
Jéfte Sinistro
 

Tatiana, Azuir, Ivette e Alcanu: Meus sinceros agradecimentos pela leitura e pelas palavras! Um sincero abraço.

Jéfte Sinistro · Cabo de Santo Agostinho, PE 20/4/2009 20:46
sua opinião: subir
poesiabrindada
 

Parabéns! Bjs.

poesiabrindada · Rio de Janeiro, RJ 21/4/2009 13:32
sua opinião: subir
Dayvson Fabiano
 

Homiiiiiiiiiiiiiii, que poema fantástico. Que beleza! Amei profundidade e meu coração transborda feito o mar. Abreijos!!!

Dayvson Fabiano "Imorrível" · Recife, PE 22/4/2009 17:09
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

... ha frases que me tocaram....
outras que me fugiram.

bjssssssss;)

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 5/6/2009 20:56
sua opinião: subir
Rodolfo Mendonça
 

Me vejo aqui!!!

Rodolfo Mendonça · Areia Branca, SE 13/6/2009 22:38
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 3 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter