CAMELÔ NA AMÉRICA, PÁSSARO E PRIMAVERA...

Fotomontagem: Lailton Araújo
1
LAILTON ARAÚJO · São Paulo, SP
2/4/2008 · 110 · 14
 

Amostra do texto


UMA FLOR SEM PÁSSARO É SOCIALISMO SEM MÚSICA...

( Lailton Araújo )


É manhã e chove! Um vento bem suave anuncia a próxima estação... A primavera chegará? Será o período em que as flores - ainda vermelhas - entrarão em desarmonia com algumas espécies de pássaros? O socialismo acabará?


A nova primavera trará boas recordações de outras épocas. Eram divertidas as discussões políticas, regadas a cerveja, cachaça, whisky e conhaque! Existia uma certa preocupação com os rumos da nação brasileira e o mundo. Universitários, doutores, operários, artistas, sacerdotes, donas de casa e grandes pensadores, participavam dos movimentos políticos de condução e reconstrução nacional. Bebia-se o sonho socialista! O tal socialismo era real ou fruto dos “porres” nas mesas e rodas movidas a álcool? É preciso acordar em plena manhã, abrir olhos e ver que a utopia do passado virou uma tremenda dor de cabeça. O socialismo acabou depois da bebedeira?


Boa parte dos administradores públicos do Brasil (socialistas, capitalistas e sem “istas”) é maquiavélica... Eles varrem os problemas sociais do país para debaixo do tapete. Serão tapetes vermelhos, azuis, verdes ou amarelos? O camelô que vende o “CD pirata” será preso? Os apontadores do “jogo do bicho” serão reprimidos? A meninada que dança o “Funk Carioca” será discriminada? Os morros e vielas do acaso serão aplanados para a construção de novos aeroportos, praças, ruas, avenidas, condomínios de luxo, e novos cartões postais das metrópoles tupiniquins? O socialismo acabou na paisagem capitalista?


Caminhando e cantando (lembrando Vandré) nas ruas da capital paulista no início da semana, vi muitas pessoas defendendo alguns “trocados”... Eram ambulantes! Vendiam CD’s piratas, churrasquinhos de gato, cachorro-quente e outros produtos que não consigo lembrar. Tomei coragem e conversei com um dos ambulantes. Fiquei surpreso! O tal “mascate” é diplomado na vida... “Não se joga sujeira varrida debaixo de tapete” – falou o sujeito! Ouvimos gritos... Ele correu! O “rapa” chegou... Percebi que a “porrada” da “Guarda Metropolitana de São Paulo” machuca a cabeça, o ego e o bolso de qualquer cristão ou ateu!


Algumas pessoas sobem na vida! Quando chegam ao poder - os que não possuem caráter - vendem o corpo, a alma e a dignidade! São bons atores! Para a população desinformada, são os salvadores da pátria. Será que possuem a inteligência, sensibilidade e competência de um estadista? Boas intenções ou tentativas não saciam a fome, não educam, e não devolvem a dignidade perdida de qualquer ser humano. As populações carentes e não carentes necessitam de benefícios sociais associados à criação de postos de trabalho e escolas. A ajuda governamental ou privada (esmola disfarçada) vicia o cidadão! O socialismo acabou ou é uma necessidade política momentânea? O socialismo acabou sem música?


O Brasil nas futuras primaveras espera soluções reais. Seus cidadãos querem salas amplas, tapetes sem sujeiras por cima ou por baixo, sem maquiagem política e sem cara de carpete burguês! O socialismo acabou ou é uma farsa?


PUBLICADO NOS SITES

DIÁRIO DO CARAMUJO
RECANTO DAS LETRAS
JORNAL DE DEBATES
LEIA LIVRO
ESCRITA

compartilhe



informações

Downloads
563 downloads

comentários feed

+ comentar
Marcos Pontes
 

A União Soviética, Cuba, Polônia, Albânia... Todos comprovaram que o socialismo de estado como foi implantado está errado. Mostrou-se anti-natural. É da natureza humana ser competitivo, desejar posses, lutar por elas, aspirar riqueza e lucro. Nos países socialistas, só quem amealhou fortuna foram os donos do poder com seus privilégios. O socialismo talvez até desse certo, mas para isso, teria que sofrer mudanças profundas.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 30/3/2008 20:18
sua opinião: subir
LAILTON ARAÚJO
 


MARCOS PONTES...


Obrigado por suas dicas no texto... Fiz as mudanças...

No mais...

Sua opinião é importante e necessária ao entendimento político da história.

Abraços.

Lailton Araújo

LAILTON ARAÚJO · São Paulo, SP 30/3/2008 21:04
sua opinião: subir
Berioliveira
 

Gostei da matéria muito boa, e a frase linda " UMA FLOR SEM PÁSSARO É SOCIALISMO SEM MÚSICA..."
Deixando meu voto sucesso abçs

Berioliveira · Vitória da Conquista, BA 1/4/2008 17:31
sua opinião: subir
Elio Cândido de Oliveira
 

http://www.overmundo.com.br/banco/do-sonho-de-ter-voce
Ola acabo de votar em seu texto.
Parabéns pelo seu trabalho.
parabens mais uma vez belo.




Elio Cândido de Oliveira · Ibiracatu, MG 2/4/2008 10:46
sua opinião: subir
Alice Poltronieri
 

Oi Lailton,
gosto muito de ler seus textos, sempre com conteúdos muito lúcidos e de fina inteligência.
Lembro-me ainda como...

Eram divertidas as discussões políticas, regadas a cerveja, cachaça, whisky e conhaque! Existia uma certa preocupação com os rumos da nação brasileira e o mundo.

Participei deste processo. Eu era apenas uma menina sonhadora.
Hoje penso q tentamos naturalizar um 'socialismo' de certa forma utópico, já q nunca tivemos educação suficiente menos ainda estrutura alguma para realizar mudanças amplas e reais no nosso sistema de distribuição de renda. Concluo com certa desilusão após ler o questionamento (...) O socialismo acabou ou é uma necessidade política momentânea? O socialismo acabou sem música? que as respostas para essas perguntas é SIM, aliás, nem começou e acabou sem música.
Xiii... Acho q desabafei, né?
Mas ta valendo...!
Beijos...
Votado.

Alice Poltronieri · Porto Velho, RO 2/4/2008 12:14
sua opinião: subir
Civana
 

"O Brasil nas futuras primaveras espera soluções reais. Seus cidadãos querem salas amplas, tapetes sem sujeiras por cima ou por baixo, sem maquiagem política e sem cara de carpete burguês!"

Perfeito, excelente texto Lailton! Quantas mudanças são necessárias e urgentes...
Destaco também a mesma frase que a Beri citou, amei!

"Uma flor sem pássaro é socialismo sem música..."

Bjos e deixo meu voto com carinho. :)

Civana · Rio de Janeiro, RJ 2/4/2008 17:31
sua opinião: subir
Mestre Jeronimo - JC
 

Lailton...

Nao fosse eu olhar no spam nao tinha recebido esta tua 'prosa'.

Tb estou nessa, esperando o verao acontecer, NA REAL!

Tanto faz o nome que se de ao processo que devemos TER, socialismo, democracia, feudalismo, etc. Ta valendo urgente eh uma atitude, e acao, pra que possamos, todos os camelos included, nao ficar levando "porrada" como vc descreve, ea acontece.

Ademais, tem muita gente "graduada" tb que tem que se submeter a ser "caca-camelo", pois daih tira o pao-de-cada-dia, infelizmente. Mas, sao, diria outro, ossos$ do oficio.

Num eh mole nao cumpade, ter que aturar esse 'estado' de P araizo T ropical (?) sabendo inclusive que na frente, olha o tempo fechando (?), nao temos muita garantia que o inverno vai ser mais vantajoso.

Mas, esperanca, de camelo idem, eh a ultima coisa que vamos comprar, neh?

Valeu pelo teu empenho em comunicar e pronuciar.

Abr iconoclast

Mestre Jeronimo - JC · Austrália , WW 2/4/2008 18:00
sua opinião: subir
clara arruda
 

Bem meu amigo deixo apenas meus votos...Acho que já nem posso fazer um comentário livrimente...santa democracia!!!Um beijo em seu coração.Texto maravilhoso.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 2/4/2008 18:02
sua opinião: subir
Benny Franklin
 

Salve, Mestre!
Este texto deveria ser publicado em todos os jornais do planeta.
Excelente de bom.
Forte abraço.
Benny.

Benny Franklin · Belém, PA 2/4/2008 18:41
sua opinião: subir
Eduardo Pereira ODÙDÚWA
 

Muito bom , parabéns!!!Votado.
Ps. Devido a importância da criação da Primeira Biblioteca Comunitária Especializada Em Cultura Afro-brasileira e Africana, no subúrbio de Salvador-Ba. Por Favor vote em: http://www.overmundo.com.br/agenda/biblioteca-comunitaria-especializada-em-cultura-afro-brasileira-e-africana

Eduardo Pereira ODÙDÚWA · Salvador, BA 25/4/2008 03:22
sua opinião: subir
graça grauna
 

Lailton: cheguei há pouco tempo neste overmundo e ainda estou conhecendo aqui, acolá uns nomes bons que nos ajudam a repensar melhor esse cotidiano. Gostei muito do jeito como você nos aproxima da realidade, "caminhando e cantando" em meio a CDs piratas e ascassetadas da guarda metropolitana de São Paulo. Bjos.

graça grauna · Recife, PE 21/5/2008 06:39
sua opinião: subir
Vilorblue
 

Prezado Lailton, teu texto é excelente, se me permite gostaria de engrossar o debate falando de algumas informações (ou duvidas).
Para começar poderíamos analisar a frase da musica do próprio Vandré, ele mesmo afirmou que o esperar não é saber (colocando-se assim contra o sectarismo), indicando que o socialismo é apenas uma fase e o ensejo de algo para algo muito maior, aí esta a sabedoria. O que houve em época historica na União Soviética, Europa Ocidental, Aubania, Cuba, etc, nem chegou próximo ao socialismo tão grandiosamente teorizado, não passou de "capitalismo de estado". Isso tem que ser historicamente corrigido, sobre pena de nunca vermos a emancipação das massas. Stalim mesmo, aniquilou com todos os seus próprios oposicionistas, sendo que uns dos últimos foi Lev Davidovitch Bronstien, assassinado covardemente a machadadas no México pelos lacaios da kgb. A teoria do socialismo em um só país, que tanto apregoava Stalin era uma negação do socialismo, a própria revolução de outubro teve um pequeno desvio e talvez aí tenha cometido seu grande erro. Os revolucionários (bolcheviques) tiveram que se aliar aos mencheviques (classe media) para levar adiante seu intento, eles haviam fracassados numa tentativa anterior por falta de conscientizarão da grande massa russa, (os boucheviques eram comandados por Vladimir Ilitch Ulianov, e por Lev Davidovitch Bronstien e eram favoráveis a uma revolução formada por uma aliança operário-camponesa opositora do czarismo e do capitalismo; os mencheviques, comandados por Martov, defendiam a implantação do socialismo de forma gradual com reformas políticas, propondo uma aliança com a burguesia e visando a tomada do poder através do voto). Deveríamos atentar para o vocábulo "reforma", nunca poderemos reformar algo para o qual nunca existiu uma política. Exemplo; não podemos falar em reforma agrária, sendo que, nunca tivemos uma política agrária. Apenas quando tivermos realmente uma política, com o passar do tempo poderemos corrigi-la. No caso de Cuba ainda temos que compreender, pois sabemos que o país foi o unico que conseguiu sobreviver à um bloqueio econômico dos mais cruéis vividos pela humanidade em seus tempos modernos. Sendo assim, se o socialismo passou como um vento etílico, podemos acreditar que ele nunca existiu na alma destas pessoas. Sendo assim, acredito históricamente, que o socialismo não é algo definitivo, ele atua como elemento de transição, e seu propósito é apenas por um pequeno espaço/tempo, um degrau na escalada de algo maior.
Um abraço.

Vilorblue · Colombo, PR 15/12/2008 15:34
sua opinião: subir
Vilorblue
 

Em tempo: na primeira vez onde se lê Lev Davidovitch Bronstien, leia Vladimir Ilitch Ulianov, Trotisk)...

Vilorblue · Colombo, PR 15/12/2008 15:37
sua opinião: subir
graça grauna
 

votando pelo socialismo, pelo pássaro, pela flor, pela musica....bjos. Graça Graúna

graça grauna · Recife, PE 15/12/2008 15:43
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados