certos bilhetes e nada mais

1
Anderson Luis · Rio de Janeiro, RJ
4/3/2010 · 21 · 29
 

o orgasmo primeiro,
magnífico,
explodindo em galáxias
nebulosas planetas buracos
negros também
naquela mesa
de bar nós a poeira cósmica
na minha língua
embotada o sol
em qualquer constelação
no mês de março
uma supernova no
peito e os corpos
celestes que
não se tocam
nunca

Sobre a obra

o desejo e seu universo.

compartilhe



informações

Downloads
556 downloads

comentários feed

+ comentar
Greyce Kelly Cruz
 

não se tocam,mas de uma outra ou qualquer maneira se sentem...
afinal o que seria energia?

Greyce Kelly Cruz · São Luís, MA 2/3/2010 00:40
sua opinião: subir
Jairo de Salinas
 

Parafraseando a Gookz: não fosse assim, a química corpórea não faria sentido.
Gostei!
Um abraço.

Jairo de Salinas · Salinas da Margarida, BA 2/3/2010 09:45
sua opinião: subir
graça grauna
 

a tristeza do desencontro dos corpos .....outra vez o seu poema me leva ao grande Bandeira ...."os corpos se entendem, as almas não"..... Abraços.

graça grauna · Recife, PE 2/3/2010 13:21
sua opinião: subir
ayruman
 

Grato por sua presença. Se tiver um tempinho participe comigo: http://www.overmundo.com.br/banco/esvaziar-para-receber
Abraço fraterno. jbconrado.

Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos. (Antoine de Saint-Exupéry).

Saúde...

ayruman · Cuiabá, MT 3/3/2010 16:10
sua opinião: subir
ayruman
 

Obs: Desculpe o lápso da memória. Digitei no lugar errado!

Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos. (Antoine de Saint-Exupéry).

Saúde... jbconrado

ayruman · Cuiabá, MT 3/3/2010 16:13
sua opinião: subir
alcanu
 

Cá estou conspirando pra que os Encontros se concretizem cada vez mais...
um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 4/3/2010 01:21
sua opinião: subir
Greta Marcon
 

Pobres corpos celestes... mas naquela mesa de bar, havia
um fio descapado...
Beijosss

Greta Marcon · Ponte Nova, MG 4/3/2010 04:46
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Anderson que beleza.Poema de alma, de vida!

ab

Cintia Thome · São Paulo, SP 4/3/2010 10:21
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Anderson,
Gostei de seu poema...
Nunca podemos tocar um corpo celste mas mesmo assim eles não deixam de encantar... E o mesmo acontece com certos bilhetes que nos provocam exitação, né não?

bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 4/3/2010 10:56
sua opinião: subir
azuirfilho
 

4 Anderson Luis · Rio de Janeiro, RJ
certos bilhetes e nada mais

Bilhetes tem poder supremo, atingem da simplicidade a imensidão. São capazes de a tudo desencadear.
Trancendem tudo e atingem o Nirvana.
Bilhetes tem um que de criança e de sagrado e nos envolvem na felicidade.

...explodindo em galáxias
nebulosas planetas buracos
negros também...

Parabéns.
Abração Amigo para todos.

azuirfilho · Campinas, SP 4/3/2010 11:26
sua opinião: subir
Roberto A
 

clímax e antí clímax.
me remeteu às relações virtuais, as que mais existem atualmente.
é tipo "amor to morrendo de saudades", mas a coisa fica só no msn e orkut.
parabéns pelo post instigante, nada obvio e inteligente.

adiante!

Roberto A · Cuiabá, MT 4/3/2010 12:15
sua opinião: subir
ayruman
 

Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos. (Antoine de Saint-Exupéry).

Vo ( l ) tando...
Saúde... jbconrado

ayruman · Cuiabá, MT 4/3/2010 16:03
sua opinião: subir
LAURO WINCK
 

Na verdade nada se toca realmente. Vivemos em uma sopa de vazios.
abçs

LAURO WINCK · Rio Pardo, RS 4/3/2010 17:04
sua opinião: subir
kfarias
 

Será utopia, amor platonico?
NEM UM SÓ ROÇAR?
Ok. Sua poesia está linda e celestial e lamentavelmente corpos celestes não se tocam, realmente...
Mas o inicio do texto doi algo assim...

kfarias · Águas de Lindóia, SP 4/3/2010 19:50
sua opinião: subir
Vinícius Motta
 

Anderson,

Show de bola seu poema. Vi uma paquera intensa nos seus versos, daqueles momentos em que a vontade é tanta que a ação para concretizá-lo é quase nula. Coisas da vida, ou de galáxias e palnetas que se adimiram e não podem chegar mais perto.

Parabéns.

Vinícius Motta · Rio de Janeiro, RJ 4/3/2010 20:03
sua opinião: subir
Pedro Vianna
 

Me agrada a imagem dos notívagos como poeira cósmica na mesa de um bar.

Pedro Vianna · Belém, PA 5/3/2010 10:16
sua opinião: subir
clara arruda
 

meu corpo que não é celeste agrade seus belos versos.
Quem me dera estar nessa costelação.
Beijo doce em seu coração.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 5/3/2010 14:16
sua opinião: subir
alcanu
 

votadim !
Um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 5/3/2010 18:49
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

VIAJEI NESE POEMA INTERGALÁTICO.
mUITO BOM.

Um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 5/3/2010 22:11
sua opinião: subir
Marcos Paulo Carlito
 

Nunca pensei num orgasmo nesse nesse nível...

Marcos Paulo Carlito · , MS 5/3/2010 23:33
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

interessante trabalho amigo, abraçossss

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 6/3/2010 20:31
sua opinião: subir
R. Marcchi
 

Caro Anderson,

Muito bom trabalho. Poema de valor!!

Votado!

Abraços,

R. Marcchi

R. Marcchi · Rio de Janeiro, RJ 11/3/2010 16:47
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Explosão da vida colorida! Blz.

Juscelino Mendes · Campinas, SP 13/3/2010 23:36
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

...E TUDO O MAIS FICA PRA DEPOIS!
orgasticamente falando...tbm go(z)tei

bjsssss;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 14/3/2010 00:53
sua opinião: subir
Mahatma
 

Que coisa, hein!
Não sou muito de comentar largando em cima do que eu li as minhas impressões, porque eu creio que atrapalha um tanto, mas tentando colher da poesia o que ela me traz de novo, e esse teu poema é fantástico nesse sentido porque tem movimentos bailarinos de uma tal precisão que eu não poderia, nem se quisesse, falar a partir de mim, mas somente desde o próprio poema:

Em primeiro lugar, ele traz uma cosmogonia que, mal pensamos vai sair do caos, logo se mistura numa conjugação cotidiana, num bar, de onde resulta um diálogo corporal e daí tudo se confunde numa harmonia atípica porque cheia de ritmo e tensões: "naquela mesa / de bar nós a poeira cósmica / na minha língua / embotada o sol / em qualquer constelação / no mês de março". Belo poema, cheio de música e vida. Muito bom!

Mahatma · Mesquita, RJ 12/5/2010 14:37
sua opinião: subir
sandra vi
 

uma belegostozura de ler

sandra vi · Petrópolis, RJ 1/6/2010 22:57
sua opinião: subir
Rodrigo Siqueira O.
 

Bem interessante! By Ser Universitário

Rodrigo Siqueira O. · São Paulo, SP 9/5/2011 14:42
sua opinião: subir
Luciah López
 

Um verdadeiro SHOW! A noite explode num orgasmo inigualável! abçs,__________LL

Luciah López · Curitiba, PR 27/4/2012 09:03
sua opinião: subir
touché
 

almas se tocam além das noites e dos dias..interessante..tb não tinha pensado no orgasmo desse jeito

touché · Guarulhos, SP 3/3/2014 22:21
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados