Ciborgues (do Pequeno Dicionário de Arquétipos de Massa)

1
Fábio Fernandes · São Paulo, SP
14/11/2006 · 149 · 18
 


Os primeiros brincos eu coloquei em Londres. 91 ou 92, não lembro bem. Um argolão em cada orelha. Naquela época era legal, eu estava com os cabelos compridos, a cara do Steve Vai (só faltava eu emagrecer uns vinte quilos e saber tocar guitarra que nem esse filhadaputa, mas tirando isso até que eu era parecido). Naquela época já tinha um porrilhão de gente com piercing no umbigo, na sobrancelha, na língua. Mas eu não achava isso legal não: maneiro era tattoo. Conheci um pessoal lá em Portobello Road que me levou num tattoo parlor, é assim que eles chamam lá, supermaneiro, tava tocando Queensryche a todo volume (eu achava meio farofa, sei lá, mas depois alguém colocou um CD do Metallica e ficou mais legal) e fiz a primeira tatuagem: um planeta grande no meu braço esquerdo com uma nave espacial em primeiro plano.
Quando voltei foi um escândalo, mamãe ficou de cama dois dias e meu pai me deu um puta esporro, o que é que você tá pensando da vida? Eu? Eu não tava pensando nada. Só queria tocar meu som e ser feliz.
Mas quando eu fui morar com a turma do Vidal é que foi do caralho. Na época era a maior festa lá em casa, a gente fazia um som lá ou juntava a turma e ia no Garage, lá na Praça da Bandeira. Foi numa dessas que a namorada dele me apresentou a Joana. Maior gata: branquinha, branquinha, cabelo preto comprido. E uma tatuagem de dragão nas costas. Era um dragão vermelho enorme, só dava para ver a cabeça dele quando ela jogava o cabelo de lado. Só fui ver o bicho todo quando levei ela lá pra casa. A cauda do dragão terminava no reguinho da bunda dela. Coisa louca.
O meu dragão não ficou tão grande, mas ficou maneiro. Fiz no peito. Não tenho muito pêlo mesmo, raspei o tufo que tinha bem no meio e mandei o cara tascar lá.
Um dia ela chegou lá em casa com um piercing no nariz. Sabe que ficou bonito pra cacete? Aí eu perdi a bolação que eu tinha com isso e coloquei um também. Também, eu já tinha uns três brincos em cada orelha, pra que ficar de frescura? Eu só não queria fazer na língua (que nem o que ela fez depois, mas o dela ficou legal) porque tinha receio de me atrapalhar na hora de cantar.
Hoje a gente tá comemorando dez anos juntos. Não é mole. A gente chegou a se separar umas duas vezes, mas foi por pouco tempo, a gente nem conta. Da segunda a gente brigou feio, ela até quebrou uma garrafa de cerveja na minha cabeça. Levei oito pontos. Ainda bem que nessa época eu já tinha raspado a cabeça. Pensei que ia deixar cicatriz, e isso ia estragar a tattoo de teia de aranha que eu fiz. Mas não, ficou perfeito. Ficou tão legal que depois ela também raspou a cabeça, mas não tatuou em cima não: colocou um código de barras enorme na nuca, ficou muito maneiro. E logo embaixo, as seguintes palavras: os ciborgues também amam. É ou não é pra ter orgulho de uma mulher dessa?
A última que a gente fez foi juntos, pra celebrar o nosso amor. Sente só: tatuei o nome dela no meu pau e ela tatuou o meu na testa da buceta, logo em cima da rachinha. Na boa, não é lindo?

compartilhe



informaes

Autoria
Fábio Fernandes
Ficha tcnica
Um verbete freak do Pequeno Dicionário.
Downloads
694 downloads

comentrios feed

+ comentar
Rangel Castilho
 

Ahahaha!!!!!!
Maneiro, Fabão!!
Manêro!

Rangel Castilho · Anastácio, MS 12/11/2006 23:43
1 pessoa achou til · sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

ÚÚÚ! :-)

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 13/11/2006 16:33
sua opinio: subir
Sebastião Firmiano
 

Sem comentário

Sebastião Firmiano · São Paulo, SP 14/11/2006 07:23
1 pessoa achou til · sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

Idem. ;-)

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 15/11/2006 11:50
sua opinio: subir
Rafael Monteiro
 

Freak mesmo, Fábio! Muito bom!

Rafael Monteiro · Niterói, RJ 16/11/2006 02:52
sua opinio: subir
Fada Amina
 

hahahahahaha
Claro q eu ainda fico com o das fadas, mas esse é ótimo, dei gargalhadas!! =) A começar pelo Steve Vai! =)))
=*

Fada Amina · Teresina, PI 23/11/2006 20:54
2 pessoas acharam til · sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

Valeu, Fada!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 26/11/2006 11:27
sua opinio: subir
Daniel Duende
 

haahhahaha... ficou ducaralho!
estas pessoas cheias de tinta e metal...
não poderia tê-las capturado melhor que você :D

os ciborgues também amam, mesmo.
mas por preferências pessoais prefiro usar o termo para os vários ultra-geeks com os quais convivo. não são gente branquela de óculos grossos. são gente também bronzeada (ou nem tanto), que enche a cara, que transa como gente normal (ou nem tanto), que leva uma vida louca normal de gente como nós... só que vive meio lá... e meio aqui, na rede...
são blogueiros, codeiros, internet-freaks... ciborgues...
gente como a gente. :D

abraços do verde meio ciborgue.... bztt bzzt... :D

Daniel Duende · Brasília, DF 9/1/2007 21:46
sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

Ah, mas disso não tenha dúvida, Verdão!
Já escrevi este conto lá vão quase uns cinco anos. Desde que vim para São Paulo meus conceitos se ampliaram muito, hoje eu já não escreveria esse conto assim. Ou escreveria, sei lá, mas colocaria mais espécimes da fauna pós-cyber que me é tão cara!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 10/1/2007 14:12
sua opinio: subir
Daniel Duende
 

Eu entendo. É um bom conto, mesmo assim. Coisa boa!
Vale a pena então contemplar a "fauna-pós-cyber" em algum escrito futuro. Floggers, Bloggers, Orkut-freaks, IMfreaks e outros bichos... :D

Daniel Duende · Brasília, DF 10/1/2007 19:10
sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

Certamente!
Quem sabe não figuram nos Apócrifos?

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 10/1/2007 19:19
sua opinio: subir
Daniel Duende
 

Poisé... quem sabe? :)

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 11/1/2007 00:17
sua opinio: subir
Roberta Tum
 

HAHAHA....na boa... espero que vocês nunca se separem!

Roberta Tum · Palmas, TO 28/3/2007 16:47
sua opinio: subir
Anaximandro
 

Fantástico!
Justo quando estou escrevendo um texto sobre ciborgues encontro este conto seu. Você é um de meus autores preferidos.

Anaximandro · São Paulo, SP 13/5/2007 15:41
sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

Puxa, Anaximandro, assim eu fico até encabulado...
Valeu!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 10/6/2007 19:53
sua opinio: subir
Daniel Duende
 

Ora, meu velho... você também é um dos MEUS preferidos :D

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 11/6/2007 06:58
sua opinio: subir
Fábio Fernandes
 

Calma que tem pra todos!
(puxa, nunca me senti assim tão requisitado)
:-D

Abraço forte!!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 11/6/2007 10:06
sua opinio: subir
Daniel Duende
 

Hahahahaahaha...

É só sucessuuuu :D
heheeheheh

Abraço forte do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 11/6/2007 17:09
sua opinio: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faa primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Voc conhece a Revista Overmundo? Baixe j no seu iPad ou em formato PDF -- grtis!

+conhea agora

overmixter

feed

No Overmixter voc encontra samples, vocais e remixes em licenas livres. Confira os mais votados, ou envie seu prprio remix!

+conhea o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados