COMO DEUSES - Crônica

http://www.pili.com.br/images_portfolio/46.jpg - (direitos reservados)
1
jjLeandro · Araguaína, TO
14/4/2007 · 156 · 13
 

COMO DEUSES

Os nobres deputados federais brasileiros decidiram não mais trabalhar às segundas-feiras. O móvel dessa proposta que à população pode parecer provocação, afinal nós indignos semideuses há muito não trabalhamos dia algum, é igualá-los a nós. Ora, que petulância!
Eles, pobres mortais da economia informal(nunca informam o que ganham), dizem que se “a voz do povo é a voz de Deus”, nada mais justo terem a prerrogativa do descanso semanal, quer dizer, de segunda a segunda, já que são nossos presumíveis representantes.
Entre muitos argumentos secundários alegam, por zelo ao nosso santo dinheirinho, que as sessões das segundas-feiras, como quase todas as outras, são improdutivas, razão por que decidiram ficar nos Estados, estendendo o seu sagrado churrasquinho de final de semana. Uma boa desculpa que, de quebra, os livrará das intermináveis filas em aeroportos no vaivém base/Brasília, pois lamentam ainda não terem asas, que anjos não são. Mas, o mais das vezes, é preciso que se lhes aparemos as asinhas ou lhes cortemos as uninhas - que vivem botando-as sem cerimônia para fora em acordos que a nossa má língua teima em estigmatizar como negociatas.
Já não nos causa mais escândalo que propostas tão exóticas (ou justas?) sejam feitas naquela casa. Raciocinando melhor, até acho de bom alvitre que a segunda-feira seja também enforcada, como costuma acontecer com a sexta, afinal arrumar a bagagem para a viagem à base custa tempo; e andar de avião é coisa demorada quando se fala em ir ao Acre, Rio Grande do Sul ou do Norte. Não vou falar aqui dos constantes apagões aéreos, que aí seria já dar asas a cobra.
Com rigor matemático, um amigo meu deu-lhes razão: são necessários ao menos quatro dias para o traslado de ida e volta! Maldosamente, o amigo também apurou que é um dia a menos para acordos escusos. Talvez então com essa decisão aconteça um efeito colateral e inesperado: o crescimento da credibilidade dos nossos congressistas. Impossível? Talvez nem tanto. Impossível é ela baixar ainda mais. Uma pesquisa da CNT/Sensus apurou entre a população que somente 1,1% acredita que deputados e senadores estão na mais confiável das instituições: o nosso Congresso (Olimpo?). A pesquisa foi divulgada no dia em que os deputados anunciaram a boa nova.
Enquanto isso, os deputados discutem algo importantíssimo para o trabalho fluir sem embaraços no dias restantes da semana parlamentar pra lá de sueca: a verba de gabinete deve ser aumentada nos próximos dias! E creio que há justificativa para tanto: mais assessores têm que ser contratados para dar conta do trabalho acumulado, pois de maneira alguma - atentem bem para o zelo conosco - o eleitor que os pôs lá pode ser prejudicado.
.......................................................................................
CONFIRA OS LINQUES RELACIONADOS À MATÉRIA:
.......................................................................................
Folga na segunda

Aumento de verba

Pesquisa Sensus

compartilhe



informações

Autoria
jjLeandro
Ficha técnica
Jornalista e escritor, 46, residente em Araguaína -To. Autor do livro de poesias Quase Ave, com o qual ganhou o concurso literário nacional para autores inéditos Cora Coralina em 2002, em Goiânia


Downloads
337 downloads

comentários feed

+ comentar
Marcos André Carvalho Lins
 

magnífica crônica leandro!!!!
o poeta é também um excelente cronista!!
Parabéns!!
abraços,

Marcos André Carvalho Lins · Recife, PE 10/4/2007 22:43
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
jjLeandro
 

Marcão, obrigado. Estou lendo seu livro, como deve ser, saboreando cada crônica/conto. Depois lhe escrevo comentando.

Um grande abraço.

jjLeandro

jjLeandro · Araguaína, TO 10/4/2007 23:50
3 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Carlos ETC
 

É uma palhaçada essa realidade, não é mestre Leandro?

Esta sua crônica, se não fosse baseada em fatos reias, seria cômica!

Mas retrata uma tragédia... os cabras criam as leis que contemplam seus próprios umbigos. Em tempos de combate ao desmatamento, eles ainda arranjam madeira pra adornarem suas faces (aqueles caras-de-pau)!

Grande abraço, meu caro!

Carlos ETC · Salvador, BA 11/4/2007 20:05
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Carlos Sturzeneker
 

Indignar é sinal de estar vivo! O que há para ir além? Não existem outros caminhos, que possam levar a indiganção, a insatisfação, até aos malandros federais?

Carlos Sturzeneker · Rio de Janeiro, RJ 13/4/2007 05:51
sua opinião: subir
Alcy Filho
 

Excelente crônica! Pena não se tratar de pura ficção...
Abraço!

Alcy Filho · Jataí, GO 13/4/2007 15:56
sua opinião: subir
jjLeandro
 

Carlão, obrigado.
Sturzeneker, graças pela sua aparição por aqui.
Alcy, também grato.

Realmente, essa situação é uma tragédia que nos indigna a todos ainda mais pela constação de que essa crônica não espelha a ficção.

jjLeandro



jjLeandro · Araguaína, TO 13/4/2007 16:39
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Marluce Freire Nascasbez
 

jjLendro,

Excelente trabalho, pego carona nas palavras do amigo "virtual" Carlos: "caras-de-pau" e como falamos por aqui, aja óleo de peroba para ilustrar caras lisas daqueles descarados...

Marluce

Marluce Freire Nascasbez · Carnaíba, PE 13/4/2007 20:43
sua opinião: subir
Robert Portoquá
 

É JJ, infelizmente estamos sob o jugo de canalhas, e usurpadores que, ironicamente nós mesmos elegemos...
Que será de nosso GRANdioso BRAsil ???

Robert Portoquá · Adamantina, SP 14/4/2007 00:08
sua opinião: subir
apple
 

É...rotina isso já é faz tempo, né? Agora resolveram oficializar a malandragem e o desrespeito 'a coisa pública...

apple · Juiz de Fora, MG 14/4/2007 10:59
sua opinião: subir
Hermes Bernardi Jr.
 

E dizem que um dia isso vai mudar... Qual nada!

Muito boa a crônica, pela irônico e sarcasmo com que tratas o "tema".

Gostei. Votei.

Hermes Bernardi Jr. · Porto Alegre, RS 20/4/2007 08:49
sua opinião: subir
Francinne Amarante
 

Leandro, só de lembrar me dá depressão...
excelente crônica!
vc é fera!
bj
Fran

Francinne Amarante · Brasília, DF 21/4/2007 23:52
4 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Roberta Tum
 

Gostei demais Leandro! Abraço

Roberta Tum · Palmas, TO 23/4/2007 21:00
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Joana Eleutério
 

Marluce,
Parabéns . você sempre diz indignada e deixando muito claro, a que veio. Abraços.

Joana Eleutério · Brasília, DF 28/10/2007 15:18
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 22 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados