Couraças

Cristiano Melo
Cristiano Melo
Cristiano Melo
Cristiano Melo
1
Cristiano Melo · Brasília, DF
19/7/2008 · 147 · 44
 

Couraças de proteção
Oriundas
De sua essência.

Sabres enferrujados
Estimulam
A Encalacrar o infante.

Descaso,
Desatenção,
Abuso,
Desafeto.

E a couraça endurece...

Cicatriz surgida,
Hemorragia contida,
Alma resguardada,
Pode-se abandonar a carapaça,
Carcaça!

Casulo de proteção
Já não lhe serve.

Renasça,
Viver é possível!

Liberte-se do passado
E seja o que nasceu para ser:
Vida!

compartilhe



informações

Autoria
Cristiano Oliveira de Melo
Ficha técnica
Desenhos em lápis nº 2 e de cor e giz de cera em papel: reflexões de criação e desconstrução de couraças.
Downloads
230 downloads

comentários feed

+ comentar
EdimoGinot
 

Acho que às vezes parecemos cobras.
Nos livramos de uma pele, porque já temos outra.
Couraças... Couraças...
Mas...
Concordo com voce:
Viver é possivel...

um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 17/7/2008 15:39
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
clara arruda
 

Todos sabem meu amor por artes visuais.te acheiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
Com a alma resguardada podemos tirar couraças.te amo.
estarei ausente por alguns dias,reza por mim,voltarei bem..te amo

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 17/7/2008 18:59
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
clara arruda
 

Eita saiu repetido te amo

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 17/7/2008 19:00
sua opinião: subir
Angélica T. Almstadter
 

a gente vive se despindo das máscaras pra tentar viver. Voto claro!

Angélica T. Almstadter · Campinas, SP 17/7/2008 20:22
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Compulsão Diária
 

Cristiano, casulo, couraça, carcaça. Fases de germinação, proteção e mumificação. ão ão ão rs

Compulsão Diária · São Paulo, SP 17/7/2008 20:52
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
luz de sempre
 

Adorei...só pra variar....todos nós temos essa mania de construir couraças...e assim, a tensão toma conta de nossos corpos...beijos..

luz de sempre · Maceió, AL 17/7/2008 21:34
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Teu poema é um labirinto. Procuro casar com as imagens e me vem luta pela sobrevivência, abuso infantil e um jogo de xadrez. Instigante e intrigante.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 17/7/2008 21:52
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
celina vasques
 

Na verdade, um jogo de xadrez realmente, tem que saber jogar bem para poder dar o xeque-mate!

beijo no coração

celina vasques · Manaus, AM 17/7/2008 22:15
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

EG,
Passamos a vida impregnado-nos de véus, e passamos outro tanto dela, da vida, tentando removê-los e por horas parece cupim, nunca acaba...
Obrigado pelo comentário.
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:26
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Clara, muito me alegra que tenha gostado. Fique bem!!!
beijos e obrigado

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:26
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

É angélica, tirar as máscaras, os véus, as couraças....e tentar ser o que realmente somos.
obrigado e beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:27
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

CD, ão, ão, ão, uma semente de ilusão, tem que morrer pra germinar, plantar nalgum lugar...etc....rs
obrigado
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:28
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Lud, tensão e relaxamento.... o contraponto ainda bem, existe!!!
Muito obrigado pelo incentivo
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:29
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Caro Marcos,
é tudo isso que você vê e o tabuleiro num labirinto, o da vida, por vezes má, outras doce e intrigantemente seguimos com esperança.
valeu o comentário
muito obrigado
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:31
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Celina, xadrez é comigo mesmo, desde pequeno gosto deste jogo, mas, hoje em dia fica difícil achar quem queira jogar, acho até que estou enferrujado...
obrigado
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 17/7/2008 23:32
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

obrigado pela visita e seu comentário, e estou nessa fase de me liberta do passado, meu amigo poeta, sua escrita me da prazer ao ler e suas linhas poéticas são maravilhosas. um forte abraço.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 18/7/2008 11:17
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Branca Pires
 

Cris, Que lindos desenhos! Mas nem de longe se parecem com as velhas "couraças" que pensamos conhecer, mesmo as das camadas mais internas.
Aqui são puras obras de artes, muito bem feitas, lindamente ilustrando o teu poema.
Parabéns artista de primeira linha!
beijão

Branca Pires · Aracaju, SE 18/7/2008 12:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Caro WM, não há o que agradecer. Muito me alegra que goste de meus escritos e, no caso, minha tentativa de desenho.
Obrigado
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 18/7/2008 14:42
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Querida Branca,
Não tenho palavras para agradecer sua generosidade para comigo, muito obrigado pelo apoio e incentivo
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 18/7/2008 14:43
sua opinião: subir
Acácio Vale
 

ouvi alguém dizer(sobre o passado e a humanidade) que só depois de redimir o passado a humanidade poderá se libertar e ser feliz. isto funde a minha cuca. o passado é algo muito esquisito, para mim ele é e será sempre um fantasma (apesar de não acreditar em fantasmas). seu poema também funde muito a minha cuca caro cristiano. couraças fantasmagóricas. parabéns meu caro.
abraços
acácio.

Acácio Vale · São Luís, MA 18/7/2008 19:03
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Acácio meu caro,
O passado está lá, no passado. Obviedade nem sempre fácil e palatável. Suas indagações são muito pertinentes ao tema. Mas, não funda a cuca....rs
Forte abraço e obrigado

Cristiano Melo · Brasília, DF 18/7/2008 19:23
sua opinião: subir
Compulsão Diária
 

Cristiano, agora foi que vi: são desenhos seus?

Compulsão Diária · São Paulo, SP 18/7/2008 23:59
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Sérgio Franck
 

Sabe, irmão, sou do tipo que revira possibilidades pra saber sobressair nas baixas das próximas horas sem aviso. Brigo contra as couraças, porque o casulo de proteção não mais me serve. Tento renascer a todo instante, porque a morte vem coxixando em meus ouvidos durante todas as benditas noites dos últimos dez anos.

Viver é possível? Sim, É! Libertar-se do passado é que é um problema. E se numa noite dessas cair por terra a resistencia ao flerte da senhora de preto? Com certeza, nada de desespero, pois é exatamente o final das coisas que mostram quando a vida valeu â pena.

Sérgio Franck · Belo Horizonte, MG 19/7/2008 11:39
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Branca Pires
 

Estou de volta Cris, esrteando a tua votação.
Beijos e volte com mais obras de artes.
beijos

Branca Pires · Aracaju, SE 19/7/2008 14:46
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Sacramentado.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 19/7/2008 14:47
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
EdimoGinot
 

Devidamente encouraçado.

Um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 19/7/2008 14:54
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Que tenhamos uma vida plena...plena mesmo!
sem limites. Bela obra, hein?
Um abração.
bjbj

Cintia Thome · São Paulo, SP 19/7/2008 15:51
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
celina vasques
 

querido poeta meus votos com louvor!

beijo no coração!

celina vasques · Manaus, AM 19/7/2008 17:00
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

CD, são sim!
Obrigado por tudo.
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 19/7/2008 17:06
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Sérgio, sábias palavras...
Muito obrigado pelo rico comentário.
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 19/7/2008 17:07
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Branca, Marcos, EG, Cintia, Celina, muito obrigado pelo incentivo.
Abraços e beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 19/7/2008 17:08
sua opinião: subir
Raiblue
 

Cris-Cris...meu querido!!

Em tempos de violência e de individualismo total....haja couraças para nos dar um afalsa proteção porque, na verdade, estamos mesmo é detonando com nosso corpo e nossa alma...tensão total...dores musculares insuportáveis... e até problemas no coração, pois a emoção sempre reprimida é uma bomba preste a explodir a qualquer momento!
Saiamos desse casulo do medo...só assim poderemos vencer e transformar a realidade e resgatar a esperança que ainda sobrevoa os céus de chumbo...renascer é preciso,sempre!!

Que poema maravilhoso,Cris...muito bem construído e muito necessário!Só podia vir de uma alma assim...tão azul ...azul da cor do mar...e da liberdade!
Parabéns,meu quridíssimo!!

beijinhos bluecarinhosos para romper todas as couraças...rsrs...e levantar vôos infinitos... rsssss
Blue-Blue

Raiblue · Salvador, BA 19/7/2008 18:32
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Raiblue
 

Adorei os desenhos...ilustraram de forma perfeita seu poema!!
bjksblueeee

Raiblue · Salvador, BA 19/7/2008 18:34
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Raiblue
 

Procê....

A alma viaja
Ultrapassa as couraças
Adentra o azul
Por trás das sombras
Das amarras do medo...
Distende-se
E liberta o corpo
E a tensão dos músculos
Num instante único
De meditação...


(Raiblue)

Raiblue · Salvador, BA 19/7/2008 22:53
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Só vivemos de verdade quando nos libertamos dessa couraça que ilusoriamente nos protege.
Gostei também dos seus desenhos. Perfeitos par ilustrar o poema.
Beijo.

Sônia Brandão · Bauru, SP 19/7/2008 23:20
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Regina Lyra
 

Cris,
É isso.
Deixo beijos e votos.


VERDADEIRA AMIZADE - Regina Lyra

Amizade
construída,
nunca cai!

Em perfeita sintonia,
cálculos estruturais...

Lyra, Regina. Tempo de Encanto. Ed. Universitária (UFPB), 2004.

Regina Lyra · João Pessoa, PB 19/7/2008 23:50
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cherry Blossom
 

Cris costumo usar o termo "casulo" quando faço uma referência a mim mesma e a meus esconderijos. A série que você tão bem desenhou também me remeteu a essa idéia. Couraça, carapaça, cápsula, invólucro... Quantas camadas nos encobrem!
Beijos

Cherry Blossom · Dracena, SP 21/7/2008 02:42
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Luciana Nabuco
 

Luciana Nabuco · Rio de Janeiro, RJ 22/7/2008 00:46
sua opinião: subir
Luciana Nabuco
 

Nossa Cristiano! Essa foi paulada na alma.Minha alma.Você viu que até postei sem nada,puro abobalhar,pela releitura,porque minha carapaça se sentiu atingida.Estou amassada.Liberta-se de um passado que já não serve...porque esses dois pés devem avançar,sem encalacrar-se no medo. Em quantos esconderijos nosso ego pretende se refugiar...chega um tempo em que é tempo de sair...E eu poderia continuar,sem forjas,sem véus,sem nada,então saiba que acolhi o teu pensamento dessa forma,despida de mim.Um beijo.

Luciana Nabuco · Rio de Janeiro, RJ 22/7/2008 00:53
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Blue-Blue,
Muito obrigado pelo comentário, incentivo, carinho, inteligente interpretação e pelo belo poema, não tenho como agradecer a tudo isto, só com agradecimentos, sempre!!!
Um beijo especial
Cris-Cris

Cristiano Melo · Brasília, DF 22/7/2008 10:05
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Querida Sônia,
os casulos/couraças são construídos por nós mesmos, em determinadas situações até como maneira de "segurar a barra", mas com o tempo podemos deixá-las...
Muito obrigado pelo comentário
beijo

Cristiano Melo · Brasília, DF 22/7/2008 10:07
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Querida Regina,
muito obrigado pela constante presença e pelo poema sobre amizade.
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 22/7/2008 10:07
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Cherry querida,
É...carcaça, carapaça, couraça, casulo...
Somos assim no nosso campo psicoafetivo, né?
Muito obrigado por tudo
beijo

Cristiano Melo · Brasília, DF 22/7/2008 10:09
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Luciana,
"paulada na alma"...dá um título....rs
Seu comentário inteligente e sensível muito me deixou contente.
Sensação de que consegui transmitir a mensagem. Continuemos a remover véus e sair do casulo...
Muito obrigado
beijo

Cristiano Melo · Brasília, DF 22/7/2008 10:11
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados