Destino

1
Nivaldo Lemos · Rio de Janeiro, RJ
10/6/2010 · 6 · 14
 

Amostra do texto

Como barco que desconhece o próprio mar,
Ainda que a ele desde sempre seja destinado,
Também a ti, amor, não quis por não saber-te,
Mesmo sabendo que seria meu teu navegar.

Ainda estranhos, penamos séculos na imensidão
Vagando distâncias infinitas, rotas improváveis.
Tu, náufraga de desditas, de amores inamáveis,
Eu, sobrevivente homérico da perfídia da paixão.

Um dia, por vontade de Deus, ou por destino,
O desencontro encontrou-se em nosso olhar.
O meu desejo no teu cumpriu-se, repentino.
E nos tornamos amantes, como barco e mar.

Sobre a obra

Nosso destino é um barco à deriva com o amor a bordo.

compartilhe



informações

Autoria
Nivaldo Lemos
Downloads
205 downloads

comentários feed

+ comentar
W@nder
 

Caro Nivaldo.
Ainda que derive o barco, ou que o destino não seja um monótono porto seguro o que vai valer, afinal, será o caminho percorrido nestas suas rotas improváveis.
Bela poesia de (a)mar!
Abração.

W@nder · Rio de Janeiro, RJ 8/6/2010 17:39
sua opinião: subir
ayruman
 

Olhe cada caminho com cuidado e atenção. Tente-o quantas vezes julgar necessário. Então, faça apenas a si mesmo uma pergunta: possui esse caminho um coração? Em caso afirmativo, o caminho é bom. Caso contrário, ele não tem a menor importância".
Para mim só existe percorrer os caminhos que tenham coração, qualquer caminho que tenha coração. Ali viajo, e o único desafio que vale é atravessá-lo em toda a sua extensão. E por ali viajo olhando, olhando, arquejante.

(Don Juan-Carlos Castaneda).

Luz e Paz. jbconrado

ayruman · Cuiabá, MT 8/6/2010 18:25
sua opinião: subir
graça grauna
 

Belissima imagem aos amantes: o barco, o mar. Parabens.

graça grauna · Recife, PE 8/6/2010 19:33
sua opinião: subir
Saramar
 

Nivaldo, há tanto tempo não leio seus poemas, mina de versos, semente de beleza e sofisticada emoção.
Neste poema, unem-se os protagonistas - o barco, o mar - para nos levar pelas águas de toda uma vida de desencontros que, ao final, encontram seu destino, na sina de se encontrar.
Maravilhoso!

beijos

Saramar · Goiânia, GO 8/6/2010 19:44
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

Um poema linnndo e profundo
como duas almas predestinadas
a viverem em pura simbiose. O poema ta perfeito
em genero e intensidade. demais!!!

"Também a ti, amor, não quis por não saber-te,
Mesmo sabendo que seria meu teu navegar."

amo te ler.
bjsssssssssss;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 8/6/2010 21:36
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Um dia acertaremos a rota de novo, pois
sua poesia nos dá a vontade de navegar
e chegar ao destino do amor
Muito bom Nivaldo
abs

Cintia Thome · São Paulo, SP 9/6/2010 12:24
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Nivaldo
bem interessante
Nesse mar de incertezas o destino é um só, ele tarda mas não falha. E esse poema explica o porque de certas pessoas viverem juntas e em completa harmonia pela
vida inteira. Destino ? Alma Gemea? Predestinação?
bjs
bjs
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 11/6/2010 16:55
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 


ah é o amor que me deixa sem prumo....sem rumo...
num mergulho assim, feito seu DESTINO.
que poema!!! me fizestes mergulhar mto... em mim, novamente, poeta!

bjs

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 11/6/2010 20:10
sua opinião: subir
Reflexão
 

Parabéns , belo poema. A descoberta de um grande amor, que transborda de emoção , belo, como o mar, que nunca naufragará se for inundado de paixão e conquista.




















Reflexão · , SP 12/6/2010 21:15
sua opinião: subir
Adroaldo Bauer
 

Tecia ela pensamentos vários em redes
a pescar por certo teus remos e lemes.

Nós, que gostamos, porque lemos, Nivaldo.

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 2/7/2010 23:35
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

amei os seus tantos no botequindigital!
na verdade "arderam" em mim...ao mesmo tempo
que uma rajada de brisa trouxe certa paz ao destroçado coraçao meu.

te ter é um prazer imensuravel.
bjssssss

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 25/7/2010 06:13
sua opinião: subir
Camila Senna
 

Perfeita combinação!
Navegar no mesmo mar.
Flutuar no mesmo ar.
Trilhar o mesmo caminho.
Caminho esse, que só vai te levar a um lugar: ao êxtase.

Beijos
Shalom

Camila Senna · Nova Iguaçu, RJ 27/7/2010 11:38
sua opinião: subir
Gabriele
 

Lindo Poema, me fez lembrar dos tempos de menina,meu primeiro amor, inocente amor.
Parabéns!

Gabriele · Rio de Janeiro, RJ 14/8/2010 15:32
sua opinião: subir
Juliaura
 

Lido, gostado, amado!

Juliaura · Porto Alegre, RS 29/12/2010 08:19
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 21 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados