EU PRECISO DIZER ADEUS ( POESIA FALADA ) PREMIO

Gregory T.P.G.Valente, meu filho
Instale o Flash Player para ver o player.
1
Cintia Thome · São Paulo, SP
24/8/2008 · 222 · 28
 

EU PRECISO DIZER ADEUS

Poesia selecionada para a I Antologia Poesias da Canon do Brasil, com mais 59 participantes selecionados entre mais de 700 inscritos .
I Prêmio Literário da Canon do Brasil, acontecerá na
20a. Bienal Internacional do Livro de São Paulo, dia 24 de agosto de 2008, domingo, às 19 horas, no estande Fábrica de Livros/Canon do Brasil, Pavilhão de Exposições do Anhembi, São Paulo, SP
I LOVE SAO PAULO
EU AMO SAMPA

Temos alegrias e tristezas nas grandes cidades, mas nosso coração
não deixa de amá-las...é o preço do avanço, das tentativas, do progresso
...elas têm estórias de Amor...

.

compartilhe



Embutir



informações

Autoria
............Cíntia Thomé
Ficha técnica
Créditos:
Imagem: Gregory T.P. G. Valente (meu filho)
Agradeço:
CD, pela matéria sobre a Bienal Internacional do Livro de São Paulo,
no site Overmundo.
Lailton Araujo, divulgação da Poesia em seu Blog..
Downloads
575 downloads

comentários feed

+ comentar
Cintia Thome
 

EU PRECISO DIZER ADEUS

Eu preciso dizer adeus
Às paredes que grafitam poesia
Do dia-a-dia das guias, das agonias
Do asfalto frio que não me vê
Na esquina da solidão
Da Consolação, cão faminto
Tão sozinho

Eu preciso dizer adeus
À fumaça das fábricas, dos carros
No proibido das faixas neon
Ao lixo, aos escarros
Aos trincados telhados
Ao quartel, ao cartel, patrulha
Aos negros gatos

Eu preciso dizer adeus
Aos prédios espelhados
Reflexos de mim, tempo molhado
À garoa da minha fé retrô
Nos trilhos, no metrô, à Praça da Sé
Aos ambulantes e andantes sem café,
Pedantes, arrogantes elegantes

Eu preciso dizer adeus
A toda gente que aqui não tem lugar
Ao parque que eu também corria
Que há poeira nas flores, no ar
No descanso no Ibirapuera
Beijos no Arouche, carinho fugaz
Carrinho de mão, verdura e limão
Velho moço, velha lata... idoso
Na casa papelão, na escadaria
À gritaria, aos fumantes. Droga!
Às Catedrais, ais.
Escadas rolantes, finos barbantes

Eu preciso dizer adeus
À minha amiga Paulista
Que tem pista e sombra que zomba
Nos spots e placas oportunistas
Dos trapezistas e alpinistas
Nas pernas de pau e sale
Preço da fantasia, álcool e gasolina
Do tostão, da creolina, fedentina, das Carolinas
Que perdi o passe e não vejo qualquer estação
Ao portão do não que arromba
Ao pedinte que ronda. Rapadura!

Eu preciso dizer adeus
Ao gelado da contramão
Do 13 ou 23 de maios já vãos
No sinal entoando vermelha paixão
Sem ensaios, desmaios
Do palhaço, do cordel, do cantador
Sem outdoor encantador

Eu preciso dizer adeus
Aos réus, às vitimas, aos fariseus,
Às chuvas de março e aos ipês no breu
Jacarandás de aço como eu
No barranco, furados pneus
Aos cartões picotados e afanados

Eu preciso dizer adeus
Aos pastéis, ao arroz e feijão sem vaidade
Baião de dois, de mil mornos e sem gás
À bandeira que agita a cidade
Tremula no rubro e negro de mim
Tremula... Tremula...
Nos carretéis dos andaimes
Nos motéis perfume

Eu preciso dizer adeus
À arquitetura, às abandonadas esculturas
À arte sem cor, só dor demolição
À loucura da meia-noite no corredor
Nos pontos de açoite e chorinho
À candura do menino vadio
Que vazio chora baixinho
No meio fio, no meio fio
Marginal, das marginais

Eu preciso dizer adeus
Aos filhos meus e teus
Estou por um fio de lamento
Sem tua mão quente
Nas valas, nos rios, nas veias
Da realidade da cidade
Do meu coração já doente

Eu preciso dizer adeus
Às cabeças, aos monumentos
Neste Imperial momento
Sem querer ter documento
Ser especial, espacial
Na nave de um Cometa
A me levar
À sorte, ao norte ou morte
E na janela sem nada dizer...
A Deus... a Deus...
Que tudo é normal.

Eu preciso dizer adeus
Adeus...

Cíntia Thomé
2008.

Cintia Thome · São Paulo, SP 21/8/2008 23:54
sua opinião: subir
Compulsão Diária
 

Você disse adeus. Mas, a cada dia volta um pouco mais, querida.
Parabéns pelo belíssimo poema. E por engrandecer esta cidade com sua poesia.
Sampa precisa desse carinho
bjo
CD

Compulsão Diária · São Paulo, SP 22/8/2008 00:38
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

É CD, eu li duas vezes, gravei a segunda,apesar de engasgar um pouco, mas quando acabei a segunda vez, eu chorei sabia...essa cidade é mágica...outro dia falei ela é bruxa e fada...mas mágica...
Obrigado Linda CD!
Ô Meu!

Cintia Thome · São Paulo, SP 22/8/2008 00:45
sua opinião: subir
Carlos Mota
 

São Paulo acordou mais
transparente na poesia
de Cintia Thome.
Essa cidade que encanta
e assusta!
valeu poeta!
beijo,

Carlos Mota · Goiânia, GO 22/8/2008 09:15
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

Cidade de cimento, vidro e aço.
Estampando nos seres uma visão de concreto.
Tantas faces paradas.

Belo poema. De quem realmente
vive nessa megalopole que um dia
foi desvairada.
um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 22/8/2008 10:48
sua opinião: subir
celina vasques
 

Belissimo poema! muito belo!
Beijo no coração!

celina vasques · Manaus, AM 22/8/2008 12:35
sua opinião: subir
Cintia Thome
 


No blog da Compulsao Diaria


Obrigado bjbjbjbj

Cintia Thome · São Paulo, SP 22/8/2008 13:17
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

oi cintia...muito bom...sampa...é isso aí...
beijos

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 23/8/2008 21:04
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

A São Paulo é maravilhosa, e sua poesia também, amiga Cíntia.
Já havia lhe dito, agora repito, sua voz é bonita na recitação.
Beijo, querida.

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 23/8/2008 23:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

votando

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 24/8/2008 02:53
sua opinião: subir
Claudia Almeida
 

Cintia,
O que me impressiona no texto é que vc disserta o caos na sua e na minha cidade! em muitas parabéns...
beijinhos
claudinha

Claudia Almeida · Niterói, RJ 24/8/2008 02:57
sua opinião: subir
alcanu
 

Esse poema é um beijo em São Paulo !
Um ato de carinho !
Um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 24/8/2008 04:12
sua opinião: subir
clara arruda
 

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 24/8/2008 07:47
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Muito belo, como sempre
parabéns nobre poetisa
beijos

Cristiano Melo · Brasília, DF 24/8/2008 08:16
sua opinião: subir
celina vasques
 

publicado querida!
beijo

celina vasques · Manaus, AM 24/8/2008 09:17
sua opinião: subir
victorvapf
 

Beijos!

victorvapf · Belo Horizonte, MG 24/8/2008 09:35
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

EdimoGinot · Curitiba, PR 24/8/2008 12:23
sua opinião: subir
Compulsão Diária
 

Compulsão Diária · São Paulo, SP 24/8/2008 16:36
sua opinião: subir
Vanessa Anacleto
 

Poema com alma e identidade. Algo me diz que Mario de Andrade o declamaria feliz. :-) Parabéns.

Vanessa Anacleto · Rio de Janeiro, RJ 24/8/2008 18:49
sua opinião: subir
Benny Franklin
 

Uaaaaaaaaaaaau, Parabéns, OSHF!

Sua poesias são eternas, belíssimas...
Você sabe o quanto te admiro.

Bjs.

Benny Franklin · Belém, PA 24/8/2008 22:20
sua opinião: subir
Raiblue
 

Demais,Cíntia!!!
De arrepiar e de_lirar!!!

Tanto a poesia como sua narrativa!!
Marvailhada!!!

Beijinhos blue-encantados...
Blue

Raiblue · Salvador, BA 24/8/2008 22:23
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Juliaura
 

Linda! Como dissera Papá Bauer, tudo a ver com São Paulo de Tom Zé e Sampa de Caetano. Linda! Parabéns pelo prêmio, mulherão!

Juliaura · Porto Alegre, RS 24/8/2008 23:06
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Higor Assis
 

A cidade concreto precisa de você Cintia, precisa e muito das tuas poesias...

Higor Assis · São Paulo, SP 25/8/2008 11:29
sua opinião: subir
ayruman
 

Oi.Votando com vontade.
Abraços.jbconrado

ayruman · Cuiabá, MT 25/8/2008 11:50
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Diga não, moça!
Abraços.

Juscelino Mendes · Campinas, SP 25/8/2008 18:03
sua opinião: subir
Neutzscha
 

" Acredite em mim" e "Preciso dizer Adeus" são irmãos,pois?!
Você não escreve, Você incendeia! Caramba.....rsrsr
ND

Neutzscha · Campinas, SP 28/8/2008 15:25
sua opinião: subir
Zingara RJ
 

ooi Cintia,

Te ouvi e me emocionei, muito mesmo...

beijos no coração...

Zingara RJ · Rio de Janeiro, RJ 3/9/2008 07:58
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

adeus...........isso é preciso!

bjs♥;;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 9/7/2009 13:38
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
mp3, 4.2 Mb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados