Fé, cada um com a sua.

1
anamineira · Alvinópolis, MG
31/8/2008 · 145 · 18
 

----Santo Antônio do Fundão, Ana Luiza precisa viver, me ajude!
----Vamos fazer um trato, vai lá no hospital, agora, pega na mão do Dr. Elias e salva essa mulher. Em troca, vou trazê-la aqui na sua igreja, à pé, para agradecer a benção recebida, te prometo!
----Ah! De quebra, vou pedir pra ela doar dois lustres para sua Capela.

Maria Divina morava na cidade de Bicas, lecionava em Fundão (distrito de Bicas). Fundão tinha meia dúzia de casinhas pau-a-pique e a Capela de Santo Antônio.
Tinha tanta fé em Santo Antônio, que todo mundo a procurava para fazer as promessas.
Ana Luiza , 36 anos, empresária, não tinha muito tempo de pensar em santo, ir à missa, muito menos pagar promessas.
Contato com padres, igrejas, só mesmo até 15 anos, obrigada pelos pais.
Tinha horror de lembrar um fato acontecido quando adolescente. Em um leilão, depois da missa das dez, os frangos doados, para serem leiloados, estavam amarrados com os pés pra cima e agonizando, de tanta sede. Depois desse episódio, nunca mais voltou na igreja.

----Virgem Maria! Que poeirão danado! Você faz as promessas, e quem paga sou eu? E ainda por cima, essa caixa com os lustres está pesada demais!
---- Mal agradecida! Faça o favor de ficar de bico calado, engole essa poeira, que ainda é pouco.
Anda, anda, só falta mais uma curva para chegar na Capela. E para cumprir certinho a promessa você tem que aguentar, até lá, o peso dos lustres.

Maria Divina sentou nos degraus da capela, tomou fôlego, e entrou puxando Ana Luiza, dizendo:
---- Santo Antonio, cheguei com a moça, veio arrastando, mas veio. Sabe, meu santinho, obrigado por tudo. O Senhor sabe que mato a cobra e mostro o pau. Veio a moça e os lustres para enfeitar a capela. Sábado, à noite, quando o povo chegar para a missa, a capela estará linda. Colhi no meu jardim esses copos-de-leite para enfeitar o altar e deixo aqui, mais uma vez, meu coração agradecido e cheio de amor e fé.

---- O que você está olhando? Agradeça Santo Antônio, você está viva!
---- Maria, ja rezei.
---- Só isso! Dá um beijinho nele, passa as mãos na suas vestes, pega a água benta, passa na sua cicatriz. Pensa que Santo Antônio é bobo? Ele gosta de carinho. Conheço-o como a palma da minha mão!

Ficou, lá atrás, a curva e a poeira da estrada, mas a fé, o amor, o exemplo daquela mulher fez uma reviravolta na vida de Ana Luiza.



compartilhe



informações

Autoria
Anamineira
Ficha técnica
Negociação com Santo Antonio = Fé
Downloads
326 downloads

comentários feed

+ comentar
Angélica T. Almstadter
 

Gostei!

Angélica T. Almstadter · Campinas, SP 28/8/2008 16:15
sua opinião: subir
ayruman
 

Oi Ana. Muito bom seu texto. Singelo, original e verdadeiro na expressão pura de quem conhece as coisas da Espiritualidade.
Saúde, Paz e Amor. Sempre. jbconrado

ayruman · Cuiabá, MT 28/8/2008 17:18
sua opinião: subir
danlima
 

ana, li e achei ótimo seu texto... é uma crônica, muito bem escrita, com certeza, bem ao estilo mineirim de ser... e é claro, fé é algo inexplicável, é inexpugnável... é coisa de dentro, e eu sou um cara de muita fé...sempre... Aninha, continuo dizendo: pque vc não \organiza um livro de crônicas? são boas demais...sô

danlima · Brasília, DF 28/8/2008 21:31
sua opinião: subir
Saramar
 

Ana, o conto, tão pequeno na forma, é imenso em conteúdo: tem aquela riqueza de detalhes que, num átimo nos transfere para a atmosfera da narração, perfeita.
Fantástico!

beijos

Saramar · Goiânia, GO 29/8/2008 00:45
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Ana, gostei do seu texto.
Acho que promessa não se faz para que os outros cumpram. Mas, como diz o título do seu texto, cada um com a sua fé.
bjs

Sônia Brandão · Bauru, SP 29/8/2008 01:59
sua opinião: subir
Marluce Freire Nascasbez
 

Ana,

Belìssimo trabalho Ana!
Parabéns menina!

Um aBRAÇO, Marluce

Marluce Freire Nascasbez · Carnaíba, PE 29/8/2008 22:50
sua opinião: subir
danlima
 

ana, abrou sua votação com prazer! Sua crônica está da pontinha da orelha! Gostosa de se ler, engraçada, muito bem escrita, cheia da graça e do jeeitin mineiro! Você está cada vez melhor! Beijos da Tê e meus!

danlima · Brasília, DF 30/8/2008 16:53
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Ana,
gostei do seu conto
bem escrito e gostoso de ler.
A fé de um, influência o outro.
isto é muito bom.
bjsssss

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 30/8/2008 18:08
sua opinião: subir
azuirfilho
 

anamineira · Alvinópolis (MG)
Fé, cada um com a sua.

Um texto muito bem feito.
Nos leva lá no cenário do Acontecimento.
Impressionante e tem o detalhe que nos comove....


.....um fato acontecido quando adolescente. Em um leilão, depois da missa das dez, os frangos doados, para serem leiloados, estavam amarrados com os pés pra cima e agonizando, de tanta sede. Depois desse episódio, nunca mais voltou na igreja.....

Ficou até uma lição de ética. Porque é muito Grande o nosso cristianismo e ele tem de estar presente em todos os lugares,
principalmente na forma de tratar todas as coisas do mundo.
Eu achei o máximo.
Parabéns.
Abração Amigo

azuirfilho · Campinas, SP 31/8/2008 07:50
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

muito bom seu texto.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 31/8/2008 08:08
sua opinião: subir
Nic NIlson
 

Eheheheheheh, muito legal.... Fiquei pensando o q é bom, p um, e muito ruim p outros... esta relatividade e q nos liberta das garras dos pensamentos dos outros.... Bom! Bravo!

Nic NIlson · Campinas, SP 31/8/2008 10:29
sua opinião: subir
Lili_Beth*
 

Olá Ana!

Isso mesmo: "Fé, cada um com a sua."
Gostei! Ótima narração.
Beijos_Meus*
*

Lili_Beth* · Rio de Janeiro, RJ 31/8/2008 22:08
sua opinião: subir
anamineira
 

Angélica, senti firmeza no "gostei".

Ayruman, a gente vai caminhando e aprendendo, abraços.

Dan, quem sabe um dia deste sai o livro de crônica. Preciso criar coragem. Um abraço amigo.

Saramar, sempre morei no interior, essa riqueza de detalhes encontro no convívio com meus parentes, amigos e vizinhos. É o meu cotidiano. Alegro-me com sua visita. Abraços.

Sônia, agradecida pelo comentário. Abraços

Marluce, apareceu a linda flor de cacto. Obrigad(a).

Doroni, agradecida pelo comentário.Um abraço das Gerais

Azuir, acredito que os adolescentes de hoje, se ver os bichinhos maltratados, fazem até greve de fome na porta da Igreja.Abraços,

Novo poeta, obrigada pela presença. Abraços,

Nic Nilson, Valeu o comentário. Abraços.

Lilizinha, Beijos meus também.

anamineira · Alvinópolis, MG 1/9/2008 21:27
sua opinião: subir
Bruno Resende Ramos
 

Mineiros somos, mas sois algo mais nessa identidade com as coisas de nosso povo... Sois Ana como são as Anas de toda a serania mineira. Parabéns! Votei!

Bruno Resende Ramos · Viçosa, MG 12/9/2008 17:15
sua opinião: subir
anamineira
 

Que coisa boa receber sua visita e seu comentário.
Volte sempre, as portas estarão sempre abertas, principalmente a do coração.
Abraços,

anamineira · Alvinópolis, MG 12/9/2008 18:33
sua opinião: subir
ayruman
 

Oi Ana. Muito bom seu texto. Singelo, original e verdadeiro na expressão pura de quem conhece as coisas da Espiritualidade.
Saúde, Paz e Amor. Sempre. jbconrado
>>> Aqui confirmando voto.

ayruman · Cuiabá, MT 30/9/2008 18:54
sua opinião: subir
Coluna do Domingos
 

Votei

Coluna do Domingos · Aurora, CE 12/10/2008 11:42
sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Ana,

Lindo texto de esperança, fé e religiosidade.

Bjs

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 14/10/2008 02:24
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 3 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados