GUERRA DOS FARRAPOS - A FARROUPILHA

http://www.popa.com.br/docs/cronicas/farrapos/F05_2.jpg
1
azuirfilho · Campinas, SP
3/8/2009 · 31 · 29
 

GUERRA DOS FARRAPOS
A FARROUPILHA

Contra a Força Imperial, e por toda Liberdade.
De Bandeira um ideal, de Amor e humanidade.
Com Cristo e a Eucaristia, o povo amigo irmão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Tempo muito sofrido, abandono e dificuldade.
Farrapos o apelido, dos lutadores da liberdade.
O Império não os assistia, lutavam por condição.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Havia o rico proprietário, e havia todo o povo.
Havia todo sonho e ideário, de um mundo novo.
Todo gaucho na euforia, pela sociedade de irmão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

O xarque ali produzido, era taxado tão desigual.
Desvalorizado contido, sem ter chance comercial.
Imposto alto sangria, matava a comercialização.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

O Povo disposto e varonil, fervor que expande.
Tinham amor ao Brasil, e por nosso Rio Grande.
Combatendo a tirania, e por respeito na relação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Na Beleza infinita, teve a República implantar.
Garibalde e Anita, pra toda Escravidão acabar
Pelos pampas e pradarias, cochilas e amplidão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Marinha poderosa, a Bento Gonçalves prendeu.
Imposição afrontosa, o povo não se submeteu.
Contra infame hierarquia, no mando da Nação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Bento Gonçalves preso. Pra Bahia é deportado.
Revolucionário sem medo, e na fuga é ajudado.
É Salvador Maçonaria, com a Sabinada na ação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

A prepotência imperial, pelo pobre é enfrentada.
Uma luta toda desigual, pela gente esfarrapada.
De frente contra a tirania, pelo fim da servidão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Não era separatista, mas tinha de parte libertar.
Plenamente Humanista, pra vida algo melhorar.
Todo povo na euforia , e para o Céu sua oração.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Liberal por igualdade, e não outro monstro virar.
Queriam era oportunidade, não outro jugo ganhar.
Não o Império e covardia, sugando a população.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

De amor e Boa vontade, não ao povo explorar.
Chega de indignidade, tem é de a vida melhorar.
É luta pelo que valia, o fim de toda exploração
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Italianos refugiados, os carbonários lutadores.
Os poetas apaixonados, socialistas sonhadores.
Viu toda ideologia, de socialismo a comunhão
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Império dono do mar, Garibaldi vai lhe vencer.
Anita vai lhe ajudar, e resistência vão oferecer.
Em incrível travessia, barcos de rodas pelo chão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Humanidade e ternura, o Povo e a sua firmeza.
Abolição da Escravatura, a igualdade de beleza.
Por terra e moradia, para todos o direito do pão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Tempo muito sofrido de abandono e dificuldade.
Farrapos era apelido, dos lutadores por liberdade
Qualquer arma servia, fosse garrucha ou facão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Heróicos Lanceiros, Negros dando a vida a lutar.
Os Titãs verdadeiros, por liberdade nesse ofertar.
Muita carga de cavalaria, e muito tiro de canhão.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Caxias e 12 mil soldados, e muito canhão a atirar.
Tem recursos de todo lado, é cessar o sacrificar.
Toda mortandade e sangria, só restou negociação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

O quadro triste nada belo, desfecho desagradável
Onofre Pires morre em duelo, um dor irreparável.
Todo sacrifício e agonia, verdadeira crucificação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

A paz foi estabelecida, em Poncho Verde selada.
A sorte estava decidida, luta de armas terminada.
Vive no sonho e na Poesia, vive em cada coração.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.

Azuir Filho e Turmas: Do Social da Unicamp e, de Amigos, de: Rocha Miranda, Rio, RJ e, de Mosqueiro, Belém, PA.

Poesia de Homenagem a Guerra dos Farrapos a Farroupilha, 1835 a 1845, 10 anos de sacrifício e Heroísmo do Povo Gaúcho e de todos que foram lá ajudar a manter acesa uma chama de Liberdade e de melhores condições de vida para todos. O Império do Brasil em plena Escravidão Negra conseguiu a poder de tiros de canhão quebrar a resistência física, sem que tivesse conseguido abater o ideal do Direito Humano pela Liberdade e melhores condições de vida para todos. O Povo Gaucho na Guerra dos Farrapos, deixou a Lição de que quando se sujeitam um povo a exploração, o crime é cometido contra toda a humanidade, Não existe um povo em si isolado do Humano na Terra, Todos somos Raça humana e devemos ser respeitado no direito de se auto governar com decência e Humanidade. O Esforço dos Farrapos não foi em vão, não é em vão uma Revolução, e cada vez mais os povos conquistam os seus direitos num processo em que chegaremos a eliminar todas guerras e dominação com um mundo melhor. Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.


DIREITOS RECONHECIDOS E AGRADECIDOS
F1 http://www.popa.com.br/docs/cronicas/farrapos/F05_2.jpg
F2 http://www.popa.com.br/docs/cronicas/farrapos/F03_2.jpg
F3 http://www.popa.com.br/docs/cronicas/farrapos/F07_2.jpg
F4 http://www.popa.com.br/docs/cronicas/farrapos/F02_2.jpg
F5 www.coracional.com/mediac/400_0/media/DIR_764001/anita$204$20$283$29.jpg
F6 http://tradicao.pampasonline.com.br/lanchao.jpg

CARINHOSAMENTE HOMENAGEM A PAULO ESPINDOLA DE URUGUAIANA, RS, E SUAS FILHAS KERLLEN E KAREN QUE REPRESENTAM TODA ESSA NOBREZA DO POVO DO SUL.
QUE POR VALOR TORNAM A FRONTEIRA AMIGA.

Sobre a obra

Obra de Louvor a Guerra dos Farrapos na pessoa do seu Povo Gaúcho, seu Heróico Construtor.
A Guerra dos Farrapos foi levada com duras penas e sacrifícios de vidas. Verdadeira epopéia pra gente se orgulhar. E, por Ter o nome de Farrapos, não podemos ter dúvida de que o Povo estava lá a lutar, com capacidade e Heroísmo que só o Povo adiciona à História, com sua renuncia a interesses oportunistas e ou dominadores, o seu amor e o seu sangue.
O Termo Liberal que Hoje representa o Capitalismo na ação de acumular. não tem nada a ver com os liberais da Bahia que ajudaram a libertar Bento Gonçalves, que estava preso no Forte do Mar em Salvador. Os Liberais daquela época eram mais identificados com os movimentos utópicos de igualdade e relações humanas fraternas, tão conhecidas pelas Revoluções de 1848, que ocorreram por todo o mundo e que Garibaldi e Anita tão bem os representavam e davam crédito de honra.

compartilhe



informações

Autoria
Azuir Filho e Turmas: Do Social da Unicamp e, de Amigos, de: Rocha Miranda, Rio, RJ e, de Mosqueiro, Belém, PA.
azuirfilho@superig.com.br
azuirferreiratavares@gmail.com
Ficha técnica
Louvor ao Povo Gaúcho pela participação na Guerra dos Farrapos, a Farroupilha Heróica, onde o povo humilde sem ter como ganhar a vida, os Escravos na esperança da liberdade, os mestiços por serem sempre excluídos e todos buscando uma chance de melhorar a vida tão dura e pobre da época.
Downloads
1878 downloads

comentários feed

+ comentar
José Carlos Brandão
 

Todo crime torna-nos menos humanos, é cometido contra toda a humanidade.

José Carlos Brandão · Bauru, SP 3/8/2009 22:26
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Guerra dos Farrapos,

des anos de lutas, sacrificio e heroismo
O povo sabe o que quer quando sonha com ideais de liberdade e
com a grandeza da Nação.
grande homenagem
Parabéns!
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 3/8/2009 22:29
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Olá, Azuir,
deixo aqui mais uma vez minha admiração por seu importante trabalho.
bjs

Sônia Brandão · Bauru, SP 3/8/2009 22:32
sua opinião: subir
Ivan Cezar
 

Azuir:
Voltando de viagem...
vários dias sem web
e vejo esta bela homenagem
que mostrando a história conhecer
cita a sublime ordem
tão justa em seus propósitos
e perfeita
em suas escolhas
que plantou na história do Rio Grande
os ideais de
Liberdade , igualdade e
fraternidade
a exemplo dos franceses
de 14 de julho - lá
aqui 20 de stembro !
abraço !!

Ivan Cezar · São Sepé, RS 3/8/2009 23:41
sua opinião: subir
Ivan Cezar
 

Azuir:
Voltando de viagem...
vários dias sem web
e vejo esta bela homenagem
que mostrando a história conhecer
cita a sublime ordem
tão justa em seus propósitos
e perfeita
em suas escolhas
que plantou na história do Rio Grande
os ideais de
Liberdade , igualdade e
fraternidade
a exemplo dos franceses
de 14 de julho - lá
aqui 20 de setembro !
abraço !!

Ivan Cezar · São Sepé, RS 3/8/2009 23:41
sua opinião: subir
Clésio Tapety - Cultura da Paz
 

Parabéns, Azuir. Espero que um dia nós (povo), possamos superar o caminho da guerra e encontrar outros meios de transformar esse mundo. Abração, amigo.

Clésio Tapety - Cultura da Paz · São Paulo, SP 4/8/2009 00:26
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Maravilha de resgate, meu amigo! Este é, mais um relevante apanhado da nossa história.
Abraços e parabéns

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 4/8/2009 01:44
sua opinião: subir
Greta Marcon
 

Como gaúcha que sou, só tenho que exaltar essa beleza de
homenagem ao valente povo do meu rincão.
Votado e parabéns
Beijosss

Greta Marcon · Ponte Nova, MG 4/8/2009 03:02
sua opinião: subir
Cariri em Movimento
 

Meus parabéns majestade, mais um bom trabalho.
Votado

Cariri em Movimento · Aurora, CE 4/8/2009 06:32
sua opinião: subir
Cezar Ubaldo
 

E,importante,amigo,é a relação que faz entre os movimentos nacionalistas.Quanta aula de História!Que venham mais e mais trabalhos de indiscutivel qualidade.Mais um grande abraço.

Cezar Ubaldo · Feira de Santana, BA 4/8/2009 07:11
sua opinião: subir
Mirtes Carvalho
 

Meu querido Professor Azuir; Linda esta louvação. Está com um ritmo tão gostoso, que parece uma canção. A sua inspiração está cada vez mais bonita e sonora. Parabéns! E aí? Já tem muitas editoras interessadas para a publicação? Imagino, que deve haver já, mais de um volume. Podem ser separadas por Batalhas ou Lutas e Personalidades; No mesmo volume pode ser meio a meio. Pode ser também por época histórica. Espero já estejam alguns no Prelo. Maravilha. Parabéns! Bjs, Mirtes Carvalho

Mirtes Carvalho · Rio de Janeiro, RJ 4/8/2009 07:30
sua opinião: subir
assis pio
 

votadissimo

assis pio · Aurora, CE 4/8/2009 08:23
sua opinião: subir
arnaldo cavalle
 

brava chente que lutou para um pais ainda em libertação muito bom azuifilho um abraço

arnaldo cavalle · Jaboatão dos Guararapes, PE 4/8/2009 08:54
sua opinião: subir
RUI LÔBO
 

Azuir: Quem nunca ouviu falar da epoéia de luta e amor de Anita e Garibalde, numa das mais belas histórias pela liberdade que se tem notícia, tradição até hoje do bravo povo gaúcho. Que a paz e a unidade federativa promova o bem-estar de todo o nosso povo brabileiro, hoje, amanhã e sempre! Axé!

RUI LÔBO · Brumado, BA 4/8/2009 10:44
sua opinião: subir
Vasqs
 

Dou uma boiada pra não entrar numa guerra e duas pra sair dela.
Dez anos?!, quanta sanguinolência! Só uma opressão extrema justifica a guerra. Tomara tenhamos descoberto definitiva e eternamente outras formas de luta.
abraço

Vasqs · São Paulo, SP 4/8/2009 13:32
sua opinião: subir
Tina Liebe
 

Meu repentista favorito. Dá inveja nos poetas.

Tina Liebe · São Paulo, SP 4/8/2009 18:07
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

um grande trabalho no sentido exato da palavra, um forte abraço amigo da escrita.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 4/8/2009 20:29
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Rico Brasil e seus delírios... abraços.

Juscelino Mendes · Campinas, SP 4/8/2009 22:11
sua opinião: subir
opoertadabaixada
 

Farrapos virando pilha!
È fogo, viu no que deu náo?
Virando FRROPILHA!
Fazendo a grande Revolução!

Vitado. opoeta.

opoertadabaixada · Belford Roxo, RJ 4/8/2009 23:12
sua opinião: subir
Aldy Carvalho
 

Bom mesmo seria (acredito que ainda será) que todos nos reconhecêssemos como raça humana, semelhantes, próximos, irmãos.
Mas, como diz o poeta J F Lisboa, "...tão dissemelhantes os homens...estou para bicho..."

Abs

Aldy Carvalho · São Paulo, SP 5/8/2009 08:13
sua opinião: subir
Vinícius Motta
 

Mais um belo trabalho sobre a história do nosso povo.
Parabéns.

Vinícius Motta · Rio de Janeiro, RJ 5/8/2009 10:17
sua opinião: subir
ayruman
 

Grande amigo. Aqui aprimorando meus conhecimentos. Sou grato!
jbconrado.

ayruman · Cuiabá, MT 5/8/2009 11:36
sua opinião: subir
LAURO WINCK
 

A guerra, as guerras, todas poderiam ser evitadas seo homem vivesse pelo homem e não pelo poder.
Abração amigo!

LAURO WINCK · Rio Pardo, RS 5/8/2009 13:47
sua opinião: subir
kfarias
 

Votado e sempre agradecendo a grande permissão que me é dada ao ler seus trabalhos maravilhosos.
abraços.

kfarias · Águas de Lindóia, SP 5/8/2009 19:46
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

... e meu bisavô foi um dos braços na Revolução do Farrapos.
Mas a guerra...,principalmente essa, entre irmao...é uma insanidade coletiva.

gostei do post,meu caro Azuir.

bjsssssssss♥;;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 5/8/2009 23:08
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

bjssssss♥;;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 6/8/2009 11:44
sua opinião: subir
erhi Araújo
 

Votado

Sempre!
Temos que te agradecer por tão belas memórias, elas, que tanto nos ensina.
Obrigado
Parabéns

erhi Araújo · Feira de Santana, BA 6/8/2009 15:55
sua opinião: subir
Andre Pessego
 

Muito boa exposição. É realmente um momento oportuno.
abraço
andre

Andre Pessego · São Paulo, SP 6/8/2009 18:36
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

Azuir...Voce é nosso porta-voz da História do Mundo !

um abraço

joe_brazuca · São Paulo, SP 7/8/2009 12:32
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

imagens clique para ampliar

Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. zoom
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. zoom
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. zoom
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. zoom
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. Anita e Garibalddi. zoom
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. Anita e Garibalddi.
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. Anita e Garibalddi. zoom
Farrapos A galhardia, Farroupilha A libertação. Anita e Garibalddi.
baixar
pdf, 7 Kb

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados