Intervenção cósmica - vc já está turbinado?

1
Zemh Teixeira · Belo Horizonte, MG
7/2/2013 · 1 · 2
 

A intervenção cósmica - a quem possui "certa sensibilidade" e já está turbinado!!!!.

O racional só vai até ali... a mente vai mais longe... o coração alcança o infinito!!!!

Nós pequenos pensadores, na figura de homens contemporâneos, só teremos a possibilidade de acrescentar a nossa estatura espiritual, se adquirirmos um entendimento amplo das questões básicas da existência -erroneamente atribuídas ao campo da filosofia- questões essas, que se fazem presentes a todo momento em tudo o que fazemos e observamos. Na natureza e na cultura. É preciso ter noção. É preciso ser urbano, no sentido de acesso aos recursos tecnológicos, e citadino, no sentido de humanidade e, dever para com o mundo e nossos semelhantes. Estendendo isso até ao reino mineral. Usufruímos do privilégio de registrar nossa opinião, geralmente resultado de séria pesquisa, com cruzamento de dados, analogia e aprofundamentos. Isso só não nos basta, como também não nos basta reconhecimentos, muito menos a galeria louca dos fetiches acadêmicos. Basta-nos a verdade de cada dia. A margem do absoluto. A vida, sua origem e destino, seu percurso, itinerário e possíveis trajetos. Todo um reclame existencial está registrado na mãe natureza, que a cada dia se mostra mais como uma madrasta, onde tudo denota uma única direção: O tempo. Todo o "projeto natural", caminha sempre, para o aperfeiçoamento, em um burilar constante, progressivo. Às vezes, cientificamente, sem pé nem cabeça, cujo "elo perdido", é o que compõe o campo dos segredos e das tradições mais secretas. A priori o estudo desse "sagrado" nas várias culturas, em todas as épocas, fica acessível apenas aos luminosos e seus iluminandos adeptos do amor. Amor esse ilustre desconhecido, força motriz dos também desconhecidos santos, deuses e invisíveis auxiliares. Combustível universal, cuja contra-parte material, o ouro, recebe em qualquer nível, pode se dizer, o mesmo tratamento provindo do encanto, do poder da posse, do recurso que representa, das possibilidades que desperta e sustenta a execução. "Assim em baixo, assim em cima". O norte da agulha é Hermes, Mercúrio, o mesmo Apolo e profano Baco. Falando de deus, deuses e santos, excluo aqui, qualquer religião conhecida e naturalmente qualquer forma de espiritismo. Faço um reclame ao "pensar científico leigo", e explico leigo por quê:- Porque destitui-se do compromisso com premissas da chamada ciência oficial, e institui-se nos fundamentos da razão pura, de a quem tal assunto interessar. Essa "Razão pura", vem de um coração recuperado, das máculas do mundo, e da infância em meio aos insensíveis. Não produzirei bibliografia, nem nenhuma outra forma de referência ou compromisso. Faço um apelo "a certa sensibilidade" da cabeça e do coração, de quem já está turbinado, com os dois funcionando juntos. Dedico o texto a quem a possui. Sempre nos comparamos aos humanos e seus acontecimentos de qualquer época, que temos notícia... é como se pensássemos por exemplo: -como é que "nós" (humanos de tal época), fizemos as pirâmides maias ou egípcias? O nós, perfaz-se ridículo se pensarmos nas condições. É no mínimo metafisico e pouco semântico, o entendimento. A Terra, nosso planeta, é formada como todo o universo conhecido, na região do carbono, que é um elemento plástico, sensível a inúmeras irradiações que penetram o universo. o "universo" está inserido em "Universo maior", e o entendimento aqui, deve expandir-se ao campo nuclear, não do tempo ou espaço. " Nuclear", tem a ver com o desconhecido, o impenetrável, aquele onde deve-se diminuir para adentrar.... Essas irradiações alteram a natureza e diretamente, abrem possibilidades "inteligentes", no sentido neo-humano. Ou seja: -Há aí, muita coisa que desconhecemos. Então, reduzimos em muito, muitíssimo o "nós". Em que lidamos conscientemente com essas irradiações? Em nada. Um pouco na ciência e no máximo há toda uma mística, nas religiões que tratam um aspecto de irradiações "extra-terrestres", como "espírito santo", o que em verdade, abre campo para inúmeras interpretações, mistificações, e muitas enganações. Toda uma pirataria parece se manifestar. É o campo do "desconhecido". Do superior encantador e desconhecido. Da "força" e suas possibilidades. Do milagre tecnológico, místico, filosófico ou mental. Em verdade, o que se denomina "espírito santo", tradicionalmente, o "campo do inacessível", não é apenas extra-terrestre... é extra-cósmico. Se fosse apenas extra-terra, seria formado dos mesmos elementos e seria então conhecido. Portanto, algo que podemos perceber, é terrestre ou extra-terrestre, e nunca extra-cósmico!!!! O "Jesus que te toca então, pode não ser de "outro-mundo", de outra "ordem cósmica". E, talvez, seja até da extra-terra física, a "terra imaterial, ou mundo dos mortos. O que não quer dizer que alguém em nosso planeta não esteja vivendo a verdade do verdadeiro Cristo, cujo "reino, não é deste mundo"!!!! Então, não confundamos "mundo" com Planeta. Todos sabemos que os planetas são como os seres humanos, possuem quatro corpos imediatos e três incipientes. Morrer é perder o corpo material. É passar a viver apenas no mundo sutil, que a matéria não nos deixa perceber. Chega até a setecentos anos a "vida poste-mortem"... e depois tudo se acaba. Restando apenas a essência migratória individual, que nos acolheu, e que um dia para a casa do pai irá!!!!
Assim, entramos no assunto, que é sempre de "última hora". Quem tem um mínimo de percepção, sabe que há todo um burilar cósmico na relatividade entre as coisas. Entre tudo. Um átomo é em verdade, um micro universo. Um cosmo, um sistema solar, uma via- láctea, um aglomerado uma região do universo.Tudo está vivo, tem biologia, movimento, utilidade e inserção, ventiladas na "teoria do caos", no "tao da física", na "doutrina secreta", nas escrituras, artes e tradições. Onde está o elemento central? Veja bem vamos partir de uma lógica para-científica. Não vamos mistificar na metafísica, na religião ou na filosofia. O Homem não parece ser o elemento central na natureza? A ponta da pirâmide? Ele não venceu a concorrência evolucionista? Originário do verbo, da natureza ou do acaso, não interessa. Ele é "plástico", muito mais do que pensamos. O que é o sistema neurológico senão um sistema eletrônico humano? Ah, e o que isso significa? - Significa que se mudar a energia sutil, a eletrônica humana pela "neo-humana", muda o resultado. Ai está o segredo da intervenção cósmica, também chamada de "Reino dos mil anos", a "casa da eugenia". Cuidado! Eugenia é uma ciência antiga, do verbo, da luz e do amor divinos. Chamaram de eugenia a experiências genéticas arbitrárias. Nazistas e fascistas. Sujaram essa palavra que designa a ciência da reconstrução humana!!!! A "Ciência da origem e do retorno". Veja bem. É preciso abrir mão de tudo! O pensamento psicológico do séc XX, agora XXI, carregado de certo "realismo dialético", científico, filosófico, religioso, pequeno burguês e proletário, só vai até ali. É preciso ir mais longe! É preciso, por si mesmo, abrir um "espaço mais amplo", "abrir a mente", realizar a prática do lúdico, do figurado, do mítico-mental, do analógico puro, do digital de Deus!!!!. O racional só vai até ali... a mente vai mais longe... o coração alcança o infinito!!!! Qualquer um, pode investigar isso. É preciso renunciar, ao racional-crédulo como ferramente número um. É preciso "diminuir". É preciso inteligência, que é a capacidade de solucionar problemas. É preciso elaborar perguntas corretas, novos problemas. É preciso certo poder de unir informações, sem compromisso de resultado. Certo poder de sincretismo racional e configuração mental. É preciso espaço, liberdade e amor. O passo seguinte a certa abertura da mente é a abertura do coração. Observe falamos da mente, não da razão. A razão é uma função da mente, assim como a memória, a intuição. À mente aberta, é possível pensar de maneira não-concreta. Estamos falando dos limites. Falamos do coração e todo o seu potencial de aparelho cósmico. À mente, é possível vislumbrar o infinito. A tradição fala que deve-se morrer nisso. Estamos falando do "universal", não apenas do infinito. Então você não precisa ainda morrer. Precisa amar. Renunciar a certas posturas mentais,racionais e ridículas. Certas posições de caráter intelectual e certo querer absurdo, certa lógica com a qual foi educado. É preciso então, renúncia, a renúncia dos iogues e monges. É preciso pureza. Pureza de coração. Um "santo", é quem tem essa pureza. Daí, é possível presumir-se que entre os chamados santos, de todas as religiões, em todas as épocas, alguns, de fato eram santos. Não há tempo. Não há como perder tempo. Se você for para um monastério ou algo parecido, mesmo que da mais alta Yoga, indu ou tibetana, poderá ser enganado, pois há pouco tempo. O lama não sabe, o mestre não sabe, a ciência escolástica não sabe, o artista não vive isso, a filosofia não explica. A Cabala, o esoterismo, o hermetismo, o gnosticismo, a física, a antropologia,o evangelho, a cosmologia, podem te ajudar, mas ninguém lhe dará nada. Vc está só e não vai a lugar nenhum!!!! É preciso chegar a esse ponto, a essa desilusão a esse estado mágico em que "você", ou seja, a sua ilusão de ser "si mesmo" e não ser "o outro", está só. Acabada. É nesse momento que brota a luz. Vc, um conjunto de regras e padrões, a vergonha mostrada em "The Wall", uma mistura de comportamentos e entendimentos, de parcos afazeres e saberes, deve estar neste ponto, saciado o suficiente para não se iludir nem com ela, com a ilusão! Não se deve iludir nem com a luz. Receba a bem mas, a iluminação não basta, ela é apenas o início. Deve-se transcender o cósmico e conhecer o infinito. Algo do infinito deve pulverizá-lo lentamente. Pois bem, é essa luz, que não deve, nem pode ser aplicada. É ela e ou algo dela, que deu poder a tanta gente, em um passado mais ou menos recente. Os últimos setenta mil anos foram iluminados. os bárbaros iluminados, agora são elétro-mecanizados. Essa luz, não é para isso. Poucos tem acesso a ela. se Vc está ocupado com a pesquisa científica, religiosa, filosófica, artística, apenas um pequeno lampejo poderá alcançar. ela está uma oitava acima. Ela já é. Essa luz está pronta. Vc é que não está. Essa luz é eterna. Ela não deve ser nem adorada. Deve ser observada, enquanto ocupa espaço no seu interior. E isso, só acontece lá na frente. Não existe método, sistema. vc pesquisa, descobre, junta, faz um mosaico e o milagre acontece!!!! Lá fora, o "reino dos mil anos" continua, mas agora, a intervenção cósmica alcançou o seu interior, então ela deixa de ser cósmica e se inicia o infindo... ela, a mensageira de outra ordem, de outra estrutura das coisas, de outro mundo, muito além de qualquer astral, mental, espiritual conhecidos, se revelou. Vc já viu alguma referência, alguma citação, sobre "Shangrilá", "El dorado", "Shambala", "Édem", não viu? Isso não são coisas da natureza, são "coisas" da intervenção. Ninguém sabe nada sobre isso e se arvoram em teologicamente tentar explicar. Ninguém sabe nada sobre isso, mas podemos perceber o mundo a nossa volta. Veja as "facilidades". A tecnolatria. Isso também é a sombra de Shangrilá amigo. Tecnologias mil, economias mil, informações mil. De sete bilhões de pessoas, creio que cinco bilhões, estejam no "céu", sem o saber. Tudo flui e uma minoria vive na barbaridade ou ocasionalmente é por ela colhido. Certo deus minoritário não perdoa seu sangue. Minoritário por ser pequeno-cósmico. O melhor está ai. Capitalismo, agora "responsável". Democracia, mercado, serviços, socialização de direitos, de entendimentos, de possibilidades. É o céu. Achas que o olimpo é como? Certamente há toda uma biologia lá. Não há a concorrência, mas há o concurso, ao lado do curso. Perdemos um dia o curso, ao pegar a corrente do concurso e caímos nas ... trevas. Mas agora vc tem luz... no coração. A única maneira de se projetar essa luz aqui dentro, desse universo cósmico, é assim. Como fazer essa luz crescer e seguir seu curso é outra coisa. Vc será auxiliado quando estiver nesse ponto. Infelizmente vc deverá limpar o estábulo, o coração, retirando de lá, o burro, ou seja, o intelecto e sua segurança racionalista. A vontade, que como um boi, na forma de desejo, lhe prega mil peças, te confundindo, fazendo perder tempo. Deve deixar crescer, seu "poder cordeiro", sua docilidade e capacidade de guerra e rendição interna. Sua inteligência lúdica. A magia do novo só pode acontecer no lúdico. No criativo. Na sensibilidade e ausência de medo. Então, em dedicação exclusiva, vc chega lá. "Aquele que vence a si mesmo, é mais forte do que o homem que conquista uma cidade". Não importa se vc é criança, jovem, maduro ou ancião. Indigo, cristal ou diamante. Religioso ou não, filósofo ou não, artista ou não, cientista ou não, ou tudo isso a sua maneira. Não importa! vc consegue, renunciando a si mesmo!!!! "vigiando" e em "oração". Abandonando o conhecido e rumando ao desconhecido. Como sabemos disso? Essa não é a questão. Certa pombinha anunciou !!!! rsrs

Sobre a obra

Problemas antigos soluções trilenares!!!! A existência é o período de quê? Do berço ao túmulo, cedo ou tarde... tudo bem? "Ser ou não ser". Ter, ou não ter razão.

compartilhe



informações

Autoria
Zemh Teixeira artista, gestor cultural, ensaísta, hermetista, gnóstico, cristão, cabalista, pesquisador esotérico, especialista em resina sintética e serigrafia.
Ficha técnica
Pensamento clássico, digo, muito clássico!
Downloads
305 downloads

comentários feed

+ comentar
ayruman
 

"Eu sou o caminho, a verdade e a Vida" (Jesus)

Abraço fraterno!

ayruman · Cuiabá, MT 8/2/2013 18:43
sua opinião: subir
Zemh Teixeira
 

c também. Avante o cristo interior! Se não me engano, é de Angelus Silésius a frase: -" Se Jesus nascer mil vezes em Belém e nem uma em seu coração, de nada adianta o que vc fez"!!! abcs!

Zemh Teixeira · Belo Horizonte, MG 10/2/2013 15:07
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 11 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter