INÚTIL ENTREGA

a/d
1
Saramar · Goiânia, GO
14/3/2010 · 5 · 5
 

Quanto de minha alma te entreguei,
quanto de riso e sonhos...
quantos mares atravessei
para me entregar, tua...
Depois que se quebrou o rumo
e me dobraste
e me curvei
ao vento de tua ausência
o que restou,
senão minha alma nua?

Sobre a obra

mais um poema de amor e saudade

compartilhe



informações

Autoria
Saramar
Downloads
295 downloads

comentários feed

+ comentar
Léia Alves Moreira Pierucci
 

humm... profundo em poeta! Me identifiquei pra caramba com seu sentimento...
parabéns, tá votadoooo

Léia Alves Moreira Pierucci · Diamantina, MG 14/3/2010 23:45
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

...a minha saLdade tem o tom
a cor e o peso da tua, poetisa.
q bommmmmmmmm te ler!!!

bjsssssss;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 15/3/2010 03:47
sua opinião: subir
Wadson Fernandes
 

o que restou senao minha alma nua?!!!

Wadson Fernandes · Belo Horizonte, MG 16/3/2010 19:03
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

"e me curvei ao vento de tua ausência"
é poético demais!
Bjs.

Juscelino Mendes · Campinas, SP 20/3/2010 00:02
sua opinião: subir
LadyQueiroz
 

Sensualíssimo poema. Adorei. Bjs

LadyQueiroz · Rio de Janeiro, RJ 30/3/2010 22:41
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 1 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados