JASMINS MOFADOS (POESIA FALADA)

Cintia Thome
Instale o Flash Player para ver o player.
1
Cintia Thome · São Paulo, SP
21/5/2008 · 227 · 33
 

Poesia falada- JASMINS MOFADOS POR CINTIA THOMÉ
Dedico ao Escritor, Compositor e Músico RENATO TORRES e a todos

Cânticos dos Cânticos = Rei Salomão
Uvas maduras = seios
Pedra Filosofal =A Pedra Filosofal (ou mercúrio dos filósofos) era o principal objetivo dos Alquimistas.
Segundo a lenda, era um objeto que poderia aproximar o homem de Deus. Com ela o alquimista poderia transmutar qualquer metal inferior em ouro, como também obter o Elixir da Longa Vida, que permitiria prolongar a vida indefinidamente.A transmutação dos metais inferiores em ouro seria a transformação de si próprio de um estado inferior para um estado espiritual superior.O trabalho relacionado com a pedra filosofal era chamado pelos alquimistas de "A Grande Obra" ("Opus Magna").

compartilhe



Embutir



informações

Autoria
...Cíntia Thomé
Ficha técnica
Voz Cintia Thome
Ave Maria Gounod -Bach
dedico a todos e em especial Renato Torres
Downloads
522 downloads

comentários feed

+ comentar
Cintia Thome
 

Estarei fora por algum tempo e dedico a todos.
Até a volta...
mil beijos

Cintia Thome · São Paulo, SP 19/5/2008 15:07
sua opinião: subir
clara arruda
 

Amiga,me emocionei.
Vc merece todos os louros que recolhe por sua obra.
Um grande beijo em seu coração.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 19/5/2008 19:27
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Patipetista
 

Mãos descansam na última oração
Por ti, Amor
Que aqui não morre,
Mas desaparece.


E assim você será eterna, em tuas palavras, em meu coração...
Até a volta, que seja breve, já com saudades...
Beijosssssssss

Pati

Patipetista · Taboão da Serra, SP 19/5/2008 21:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Saramar
 

Cintia, como sempre acontece quando conheço um poema seu, preciso de muitas leituras para conseguir abarcar a imensidade de tudo que significam.
E, agora, com sua voz, tornando mais intenso o sentir das palavras, mais ainda ouirei.
Obrigada.

Espero que seu retorne seja rápido, apesar de tudo.

beijos, minhas reverências a você, grande poeta.

Saramar · Goiânia, GO 19/5/2008 23:27
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Branca Pires
 

Oi Cintia, acabo de ouvir e sentir a tua poesia.
Sem palavras...
Beijos

Branca Pires · Aracaju, SE 20/5/2008 08:18
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Concordo com a Branca: SEM PALAVRAS...e, além de sem palavras, o título me trouxe uma deliciosa saudade, do Caio fernando Abreu e seus "morangos mofados". Parabéns. abços.

Cristiano Melo · Brasília, DF 20/5/2008 10:29
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Yasmin Backer
 

Linda,muito linda!!!
Belíssima poesia!
Beijos e fiques bem!!!

Yasmin Backer · Rio de Janeiro, RJ 20/5/2008 12:20
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cherry Blossom
 

Acho que também não irei conseguir falar nada Cíntia, já tentei dizer quando fiz comentário em "Jasmins Mofados" e também pouco saiu. Continuo a pensar que meu silêncio diante das tuas palavras fale infinitamente mais...
Beijos dourados

Cherry Blossom · Dracena, SP 20/5/2008 18:30
sua opinião: subir
Benny Franklin
 

Cintia!- Orquídea Selvagem de Henry Ford.

Lendo o que você escreve já é uma Gérbera;
imagine ouvindo tua meiga voz...

Este mofado poema - que dedicas ao amigo Renato
- é o retrato da beleza e da pureza d'Alma.

A pureza está em Ti.

Perfeito!

Não se esconda por muito tempo.

Bjs.

Benny Franklin-Teu fã.

Benny Franklin · Belém, PA 20/5/2008 21:15
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Regina Lyra
 

Cintia querida,
Este poema é um deleite.
Belo!
Beijos e volte logo.
Regina

Regina Lyra · João Pessoa, PB 20/5/2008 23:53
sua opinião: subir
clara arruda
 

Voltando.
jasmins mofados...
Uma obra prima minha querida amiga.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 21/5/2008 10:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Ailuj
 

linda Cíntia
voltei,e votei

Ailuj · Niterói, RJ 21/5/2008 11:47
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Noelio Mello
 

Cíntia, querida.
Poema lindo. Justa homenagem. Tua voz é como se ouvisse os ventos nos campos. Emoção pura
Beijos
Noélio

Noelio Mello · Belém, PA 21/5/2008 12:42
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

vo(l)tado.

Cristiano Melo · Brasília, DF 21/5/2008 12:49
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
brigitte
 

Cíntia, querida,
Belíssima homenagem e justíssima. Renato Torres é um filósofo poeta maravilhoso e amigo. Sua poesia assim na voz suave e carinhosa é um deslumbramento.
Parabéns a você e ao Renato!
Abração aos dois!

brigitte · Goiânia, GO 21/5/2008 14:02
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
nina araújo
 

Lindo,lindo!Votado!!Beijos cariocas!

nina araújo · Rio de Janeiro, RJ 21/5/2008 14:31
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cherry Blossom
 

Beijos e voto!

Cherry Blossom · Dracena, SP 21/5/2008 16:01
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

ei cintia...lindo viu.
votando para publicar.

samuel

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 21/5/2008 18:17
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lígia Saavedra
 

Minha querida amiga de longe...
Estive correndo por aqui e matei a saudade deixando um só beijo e alguns votos.
Muitos beijos saudosos

Lígia Saavedra · Ananindeua, PA 21/5/2008 19:30
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Voto e bjs

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 21/5/2008 23:13
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
victorvapf
 

Voto! Bjs

victorvapf · Belo Horizonte, MG 22/5/2008 00:20
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
fatima queiroz
 

Adorei! Parabéns

fatima queiroz · Santos, SP 22/5/2008 02:42
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Sander Machado
 

Muito bonito mesmo Cintia.
Como é interessante essa coisa da voz e o que imaginamos da voz do outro. Esses recursos imaginários que construímos e nem bem sabemos que construímos e em determinado momento estamos com o real. Então pensei nisso:

Uma voz aveludada
entrava pela janela
vai chamar clara
a moça declama uma poema para ela.

Canela, chá e almiscar
ia Cintia andando
Cinti-lando
esse poema e seu perfumar.

Com Carinho,
Sander

Sander Machado · Porto Alegre, RS 22/5/2008 09:08
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
brigitte
 

Cíntia, não poderia deixar de ouvir mais uma vez essa tremenda maravilha de homegem ao Renato.
Votos carregados de carinho!

brigitte · Goiânia, GO 22/5/2008 10:53
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
BETHA
 

Cíntia,
lindo poema, e que suave em tua voz!
bjs.
betha.

BETHA · Carnaíba, PE 23/5/2008 07:45
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Edson Marques
 

Uma voz que toca como se afago...


Como se música!!!


Abraços, flores, estrelas..

Edson Marques · Guarujá, SP 24/5/2008 21:22
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Cíntia, eu já havia lido alguns poemas seus e gostado muito, mas não fiz nenhum comentário. Ouvi agora os seus Jasmins Mofados e pude sentir mais intensamente a sua poesia.
Um abraço.

Sônia Brandão · Bauru, SP 27/5/2008 01:05
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Vera Martins Itajaí
 

Cíntia,
que prazer conhece-la em seu belo poema,e a emoção de ouvi-la me remete ao recôndito,reflito,minha alma poeta se enriqueceu com a sensibilidade que pariste "Jasmins Mofados".
abçs poeticos

Vera Martins Itajaí · São Paulo, SP 22/7/2008 13:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Beleza, Cíntia!

Juscelino Mendes · Campinas, SP 25/7/2008 15:51
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
silviaraujomotta
 

CÍNTIA THOMÉ,
Que linda voz! Excelente declamação! Clara, nítida a gravação!
POEMA M-RA-VI-LHO-SO!!!
"A paz já é sem a boca que queima!!!!"

VOTO CERTO!
Sílvia

silviaraujomotta · Belo Horizonte, MG 31/7/2008 19:28
sua opinião: subir
Renato Torres
 

cíntia,

a despeito de minha ausência, e minha patetice em não perceber de imediato esta homenagem, recorro ao indulto atemporal de minha própria entropia poética, e curvo-me, canino, aos teus pés, para te ouvir, e reiterar a reverência, o respeito, a profunda identificação humana que suscita a mim o que escreves, como, ao inverso, também parece acontecer. fico muito feliz que o que eu tenha escrito provoque em ti tal lirismo, e ao te ouvir - a clave vibrátil e grave de tua voz gravada - confirmo a antiguidade do teu espírito, e a senhoria gentil e pungente do que dizes, imperativa: sobrevoe... conduza... arranque... orvalhe..., como as tarefas míticas que induzem, a um só tempo, ao esquecimento e à transcendência. sim, porque aqui o abandono é uma ferramenta de ascensão espiritual, e deixas claro ao abdicar (à época) da convivência com os irmãos poetas do não-lugar.

não por mera coincidência, nesta mesma madrugada deparei-me com a cintilante homenagem de benny franklin feita a mim dessa mesma forma, a dedicatória de um poema. de um grande poema. não sei se minha existência renderá sequer um bom livro de poemas, minha querida. mas ao deitar-me na seara, no fogo, ou na curva marinha em que for reter o fluxo vital de minha trajetória na terra, hei de sorrir silencioso ao lembrar de delicadezas como as vossas...

beijos de felicidade e gratidão,

r

Renato Torres · Belém, PA 1/8/2008 06:18
sua opinião: subir
Denis Sen@
 

Muito bom,amiga!!!

Ainda aguardo meu exemplar,viu? rs

Denis Sen@ · Salvador, BA 4/8/2008 23:12
sua opinião: subir
Angela Lara
 

... ah! que delícia! Ganhaste uma fã! Linda és nos versos e na forma como vives o poema. Lindo! Lindo! Lindo!

Angela Lara · Porto Alegre, RS 13/1/2009 11:35
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
mp3, 3 Mb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados