LEVE BEIJO

CD 18.000 Multimidia Pack - CD Expert - 1997
1
José Bezerra de Carvalho · Teresina, PI
21/9/2011 · 0 · 0
 

Fino rubor lhe atinge a face, apenas
Alvas de neve, e logo um doce em breve
De leve, beijo as suas mãos pequenas
De leve, beijo as suas mãos de neve.

Tão leve o beijo como o vento é leve
Ser os meus beijos em suas mãos serenas
E o vento a beijar, como o vento leve
E ela vive entre os lírios e açucenas.

Nunca será tão leve como o vento
Saber que o vento a beija e que o meu beijo
Já me basta para o meu tormento.

Que essa divina flor que é tão suave
Ama o que é leve, como leve adejo
De vento ou como um gargantear de ave.

Sobre a obra

Fino rubor lhe atinge a face, apenas
Alvas de neve, e logo um doce em breve
De leve, beijo as suas mãos pequenas
De leve, beijo as suas mãos de neve.

Tão leve o beijo como o vento é leve
Ser os meus beijos em suas mãos serenas
E o vento a beijar, como o vento leve
E ela vive entre os lírios e açucenas.

Nunca será tão leve como o vento
Saber que o vento a beija e que o meu beijo
Já me basta para o meu tormento.

Que essa divina flor que é tão suave
Ama o que é leve, como leve adejo
De vento ou como um gargantear de ave.

compartilhe



informações

Autoria
José Bezerra de Carvalho, poeta Zé Bezerra, o "Aguia de Prata"
Downloads
233 downloads

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados