Liberdade

1
Amantino · Itumbiara, GO
27/12/2012 · 1 · 1
 

Liberdade




Calmamente pousaste nas planícies do meu coração.
Descestes pelas encostas da minha alma.
Navegastes pelos rios que serpenteiam minha vida
E no remanso de minhas águas calmas atracastes tua embarcação.


Caminhastes pelas relvas dos meus pensamentos
Lembranças, felicidade, saudades esquecimentos.
Desertos de minha alma tormentos!


Enfrentastes o frio em minhas montanhas de solidão
E pelas fendas do meu ser tomastes da minha água para aplacar tua sede.
Eterna Paixão!
Nos confins do meu amor fizestes tua morada
È como a lua que não posso afagar!
Prateada.


Mansa e calmamente pousastes nas planícies do meu coração
Ternura acalanto.
Liberdade expressão.
Crianças que brincam
Canções ao vento.
Vidas esquecidas, amores no sertão.
Palavras...
Palavras perdidas
Ecos da Paixão!



Amantino Silva 28/07/2008






compartilhe



informações

Downloads
118 downloads

comentários feed

+ comentar
Ailuj
 

Mansa e calmamente pousastes nas planícies do meu coração
...Poesia linda!!!!!
Um beijo poeta

Ailuj · Niterói, RJ 25/12/2012 19:09
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados