Não tenha medo de apreender

1
MARCIO1 · Montenegro, RS
13/7/2009 · 4 · 1
 

Não tenha medo de apreender

Esteja sempre atento a tudo,
nunca demonstre sua face,
eles não têm face.

Não confie em ninguém que odeia a traição,
pois eles a amam,
apenas encobrem a vontade sonhando acordado.

Tente sempre fazer as coisas ao seu modo
e se possível sozinho,
porque os cabeças duras te pediram favores.
Eles querem que a sua vontade
Se transforme na deles.

Escute mais que fala,
sem olhar nos olhos,
quando você precisar de fato falar,
seu olho estará virgem e a conversa,
não importa qual,
será sincera.

Largue mão dos sábios,
eles são fracos e melodramáticos,
além de tudo,
não tomam atitudes,
e quando as tomam são através da mentira,
sua única arma.
Com a desculpa que ninguém os compreende,
Pensarão ser mal compreendidos,
na verdade estarão sendo claros e puros,
mesmo os céticos e tarados.

Esqueça os ricos,
são pobres de idéias.
Precisam comprar uma nova todo dia.

Aprecie os vencedores,
Os emergentes,
Eles sim,
poderão te ensinar.

Nunca, absolutamente nunca roube,
Nada.
O rato não sabe falar, muito menos pedir,
e você?

Valorize a sorte,
ela está ai,
em algum dos seus bolsos,
a procure direitinho e pare de ser teimoso.
Sem crença não a fé,
um homem sem fé
é imprudente e tem atitudes dignas de um cachorro.
Se você latir e abanar o rabo,
eles te domarão de verdade.

Quando as coisas apertarem,
não sinta-se sozinho,
Se você for esperto lembrará
de Dostoievski,
Jesus, Napoleão e de seu vizinho
que deve até as cuecas pro banco:
Sorrirá com confiança,
se tiver sorte, ou cigarros irá sentir-se poderoso,
pronto para fazer história.

Chore, mas nunca se lembre disso.
Esqueça as lágrimas,
elas tem ódio,
inclusive as lágrimas do riso,
pois são irônicas e infectadas pelo excesso.

Não se idolatre, pois amará a vingança,
os amantes da vingança não apreendem
a esquecer e assimilam tudo,
inclusive a fraqueza,
a infantilidade e o desespero.
Os idolatras vingativos,
São os mais baratos para se comprar,
eles não tem nada para vender,
há não ser eles mesmos.

Sinta sempre pena,
Nunca desprezo, raiva, ou
Ódio daqueles que lhe atingiram,
Atingem, ou atingirão,
Seja qual a força ou proporção,
sempre sinta pena,
pois ao contrário dela,
todos sentimentos motores da vingança
exigem tempo
e isso,
É a única coisa que você não tem sobrando.

Sobre a obra

Poema

compartilhe



informações

Autoria
Márcio Rodrigues Fº
Ficha técnica
poema
Downloads
257 downloads

comentários feed

+ comentar
Cláudia Campello
 

qto exagero poeta! aff......
filosofia meia vã , não?!
ou totalmente do avesso.
(depois nao culpe a vida, ta?)

bjs♥;;

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 13/7/2009 18:16
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 4 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados