NOITE AFRICANA (TRIBAL)

Lailton Araújo / Painel Coletivo
Instale o Flash Player para ver o player.
1
LAILTON ARAÚJO · São Paulo, SP
11/11/2007 · 232 · 23
 



NOITE AFRICANA (TRIBAL)

( Lailton Araújo )


Certa vez num barco em Moçambique
Encontrei um poeta angolano

Que me contou momentos de horror na sua nação
Também falou verdade africana da revolução

Na mídia começa toda a miséria em tom radiante
Vejam que impera como baderna a cor morena

São Salvador no afoxé que balança americano
Forte lembrança dos trabalhadores que Iemanjá

Abençoou com seu manto azul e castiçal
A doce magia que faz da Bahia um carnaval

A boca que canta a formosura da “África-Mãe”
Sempre reclama em forma de dança a igualdade

O preconceito escureceu o brilho da lua
É o gueto escondido no mundo perdido da grande cidade

Um coro encanta no meio da noite “Made in Brazil”
Mão que levanta a discordância no social

Na batucada do samba ou umbanda e candomblé
Se vê a raça do negro na praça balançando o pé

Toca atabaque nessa vontade de ser feliz
É a mocidade na sociedade desse país


LINKS:

http://recantodasletras.uol.com.br/audios/cancoes/4638
http://palcomp3.cifraclub.terra.com.br/lailtonaraujo/
http://tramavirtual.uol.com.br/artista.jsp?id=75359

compartilhe



Embutir



informações

Autoria
Letra: LAILTON ARAÚJO
Música: LAILTON ARAÚJO
Ficha técnica
Voz: LAILTON ARAÚJO
Gravação: LAILTON ARAÚJO
CD: CANTOS E ENCANTOS
Edição: SICAM
Ano: 2003
Produção Executiva: MXT - PRODUÇÕES ARTÍSTICAS
Direção Artística: LAILTON ARAÚJO

Downloads
839 downloads

comentários feed

+ comentar
Benny Franklin
 

Lailton, grande artista e meu amigo, Salve!

Poetar é a arte de entender a vida. Poetar é expô os males que (dela) mergulham o homem em ganância e prepotência.
Você é sério. Inovador. Guerreiro.
Alguém que luta a favor das causas dos rejeitados,
dos menosprezados.

Seu poema, é de fina estampa, meu irmão.

Abraços,

Benny Franklin

Benny Franklin · Belém, PA 8/11/2007 21:01
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Benny Franklin
 

... E sua música,
É coisa de ferir firmamento!
Bravo!

Benny Franklin · Belém, PA 8/11/2007 21:03
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
TUKA VILLA LOBOS
 

Bom demais ouvir!
Bjus
Tuka

TUKA VILLA LOBOS · Brasília, DF 9/11/2007 13:18
sua opinião: subir
Adriana Costa
 

Na batucada do samba ou umbanda e candomblé
Se vê a raça do negro na praça balançando o pé

Toca atabaque nessa vontade de ser feliz
É a mocidade na sociedade desse país



Gostei demais, Lailton. Letra e música: fantásticas!
Bela contribuição!

Adriana Costa · Brasília, DF 10/11/2007 12:53
sua opinião: subir
Andre Pessego
 

Esta mesmo sem tempo, não poderia deixar de ouvir. E já tudo que falar do teu som do teu trabalho já falaram - vozes abalisadas,
um abraço, andre.

Andre Pessego · São Paulo, SP 10/11/2007 16:26
sua opinião: subir
Francolino
 

Justa homenagem! Certa feita, estive em Ouro Preto, num congresso e me disseram: "na Bahia é festa o ano todo, hein baiano?" E eu respondi: "É. Vai morar pra você ver!" Podem acreditar que não, no estado que concentra a maior comunidade negra, fora da África, existe muito racismo. Isso é fácil de observar rapidamente, basta dar uma volta nos shoppings centers. Nas lojas, estereotipos europeus. No setor de serviços, advinha quem faz a segurança, quem varre o chão, quem é ascensorista, quem recolhe bandejas...ninguém observa, pois eles são invisíveis.

Um abraço...

Francolino · Salvador, BA 10/11/2007 17:29
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marcos Paulo Carlito
 

Aqui já vejo futuro.

Aqui você produz em cima de sua indignação ou de sua dor, de suas reflexões sobre o mundo.

Aqui te parabenizo e voto.
A melodia está gostoza, mistura uma base espanhola com reggae baiano. Gostei. Salvei no meu computador e marquei pra voltar.

Abraço Guaicuru!

Marcos Paulo Carlito · , MS 10/11/2007 19:58
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marcos Paulo Carlito
 

Inaugurada a votação Laílton...

Marcos Paulo Carlito · , MS 10/11/2007 20:51
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
brigitte
 

Lailton
Não sei qual é melhor, se o escritor ou o músico/cantor!
Amei a letra, a música harmoniosa e gostosa de ouvir e a voz limpa e suave.
Fantástico!
Votado, é claro!

brigitte · Goiânia, GO 10/11/2007 22:25
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Lailton meu camarada, "Na batucada do samba ou umbanda e candomblé. Se vê a raça do negro na praça balançando o pé". Com tudo que tem direito.....
É isso aí, votado.
Um grande abraço deste que é da zona leste paulistana.

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 10/11/2007 23:07
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lili_Beth*
 

Lailton:

PARABÉNS!

Você faz parte de um BRASIL com S que faz... rsrsrs

VO(L)TEI

Lili_Beth* · Rio de Janeiro, RJ 11/11/2007 03:01
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
azuirfilho
 

Lailton Araujo Amigo.
Um Trabalho Muito bacana
É uma Grande contribuição a causada Negritude e a superação do preconceito e da discriminação.
Parabéns por trabalhar este tema tão importante e decisivo Para todos nós.
Uma satisfação muito grande e voltarei para votar.
Abração

azuirfilho · Campinas, SP 11/11/2007 16:29
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Nydia Bonetti
 

Bom demais Lailton!
Votado.
Abçs.

Nydia Bonetti · Piracaia, SP 11/11/2007 21:57
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Kais Ismail
 

Vou ser repetitivo, BOM DEMAIS!!
Um forte abraço, Lailton!

Kais Ismail · Porto Alegre, RS 11/11/2007 22:50
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
ILZE SOARES
 

Parabéns pela música Lailton, gostei.
Votado!

Abçs

ILZE SOARES · Salvador, BA 12/11/2007 00:11
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Renato Torres
 

olá laílton,

tua canção é uma legítima canção de protesto - e creio que este seja um traço marcante da tua produção, mesmo literária. és um libelo de resistência, e isso tem uma importância cabal na sociedade. pena que vivamos um tempo tão lerdo em desatenções, que poucos são os alcances dos gritos em meio ao inferno geral. mas vale dizer o que é.
ressalvas apenas para o excesso (aos meus ouvidos, claro) de reverbs na voz e no violão. é você mesmo que edita e mixa seu material? talvez fosse bom contar com um engenheiro de som. a canção cresce em acessibilidade quando há apuro técnico na finalização.

abraços, e parabéns,

r

Renato Torres · Belém, PA 12/11/2007 11:24
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Nivaldo Lemos
 

Lailton,
Belo grito de indignação, no ritmo gostoso do reggae. Gostei muito.
Votado.
Abraço

Nivaldo Lemos · Rio de Janeiro, RJ 12/11/2007 12:21
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Sebastião Firmiano
 

Isso é coisa prá guardar
e ouvir com calma várias vêzes.
Felicidades.

Sebastião Firmiano · São Paulo, SP 12/11/2007 19:38
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Dalena GVL
 

Amei e votei na hora! Como Moçambicana de coração, sei e vivi o horror da guerra- Moçambique é a minha 2ª Pátria.A luta continua!
Obrigada Lailton, ainda por cima um reggae que amo de paixão...
Beijinhos

Dalena GVL · Portugal , WW 18/11/2007 23:25
sua opinião: subir
marcio rufino
 

Esplêndido Laílton!!!

marcio rufino · Belford Roxo, RJ 30/11/2007 18:32
sua opinião: subir
LAILTON ARAÚJO
 


RUMOS CULTURAIS... FALTAM BÚSSOLAS

( Lailton Araújo )


Os navegantes do “Oceano Atlântico” tentam descobrir o segredo das tempestades, calmarias, ondas, marés e águas navegáveis, neste lado continental. Talvez não conheçam a geografia destes mares. A nação da análise é Brasil ou Brazil?


Estando em qualquer porto seguro, as naus dos descendentes lusitanos, franceses, ingleses e holandeses, caminham na escrita em 2007. São textos, poemas, letras e rascunhos. As criações literárias são livres! Não podem ser vinculadas aos interesses comerciais dos anunciantes nacionais ou internacionais. Muito menos: multinacionais. Sem quaisquer dúvidas: esse pedaço de chão (cagado e cuspido) pode precisar de uma revolução meio “dente por dente (x) nota por nota (x) letra por letra”. Por aqui existem poetas, compositores, letristas, músicos, fotógrafos e outros aprendizes sérios. É a maioria! A outra parte - pode ou não - está usando o lema: "tenho que me arrumá, senão, perco meu barquinho!” Desculpem a sinceridade! O mar já não é de marinheiro de primeira viagem! Quem não lembra do refrão: “Marinheiro, marinheiro (Marinheiro só)... Quem te ensinou a nadar... Ou foi o tombo do navio... Ou foi o balanço do mar...” (Bi Ribeiro/João Barone).


Muitas obras culturais - da antiga “Terra de Santa Cruz” - são originais. Aquelas tão comuns, massificadas, com a assinatura da mediocridade - ajudam ou não - no nascimento natural de uma concepção artística duvidosa, não crítica, que não recebeu crítica, e que jamais receberá crítica. Quem navega em tal mar poderá se afogar na monotonia; sonolento; em mar calmo. A viagem literária - às vezes - é previsível ou imprevisível. Depende da condução do capitão e marujos da embarcação. Como escrever sem colocar palavras ovais e frases triangulares? Aqui é América do Sul. O Caribe fica lá em cima! Se existem léguas ou milhas marítimas é uma questão de história? Qual é a praia ou litoral? Eles são de fora... “Eu não sou daqui (Marinheiro só)... Eu não tenho amor (Marinheiro só)... Eu sou da Bahia (Marinheiro só)... De São Salvador (Marinheiro só)...” (Adaptação de Caetano Veloso).


Entende-se que o objetivo é a meta necessária. O subjetivo lembra a arte. Chocar um ovo pode ser arte? Depende da ave! Ave César! Ave de rapina! Ave-da-avenida! Ave Maria! Quebram-se as formas! Rompem-se os conceitos e preconceitos! Talvez, aconteçam mudanças! As formações culturais das elites brasileiras soam como afronta ao simples, verdadeiro e genuíno. Será que os povos do Brasil sabem o que é cultura? Monteiro Lobato e Amacio Mazzaropi fazem falta!


Onde estão os artistas independentes? Será que não se afogaram nos patrocínios estatais do país? As MTV's diárias concorrem com as linguagens das TV’s digitais abertas! E haja amor, chavões, carrões e algumas bundas com silicone! É cultura “cult”, curtida, malhada, de melodias fáceis, harmonias baratas e letras esculachadas. Os brasileiros e brasileiras sentem tesão por bumba! É normal! São formas de mídia, comunicação, música, literatura e sacanagem - sobrevivendo - no mercado do MP4! As gravadoras tornaram-se gravadores caseiros e que computam prejuízos. Os novos direitos autorais dos que criam, já não são garantidos. A internet mutilou a criação do autor? “É a vida, é bonita e é bonita...” (Gonzaguinha).

Abraços.

Lailton Araújo


LAILTON ARAÚJO · São Paulo, SP 30/11/2007 22:43
sua opinião: subir
Eduardo Pereira ODÙDÚWA
 

Muito bom , parabéns!!!Votado.
Ps. Devido a importância da criação da Primeira Biblioteca Comunitária Especializada Em Cultura Afro-brasileira e Africana, no subúrbio de Salvador-Ba. Por Favor vote em: http://www.overmundo.com.br/agenda/biblioteca-comunitaria-especializada-em-cultura-afro-brasileira-e-africana

Eduardo Pereira ODÙDÚWA · Salvador, BA 25/4/2008 03:28
sua opinião: subir
Liz Hermann
 

Maravilhoso trabalho!
Parabéns... votado!
Beijos de luz Lailton... Liz

Liz Hermann · São Paulo, SP 23/4/2009 07:26
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados