Brasil.gov.br Petrobras Ministério da Cultura
 
 

NÔMADE CORAÇÃO

Flickr
1
Gustavo Adonias · Salvador, BA
16/7/2008 · 119 · 50
 

Meu coração é cigano
Nômade, sem porto
Pirata nos eternos mares
Beduíno nos desertos sem fim
No circo da vida
Palhaço, pierrô e arlequim

Na escola da existência
Meu coração, aprendiz do dia-a-dia
Ri para não chorar

Meu coração é um rei
Sem súditos ou castelos
Tem o mundo todo
Mas reina sozinho no peito
Meio sem jeito
Para todos os efeitos
Ele é apenas um bobo da corte

Meu coração é assim
Caçador nas savanas de emoções
Cavaleiro errante em meio a moinhos de ilusões
Saltimbanco itinerante
Um dia aqui, outro acolá
Ao sabor dos ventos

Meu coração só vai
Aonde os sonhos
Conseguem chegar...

(Gustavo Adonias)

compartilhe



informações

Autoria
Gustavo Adonias
Ficha técnica
Poesia: "Nômade Coração"
Downloads
180 downloads

comentários feed

+ comentar
Cristiano Melo
 

Gustavo, meu caro,
Coração-valente o seu. Destemido e humano, bate com os acordes da vida que é tão mutante como um moinho de cervantes.
Muito inspirador, o seu poema.
Parabéns, escreves com o coração...
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 14/7/2008 20:12
sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Gostei do poema, bem construido e conciso. MAs o coração, poeta, deve seguir os próprios sonhos.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 14/7/2008 21:34
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Cristiano

Obrigado, mais uma vez, pela presença ! Que bom que tenha gostado do poema.

Pois, a vida é mesmo efêmera, de ilusões. Temos que ter o coração revestido de sonhos para aguentar a batalha diária...

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 14/7/2008 23:33
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Marcos

Obrigado também pela sua presença ! Que bom que tenha gostado.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 14/7/2008 23:34
sua opinião: subir
Raiblue
 

Gusta, meu lindo poeta!!

"Meu coração tá batendo
Como quem diz não tem jeito
Zabumba, bumba esquisito
Batendo dentro do peito
Teu coração tá batendo
Como quem diz não tem jeito
O coração dos aflitos
Pipoca dentro do peito
Coração bobo, coração bola
Coração balão, coração São João
A gente se ilude dizendo
Dizendo já não há mais coração..."


O sonho é o limite para um coração nômade ....isto é...o infinito...lá onde moram os sonhos....e é lá que nosso coração se abastece pra a retornar à realidade movido pela esperança colhida no sonho...Pelo fio do coração somos acrobatas...palhaços... bobo da corte do nosso reino encantado cavaleiro errante...saltimbanco itinerante....vamos encenando a vida nesse palco gigante!
Nós e as metamorfoses do coração...que nômade...ganha asas e o céu como o limite....doce céu que nos protege....

Lindo ...lindo...Gusta!!Leve....doce....liberta(dor)!
Parabéns,meu querido!!!Adorei!

Beijinhos azuisalados...em sua alma andaluz!!

Raiblue · Salvador, BA 15/7/2008 19:15
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, baby

É muito bom poder contar com a sua presença mais que especial e o seu carinho, sempre ! Obrigado mais uma vez.

O coração nômade, liberto, alça os vôos mais altos, faz da vida uma grande poesia, um sonho sem fim, muito além do cotidiano, recarrega as energias positivas da alma, e lança-se de novo na mais louca viagem, no picadeiro da vida, sem rede de proteção, apenas em busca da felicidade !... Para um coração sem amarras, nem o céu é o limite...

Grande beijo poético n´alma

Gustavo Adonias · Salvador, BA 15/7/2008 22:40
sua opinião: subir
danlima
 

caro gustavo, seus vrsos remetem-´me a um conterrâneo seu, caetano, com seu Coração Vagabundo " meu coração vagabundo quer guardar o mundo em mim". Seu poema rflete esta busca do poeta pela própria poesia do viver, este descompromisso que todos nós almejamos nas trilhas da vida: buscar somente as emoções, os sentimentos, os sentidos, entnder e transcender as dores e desilusões, qual Quixotes perdidos em plagas infinitas, lutando com nossos gigantes imaginários, gigantes interiores que ameaçam agigantar-se mais e mais tomando nossas vidas pacatas de assalto: nossa luta é contra medeos todos, estas rotinas todas, estes cansaços todos que descolorem a vida: por isso a buscfa pelos sonhos e pelas metáforas que tão bemn expressamos em nossos poetares. Seu coração cojo voc|ê diz quer viajar, quer busscar, quer ousar, quer usar e abusar de todos oss sentidos e possibilidades, quer mares, quer ares, quer terras perto e distantes, quer se transmsutar.... Bela inspiração, belo poema, coração corsário e caminheiro.

danlima · Brasília, DF 15/7/2008 23:31
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Dan

Obrigado pela sua presença, sempre especial ! Que bom que gostou do poema.

Nós poetas somos viajantes das palavras, nômades nesse mundo de incertezas, nossos corações e almas percorrem o mundo em busca de um lugar que nos acomode (no sentido de nos dar a paz necessária para não mais ter que voar), e como tal lugar ainda não existe, sempre estamos a caminhar pelas mil estradas da vida, a navegar pelos rios e mares da existência, perseguindo sempre o novo, que na verdade já faz parte de nós. Tudo já está em nossa alma, basta a gente descobrir. E lá vamos nós, navegantes descobridores dos 7 mares, como já dizia o Tim...

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 11:42
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

Gustavo,

Gostei muito do poema.
Mas...
desta parte, gostei mais:

"Meu coração é cigano
Nômade, sem porto
Pirata nos eternos mares
Beduíno nos desertos sem fim
No circo da vida
Palhaço, pierrô e arlequim"

Livre, seja no deserto ou no picadeiro
Um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 16/7/2008 12:05
sua opinião: subir
Ailuj
 

Na escola da existência
Meu coração, aprendiz do dia-a-dia
Ri para não chorar
Veja Adonias,um trecho de um texto meu que acabou de ir pro banco,tem horas que o coletivo inconsciente ataca encaminhando a todos na mesma direção
Me perco nos labirintos
de meu coração errante
que sozinho grita e chora
nessa busca angustiante

Ailuj · Niterói, RJ 16/7/2008 12:09
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Edimo

Obrigado pela sua presença, mais uma vez ! Que bom que tenha gostado.

Sim, nós poetas somos livres em qualquer lugar que seja, pois temos a alma liberta.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 12:11
sua opinião: subir
ANIBAL BEÇA
 

Gustavo querido, gostei do seu poema. O ritmo e a musicalidade dão a atmosfera das imagens e as palavras dançam. Volto para votar.

Abraço amazônico

ANIBAL BEÇA · Manaus, AM 16/7/2008 12:11
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Ailuj

Obrigado pela sua presença, também !

De fato, o inconsciente coletivo aproxima os sentimentos e pensamentos. Na verdade, acho que tudo está o tempo todo interligado, como numa grande alma que perpassa a tudo.

Bjs poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 12:15
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Anibal

Obrigado pela presença, mais uma vez ! Que bom que tenha gostado.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 12:18
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

"Meu coração é assim
Caçador nas savanas de emoções
Cavaleiro errante em meio a moinhos de ilusões"

gustavo

o coração órgão predominante...preponderante e ditador das regras do interior do homem...
ele pulsa...sofre...se arrasta...se cala...e retorna...e tem esperança...e vislumbra a sorte...do destino tomar outro rumo...bater tranqüilo...sorrir de novo...e desabar mais a frente...(o coração é a parábola da fênix)

um abraço.

samuel

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 16/7/2008 12:32
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Samuel

Obrigado mais uma vez pela sua presença !

Sim, o coração está o tempo todo pulsando, e quando parece que vai parar de tanto sofrer, aí é que retoma as rédeas e volta com todo o gás, pronto para novas emoções, renascido das cinzas de si mesmo, tal qual a fênix mitológica. O coração só quer ser livre para pulsar, mais e mais...

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 14:27
sua opinião: subir
W@nder
 

Parece-me em bom compasso o seu Nômade Coração.
Abraços e parabéns pela poesia.

W@nder · Rio de Janeiro, RJ 16/7/2008 15:38
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

gustavo...abrindo a votação.

um abraço.

samuel

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 16/7/2008 16:25
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

Um brinde às mudanças constantes.
Um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 16/7/2008 16:28
sua opinião: subir
Enise
 

Gustavo...
Como sempre vc falando maravilhas...Adorei teu poema!
Coração de poeta voa até onde o sonho alcança...
Pula de para-quedas...
Salta sempre entre os pratos da balança...
Meu voto com carinho...
bjs

Enise · São Paulo, SP 16/7/2008 16:29
sua opinião: subir
Marco Bastos
 

Bom que assim seja, um coração nômade e marinheiro. Bota vela e turbina que só asa não basta. Tantas são as beduínas, as colombinas, as odaliscas...e mais e mais. Tem hora que dói? - tem sim...e muito! Na vida choro até vale mas não vale chororô. Que os faróis que te guiem sejam sempre os da alegria. Não há dores no mundo que mereçam apagar o sorriso na face. A alegria é uma síntese. O mundo não é nem precisa ser perfeito, mas só quem não sabe ou não consegue resolver bem o que lhe vai dentro da cabeça vive pendurado na tristeza e na dor. Não fazer pactos com anjos da guarda, com a tirania dos fracos ou com arautos do fim-do-mundo. E quando a dor chegar, porque às vezes ela aparece, tratá-la bem, mas ir logo lhe dizendo que ela será sua hóspede por poucos dias, que ali não é sua morada. Só ama o próximo quem ama a si mesmo com profundidade. E isso não tem nada a ver com egoísmo. Um coração nômade tem que ter régua e compasso, tem que na falta da bússola saber ler o caminho das estrelas e sentir para onde sopram os ventos. É preciso também compreender que é preciso ter sorte e saber quando ela está ao seu lado.
Gostei da sua poesia e volto na hora do voto.
abração.
Marco.

Marco Bastos · Salvador, BA 16/7/2008 16:44
sua opinião: subir
celina vasques
 

Meus votos poeta!

beijo no coração

celina vasques · Manaus, AM 16/7/2008 16:45
sua opinião: subir
Marco Bastos
 

Quando comecei a escrever ainda era fila de edição e parei para fazer umas coisinhas antes de terminar. Só agora percebi que a votação já estava aberta. Taí o voto.
abração.
do pai.

Marco Bastos · Salvador, BA 16/7/2008 16:51
sua opinião: subir
W@nder
 

Abraços e votos.

W@nder · Rio de Janeiro, RJ 16/7/2008 17:07
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

votos e abraços.

Cristiano Melo · Brasília, DF 16/7/2008 17:14
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

bela construção.(votei).

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 16/7/2008 17:19
sua opinião: subir
Raiblue
 

Meu coração nômade...querido!!

Cheguei voando...nem o céu é o limite quando se quer chegar a algum lugar...Atravessei o cansaço do dia e pousei aqui só pra te dar meu voto e mil beijinhos sem ter fim,meu lindo!
Todos azuiszenmísticosalados...
Com carinho
Euzinha...(sou biscoito fino...rssss)

Raiblue · Salvador, BA 16/7/2008 18:04
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Wander

Obrigado pela sua presença também ! Que bom que tenha gostado da poesia.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 18:27
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Samuel

Obrigado novamente.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 18:28
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Edimo

Obrigado novamente.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 18:30
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Enise

É sempre muito boa a sua presença e carinho ! Obrigado. E que bom que gostou do poema.

Bjs poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 18:32
sua opinião: subir
Wellington Coelho
 

Gustavo,
Seu poema dialoga com "coração bobo, coração bola, coração balão...". Votei com o coração.

Wellington Coelho · Belo Horizonte, MG 16/7/2008 20:17
sua opinião: subir
azuirfilho
 

Gustavo Adonias · Salvador (BA)
NÔMADE CORAÇÃO

Um Momento maravilhoso de Participar contribuindo com o Overmundo e com o Cultural do Nosso Brasil
As Buscas sáo angustiantes mas, o coracáo vai em frente
Coisas de Coração.

Parabéns Amigo
Abracáo Fraterno

azuirfilho · Campinas, SP 16/7/2008 20:41
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, meu pai

Obrigado pela sua presença, sempre !

O coração tem sempre que seguir em frente, e ele segue, batendo e pulsando, apesar dos momentos dolorosos, que vem e vão...

Abração, do filho

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:27
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Celina

Obrigado também pela presença, mais uma vez !

Bjs poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:28
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Cristiano

Obrigado novamente !

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:30
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Marques

Obrigado pela presença, uma vez mais ! Que bom que tenha gostado.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:32
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, baby

Como é bom poder contar com a sua presença, sempre azulando tudo por aqui ! Obrigado !

Para nós, seres de alma e coração libertos, não há limites, sempre estamos a voar ao sabor dos ventos das palavras, nossas asas de fênix...

Grande beijo nômade e poético n´alma

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:36
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Wellington

Obrigado pela sua presença também !

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:37
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Azuir

Obrigado pela sua presença, mais uma vez !

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 16/7/2008 22:38
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

O coração segue vagando por mares e desertos, atrás de sonhos e ilusões, mas um dia ele se cansa de vagar e encontra um porto seguro
e ali ancora.
Gostei do poema.
Beijo.

Sônia Brandão · Bauru, SP 17/7/2008 01:03
sua opinião: subir
Dorita
 

Meu coração bate veloz e saiu voando. Lindo poema. beijos poeta

Dorita · São Paulo, SP 17/7/2008 01:20
sua opinião: subir
raphaelreys
 

Nômades sempre encontram o seu par! Cedo ou tarde uma paixão será o porto final!

raphaelreys · Montes Claros, MG 17/7/2008 07:01
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Sônia

Obrigado pela sua presença, mais uma vez ! Que bom que gostou do poema.

O coração nômade e viajante, sembre em busca do oásis em que essa busca vai findar...

Bjs poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 17/7/2008 07:23
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Dorita

Obrigado pela sua presença e carinho constantes ! Que bom que tenha gostado do poema.

Altos vôos de coração para nós...

Bjs poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 17/7/2008 07:25
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Raphael

Obrigado também, uma vez mais !

Sim, nômades sempre encontram o seu par, em meio ao longo deserto da vida, há uma hora em que a busca cessa, embora as paixões sempre possam ressurgir, e a busca reacender-se, e a viagem recomeçar...

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 17/7/2008 07:30
sua opinião: subir
Saramar
 

Coração caçador de sonhos, intrépido quixote, doce beduíno...
Linda metáfora de quem vai em busca do que sonha.
Lindo poema, belíssimos versos.

beijos

Saramar · Goiânia, GO 17/7/2008 11:39
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Saramar

Obrigado pela sua presença, mais uma vez ! Que bom que gostou dos meus versos.

Ir em busca dos sonhos, sina de todo coração nômade e liberto...

Bjs poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 17/7/2008 12:25
sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Voltando para o inevitável voto.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 18/7/2008 14:30
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Olá, Marcos

Obrigado pela presença novamente.

Abraços poéticos

Gustavo Adonias · Salvador, BA 18/7/2008 22:51
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

observatório

feed
Nova jornada para o Overmundo

O poema de Murilo Mendes que inspirou o batismo do Overmundo ecoa o "grito eletrônico" de um “cavaleiro do mundo”, que “anda, voa, está em... +leia

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter