NOTURNOS

1
José Cycero · Aurora, CE
9/12/2009 · 17 · 18
 

Nas noites
De intenso frio
Eu ardo.
Quando me beijas
Tremo.
Nas noites
De calor intenso
Eu queimo
Por dentro.
Todos meus pecados
Profanos,
Quando me mordes
E riscas o meu peito
Com teu desejo
Ferino.
Sobre-humano.
Tição de fogo
Que carregas aceso
Entre teus lábios
m amanhecer de risos.
Nas noites amenas
Entrego-me como escravo
Aos teus carinhos
Alucinados.
Como um louco
Ao sabor da sorte
Predestinado,
Ao único amor que existe
Na face do mundo.
Nas noites que a tenho
Eu tremo.
Vivo, morro e ressuscito
Sempre quando sinto
Que estou em teus abraços
Estreitos,
Noturno orvalho,
Viva brasa.
Ação do gesto
Consolidando-se.
Aroma de terra e mato.
Acolhendo-me por inteiro
E por completo,
Como se eu fosse um náufrago
No alto-mar do teu como corpo lindo
Afogando-se por gosto
Por sua conta e risco,
Implorando,
para que tu me salves.
Nas noites que passamos
Em claro,
Não mais sentimos
Nada do que sonhamos
Ontem,
E não realizamos.
Nem frio, nem solidão, nem medo.
Toda felicidade existe
Neste instante eterno.
Paixão ao extremo
Do que é possível.
Somente aos deuses
Do Olimpo.
Porque junto encontramos
o porto seguro
que precisamos
para sermos felizes,
Todas às vezes
Que nos sentimos solitários.
Vazios de nós mesmos
E nos completamos.
Uníssonos.
Plenos sentimentos.
Nas noites pálidas
Que passamos
Tu me acendes,
Tocha incandescente.
Estrela guia
do meu oriente alvissareiro.
Íris dos olhos
Rosa sertaneja.
Frescor do teu sorriso
Abrolhos.
Todo belo que existe
Na mais justa perfeição
do encanto:
Maciez tênue dos teus seios
Apontando à frente,
O azimute,
Montanhas no limite
da verdadeira linha do horizonte.
Caminhos.
Noturnos que vivenciamos.



Sobre a obra

Um poema como tanto outros... Apenas isso
e isso é tudo
que acho
e que penso
por isso
digo.
um poema como tantos outros
subjetivo
em que me encontro
com o estro
do universo idiomático
e por extensão
comigo mesmo.
Um poema modesto,
simples, prosaico
como deve ser
um poema:
intrínseco, moderno e verdadeiro.
Como expressão do pensamento humano.
Quer seja mentiroso enquanto ficional
metafórico, trancendetal ou suprafísico
Um poema lítero
romântico, armorial, sertanejo,
sofrido, erótico
ou realismo fantástico.
Algo inconcluso
que só estará terminado
como Seu Comentário.
Um poema como tanto outros.
Apenas isso.
E isso é tudo.

compartilhe



informações

Autoria
José Cycero - com "y" no lugar do "i" não por frescura mas pq no overmundo alguém chegou primeiro.
Nascido do Ceará mas criado e/ou sobrevivido no oco do mundo.
Ficha técnica
José Cícero: Professor, pesquisador; alguém profundamente apaixonado pela vida e pelos seres inanimados que nos completam. Um dendensor da biosfera - nossa única morada no universo. Um poeta simplesmente por tentar construir o mundo e as coisas da vida de uma outra perspectiva, isto é, com pala
Downloads
321 downloads

comentários feed

+ comentar
azuirfilho
 


José Cycero · Aurora (CE)
NOTURNOS

Com muito Carinho e Consideração seguindo a Luz Poétida da Grande e Inspiradora Aurora.
Reconhecimento ao Grande Mestre escritor e Poeta desta terra Bendita.
Bela Poesia de amor e Paixão que desperta os sentimentos da gente.

...Nas noites
De intenso frio
Eu ardo.
Quando me beijas
Tremo.
Nas noites
De calor intenso
Eu queimo
Por dentro.
Todos meus pecados
Profanos,...

Parabéns Merecido como sempre.
Grande Amigo Poeta.
Abração Amigo.

azuirfilho · Campinas, SP 10/12/2009 10:15
sua opinião: subir
celina vasques
 

Alias um poema como todos os teus escritos MARAVILHOSOOOO!
sou tua fã querido Poeta!
beijos meus!

celina vasques · Manaus, AM 10/12/2009 10:42
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

só faltou Chopin !

bravo, poeta !

abs

joe_brazuca · São Paulo, SP 10/12/2009 12:59
sua opinião: subir
Greyce Kelly Cruz
 

ins(pirativo)

Greyce Kelly Cruz · São Luís, MA 10/12/2009 14:25
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

JC,
Sim, um poema como tantos outros, mas repleto de sentimentos que nos redimem, nos completam e nos fazem vivos e sonhadores.
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 10/12/2009 16:31
sua opinião: subir
ayruman
 

Ah coração abusado e ousado. É preciso aprender e seguir o compasso da razão. Saúde amigo.

ayruman · Cuiabá, MT 10/12/2009 22:23
sua opinião: subir
Andre Pessego
 

Não posso deixar de manifestar uma observaçao toda pessoal
Esta fúria, este desabrochar de sentimentos é devido à proximidade do
Natal? ou ele é real?
abraço
andré

Andre Pessego · São Paulo, SP 10/12/2009 22:44
sua opinião: subir
Nina Hellena
 

Gostei bastante do seu poema, vou passar a visitar sempre as tuas colaborações.
Um abraço

Nina Hellena · Curitiba, PR 11/12/2009 10:14
sua opinião: subir
pcfer28
 

Que bom o seu prazer em versejar. Melhor ainda o nosso em poder admirar.

pcfer28 · Belo Horizonte, MG 11/12/2009 11:36
sua opinião: subir
Lice Soares
 

Bravo!
Nas mãos do poeta, tudo vira ímpar beleza, tudo explode em grandiosidade, porque, no poeta, tudo é cantar.
Parabéns poeta! Lindo teu poema.
Abraços

Lice Soares · Feira de Santana, BA 11/12/2009 13:45
sua opinião: subir
Greta Marcon
 

Muito inspirado, muito intenso... lindo!!! Parabéns!
Abraços

Greta Marcon · Ponte Nova, MG 12/12/2009 01:51
sua opinião: subir
Benny Franklin
 

Poema com forte musculatura. De prima.

Benny Franklin · Belém, PA 12/12/2009 14:23
sua opinião: subir
José Cycero
 

Amigos e amigas do Over: muito obrigado pelas opiniões...
Mesmo sabendo que o overmundo por algum motivo não tem mais o mesmo charme de outros tempos(posto que muitos dos nossos antigos confrades e confreiras foram embora) porém sempre que posso dou uma passadinha por aqui e deixo algo.... e, de modo que agradeço a todos vcs pelo apoio e otimismo. Que o grande Allá proteja e ilumine todos vcs. Tenham um feliz natal e um ano-novo recheado de vitórias, realizações e properidades tanto em espírito quanto em matéria.
Mui grato JC
www.seculteaurora.blogspot.com

José Cycero · Aurora, CE 29/12/2009 20:35
sua opinião: subir
GORETTI GUERREIRA
 

Brilhante!
Quasndo falas de teu perfil, encantas. Seu modo de amar... que lindo!!!
Beijos de luz poeta!
Feliz ANO Novo!!!

GORETTI GUERREIRA · Franca, SP 31/12/2009 13:18
sua opinião: subir
sergio de matos
 

OLÁ AMIGO FELIZ ANO NOVO E BOA SORTE SEMPRE

sergio de matos · Vila Velha, ES 31/12/2009 18:56
sua opinião: subir
Valéria Araújo Cavalcante
 

Nossa vc é pura inspiração! Adorei!

Valéria Araújo Cavalcante · Fortaleza, CE 25/1/2010 23:50
sua opinião: subir
Rosa.Angel
 


E nos noturnos
Devaneios
De nossas existências
O tempo clama
A tua presença...

Nos fragmentos
De nosso ser
Nossa alma se aquece
No sabor de cada beijos...

Ler-te é mais que um prazer saboreado no degustar de cada palavra lida e sentida, está tudo muito lindo!

Rosa.Angel · Rio Branco, AC 24/3/2010 23:50
sua opinião: subir
Cláudia Campello
 

nem por ser assim tao lonnnngo eu me cansei.....
um TESAO DE POEMA.

adorei.

bjsssssss

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 8/5/2010 20:45
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 4 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados