O dentista

1
Ivette G.M. · Cotia, SP
21/1/2009 · 160 · 35
 

Amostra do texto

Naquele bairro todos conheciam o sr. Natal, o dentista.
O bairro era misto, com gente pobre e com gente que estava bem de vida, que se cruzava, se conhecia, se cumprimentava e se atendia ...

Sobre a obra

Conto, baseado em uma história real.

compartilhe



informações

Autoria
Ivette G M
Ficha técnica
Conto escrito em 2008
Downloads
1100 downloads

comentários feed

+ comentar
raphaelreys
 

Amores sempre rendem romances, pois colocam as partes envolvidas em aberto e sugeitos a comédias e tragédias!

raphaelreys · Montes Claros, MG 18/1/2009 17:14
sua opinião: subir
Bebel Fragoso
 

Ai, ai, Ivette, agradeço o convite e a visita mas não entendi. é esse o conto? Tão curtinho.
Abraços

Bebel Fragoso · Prado, BA 18/1/2009 18:16
sua opinião: subir
  Gorete
 

Uma estoria muito triste!
Que pena não ser ficção! Infelizmente uma triste realidade!
Volto depois...bjossss

Gorete · Ipatinga, MG 18/1/2009 18:43
sua opinião: subir
Vanessa Anacleto
 

Que tristeza, Ivette. Mas muito verdadeiro seu texto. obrigada pelo convite.

Vanessa Anacleto · Rio de Janeiro, RJ 18/1/2009 20:40
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Ivete,
bonito conto. " 'Dor de dente, como a dor da alma, não deixa o vivente dormir, não o deixa comer, lateja na cabeça e dói no corpo todo. Mesmo arrancando o espinho da alma a dor permanece no subconsciente. Assim também é a dor de dente', filosofava o Sr. Natal." Excelente!...

Juscelino Mendes · Campinas, SP 18/1/2009 23:16
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Bonito e triste.
Como o ser humano é ingrato. Uma pessoa que dedicou sua vida aos outros acabar desse jeito, sem a ajuda de ninguém.
bjs

Sônia Brandão · Bauru, SP 19/1/2009 00:16
sua opinião: subir
Ivan Cezar
 

Dores ...
Elas estão sempre presentes ...
Em quem vive !
Beijos

Ivan Cezar · São Sepé, RS 19/1/2009 00:21
sua opinião: subir
Aglacy
 

Que vida desregrada a desses dois. Difícil pensar na possibilidade de num final feliz.

Aglacy · Aracaju, SE 19/1/2009 01:20
sua opinião: subir
José Carlos Brandão
 

A ingratidão do ser humano não tem limites. Por isso que a vida não tem finais felizes.
O dentista curava a dor do corpo, mas ninguém foi capaz de curar as dores da sua alma.
Beijos.

José Carlos Brandão · Bauru, SP 19/1/2009 01:56
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

gostei muito do que li, parabéns e depois eu volto.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 19/1/2009 10:03
sua opinião: subir
alcanu
 

A mulher dele era muito interesseira, foi o que me passou ...
ele sempre foi bom com ela...
Um belo exemplo...
história humana !
Um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 19/1/2009 12:44
sua opinião: subir
AnaLu Fernandes
 

Volto e comento na votação!
Bjs...Mil...

AnaLu Fernandes · Rio de Janeiro, RJ 19/1/2009 17:27
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Ivette, que estória triste... estórias urbanas que se tornam lendas no simbolismo de uma comunidade.
Concordo com os overmanos que falaram em ingratidão, e assim caminha a humanidade.
beijo

Cristiano Melo · Brasília, DF 20/1/2009 12:34
sua opinião: subir
Vanessa Anacleto
 

Opa, abrindo a votação

Vanessa Anacleto · Rio de Janeiro, RJ 20/1/2009 15:26
sua opinião: subir
Aglacy
 

O voto.

Aglacy · Aracaju, SE 20/1/2009 22:04
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Cristiano Melo · Brasília, DF 21/1/2009 09:52
sua opinião: subir
  Gorete
 

Vo(l)tando!

Gorete · Ipatinga, MG 21/1/2009 11:15
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Ivete,
triste conto.
Caridade é bom, mas jamais a este ponto.
Afinal, o ser humano para não vegetar precisa de carinho, amor, proteção e assistência. E ele, que tudo deu, nada recebeu em troca e perdeu sua Carmela.
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 21/1/2009 11:55
sua opinião: subir
raphaelreys
 

Meu voto e meu abraçO!

raphaelreys · Montes Claros, MG 21/1/2009 14:34
sua opinião: subir
AnaLu Fernandes
 

Oi Ivette, beço texto!
Bjs...Mil...

AnaLu Fernandes · Rio de Janeiro, RJ 21/1/2009 17:10
sua opinião: subir
Frederico Rego
 

Gostei do texto . Grande abraço .

Frederico Rego · Rio de Janeiro, RJ 21/1/2009 17:35
sua opinião: subir
Almirante Águia
 

Grande reflexão para os que vivem a se doar. Qual o limite da entrega?
Ações equilibradas...
Bom trabalho.


Almirante Águia · Itaberaba, BA 21/1/2009 21:13
sua opinião: subir
crispinga
 

Pobre dentista...Apesar de tudo, da decadencia, nunca negou tirar o espinho da alma dos mais pobres que ele...
Bela historia.

crispinga · Nova Friburgo, RJ 21/1/2009 22:26
sua opinião: subir
cibele salma
 

Perdi já três comentários, acho que mandei e não foi...
Estou viajando e a tal conexão do modem está uma droga! me desculpe. Achei muito lindo e triste!
Carinhoso abraço.

cibele salma · Brasília, DF 22/1/2009 03:21
sua opinião: subir
meus traços e linhas
 

Pobre dentista sim!´porém de alma linda, fez sem esperar retorno!
È disso que om ser humano precisa, desprendimento!
Parabéns!

bjssssssss

diná

meus traços e linhas · Cabedelo, PB 22/1/2009 03:22
sua opinião: subir
camuccelli
 

...entendi.

camuccelli · Rio de Janeiro, RJ 22/1/2009 11:26
sua opinião: subir
MaluFreitas
 

ADOREI O TEXTO.

MaluFreitas · Salvador, BA 22/1/2009 14:10
sua opinião: subir
Marlene Bastos
 

Ivete,
lindíssimo e tristíssimo o seu conto, a caridade pressupõe desprendimento, mas há que ter equilibrio em tudo, até na caridade... também conheço histórias reais de pessoas amigas que passam a vida fazendo caridade mas esquecem-se das próprias famílias, aí ficam sem retirar o espinho da própria alma, muito triste isso!
bjokas emocionadas!

Marlene Bastos · Goiânia, GO 22/1/2009 15:04
sua opinião: subir
Mecenas
 

Agradecendo a votação.
Não consegui pulbicar o video no overmundo por isso os links no YOUTUBE.
Vou baixar o conto e ler, depois comento sobre. ok
Milhões de axé!
RAÍZES DA AFRICANIDADE PARTE 1
http://br.youtube.com/watch?v=0rHsKQmMErk

RAÍZES DA AFRICANIDADE PARTE 2
http://br.youtube.com/watch?v=-g9Uuxxjh2g

RAÍZES DA AFRICANIDADE PARTE 3
http://br.youtube.com/watch?v=xszy6DJHrC4

Mecenas · São Mateus, ES 22/1/2009 17:47
sua opinião: subir
rosa melo
 

rosa melo · Pio IX, PI 23/1/2009 00:38
sua opinião: subir
delen
 

Lendo e deixando meus votos e admirações. Beijos...

delen · Cotia, SP 24/1/2009 14:14
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

votando, abraçossss

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 25/1/2009 13:16
sua opinião: subir
Carlos Mota
 

Carlos Mota · Goiânia, GO 25/1/2009 14:42
sua opinião: subir
azuirfilho
 

Ivette G.M. · Cotia (SP) ·
O dentista

Uma Linda História de Amor.
Do Amor maior do Mundo.
Faz a gente sofrer e ler até o final.
Um final triste mas podemos dizer que foi um final feliz porque se encontraram , se libertaram deste mundo de incompreensáo e por certo foram felizes.
parabéns por Brincar com nossos coracóes.
Abracáo Amigo

azuirfilho · Campinas, SP 26/1/2009 00:41
sua opinião: subir
Isabel Furini
 

Perfeito só Deus!.. Sua história demonstra que nós, humano, quando acertamos no lado a, é porque estamos errando no lado b. Gostei da narrativa que nos leva a entender a alma humana. Parabéns!

Isabel Furini · Curitiba, PR 29/1/2009 17:17
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 31 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados