O Livro (de Lovecraft, trad. de KA-AK-KIM)

StrangeInterlude (no Flickr.com)
1
Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ
28/2/2007 · 249 · 23
 

Dando prosseguimento à minha pequena série de traduções comemorativas ao aniversário de 70 anos de morte e domínio público das obras de H. P. Lovecraft, apareço com "O Livro", um conto em verdade inacabado e póstumo, descoberto entre os papéis do escritor americano, criador de um gênero muito peculiar do horror moderno e inventor dos chamados Mitos de Cthulhu.

Depois do arcadismo de "A Árvore" e de sua mensagem colaborativa, O Livro dará uma noção melhor do que é o horror psicológico de Lovecraft aos leitores dessa humilde série, e prepara também a eles para a chegada dOs Grandes Ancestrais...

---
Textos de KA-AK-KIM podem ser encontrados em www.contoaberto.org.

compartilhe



informações

Autoria
Texto original de H. P. Lovecraft, tradução de KA-AK-KIM.

KA-AK-KIM é o pseudônimo literário-poético-artístico-filosófico-realístico de Viktor Chagas, escritor autônomo, que, nas horas vagas, atua como jornalista e pesquisador.
Downloads
1098 downloads

comentários feed

+ comentar
Daniel Werneck
 

Todos se curvem diante de Lovecraft, o Eterno, mais imitado do que famoso, Soberano entre os investigadores dos horrores da mente humana!!!

Daniel Werneck · Belo Horizonte, MG 25/2/2007 21:18
3 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Mi [de Camila] Cortielha
 

Mas que maravilha! Muito obrigada, Viktor. :)

Mi [de Camila] Cortielha · Belo Horizonte, MG 28/2/2007 05:37
3 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Marcelo Cabral
 

Obrigado Viktor!

Marcelo Cabral · Maceió, AL 28/2/2007 18:39
3 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Tranquera
 

Putz! Que legal! Vamos conferir o Conto Aberto!

Tranquera · São Paulo, SP 28/2/2007 19:24
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Zéduardo Calegari Paulino
 

Viktor , quem bom presente!
Acredita que eu não conhecia este mestre?
Ê mundão sem porteira!
Tanta coisa maravilhosa pra ver...

Zéduardo Calegari Paulino · Campo Grande, MS 1/3/2007 00:12
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Egeu Laus
 

Beleza, Viktor.
Sua tradução é mais contemporânea que a do Denilson do sitelovecraft.cjb.net

Abraço!

Egeu Laus · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 01:16
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Lovecraft!?

Viktor, a gente tem que bater um papo. Eu sou APAIXONADO por Lovecraft! Achava que era um autor obscuro aqui no Brasil. Vai ver é pq eu cresci em uma cidadezinha provinciana no coração do Brasil. :D

Grande tradução, meu velho.
Parabéns!

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 1/3/2007 01:23
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Aliás... esta é a primeira vez que vejo um post do Banco de Cultura com mais Overpontos do que o primeiro post do Overblog. Fantástico. Isso é um dia a ser lembrado! :D

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 1/3/2007 01:25
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Mi [de Camila] Cortielha
 

Zéduardo e Verde, como já disseram aqui, H. P. Lovecraft é muito mais imitado do que famoso. Isso é um problema mundial, que o KA-AK-KIM ajudou uma pontinha a consertar...

Mi [de Camila] Cortielha · Belo Horizonte, MG 1/3/2007 01:33
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Poisé. Na maior parte das vezes em que citei o mestre, fui recebido com um olhar interrogativo de "queeem?".

Lovecraft é um marco do horror moderno, só que boa parte das pessoas são aficcionadas por seus discípulos sem conhecer o verdadeiro mestre. Cthulhu Reina nas sombras!!!

"that is not dead, which can eternal lie. and with strange aeons, even death may die."

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 1/3/2007 01:40
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
toinho.castro
 

execelente iniciativa. amo lovecraft...
bom achá-lo aqui.

toinho.castro · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 01:51
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Viktor Chagas
 

Olá, pessoal. Deixo aqui uma mensagem meio temerosa meio sem-jeito para agradecer a todos pelos comentários. Minha opção nessa pequena série de traduções foi mesmo por uma linguagem mais contemporânea e fluida, que não obscurecesse a narrativa lovecraftiana. Obviamente, e já fazendo uma justificativa, o espaço que acho aqui no Banco para essa série cabe mais à tradução que à obra do Lovecraft, americano que era. Mas precisamente por querer homenageá-lo é que o traduzi, portanto, fica aqui o mérito maior ao trabalho dele, é claro. A série ainda terá possivelmente mais dois ou três capítulos, já que estou me decidindo sobre os próximos. A idéia é mesmo, mais do que divulgar esta tradução artesanal, tornar conhecidos os ótimos textos do Lovecraft. E, dada a repercussão entre os que já o conheciam, adianto que sinto um certo receio de oferecer o gran-finale Chamado de Cthulhu a este júri tão letrado. Vá lá. Espero que minhas notinhas de rodapé dêem conta dos meus pontos fracos...... :)

Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 05:33
sua opinião: subir
Mi [de Camila] Cortielha
 

Oi, Viktor, está excelente a tradução! :)

Mi [de Camila] Cortielha · Belo Horizonte, MG 1/3/2007 08:19
sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Boa sorte, meu caro Eremita! :D

Daniel Duende · Brasília, DF 1/3/2007 08:23
sua opinião: subir
Pedro Vianna
 

Muito bom KA! Iniciativas assim são sempre importantes. Principalmente quando se trata da uma obra da dimensão de Lovecraft. Me agradou também a tradução, contemporânea sem corromper o texto original. Valeu...

Pedro Vianna · Belém, PA 1/3/2007 09:08
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Egeu Laus
 

De todo modo as traduções do Denilson também são valiosas. Vejam aqui.
Abraços!

Egeu Laus · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 09:17
sua opinião: subir
Viktor Chagas
 

Oi, Egeu. Sim, é claro que são! E cobrem um espectro muito mais abrangente do que a minha pequena série introdutória. Eu cheguei a conhecer as traduções do Denilson enquanto já estava no esforço de fazer as minhas próprias. Aliás, parti para minhas traduções porque não encontrava até então material em português sobre o Lovecraft. Li grande parte das traduções do Denilson, mas tive o cuidado de traduzir os contos que queria primeiro, para não me deixar influenciar. No mais, gosto muito do trabalho dele, sim!

E, Duende, batemos o papo quando quiser! :)

Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 09:42
sua opinião: subir
Egeu Laus
 

Viktor,
Imaginei que você já as conhecia. Foi um comment mais pro resto do povo...
Abraço!

Egeu Laus · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 11:16
sua opinião: subir
Viktor Chagas
 

É. Eu também imaginei que você imaginou. :) Mas quis comentar para dar uma situada e incentivar que os outros leiam as traduções dele tb. :) Abração.

Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 11:41
sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Marquemos então, meu caro KA-AK-KIM.

Por falar nisso eu, que já simpatizava um grande tanto com você, comecei a te admirar mais ainda ao ver o seu ContoAberto.org. Coisa bonita de se ver, cara! Fiz, inclusive, um post sobre ele no Caderno do Cluracão.

E por falar em posts, noticiei também suas traduções lá no Alriada Express.

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 1/3/2007 12:58
sua opinião: subir
Viktor Chagas
 

hehe. Muitíssimo obrigado pelas palavras. Já agradeci em todos os cantos que achei possíveis! :)
Só marcar. Grande abraço.

Os trackbacks manuais estão aqui e aqui.

Viktor Chagas · Rio de Janeiro, RJ 1/3/2007 13:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Não há de quê, meu velho. Você merece! :D
Vou responder a todos os seus agradecimentos "em todos os cantos que você achou possíveis" :D

Marquemos, pois.

Abraços do Verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 1/3/2007 14:24
sua opinião: subir
Fernando Mafra
 

Grande iniciativa Viktor. Como outros que comentaram aqui, sou um fã do autor (embora tenha um bom tempo que não leia nada dele - suas traduções podem ser um ótimo retorno).

Há uma frase que ouvi a respeito do Velvet Underground que diz: Poucas pessoas escutaram Velvet, mas todas que escutaram começaram uma banda.

Acho que o mesmo se aplica nas devidas proporções a Lovecraft. Desde inspiração e influência até cópias descaradas.

Fernando Mafra · São Paulo, SP 7/3/2007 08:57
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados