O MENINO DE BEIRUTE

Bomb damaged buildings Beirut lebanon middle east - Alison Wright.
1
Lobodomar · Guarapari, ES
5/10/2007 · 105 · 25
 

O MENINO DE BEIRUTE
(André L. Soares)
.
Embora tivesse escolhido a felicidade
a julgar pelos prédios em ruínas,
a felicidade não o escolheu.
Ainda assustado, guardou no bolso
- junto ao retrato dos pais -
três rubras gotas de ódio e saiu.
Queria sorrir para o mundo...
em resposta, as ruas sujas gargalhavam
um sarcasmo seco, de fuzil.
Em dia claro, choviam estilhaços.
Nos seus braços uma ferida sangrava
e ele em total torpor
(historicamente anestesiado...
coração nasce blindado,
onde não há amor?).

Entre a poeira cinza dos escombros
a infância resiste e ele se ilude
num jogo de bolas de gude, distante dos bombardeios.
A paz agora é uma moribunda sombra,
que se alimenta do prometido cessar-fogo.
(rápido rasgo de esperança
que se curva às tradições e aos interesses...
e haja paixões, para manter viva essa loucura).

De novo correndo entre os corpos
sonha o dia em que possa descansar,
sem temer - na esquina - um inimigo,
usar roupas limpas aos domingos,
falar de coisas lindas,... ver o luar...

Ele não vai hoje à escola...
(arremedo queimado de salas de aula)
porque seus professores
trocaram os livros pelas armas.
Hoje ele não vai à escola...
mas traz marcadas em sua pele
todas as mais duras lições.
Ele hoje não vai à escola...
dez anos nessa vida infeliz
e a promessa de vingança
como sagrada cicatriz.
.
.
.

compartilhe



informações

Autoria
André L. Soares 'Lobo do Mar'.
Ficha técnica
(André L. Soares - 10.08.06 - V. Velha/ES)
Downloads
255 downloads

comentários feed

+ comentar
Saramar
 

André, este é um poema-lamento-aviso muito bonito e poderoso.
Temos que falar sempre contra a guerra.

beijos, voltarei.

Saramar · Goiânia, GO 3/10/2007 13:23
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Saramar, obrigado por suas palavras. Sim, a poesia, entre outras coisas, não se esquece de gritar contra tudo que não for 'paz'. Grande abraço, Poetisa!

Lobodomar · Guarapari, ES 3/10/2007 13:33
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Rita Costa
 

André, ... não há como ler esse poema sem se emocionar, sem refletir sobre a nossa passividade diante da irresponsabilidade daqueles, que têem a obrigação de tornar nosso mundo um lugar melhor para as próximas gerações e não o fazem.

Parabéns, Poeta.
Esse lindo poema é mais que um belo grito de Paz.

Beijussssssssssssssssssssss querido.


Rita Costa · Rio de Janeiro, RJ 3/10/2007 18:24
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Rita Costa
 

E claro, eu volto! ;) Beijussssssssssssss

Rita Costa · Rio de Janeiro, RJ 3/10/2007 18:32
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Ritinha, minha linda Poetisa, você sabe que fico muito feliz quando um poema meu emociona você,... isso os torna melhores. E a mim também. Beijusssssssssssssss!!!

Lobodomar · Guarapari, ES 3/10/2007 20:21
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Branca Pires
 

Meu querido, voltarei para reler e votar e quando desse momento, deixarei as minhas impressões... Agurde-me, please!
Grande abraço

Branca Pires · Aracaju, SE 4/10/2007 17:01
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Branca Pires, muito obrigado. o poema ficará aqui, quietinho, aguardando por você. Grande abraço!

Lobodomar · Guarapari, ES 4/10/2007 22:46
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Rita Costa
 

E voltei! Carimbado com carinho querido.
Beijussssssssssssssssss

Rita Costa · Rio de Janeiro, RJ 5/10/2007 14:47
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
azuirfilho
 

Divino Lobo do Mar.
Seu trabalho tem muito a ver com a Gente Brasileira.
Parece as Escolas do rio fechadas por causa do narcotráfico.
Parabéns por sua LUZ.
Vpce [e um Guerreiro da PAZ.
Com seu trabalho voce Instrui sobre a realidade.
Como o verdadeiro Artista que a obra é pro povo.
:Luz para a nossa gente que sofre igual.
Sua OBRA ESTÁ NO LUGAR CERTO.
Parabéns Sempre com louvor.

azuirfilho · Campinas, SP 5/10/2007 15:18
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Nydia Bonetti
 

Liçôes aprendidas com as guerras... tristes lições... Acabei de ler "Nas asas da esperança" de Michel Kleinsinger, judeu de Varsóvia, que conta como sobreviveu ao horror da guerra... tristes lições! Impressionante o relato de sua vida. Ele foi casado com uma tia minha,muito querida e é pai de uma prima tambem querida! Histórias de guerras contadas por alguém tão próximo, são ainda mais impressionantes! Precisamos sempre levantar a bandeira da Paz! Sempre! Parabéns!

Nydia Bonetti · Piracaia, SP 5/10/2007 21:11
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Ah,... minha Ritinha linda, muito obrigado pelo carinho do retorno e do voto. Beijusssssssssssssssssss!!!

Lobodomar · Guarapari, ES 6/10/2007 00:30
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Azuir Filho, poeta-amigo,... fico feliz com suas palavras. Grande abraço, Poeta!

Lobodomar · Guarapari, ES 6/10/2007 00:31
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Nydia Bonetti, muito obrigado por sua apreciação. Grande abraço, Poetisa!

Lobodomar · Guarapari, ES 6/10/2007 00:32
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lígia Saavedra
 

Lobo, essa realidade do lado de lá e muito pior do que parece, não é? Dia desses assisti um documentário, "?????", perdão esqueci o nome, que conta a história, em tempo real, de dois garotos que são mandados para a frente de batalha e na realidade não se consegue discernir se o melhor seria que fossem morrer lutando ou ficassem para morrer defendendo-se da miséria , da intolerância ou dos próprios pais. Eu heim! Muito triste e vc recontou a história de uma forma que nos enternece mas que nos sirve de lição, afinal também temos, por aqui, nossos meninos de rua, favelados e abandonados no meio de toda essa guerra velada da violência política e social.
Um grande abraço.

Lígia Saavedra · Ananindeua, PA 6/10/2007 19:54
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lígia Saavedra
 

Desculpe-me.
Quiz dizer "que sirva-nos de lição".
Obrigada

Lígia Saavedra · Ananindeua, PA 6/10/2007 19:56
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
carlos magno
 

Adorei o teu belíssimo poema amigo Lobodomar. É um verdadeiro grito der paz por aqueles que sofrem as consequências desta estúpida guerra desumana.
Meus sinceros aplausos e abraços.
carlos M

carlos magno · Rio de Janeiro, RJ 6/10/2007 23:10
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Branca Pires
 

Lobo, voltei para votar. Não poderia deixar de me solidarizar a todos 'esses meninos de Beirute", e de tantos outros lugares, onde as cicatrizes contam as histórias de suas únicas escolas... a guerra.
Obrigada por nos trazer em poesia, esse grito de dor!
Grande abraço!

Branca Pires · Aracaju, SE 6/10/2007 23:26
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Lígia, muito obrigado. Perfeita sua apreciação. Na verdade, considero o caso brasileiro ainda mais complexo. Afinal, se no Oriente Médio há fatores motivacionais históricos para a violência, como o fundamentalismo, a tradição religiosa e, mais recentemente, a disputa pelo petróleo, no Brasil, a única razão para que ainda haja tanta violência é tão-somente o descaso social. Grande abraço, Poetisa!

Lobodomar · Guarapari, ES 6/10/2007 23:59
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Carlos Magno, grato por suas palavras. Grande abraço, Poeta!

Lobodomar · Guarapari, ES 7/10/2007 00:00
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Branca Pires, sim, você está certa. o 'menino de beirute' é uma metáfora, que representa mesmo um grito contra toda violência que alcança as crianças, em todo o mundo, inclusive no Brasil. Muito obrigado por sua apreciação. Grande abraço a você!

Lobodomar · Guarapari, ES 7/10/2007 00:02
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Sérgio Franck
 

André, bom poeta, incrível o seu poema. Remeteu por um instante ao Líbano.

abço.

Sérgio Franck · Belo Horizonte, MG 8/10/2007 11:52
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Sérgio Franck, grato por sua presença e palavras. Grande abraço, Poeta!

Lobodomar · Guarapari, ES 8/10/2007 12:49
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
analuizadapenha
 

oi... Meninos de Beirute lembrar sempre, para não parecer natural , assim como outros orfãos e solitários de guerra...me lembrei do filme "Infância Roubada" ... que nos comove tanto. Parabéns.

analuizadapenha · Natal, RN 10/10/2007 21:56
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Lobodomar
 

Ana Luíza, muito obrigado por sua apreciação. Grande abraço, Poetisa!

Lobodomar · Guarapari, ES 10/10/2007 23:06
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Lobo, meu deus, como me atrasei!
Mas este está perfeito. votado
Sorry.

Cintia Thome · São Paulo, SP 25/10/2007 05:47
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 23 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados