“O primeiro dia do resto de nossas vidas”

wwwameasemas.com.br
1
alcanu · São Paulo, SP
22/1/2009 · 184 · 45
 

18/01/09
“O primeiro dia do resto de nossas vidas”

Muita pretensão minha ser um bem sucedido promoter, ou em bom português, um Relações públicas, um cara que convida as pessoas para eventos considerados interessantes, como julguei que seria esse I Encontro Overmundo 2009...
Julguei, não, sem dúvida ele foi interessantíssimo, sem desmerecer os anteriores, todos excelentes, mas me causa estranheza a estrondosa ausência de amigos e amigas da casa, quem foi teve chance de aproveitar de uma das melhores reuniões já feitas, a respeito de assuntos variados, ligados ou não ao Overmundo !
Aspectos particulares de cada um de nós, danças circulares, depoimentos preciosíssimos de um overmano recém afastado, Lailton, André Pêssego brilhante, coisas que muito dificilmente teríamos condições de 'ventilar' aqui dentro, senhores e senhoras, com réplicas e tréplicas no ato, na hora, como convém a uma boa conversa, com gente querida...
Os minutos passavam e percebíamos que além de nós oito:
1 - André Pêssego;
2 - Jussara;
3 - Lailton Araújo ( ex overmano );
4 - Pedro Monteiro;
5 - Fátima;
6 - Zezito de Oliveira;
7 - Azuir;
8 - Alcanu;
mais ninguém apareceria...
Azuir encontrou pessoas que o conheciam de Campinas, inclusive uma senhora líder de um movimento de Empregadas Domésticas que o reconheceu pela voz, aquele charmoso sotaque carioca, vejam só !
Quando cheguei, ao ver a quantidade de ônibus estacionados, quase tive uma síncope pensando serem overmanos de fora do estado, ahahahahahahah, doce ilusão !
Talvez todos preferissem ficar em casa acompanhando o show do elton john, pela TV Globo...
Talvez a chuva tenha tornado impossível o acesso a um local histórico de sampa, o TUCA, situado na confluência da Bartira com a Monte Alegre, lá nas Perdizes, bem próximo ao Centro, tão próximo que nos deslocamos pra um boteco, assim que metade do grupo se dispersou:
primeiro o André e a Jussara tiveram que sair pois iriam receber um parente dela que chegava de viagem, isso lá pelas 20:00 horas após dançarmos uma dança ritualística sob o comando de um Zezito excepcionalmente criativo, conseguindo inclusive, apesar de não ser essa a intenção, ofuscar um casamento que estava sendo realizado nas imediações, as pessoas paravam para nos ver, estávamos realmente 'brilhando' nessa hora, conforme podem perceber pelas fotos...
Em meio aos arcos e num lugar historicamente marcado pela invasão da polícia em 1977...

“VOCÊ PODE ESTAR SENDO ILUDIDO !”
dizia um dos muitos cartazes expostos naquela ocasião, tudo isso pode ser visto claramente aqui :
( VIDE COMENTÁRIO TRÊS ) I
Quase trinta e dois anos depois oito homens & mulheres ousam dançarem juntos uma ciranda, acreditando que algo ainda possa ser feito para unir a Arte com o Universo e resgatar a Humanidade do Índio, do judeu, do palestino, do árabe, do maometano, de quem quer que seja...
Basta acreditar que ainda dá tempo, talvez por pouco tempo, talvez até terminar essa canção:
( VIDE COMENTÁRIO TRÊS ) II
Clara Nunes - Homenagem à Olinda, Recife e Pai Edu

Música enviada por: Ivaldo Sena

Eu tava na beira da praia
Ouvindo as pancadas das ondas do mar ( bis )
Esta ciranda quem me deu foi Lia
Que mora na ilha de Itamaracá ( bis )

Vim do Recife, um rapaz me perguntou
Se na ciranda que eu vou, se tinha muitas morenas
Eu disse, tem: loiras, morenas, mulatas...
Dessas que a morte mata e depois chora com pena

Esta ciranda quem me deu foi Lia
Que mora na ilha de Itamaracá ( bis )

Mandei fazer uma casa de farinha
Bem maneirinha que o vento possa levar
Oi pára o sol, Oi pára a chuva, Oi pára o vento
Só não pára o movimento da cirandeira rodar

Esta ciranda quem me deu foi Lia
Que mora na ilha de Itamaracá ( bis )

Quando pego na minha caixa de guerra
Cirandeira, sua saudade me encerra
Oh cirandeira do meu coração!
Meu avião vai pousar em outras terras

Esta ciranda quem me deu foi Lia
Que mora na ilha de Itamaracá ( bis )

Enquanto ainda nos recuperávamos desse transe transcendental em que nos achávamos, sem drogas, sexo ou mesmo rock 'n' roll, eis que Zezito nos aplica outro “duro golpe”, que estávamos aliás necessitando:
( VIDE COMENTÁRIO TRÊS ) III
Teu sonho não acabou
Hoje a minha pele já não tem cor
Vivo a minha vida seja onde for
Hoje entrei na dança e não vou sair
Vem que eu sou criança não sei fingir

Eu preciso, eu preciso de você
Ah! Eu preciso, eu preciso, eu preciso muito de você

Lá onde eu estive o sonho acabou
Cá onde eu te encontro só começou
Lá colhi uma estrela pra te trazer
Bebe o brilho dela até entender

Que eu preciso...

Só feche o seu livro quem já aprendeu
Só peça outro amor quem já deu o seu
Quem não soube a sombra, não sabe a luz
Vem não perde o amor de quem te conduz

Eu preciso...

Nós precisamos, precisamos sim
Você de mim, eu de você.
####################################
Refeitos de tanta emoção, quem não foi jamais conceberá o que sentíamos naquele momento, nos dirigimos ao mais reconfortante café da Cardoso de Almeida, local esse aonde de nada valeram os meus apelos tentando reter Azuir em Sampa, hospedado em meu recém disponível mocó, argumento incontestável, que ele no entanto soube tergiversar, baseado na necessidade premente dele retornar a Campinas com o intuito altruísta de alimentar seus felinos...
Lailton foi-se com ele, deixando o nosso já reduzido grupo a quase um grupelho !
Mas um grupelho daqueles, resistentes à bala !
Fomos andando, trocando idéias preciosas e dignas de um gravador que ninguém se lembrou de levar...
As horas se passavam e já bem pra lá do fim do minhocão, encontramos um bar estilo pé pra fora, que só pessoas simples e descomprometidas com o luxo ou à frescura das coisas dispensáveis sabem se adequar...
Em meio a mais alguns minutos de um sincero bate-bola entre nós quatro, onde todos jogavam, com regras claras, plenas, possíveis, escutávamos o silêncio e zoávamos quando preciso, mais fotos documentam essa passagem, que infelizmente passou...
Lá, Zezito autografou alguns cartões postais que nos ofereceu um a um e quantos fossem, pelo estoque que ele levou, seriam agraciados com o mesmo, como se fossem uma comenda disputadíssima a tapas como essas que andam pelaí ... medalhas Anchieta e o caralho !
Como me orgulho desse cartão, da lembrança que ele representará pra mim dessas horas felizes que desfrutamos juntos...
Não nos demoramos muito, ele precisava retornar antes da meia-noite ao local onde estava hospedado, isso nos deixou com a certeza de um próximo encontro para dar continuidade a esse, Zezito, Fátima e Pedro Monteiro foram pra Barra Funda, Gatos Borralheiros diante de um metrô que fecharia à meia-noite...
Eu, Alcanu, já acostumado com a solidão do Centro que me acolhe aos poucos como seu mais novo integrante, aliado aos marginais e putas incompreendidas pelo mundo e mendigos que insistem em ouvir de mim a mesma frase:
-”O que eu tenho não é bastante para alimentá-los todos, de que adiantaria ajudar apenas a um ?”
Um ônibus ou outro buzina, achando que eu seria o último passageiro a adentrá-lo, gentil esse motorista, ou talvez tenha pensado que eu, supostamente bêbado pudesse causar-lhe problemas caso fosse atropelado por ele...
Me lembro de um texto da Cecília Meirelles:
Estirpe
Os mendigos maiores não dizem mais, nem fazem nada.
Sabem que é inútil e exaustivo. Deixam-se estar. Deixam-se estar.
Deixam-se estar ao sol e à chuva, com o mesmo ar de completa coragem,
longe do corpo que fica em qualquer lugar.
Entretêm-se a estender a vida pelo pensamento.
Se alguém falar, sua voz foge como um pássaro que cai.
E é de tal modo imprevista, desnecessária e surpreendente
que, para a ouvirem bem, talvez gemessem algum ai.
Oh! não gemiam, não... Os mendigos maiores são todos estóicos.
Puseram sua miséria junto aos jardins do mundo feliz
mas não querem que, do outro lado, tenham notícia da estranha sorte
que anda por eles como um rio num país.
Os mendigos maiores vivem fora da vida: fizeram-se excluídos.
Abriram sonos e silêncios e espaços nus, em redor de si.
Tem seu reino vazio, de altas estrelas que não cobiçam.
Seu olhar não olha mais, e sua boca não chama nem ri.
E seu corpo não sofre nem goza. E sua mão não toma nem pede.
E seu coração é uma coisa que, se existiu, já esqueceu.
Ah! os mendigos são um povo que se vai convertendo em pedra
Esse povo é que é o meu.
#########################################################
Uma 'lanhouse' aberta 24 horas por noite, me dará guarida por algum tempo, o suficiente pra que eu descanse e faça alguns contatos...
Já no meio do minhocão fechado, uma última chance de ir por cima, mas aquela solidão do trânsito interditado me incomoda...
Prefiro o 'meu' povo, que me incomoda menos do que uma sociedade rica e que exige gravatas apertadas e desodorantes com perfume, Duque de Caxias, São João, esquisita simbiose de santos e militares, esse mundo realmente não existe, meus senhores e minhas senhoras, já são quase duas de la matina, muito crack ao meu redor, viados, putas & gente normal, ninguém é de ninguém, até gente honesta deve ter por aqui, mas isso nem me incomoda, faço parte dessa fauna patética, ganho o respeito de todos, a todos cumprimento, são todos meus irmãos !
Playboys de carros, sempre em bandos, acabam de cuspir numa prostituta que não quis ir com todos, talvez a pouca dignidade que tem a proíba disso, vejam, só...
Ninguém vê isso dormindo cedo, me sinto um Plínio Marcos, meio maldito, mas sem a perfeição absurda de um Fauzi Arap, sempre gostei da noite, agora faço parte dela, com meus pedaços de papel, onde rascunho meus poemas e às vezes racho um pão com manteiga com algum nóia com larica, antes meio pão do que nada, aquele argumento anterior não me serviria novamente, não posso argumentar com pessoas ignorantes que não aceitariam meus argumentos, uno-me a eles então, numa óbvia estratégia que só quem tem a 'manha' de viver ao lado deles saca !
Pronto, saí da Cracolândia, entro na Ipiranga, dali a pouco estarei em casa, vou usar o banheiro, que delícia cagar de madrugada !
Daí sair de novo ir ao Café Piu-piu ver se tem algum conjunto ruim tocando lá, pois quando o conjunto é bom, lota de casais de namorados e eu só, me revolto de ver isso, prefiro a solidão de um grupo pretensamente 'ruim', que não atrai ninguém a não ser outros notívagos como eu...
Debalde, casa cheia, isso significa que os covers, os 'fakes' que lá se apresentam ( aqui também os 'fakes' se deram bem ! ), estão se dando bem hoje !
Noto, virei quase que um falcão peregrino, isso é necessário pra garantir a minha sobrevivência nessa selva de pedra, que de um apartamento uma ( possível, não consigo visualizar isso com exatidão ... ) adolescente me filma com o seu celular, desconheço com qual propósito, aquele brilho característico a denuncia...
Uma última volta pela decadente Augusta, Azuir me seria uma excelente companhia caso tivesse ficado, lá encontro a 'lanhouse' da Dalva, uma morena magrinha e bastante simpática, sempre pronta pra conversar, seu marido xavecando as putas dos arredores e fazendo a parte de segurança aos ( muitos ) indesejáveis...
Entro no Overmundo, Azuir deixou um recado pra mim às duas e tanto, sinal de que chegou bem para gáudio dos seus gatos ! A pessoa pra quem mandei uma mensagem também testemunhou a minha noite de insônia... tudo se encaixa como um quebra-cabeças real!
Me despeço de Dalva, até a próxima vez !
Torna-se necessário um pitstop prum suco de laranja, algo que aterroriza os consumidores de pinga e cerveja, tribos de punks, emos, carecas, todos tatuados em excesso e meio carentes de massa encefálica, estão lá fazendo hora pra pegar o primeiro ônibus ou uma carona num mesmo abarrotado carro, coisas que achávamos demais até há pouco tempo !
Caçoam de mim tomando um ou dois sucos, fodam-se, jamais os encontrarei de novo nem lhes devo satisfações do que faço ou deixo de fazer...
As putas de luxo na porta do Kilt, o Satyrus 'chutando' seu último cliente, estou perto de casa, Carlos é o porteiro de hoje, 'já' vou dormir, quase cinco da manhã !
Amanhã é domingo, Carlos está do lado de fora observando o movimento !
Me avisa do jeitinho pra abrir a porta, coisa que só ele sabe, agora eu também !
-”Boa noite, Carlos !”
-”Boa noite, 'senhor' !” ( tsc tsc )
Outra coisa que eu sei que ele também sabe:
que hoje é o primeiro dia do resto de nossas vidas !
© MMIX by alcanu












Sobre a obra

Sobre a ‘noite’ !
Sei que os dois já estão no andar de cima e peço licença pára citá-los:
Devo estar mais para Jacintho Figueira Júnior do que para Athayde Patreze !

compartilhe



informações

Autoria
Alcanu
Ficha técnica
I Encontro Overmundo Sampa 2009
Downloads
282 downloads

comentários feed

+ comentar
TÂNIA MARA CAMARGO
 

Gostaria de participar mas estou com sérios problemas de saúde,
crises de uveíte (olhos), quase não enxergo. Qu4em sabe no próximo poderei estar presente. Beijos!

TÂNIA MARA CAMARGO · Jundiaí, SP 19/1/2009 13:58
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

Ecce incontrus !
La notche que me quieras...
Bom !
(manda as fotos...)
um beijo !

joe_brazuca · São Paulo, SP 19/1/2009 14:03
sua opinião: subir
MAXXIMA
 

AI AI AMIGO QUERIDO...DEVE TER SIDO TDB...MAS EU ESTOU COM 3 ADOLESCENTES DE FÉRIAS QUE ESCOLHERAM OUTRO PROGRAMA PARA MEU DESPRAZER...RSRS...
MAS NÃO VAI FALTAR OPORTUNIDADE DE MARCAMOS OUTROS, QUE COM CERTEZA IREI.
SOUBE DESSE MUITO EM CIMA E ELAS (FILHAS) JA HAVIAM PROGRAMADO MEU FINDI...rsrs
TORÇO PARA QUE TODOS SE CONHEÇAM E VENHAM....
BEIJOSSSSSSS

MAXXIMA · São Paulo, SP 19/1/2009 14:41
sua opinião: subir
Marlene Bastos
 

Realmente deve ter sido muito bom esse grande encontro!
E esse retrato da noite, então?
À noite parece existir um mundo à parte!

Marlene Bastos · Goiânia, GO 19/1/2009 15:48
sua opinião: subir
Higor Assis
 

Este tipo de boteco do da foto é convidativo demais, faltou um balcão para encosto do cotovelo. Desculpe mais uma festa. Os problemas de saúde de última hora me fizeram não ir.

Com certeza um encontro ímpar.

obs: alcanu você fez tudo certo. Teremos mais vezes...

Higor Assis · São Paulo, SP 19/1/2009 16:02
sua opinião: subir
Aglacy
 

Esses seus escritos cheios de ricos entremeios são de fazer segurar o fôlego. Melhor que isso, só mesmo tendo marcado presença... E Zezito, conterrâneo de que me falara, estava lá. Ao menos, tive um representante.

Um abraço.

Aglacy · Aracaju, SE 19/1/2009 16:49
sua opinião: subir
raphaelreys
 

Alcanu! Vamos pensar em um mega encontro de overmanos com a participação da direção do site. Tem que montar uma logística nacional ou fazer um em cada estado! Pense nisso!

raphaelreys · Montes Claros, MG 19/1/2009 17:17
sua opinião: subir
Rosane Mergener
 

Que delicia deve ter sido....sou nova aqui...não deu tempo de me programar...no orkut tb fizemos um sarau...foi muito legal ver os poetas saindo da telinha do pc pra nossa realidade...tivemos a presença de Oswaldo Castelari, Jorge das Neves, Mirian Warttusch, Mell Glitter, Juju Martins, Leni Martins, Rô Daros, Amarilis P entre outros nomes da poesia....e foi delicioso...poucas pessoas, mas que foram de coração aberto...assim como vcs que se reuniram...vai ficar no coração pra sempre....isso é o que conta!!!

Rosane Mergener · Mauá, SP 19/1/2009 17:41
sua opinião: subir
Andre Pessego
 

"Genial", - genial a escrita, genial o Alcanu, genial o encontro, genial os presentes, genial as conversas. "Genial", o abraço recebido do Zezito, o peito colado do Lailton Araújo, o abraço carioca do Azuir, genial o aperto de mão enorme do Pedro Monteiro, genial o beijo na face recebido da Fátima......... Genial...
Por razões particulares das pessoas dos encontros anteriores e também particularidades minhas não me foi possível comparecer antes. O fato deste ter sido no sábado me facilitou
.....
abraço
andre.

Andre Pessego · São Paulo, SP 19/1/2009 18:03
sua opinião: subir
alcanu
 

Tânia, estimo as suas melhoras, se cuida, saúde é coisa séria, daqui pra frente em toda a nossa vida, né ?
Um beijo !
Joe, alguém precisa me mandar as fotos da Dança Circular, enquanto há tempo, vamulá, galera !
Um beijo !
Maxxima, ( posso te chamar pelo nome ou não ? ), bom retorno, seria ótimo ter levado pra termos um choque de gerações, lá só tinha macróbio, incluindo este que lhe fala, ahahahahahahah !
Um beijo !
Marlene, a noite de Sampa, nessa região onde moro agora, imediações da Praça Roosevelt, é tudo de bom, só precisa ficar esperto, coluna reta, postura ereta e um coração tranquilo ( sem trema ! ), como pregava o Walter Franco !
um beijo !
Higor, sentimos tua falta, sempre bem acompanhado, né, malandro ?
que esse lanced de saúde seja superado, tamos rezando por você, maninho !
Um beijo !
Aglacy, você roubou toda a beleza, não deixou nem um pouqiuinho pro Zezito, ainda bem, que homem bonito não é bem a minha praia, saca ?
mas ele soube representar o teu pedaço com muito brilhantismo, a performance dele como o nosso facilitador na Dança Circular foi um capítulo à parte, o Tuca só tremeu mais na invasão de 1977, viu ?
Um beijo !
Raphael Reys, se a direção do Overmundo aceitar, seria um ótimo meio de tentarmos aparar as arestas que vira e mexe estão surgindo por aqui...
contem comigo pra representar a capital do Estado de São Paulo, dependendo da data e do local, programados com antecedência, poderemos realizar uma Big Reunião fora de Sampa, num ponto mais central desse Brasilzão enorme...
Tô pensando na Chapada dos Guimarães, lugar místico,pro bicho pegar mesmo, convido até uns ets amigos meus...
Um beijo !
PS: Leva o ET de Varginha !
Rosane, pena que você tinha plantão, né, pra mim tirar a cisma que eu tenho com a tua cidade, já te disse porquê, né ?
Mas, tudo bem, Mauá não conseguiria ficar sem a sua farmacêutica nº um !
desse pessoal que você falou, conheço duas :
A tatuadíssima Mell Glitter & a Leni Martins, ambas overmanas timidamente ofuscadas, porquie querem, pois têm um talento à flor da pele, o qual pude constatar num sarau que fui na Casa das Rosas, aqui na Paulista, onde também pus as minhas manguinhas de fora, como convém a um bom sarausista...
Até a próxima, tomara que com a tua brilhante presença !
um beijo !



alcanu · São Paulo, SP 19/1/2009 18:10
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Eita Alcanu, que inveja , da boa entende?

Da outra vc avisa, queria conhecer Zezito pois desde o início acho os postados muito bons e na luta . Pedro!!!!Que saudade amigo...Azuir, companheiro que só vejo em encontros...Andre, puxa vida!!! Fátima.........
snif...Lailton Amigo...cadê aparceria?????Olhos de Vitrais tá rodando aqui todo dia!!!!
Vamos ao lançamento de Benny!!!
Em março viu????

Cintia Thome · São Paulo, SP 19/1/2009 18:16
sua opinião: subir
alcanu
 

André, por acaso você não tirou nenhuma das fotos que tiramos da Dança Circular, hómi ?
precisamos colocar pelo menos uma pra deixar o povo 'inhaguado', quem mandou num ir ?
Vamos ver se fazemos o Encontro sempre no sábado só pra você não ter desculpa de não ir...
e você só pegou o Primeiro Tempo, meu amigo, só faltou a gente 'jogar' uma capoeira no Segundo, os papos no Boteco foram de balançar, viu, meu irmão !
Um beijo !
Até o próximo !

alcanu · São Paulo, SP 19/1/2009 18:16
sua opinião: subir
alcanu
 

Olha quem chegou por aí, nossa companheira de Encontros a Cintia, já agitando o Encontro de março, se não houver nada em fevereiro, tem um monte de gente querendo tirar o atraso...
ahahahahahahah !
Um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 19/1/2009 18:18
sua opinião: subir
Rosane Mergener
 

Conheço uns lugares na Chapada de Guimarães....maravilhosos....kkkkkk....cahoeiras...mirantes....morei lá na capital...Cuiabá....
Os Ets nem precisam de convites....rsrsrsrs....

Rosane Mergener · Mauá, SP 19/1/2009 19:28
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

sinto muito não ter ido, mas deve mesmo ter sido ótimo, um grande abraço amigo.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 19/1/2009 21:17
sua opinião: subir
Aglacy
 

Risos. Muitos risos.

Aglacy · Aracaju, SE 20/1/2009 00:15
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Alcanu.
Você é um louco genial, como um arvoredo frondoso carregado de criatividades; tenho orgulho de ser seu amigo, cara.
Abraços

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 20/1/2009 00:20
sua opinião: subir
alcanu
 

Alcanu!!!
Beijo
Doce
Ana Neri Andrade · Porto Alegre (RS) · 20/1/2009 00:19 alerta
Dê sua opinião! Você achou esse comentário útil?

Sua opinião:

alcanu · São Paulo, SP 20/1/2009 11:48
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
lady sophie
 

faço minhas as palavras de Pedro Monteiro,
você é simplemente genial!

lady sophie · Porto Alegre, RS 20/1/2009 12:33
sua opinião: subir
Zezito de Oliveira
 

Alcanu,
Não posso escrever muita coisa, em função de estar em viagem de volta para o ninho. Entretanto, foi maravilhoso o que senti no curso de verão e no encontro do qual participei com os over_manos e manas e preciso de algum tempo para transmitir o sentimento em forma de texto (naquilo que for possivel!).
Um grande abraço para aqueles (as) que estiveram presente e para os que não puderam ir e nos encontraremos mais vezes.
"Daqui até a eternidade...."
Abrs,

Zezito de Oliveira · Aracaju, SE 20/1/2009 12:51
sua opinião: subir
Circus do Suannes
 

Na próxima vez avisem com mais antecedência.

Circus do Suannes · São Paulo, SP 20/1/2009 17:36
sua opinião: subir
Raiblue
 

Que pena que perdi essa noite... mas ianda tenho o resto de minha vida para outras tanats...então ao menos uma quero encontrara vcs também,falou?

Um barato seu texto Alllll...tudo vc transforma em pura diversão,cara, vc é demais!!!!é dom mesmo isso!!!
Parabéns, querido!!!

mil besitos azules
Blue

Raiblue · Salvador, BA 20/1/2009 20:12
sua opinião: subir
Raiblue
 

Que pena que perdi essa noite... mas ianda tenho o resto de minha vida para outras tantas...então ao menos uma quero encontrar vcs também,falou?

Um barato seu texto Alllll...tudo vc transforma em pura diversão,cara, vc é demais!!!!é dom mesmo isso!!!
Parabéns, querido!!!

mil besitos azules
Blue

Raiblue · Salvador, BA 20/1/2009 20:12
sua opinião: subir
Raiblue
 

Que pena que perdi essa noite... mas ainda tenho o resto de minha vida para outras tantas...então ao menos uma quero encontrar vcs também,falou?

Um barato seu texto Alllll...tudo vc transforma em pura diversão,cara, vc é demais!!!!é dom mesmo isso!!!
Parabéns, querido!!!

mil besitos azules
Blue

Raiblue · Salvador, BA 20/1/2009 20:13
sua opinião: subir
Raiblue
 

...êta que agora vc me mata...haha...eu triplicada...rsrs...foi mal,Al...rsrs...disparou td aqui..rsrsss

mais besitos...bluecarinhososssss

Raiblue · Salvador, BA 20/1/2009 20:15
sua opinião: subir
cibele salma
 

Emocionante, se vê pelas fotos! Nada se compara
a energia de uma roda de ciranda! Sinto ter perdido a oportunidade e espero estar no próximo encotro...
Carinhoso abraço.

cibele salma · Brasília, DF 21/1/2009 00:54
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

viva !

joe_brazuca · São Paulo, SP 21/1/2009 13:24
sua opinião: subir
  Gorete
 

Alcanu!
Sendo novata aqui, desconheço como funcionam estes encontros; gostei da ideia do Raphael; se for avisado com bastante tempo, dá pra gente programar e ir. Sera um prazer para mim!
bjosss! Vou correndo pra ver as fotos!

Gorete · Ipatinga, MG 21/1/2009 13:58
sua opinião: subir
AnaLu Fernandes
 

Que inveja de vcs, pelo belo texto deve ter sido muito bom, essa dança então deve ter sido o máximo, mas infelizmente essa pobre podóloga não pode dar-se a esses luxos de ir passar um fim de semana em Sampa. O máximo que faço é ir até Lumiar de vez em quando, pra ver o namorado.
Vc precisa marcar um encontro aqui no RJ, de preferência na Lapa, lá é bom demais...
Bjs...Mil...

AnaLu Fernandes · Rio de Janeiro, RJ 21/1/2009 16:41
sua opinião: subir
Isabel Furini
 

Circus está certo. Encontros precisam ser comunicados com muita, muita antecedência.
Deve ter sido muito interessante.
"Mas um grupelho daqueles, resistentes à bala !" fala o autor. Grupos resistentes à bala são os empurram o mundo rumo a novas conquistas.
Parabéns!

Isabel Furini · Curitiba, PR 21/1/2009 18:52
sua opinião: subir
Ivette G.M.
 

Escrevo crônicas no site saopaulominhacidade, onde as pessoas foram formando uma quase família. São promovidos muitos encontros, em pizzarias, mas é sempre um grupo muito reduzido que comparece. Eu mesma, até agora só fui a um deles no ano passado. Esses encontros não são realmente fáceis, principalmente com grupos de sites que congregam muitas pessoas. Não desanime, Como dizia Comenius: " Para fazer uma corrente é preciso emendar um elo de cada vez".
Abração, Ivette G M

Ivette G.M. · Cotia, SP 21/1/2009 19:17
sua opinião: subir
walnizia santos
 

Lindo o encontro e o texto, Alcanu!
Que saudades do Encontro de Sampa, do qual participei.
Esse, pelo que se vê, foi também muito agradável e proveitoso.
Parabéns. Votando.
Beijos

walnizia santos · Brasília, DF 21/1/2009 20:00
sua opinião: subir
crispinga
 

Longe dos holofotes, perdidos numa noite suja... Fico imaginando quanta coisa aconteceu, desde o ultimo encontro. O que era doce provou ser amargo. Concluo que egos e orgulhos exarcebados tentaram acabar com a festa...Promoveram O Desencontro. Mesmo assim, O /em>Encontro aconteceu. Para poucos, para raros, para aqueles que est~ao aqui porque ainda acreditam no lado bom do bicho homem.
Parabe'ns, Alcanu. Comovente seu relato.

crispinga · Nova Friburgo, RJ 21/1/2009 20:53
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Andre Pessego
 

e mais votos eu daria,
abraço
a todos
andre

Andre Pessego · São Paulo, SP 21/1/2009 23:09
sua opinião: subir
nina araújo
 

Queria ter ido!! Vem pro Rio e aí vai ser muito bom também...
Votadíssimo!
beijos daqui,

nina araújo · Rio de Janeiro, RJ 22/1/2009 07:18
sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Alcanu,

Se houvesse eleição para presidir o Overmundo, certamente vc. seria eleito por aclamação, não só pelo talento e competência, mas principalmente pelo seu jeito alegre, descontraído, sincero e amigo.

Valeu pelo encontro , fotos e maravilhoso relato.

Abraços

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 22/1/2009 08:36
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Vamos nos encontrar? No evento, show da Socoro Lira?
Veja a Agenda do Over....
Vamos lá! Vai ser bacana.
Assim sinto menos por não ter ido, rs

bj

Cintia Thome · São Paulo, SP 22/1/2009 12:25
sua opinião: subir
rosa melo
 

...também quero!
Quando vai ser no Piauí?

rosa melo · Pio IX, PI 22/1/2009 14:42
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Alcanu,
Estou no sul, ( Paraná)
Se houver algo programado para após 20 de fevereiro
até começo de MArço avise com antecedência que eu
me farei presente.
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 22/1/2009 15:33
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Raiblue
 

mil beijinhos azuis,querido!
Blue

Raiblue · Salvador, BA 22/1/2009 21:26
sua opinião: subir
azuirfilho
 

alcanu · São Paulo (SP)
“O primeiro dia do resto de nossas vidas”

Pessoal Amigo Querido, agora é que eu estou vendo este trabalho Postado pelo Poeta ALCANU.
Estou viajando pelo espaço sideral e náo vi.
Agora que vi, corri para mandar as fotos, náo tinha o Email do Alcanu e entáo mandei para o JOE Brazuca.
Entáo ví a outra mensagem do Alcanu com o Email da Sabesp e mais uma vez entáo, mandei as fotos para lá também.
É pra gente sentir muito es ter estado com as fotos e náo ter visto o Postado e náo ter mandado as fotos.
Uma perda muito sentida mas que a gente supera e vai em frente.

Esta perda foi muito grande mas o que a gente dançou de Ciranda foi muito maior em representacáo de realizacáo de Sonho Humano.

O Poeta Amigo Zezito, nos passou os Segredos da Dança da Ciranda, e depois que agente exercitou e pegamos o jeito, e a roda girou e o mundo se coloriu, Zezito passou a cantar outros cantos de ciranda. Muitos Cantos, todos emoudurados pelos cantos da Lia de Itamaracá.
Verdadeiro transe de felicidade.
A Turma atingiu um Sincronismo Perfeito.
Nos Círculos da Dança estavam os movimentos das esferas do Universo. Uma coisa de magia e fascinacáo. e, o Zezito ia cantando aqueles autores Bem Aventuraros da Ciranda.
Fpoi um show de beleza. Verdadeira iniciação no Sagrado da vida.
Um encontro que valeu a Pena, porque somou o fato de ser na PUC, por estarem muitas turmas do Brasil Inteiro fazendo os Cursos de Veráo, para Habilitar o pessoal que vai ser os animadores de Eventos. Foi ai, onde encontramos pessoas admiráveis dos Movimentos Populares, aproveitando e investindo o Sábado, na formacáo sobre a Cultura Popular Brasileira. Encontramos as senhoras de Campinas que tiraram fotos com a gente: 1- Maria das Graças da Pastoral do Negro. 2- Máo Lia Pessoa Boníssima que foi a Presidente do Sindicato das Empregadas Domésticas de Campinas e 3- A Digníssima Senhora Izalene Tiene, que foi a Prefeita da Cidade de Campinas.
Todos Encontros foram admiráveis e neste me chamou a atencáo para o fato de que somos amigo do Virtual que nos encontramos e que provamos a nós próprios que no Virtuial também esta o real.
Que a Amizade que formamos é valorosa, pra gente cuidar e se orgulhar, pessoas maravilhosas. Poetas inspirados com o Divino.
de Outra vez vou levar uma Bandeira do Divino, porque foi um sonho Divino, que valeu a pena e que sempre vai ser lembrado com orgulho e alegria.
Pessoal Amigo, demorei a passar as fotos, mas passo aqui uma consideracáo e estima pra toda a vida.
Poetas extrardinários, Deus seja Louvado, o Encoontro foi inesquecível.

azuirfilho · Campinas, SP 23/1/2009 01:22
sua opinião: subir
azuirfilho
 

alcanu · São Paulo (SP)
“O primeiro dia do resto de nossas vidas”

Amigos Queridos.
Coloquei Algumas fotos no meu Perfil,.das Danças Circulares que aprendemos com Mestre Zezito, lá no Tuca da PUC-SP.
Uma pequena compensaçáo para verem as fotos.
Foi extraordináriamente admirável.
Ninguém nunca mais vai esquecer.
Abraçáo Amigo

azuirfilho · Campinas, SP 23/1/2009 01:47
sua opinião: subir
Zezito de Oliveira
 

Queridos (as),

Maravilha! ler/rever/sentir os ecos do I Encontro Overmundo em Sampa, Já estou de volta ao ninho e de partida para o Pará, onde retornarei à Aracaju, juntamente com a esposa e o filho caçula, após rever os parentes do Norte e participar do Fórum Social Mundial. (por volta de 6 de fevereiro).
De São Paulo levo a certeza de que tenho muitos amores. Não me sentirei como o personagem da histórica canção que herdamos dos capoeiras de Salvador: “Eu não sou daqui, marinheiro só. Eu não tenho amor, marinheiro só.”
Para finalizar, vale a pena compartilhar um poema de Cora Coralina, com o qual foram agraciados os participantes do espaço criativo de danças circulares, no curso de verão 2009.

Não Sei...

Não sei...se a vida é curta...

Não sei...
Não sei...

se a vida é curta
ou longa demais para nós.

Mas sei que nada do que vivemos
tem sentido,
se não tocarmos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que sacia,
Amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo:
É o que dá sentido à vida.

È o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira e pura...
Enquanto durar.


Zezito de Oliveira · Aracaju, SE 23/1/2009 13:38
sua opinião: subir
Maria Lúcia
 

Alcanu, o que achas deste GrandeEncontro, ser aqui no MS, em Bonito por exemplo... estou a suas ordens para contato.
Beijo

Maria Lúcia · Campo Grande, MS 23/1/2009 23:49
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

imagens clique para ampliar

Pedro Monteiro, Alcanu, Azuir, Zezito & o ex-overmano Laílton Araújo ! zoom
Pedro Monteiro, Alcanu, Azuir, Zezito & o ex-overmano Laílton Araújo !
zoom
"Confecção" do cartaz orientativo !
baixar
pdf, 11 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter