O último poema

1
Fábio Fernandes · São Paulo, SP
22/2/2007 · 144 · 19
 


O que essa paixão tem
que vai de zero a cem
em menos de um minuto?
O que tem essa paixão
que nos tira de esquadro
E não tem quem diga não?
É ficar sem pai nem mãe
É perder o pé do chão
É não ter pra onde ir.
É perder métrica e rima
É todo dia lembrar
Que todo amor sempre termina.

compartilhe



informações

Autoria
Fábio Fernandes
Ficha técnica
o último poema.
Downloads
421 downloads

comentários feed

+ comentar
Carlos ETC
 

Muito bom, Fábio! Gostei!

Carlos ETC · Salvador, BA 22/2/2007 01:40
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Sebastião Firmiano
 

Quando o amor termina/ Outro começa.
È só não ter pessa.

Sebastião Firmiano · São Paulo, SP 22/2/2007 09:36
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

Valeu, Carlos!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 22/2/2007 10:53
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

Dá-lhe, Sebastião!
Cara batuta taí!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 22/2/2007 10:53
sua opinião: subir
Cida Almeida
 

Menino, em matéria de amor há mais coisas entre o céu e a terra do que possa supor a nossa vã filosofia e o nosso teimoso coração. Gostei e sei bem sobre essas indagações.
Abraços.

Cida Almeida · Goiânia, GO 22/2/2007 16:02
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Marcos André Carvalho Lins
 

legal, fábio.
abraço,

Marcos André Carvalho Lins · Recife, PE 22/2/2007 17:59
sua opinião: subir
Francinne Amarante
 

muuuuito bom!parabéns!
beijão
fran

Francinne Amarante · Brasília, DF 23/2/2007 00:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
eduardo ferreira
 

amor é coisa esquisita, é coisa que ninguém lida, mas não desista!
grande abraço.

eduardo ferreira · Cuiabá, MT 23/2/2007 11:57
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Roberta Tum
 

Gostei,me identifiquei... vc foi muito feliz!

Roberta Tum · Palmas, TO 23/2/2007 16:54
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

é isso aí, Cida. O Velho Bardo é que estava certo....

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 24/2/2007 12:01
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

Valeu, Marcos!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 24/2/2007 12:01
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

Obrigado, Fran!
É uma honra receber teu elogio! :-)

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 24/2/2007 12:02
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

Edu, caro amigo,
como dizia o outro Bardo, o lusitano, amor é um contentamento descontente...
Salve!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 24/2/2007 12:04
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

obrigado mesmo, Roberta. Mas na verdade, para fazer esse poema, eu fui muito infeliz.

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 24/2/2007 12:04
sua opinião: subir
brigitte
 

Paixão passageira
que dá rasteira e nos deixa de quatro
sem dar tempo de guardar o retrato.
Paixão assim só tem uma saída:
vivê-la até o fim.

Seu poema é bem real.Gostei demais.

brigitte · Goiânia, GO 24/2/2007 21:28
sua opinião: subir
Fábio Fernandes
 

Obrigado, Brigitte!

Fábio Fernandes · São Paulo, SP 26/2/2007 09:50
sua opinião: subir
carlos magno
 

Olha ´Fábio, o amor é mesmo assim, as é muito bom e outras vezes ruim. Parabéns pelo trabalho, legal.
Carlos Magno.

carlos magno · Rio de Janeiro, RJ 24/4/2007 01:21
sua opinião: subir
Renato Torres
 

olá fábio,

vim vasculhando teus arquivos, depois desse inverno de sumiço, até achar esse petardo, esse dardo envenenado de severa realidade, colorido de poema. ainda musico (lembra?) um texto teu.

abraços,

r

Renato Torres · Belém, PA 2/7/2007 11:34
sua opinião: subir
Thaiz Fernandes
 

Muito bom, esse não-feliz vale muito a pena pra quem opta por viver a vida... ^^

Thaiz Fernandes · São Paulo, SP 20/10/2007 23:17
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados