PEQUENO VILAREJO

Flickr
1
Gustavo Adonias · Salvador, BA
21/10/2008 · 179 · 41
 

Manhã aberta a sonhos
Rosa no peito
A vida brinca nos poros
Chaga cicatrizada do ontem
Fronte luminosa
No delta do dia
Barcos saem para o mar
Sina incerta
"Vou trabalhar, meu bem querer..."
Brancas nuvens movem-se
Vazias e calmas
O ar marítimo
Navega os alvéolos
Tudo é festa para os sentidos
Eterno ensaio da aurora
Para a grande peça diária
Alimento para o corpo e a alma
Os homens aos poucos despertam
Em gestos diários
Acenam os reencontros
O cotidiano sem pressa
Abre novamente suas janelas
Tudo segue o seu curso
No pequeno vilarejo que há em nós...

(Gustavo Adonias)

compartilhe



informações

Autoria
Gustavo Adonias
Ficha técnica
Poesia: "No Pequeno Vilarejo que há em Nós"
Downloads
313 downloads

comentários feed

+ comentar
Cristiano Melo
 

Gustavo,
adoro o seu estilo...Aqui foste genial, pois há a maneira literal de se ler, e interpretar como o cotidiano de nosso povo brasileiro que vive da pesca, saudades do meu Ceará, e de outro lado, a interpretação metafórica, introspectiva, de observar o seu interior como os locais que temos dentro de nós. Muito bom mesmo.
Meus parabéns nobre amigo
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 19/10/2008 12:42
sua opinião: subir
José Carlos Brandão
 

Tudo segue o seu curso
No pequeno vilarejo que há em nós...
Belo final. Quem disse que não há mais surpresas na poesia?
Nós somos mesmo uma Manhã aberta aos sonhos
em um pequeno vilarejo perdido no tempo.
E somos os barcos que saem para o mar, sem destino, para a pescaria da vida. Nunca sabemos o nosso destino e a vida é uma eterna pescaria. O cotidiano sem pressa do nosso vilarejo interior não está presente na correria das metrópoles? Deveria sempre estar - lá onde é tudo calma e tranqüilidade.
Abração.

José Carlos Brandão · Bauru, SP 19/10/2008 18:46
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

"Tudo é festa para os sentidos
Eterno ensaio da aurora
Para a grande peça diária
Alimento para o corpo e a alma
Os homens aos poucos despertam"

lindo poema gustavo...
a foto também...(parece paraty)

abraços

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 19/10/2008 19:14
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Cristiano,

Obrigado pela sua presença, mais uma vez ! Que bom que gostou do poema. Sim, pode-se ler das duas maneiras. Uma tratando-se do dia-a-dia de brasileiros que fazem do mar seu meio de vida, e vivem de maneira simples e harmoniosa com a natureza. E outra, tratando do vilarejo que trazemos na alma, onde ainda mantemos a tranquilidade, mesmo em meio ao caos atual. Um local de harmonia e paz de espírito, que ainda nutre-nos de esperança na vida...

Um abraço

Gustavo Adonias · Salvador, BA 19/10/2008 21:46
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Brandão,

Obrigado também pela sua presença, mais uma vez ! Que bom que gostou. Com certeza, tudo que vivenciamos existe dentro de nós, trazemos em nossa alma. E no mundo caótico em que vivemos, faz-se urgente retomarmos os vilarejos tranquilos e harmônicos que existem fora e dentro da gente...

Abração

Gustavo Adonias · Salvador, BA 19/10/2008 21:51
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Samuel,

Obrigado também por ter vindo, uma vez mais ! Que bom que gostou. A foto, de fato, é de Paraty.

Abração

Gustavo Adonias · Salvador, BA 19/10/2008 21:53
sua opinião: subir
Raiblue
 


Belíssimo versos,Gusta!
Bem diferentes...outras sintonias...bacana isso.

"Eterno ensaio da aurora
Para a grande peça diária"

E que venham muitas auroras assim novinhas...todo dia um recomeço...novas paisagens se formam dos mesmos caminhos, porque o olhar sempre muda...sempre voa...pelas frestas escondidas em cada pedacinho do vilarejo que há dentro de nós...
Bons recomeços pra vc!

Parabéns pelo poema maravilhoso!
Um beijo azul
Blue

Raiblue · Salvador, BA 19/10/2008 22:01
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Babyblue,

É sempre bom ter a sua presença, azul ! Que bom que gostou do poema. Encarar cada alvorecer como um recomeço, e viver da melhor maneira o agora, que é a única coisa que verdadeiramente é... Os caminhos podem ser os mesmos, mas, com certeza, o olhar sempre vislumbra e deslumbra-se com novas paisagens, presentes no nosso belo vilarejo da alma...

Grande beijo poético

Gustavo Adonias · Salvador, BA 19/10/2008 22:30
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Onde será esse belo lugarejo? O poema eu sei que é maravilhoso.

Juscelino Mendes · Campinas, SP 19/10/2008 22:39
sua opinião: subir
Compulsão Diária
 

Que beleza, Gustavo. comove a delicadeza dos alvéolos, da rosa no peito, a lida diária, a jangada vai sair pro mar, o bem querer espera. as rotas de nossa vida - nossas cidades invisíveis - o corpo, o tempo. E essa poesia cada vez mais bela. Ah, poeta vc me encanta.

Compulsão Diária · São Paulo, SP 20/10/2008 02:19
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Juscelino,

Obrigado pela sua presença também, mais uma vez ! Que bom que gostou do poema. Esse lugarejo existe, bem dentro de nós, no fundo da alma humana. Onde ainda é possível viver tranquilamente, alimentando os sonhos mais belos. E, o lugarejo da foto é a bela Paraty.

Abração

Gustavo Adonias · Salvador, BA 20/10/2008 10:06
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Compulsão,

Obrigado também por sua presença ! Que bom que gostou. Trazemos em nós muitas cidades invisíveis, habitadas por personagens comuns e por outros nem tão comuns assim, mas que existem no fundo da alma humana. Cidades que tentam resistir à passagem do tempo e não se deixam perder as esperanças, mesmo no meio do caos do "mundo real". Os sonhos são a base dos seus alicerces...

Bjão

Gustavo Adonias · Salvador, BA 20/10/2008 10:13
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

Gustavo

Bela analogia entre o Nós e o Vilarejo.
alguns qurem ser metrópole. Mas a paz está na vila.
Beleza
Um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 20/10/2008 19:59
sua opinião: subir
Gustavo Adonias
 

Edimo, caro amigo

Obrigado pela sua presença também ! Que bom que gostou. A paz está na vila que há em nós. Podemos estar nesta vila mesmo em meio à confusão da metrópole...

Abração

Gustavo Adonias · Salvador, BA 20/10/2008 23:01
sua opinião: subir
celina vasques
 

Lindo poema amigo querido!
Belissima também a imagem postada!
Parabéns adoro o que escreves a maneira que colocas teus sentimentos, teus versos!
Beijo na alma!

celina vasques · Manaus, AM 21/10/2008 11:18
sua opinião: subir
Coluna do Domingos
 

Tudo é festa para os sentidos
Eterno ensaio da aurora
Para a grande peça diária
muito bom, maravilhoso, um verdadeiro show poético. Parabéns

Coluna do Domingos · Aurora, CE 21/10/2008 11:49
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Gustavo, a suavidade do seu poema me faz visitar, com grande alegria,
o pequeno vilarejo que há dentro de mim. Gostoso quando um poema nos toca assim.
bjs

Sônia Brandão · Bauru, SP 21/10/2008 12:02
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

querido poeta Gustavo Adonias é sempre prazeroso ler seus escritos, parabéns e depois eu volto.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 21/10/2008 12:30
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Gustavo
belo poema.
Nossa alma é povoada de pequenas coisas e
de sonhos que vão se tornando partes
de um todo a medida que abrimos as
janelas e deixamos nosso mundinho entrar.
Cada aurora é um novo amanhecer.
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 21/10/2008 12:34
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Iniciando sua votação
bjs

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 21/10/2008 12:39
sua opinião: subir
Raiblue
 

Votado e adorado, Gusta!
beijos blueeeeeeee..
Blue

Raiblue · Salvador, BA 21/10/2008 13:00
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Cristiano Melo · Brasília, DF 21/10/2008 13:20
sua opinião: subir
clara arruda
 

meu querido,lindos versos.
Chaga cicatrizada do ontem.
deixo meu imenso carinho.
Quando eu demorar a aparecer,creia-me,meu voto estára nos seus belos poemas.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 21/10/2008 13:41
sua opinião: subir
celina vasques
 

celina vasques · Manaus, AM 21/10/2008 13:53
sua opinião: subir
Agassi
 

Suavidade para tratar as palavras.
"Tudo é festa para os sentidos
Eterno ensaio da aurora
Para a grande peça diária
Alimento para o corpo e a alma"

Gostei muito!
Abraços!

Agassi · Caraguatatuba, SP 21/10/2008 14:08
sua opinião: subir
ayruman
 

Manhãs de Sol. Lua prateado no céu. Olho d'agua cristalino, a flor é beijada e beija o colibrí. Galo canta no terreiro.
O mar beija a praia. Ao longe frágil canoa desaparece...

"Tudo segue o seu curso
No pequeno vilarejo que há em nós"...
Maravilha de Poema amigo.

Saúde e Paz. Sempre.

M

ayruman · Cuiabá, MT 21/10/2008 14:31
sua opinião: subir
azuirfilho
 

Gustavo Adonias · Salvador (BA)
PEQUENO VILAREJO .
Uma Poesia do sentido Admirável da Vida
A Beleza do Milagre da Vida em qualquer um, com humildade, na sua humanidade.

...Eterno ensaio da aurora
Para a grande peça diária...

Maravilhoso.
Parabéns.
Abracáo Amigo

azuirfilho · Campinas, SP 21/10/2008 14:44
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Lendo novamente e votando.
bjs

Sônia Brandão · Bauru, SP 21/10/2008 16:08
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

votando gustavo...to sempre por paraty...
é isso mesmo...um lindo vilarejo...
abraços

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 21/10/2008 17:06
sua opinião: subir
JACINTA MORAIS
 

GUSTAVO,
Q imagens de beleza e fascinio!
ACENAM OS REENCONTROS COTIDIANOS
ABRE NOVAMENTE SUAS JANELAS
TUDO SEGUE SEU CURSO
NO PEQUENO VILAREJO
QUE HÁ EM NÓS...
Oxalá possamos sempre,conservar a "simplicidade"
De nossa alma,porque lá moram os sonhos
Q despertam os madrigais,da existência...

JACINTA MORAIS · Cascavel, PR 21/10/2008 17:41
sua opinião: subir
Vanessa Anacleto
 

Gosto muito do seu texto , gustavo. Tudo é festa para os sentidos' , até as palavras.

abraços

Vanessa Anacleto · Rio de Janeiro, RJ 21/10/2008 18:40
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

EdimoGinot · Curitiba, PR 21/10/2008 18:55
sua opinião: subir
Eliana Mara
 

Gustavo, gosto muito do texto, do diálogo delicado entre imagem e matéria, especialmente do trecho:

O cotidiano sem pressa
Abre novamente suas janelas
Tudo segue o seu curso
No pequeno vilarejo que há em nós...


Bom partilhar com você essa estranha mania de compor mundos em palavras.

Beijos

Eliana Mara · Salvador, BA 21/10/2008 20:14
sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Gustavo, somos nosso próprio porto. Belíssima viagem ao nosso próprio interior com nossas mansidões e inferninhos, nossas necessidades e benquereres.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 21/10/2008 21:11
sua opinião: subir
Patipetista
 

Viajei...Só beleza aqui !

Patipetista · Taboão da Serra, SP 21/10/2008 22:25
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

Nossos vilarejos são incomensuráveis, Gustavo !
O corpo é porto para a alma que sempre quer partir em sonhos...
muito bom poeta !
abs, votado !

joe_brazuca · São Paulo, SP 21/10/2008 22:37
sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Gustavo,

Um show de arte, lirismo e talento.

Abraços

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 23/10/2008 04:49
sua opinião: subir
Ailuj
 

Seus poemas são lindos,gosto desse estilo lírico,mostra romantismo
na alma
Desculpe da demoraando meio sem tempo ,isso aqui é cansativo,tem o intuito de nos monopolizarr,se passamos uma hora sem vir,os pontos despencam e a gente tem outras coisas a fazer,não podemos viver em função do Ovemundo,o fato é que eu agora só virei votar por prazer e em bons textos,não me importo que meus pontos cheguem a zero,,,rs
Acho que pontos adquiridos,não deviam cair,tudo bem que nao aumentem,mas diminuir não é justo,nós ja ganhamos,são nossos,,né?
Beijim e qdo postar me avise,gosto muito de te ler

Ailuj · Niterói, RJ 23/10/2008 10:58
sua opinião: subir
Juscelino Mendes
 

Juscelino Mendes · Campinas, SP 23/10/2008 12:18
sua opinião: subir
Coluna do Domingos
 

Votado

Coluna do Domingos · Aurora, CE 23/10/2008 13:17
sua opinião: subir
Carlos Mota
 

me toca esse intimismo coletivo de sua poética, e a presença quase que obrigatória do mar.
bom bem bom...
abraço,

Carlos Mota · Goiânia, GO 30/10/2008 10:06
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter