Picadeiro

Der Gefesselte Sturm - 1965 - EDGAR ENDE
1
Wellington Coelho · Belo Horizonte, MG
15/9/2008 · 273 · 55
 

Quando pequeno, fazia acrobacias nas árvores. Aos quarenta, tornou-se dono de um circo.

Aonde chegava, despertava promessas de riso, encanto e espanto.

Escolhido o descampado, esparramava a imensa lona espessa; na bainha, a mãe, o pai, os irmãos, os empregados e os amigos fincavam cada um os pés sobre sua parte da imensa borda: estacas vivas.

Ele, então, rastejava sob o pano azul cintilante, salpicado de estrelas brilhantes e, no centro, se levantava, maestro mastro-mestre do circo. Já fez malabarismos com moedas, equilibrou sobre o monociclo no horizonte e domou feras do oriente.

Até que ela apareceu. Dizia-se auxiliar de ilusionista, dançarina e contorcionista. Hipnotizou-o num tango entrelaçada em seu corpo.

Em pouco tempo, com braços levantados de estrela, espetada sozinha no centro do picadeiro, tomava o lugar dele e erguia o tecido inteiro, espetáculo de uma platéia só: ele, que a aplaudia num ribombar de tambores monocárdios, segurando um fiapo do tecido, à margem.

Mas numa noite, ela se foi montada no cavalo Tempestade, e o pano veio ao chão.

No tecido escuro molhado, espelhando o céu sem estrelas, jazia ele deitado, palhaço pálido de olheiras profundas e boca de sangue, de um circo sem eira nem beira.

Sobre a obra

Todos os significados abaixo, para a palavra Picadeiro, podem ser utilizados na leitura do conto.

sm (picar+deiro) 1 Lugar onde se fazem exercícios de equitação e se adestram cavalos. 2 Parte central nos circos de cavalinhos onde os artistas executam os seus trabalhos; arena. 3 Peça na extremidade dos bancos de carpinteiro na qual se entala a tábua em que se trabalha. 4 Náut Cada uma das peças em que assenta a quilha do navio que se está construindo. 5 Reg (Nordeste) Lugar onde se deposita a cana dentro do engenho, para ser moída. 6 Cepo sobre que os tanoeiros encurvam as aduelas. 7 pop Oficina. 8 ant Picador, cavaleiro.

Dicionário Michaelis

compartilhe



informações

Autoria
Wellington P. Coelho
Downloads
353 downloads

comentários feed

+ comentar
Compulsão Diária
 

Na polissemia da palavra o texto vai sendo fincado nos significados que o escritor pretende destacar para a "peripatéia' do magnífico personagem. um beijo

Compulsão Diária · São Paulo, SP 13/9/2008 16:37
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

O mastro veio abaixo... O amor faz espetáculos, seu final, geralmente, é tragédia. E de picadeiro em picadeiro, segue a vida.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 13/9/2008 16:37
sua opinião: subir
EdimoGinot
 

Bela decadência. Seus escritos estão realmente primorosos.
Com eira e beira. E um belo telhado.
Um abraço

EdimoGinot · Curitiba, PR 13/9/2008 16:38
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

Nascer, aprender, crescer, aparecer, brilhar..
conhecer a filha da Blavatsky com o Piazzola, pronto !
apaixonar, ceder, escorregar, despencar, morrer...rs

"Der Gefesselte Sturm", mais ou menos, "a tempestade empacotada" ou ainda "a caminho da tempestade"...uma questão de versionar para o contexto...alemão é caso sério...rs
(socorro !...alguem ai me ajuda ?...rs)

Seu texto é, no máximo do mínimo, exímio !...

abraço
Joe

joe_brazuca · São Paulo, SP 13/9/2008 17:05
sua opinião: subir
Aldy Carvalho
 

Rendeu aplausos

Aldy Carvalho · São Paulo, SP 13/9/2008 17:41
sua opinião: subir
Josalba Ramalho
 

Texto tenso como lona esticada, vibrante como corda de equilibrista, triste como clown. Lerei com mais calma depois, certamente. Abraço,

Josalba Ramalho · Florianópolis, SC 13/9/2008 19:52
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Wel,
vai de algo crescente ao decrescente, no meio desse caminho, o mastro da tragédia que segura as duas extremidades e, assim, formas o seu circo.
Gosto das palavras que utilizas para "fulminar/culminar" o fim.
Parabéns, parabéns
abraços

Cristiano Melo · Brasília, DF 14/9/2008 09:08
sua opinião: subir
Thiers
 

Belíssimo!
As imagens qse mastigáveis, e poético eu caro. Esse seu conto é pura poesia.

Ele, então, rastejava sob o pano azul cintilante, salpicado de estrelas brilhantes e, no centro, se levantava, maestro mastro-mestre do circo. Já fez malabarismos com moedas, equilibrou sobre o monociclo no horizonte e domou feras do oriente.

Pq ele foi se envolver com auxiliares.... ela não tinha formação suficiente pra dar cor azul cristalino!

Thiers · Rio de Janeiro, RJ 14/9/2008 13:01
sua opinião: subir
Nydia Bonetti
 

Sempre brilhante, Wellington. Thiers tem toda razão, teus textos são muito poéticos, quase mágicos, encantam...
beijos

Nydia Bonetti · Piracaia, SP 14/9/2008 13:33
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Wellington, o começo e o fim, a alegria e depois a tragédia...
Está de arrasar. Perfeito.ab

Cintia Thome · São Paulo, SP 14/9/2008 15:31
sua opinião: subir
Saramar
 

De toda a emoção, do erguer-se sempre, todo dia sobre estrelas falsas, ele chegou ao céu da única, que iluminou sua alma e seu mundo de ilusões.
E era apenas mais uma estrela mal e mal pintada no picadeiro, a vida dele. Foi-se e o apagou.

Trágico, belo, emocionante demais, como são as histórias de amor.

Magnifíco!

beijos admirados.

Saramar · Goiânia, GO 14/9/2008 16:46
sua opinião: subir
Wellington Coelho
 

Cd, Josalba, Nydia, Cintia e Saramar
Marco, Edimo, Joe, Aldy, Cristiano e Thiers
Companheiros que me incentivam e ensinam.
Brigadão pela presença
Beijos e abraços

Wellington Coelho · Belo Horizonte, MG 14/9/2008 19:54
sua opinião: subir
Raiblue
 

Welll,Well,Wellll....meu querido!!

Que conto que encanta aos sentidos todos!!
O mais poético de tds os seus sontos...
o picadeiro como palco da vida desse poeta clown...
e do seu amor que roubou a cena e depois se foi magicamente...
arrancando o coração ...sangrando o espetáculo desse circo sem eira nem beira...totalmente delirante...como é o amor....essa tragicomédia ,nessa sátira que é a vida!

Veryy Welll!!
Amei!
Super parabéns,meu lindo!!Vc é genial!
Sou sua fã!!

beijinhos blue_trapezistas...ahhaha
Blue

Raiblue · Salvador, BA 14/9/2008 20:08
sua opinião: subir
zilka jacques
 

Bravo! Esbanjou criatividade neste texto poético.
Beijos

zilka jacques · Porto Alegre, RS 14/9/2008 22:32
sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 15/9/2008 16:04
sua opinião: subir
Cristiano Melo
 

Cristiano Melo · Brasília, DF 15/9/2008 16:08
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Wel,

Parece a história de alguém
que pisou em todos para alcançar
o que queria,( estacas vivas)
e depois de estar no
auge viu seu mundo desmoronar,
desiludido e só .
será ou pirei?
bjsssss

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 15/9/2008 18:29
sua opinião: subir
ayruman
 

Muito bom amigo.
Texto de uma intensidade expressiva fulminante. Real, plausível de acontecer com qualquer cristão.
Daí a importância de estar centrado. Amo todas as coisas e encantos do mundo mas de meu centro, nunca posso desviar!!!

Abraços. jbconrado

ayruman · Cuiabá, MT 15/9/2008 18:58
sua opinião: subir
walnizia santos
 

Wellington, você trouxe um
texto perfeito, envolvente,
escrito por um poeta brilhante.
Descreveu a paixáo em todas as
suas fases. O começo vibrante
e o fim previsível do amor.Muito bom.
Parabéns.
Abraços.

walnizia santos · Brasília, DF 15/9/2008 19:37
sua opinião: subir
joe_brazuca
 

publicatus est !...rs
abraço
Joe

joe_brazuca · São Paulo, SP 15/9/2008 19:53
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

ei will...é a dor de amar...que transforma a vida para o bem ou para o mau...
um abraço e votando para publicar

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 15/9/2008 19:55
sua opinião: subir
Samuel Luciano Assunção
 

rs...ei will...o joe publicou um segundo antes mim...
abraços.

Samuel Luciano Assunção · Angra dos Reis, RJ 15/9/2008 19:56
sua opinião: subir
Marluce Freire Nascasbez
 

Wellington,

Hoje tem espetáculo no overmundo!!

Bravo!

Um aBRAÇO, Marluce

Marluce Freire Nascasbez · Carnaíba, PE 15/9/2008 20:46
sua opinião: subir
Raiblue
 

mais beijinhos nesse espetáculo deslumbrante,Wellll!!
Blueeeeeee

Raiblue · Salvador, BA 15/9/2008 22:03
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Super....Mais uma vez lido
Entusiasmada aqui. ab

Cintia Thome · São Paulo, SP 15/9/2008 22:42
sua opinião: subir
Sigrid Spolzino
 

Uma imagem forte
Um texto intenso!
Publicar sem dúvida, dará mais um significado à Picadeiro!
Baci

Sigrid Spolzino · Brasília, DF 15/9/2008 22:53
sua opinião: subir
Anderson Frasão
 

Concordo com CD Wellington,

a polissemia do seu texto é mágica, e essa significação decorrente, mais ainda!

Parabens!

Anderson Frasão · Canhotinho, PE 16/9/2008 08:56
sua opinião: subir
azuirfilho
 

Wellington Coelho · Belo Horizonte (MG)
Picadeiro
Descreveu de forma emocionante e comovente uma Triste História de Amor no Circo que inclusive vai ser a causadora da sua ruina.
Um Trabalho marcante e bem feito.
Parabéns.
Abracáo Amigo.

azuirfilho · Campinas, SP 16/9/2008 10:05
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Wellington, li, reli e gostei do seu texto. Nele, vi o espetáculo da vida. Há momentos em que nos sentimos amparados, embora, muitas vezes , seja uma falsa segurança. Quando nos sentimos no topo, num breve descuido podemos levar uma rasteira, e ela vem de onde menos esperamos. Aí desmoronamos.
bjs

Sônia Brandão · Bauru, SP 16/9/2008 11:30
sua opinião: subir
Saavedra Valentim
 

O circo da vida, vivida num picadeiro. monta-se e desmnonta-se a cada fim de temporada, como acontece com o amor.
Muito lindo o seu texto.
Parabéns!

Saavedra Valentim · Vitória, ES 16/9/2008 13:03
sua opinião: subir
georgesaraiva
 

aplausos sim, texto inusitadamente bem escrito.

georgesaraiva · Guarapari, ES 16/9/2008 14:19
sua opinião: subir
Robert Portoquá
 

Uma linda e trágica história de amor contada magistralmente.
Grande abraço.

Robert Portoquá · Adamantina, SP 16/9/2008 14:22
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Vinícius Motta
 

Certamente a profusãop de significados da palavra picadeiro abre um horizonte sem fim para pensar no que o conto quer passar. Vamos da ingenuidade dos velhos circos da infância a enlace de dois corpos sedentos de amor.
Muito bom Wellington.
Abraço.

Vinícius Motta · Rio de Janeiro, RJ 16/9/2008 18:09
sua opinião: subir
Adroaldo Bauer
 

Wellington,
Tudo muito bonito, bem montado, funcional e muitíssimo triste.
Poré, 9sempre há um porém...)
Esqueceu-se o autor (tu!) apenas do detalhe de que o show deve continuar...
E, no dia seguinte:

Respeitável público!, o coração em pandarecos, a roupa limpa e brilhante, a maquiagem refeita, cara de palhaço, roupa de palhaço... uma partner novíssima, também ajudante na bilheteria, carregava para ele o monociclo que a criançanda ria em folia, das peripécias no arame, ele agora sem rede, que desafia bravamente o horizonte, menos belo, mas audaz...
Pois do que mais gosta o palhaço é do riso da platéia e todos sabemos que, de fato, nos finalmente e nos conformes, ele é:
é ladrão de muié!

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 16/9/2008 21:26
sua opinião: subir
MonyBlu
 

Prazer em conhecer e mais ainda em ler um texto tão lindo... mas ela só foi dar uma volta com aquele mágico safado, daqui a pouco ela volta e o palhaço voltar a sorrir....

bjkk de uma eterna romântica viciada em finais felizes....

MonyBlu · São Paulo, SP 16/9/2008 21:33
sua opinião: subir
Ecila Yleus
 

Eu verdadeiro espetáculo.

Ecila Yleus · Recife, PE 16/9/2008 22:08
sua opinião: subir
Wellington Coelho
 

Adroaldo,
Pois é. Esqueci de mim. Esqueço-me no poema e na vida. E quando me olho no espelho, estranho-me, desacostumado que estou de minha companhia... Seja como for, bem que poderíamos editar alguns detalhes da publicação não é mesmo?

Wellington Coelho · Belo Horizonte, MG 16/9/2008 22:15
sua opinião: subir
Wellington Coelho
 

OVERMANOS,
Estou sem tempo para agradecer a cada um. Mas fica aqui meus sinceros agradecimentos pelos comentários.
Abração no coração poético de todos




Wellington Coelho · Belo Horizonte, MG 16/9/2008 22:18
sua opinião: subir
Adroaldo Bauer
 

Nada te prometo, que ando às voltas com tormentosos momentos de finalização de umas histórias minhas aqui e não costumo deixar vivente a pintar paredes só, sem escadas.
Sendo possível, que venha.
Examinemos.

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 16/9/2008 22:19
sua opinião: subir
Guilherme de Faria
 

Excelente, Wellington!
Muito onírico, poético-visual... E o quadro ilustra o conto soberbamente. Ou foi o contrário? Foi o quadro que lhe inspirou o conto?
Parabéns e obrigado pelo convite, pela viagem...
Overvotei
abraço do cordelista

Guilherme de Faria · São Paulo, SP 16/9/2008 22:23
sua opinião: subir
Wellington Coelho
 

Meu caro Adroaldo,
Sabes que prezo muito seus conselhos e que os guardo em alta estima. Contudo,acho que me expressei mal: na mensagem acima, quis dizer: Nós (overmanos em geral) poderíamos editar alguns detalhes dos nossos textos após a publicação, autoria etc. Assim eu poderia colocar meu nome ou outra informação.
Ah, quando suas escadas estiverem prontas, me convide. Estou meio atarefado e os convites me direcionam um pouco.
Abração

Wellington Coelho · Belo Horizonte, MG 16/9/2008 22:25
sua opinião: subir
Jefferson Alves de Lima
 

muito bom, mesmo, wellington. já havia lido e apertado a tecla confirma. a imagem dos parentes como os pontos de referência na subida da lona é sonho puro.

Jefferson Alves de Lima · São Paulo, SP 16/9/2008 22:31
sua opinião: subir
Adroaldo Bauer
 

Rapá, sem grilos.
Estava já me coçando pra ver a segunda partner fugindo com a féria do domingo depois de afrouxar a porca do eixo do monociclo (ele agora está destemindo e desatinado, lembra: sem rede), mas, pensando bem, não faria sentido isso, num circo, atual, posto que é enredo d'O Maior Espetáculo da Terra.
Se fosse na vida real, tudo a ver.
Um abraço terno, amigo.

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 16/9/2008 23:04
sua opinião: subir
Brida
 

Querido, saudade. Estou aqui, de volta, depois de uma longa jornada, com meu minimodem. É muito legal. Atüe hoje, estava sem acesso a Internet.
O que dizer do seu conto?
Cedo a voz ao pássaro sábio, como a chamo às vezes:
Há pessoas que nos falam e nem as escutamos, há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam, mas há pessoas que simplesmente aparecem em nossas vidas e nos marcam para sempre. (Cecília Meireles).
Emocionada, te abraço, te beijo.

Brida · Salvador, BA 17/9/2008 01:52
sua opinião: subir
Ailuj
 

Uma maravilha de conto-poesia ou poesia-conto?
:)

Ailuj · Niterói, RJ 17/9/2008 08:53
sua opinião: subir
Fátima Venutti
 

Lindo título. Maravilhosa imagem. Texto primoroso, de uma poesia que engasga lma de lágrimas.
Como é bom termos o acesso a textos tão bem escritos e que nos levam ao encontro da vida, do ser.

Adorei de paixão!
Abraçasso

Fátima Venutti · Blumenau, SC 17/9/2008 09:08
sua opinião: subir
Max Reinert
 

Muitas palmas...
Um texto para ler e reler...
Jogar com as possibilidades de leitura!

Max Reinert · Florianópolis, SC 18/9/2008 10:15
sua opinião: subir
Thiers
 

votis....

Thiers · Rio de Janeiro, RJ 18/9/2008 20:13
sua opinião: subir
autografado
 

Well! Belíssimo texto. O mais legal é poder no final ter uma interpretação livre. Além de poético traz a possibilidade de poder criar um universo próprio, uma livre estória, com uma visão bem próxima da proposta. Bela ilustração remete ao texto no ato. Parabéns! Pode me convidar sempre, será um prazer apreciar seu trabalho, mas você já esta nos favoritos ok.

ABÇ
aut!

autografado · Presidente Prudente, SP 19/9/2008 16:02
sua opinião: subir
autografado
 

X

autografado · Presidente Prudente, SP 19/9/2008 16:03
sua opinião: subir
clara arruda
 

Em atraso deixo meu imenso carinho.Fiquei por uns momentos sem conexão.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 22/9/2008 09:00
sua opinião: subir
Coluna do Domingos
 

Votado

Coluna do Domingos · Aurora, CE 28/10/2008 13:50
sua opinião: subir
Sandra Almeida
 

Lindo poema,votado!
Beijo

Sandra Almeida · Cacoal, RO 9/11/2008 09:23
sua opinião: subir
Thiago Toscani
 

Que belo texto, Wellington! Fiquei muito feliz em voltar (andei um tempo afastado) e ler algo tão mágico, tão bem escrito!
Parabéns, vireu teu fã!
Abração

Thiago Toscani · Florianópolis, SC 11/2/2009 14:35
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

um ótimo texto, parabéns.votado.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 14/2/2009 20:52
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 3 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados