POESIAS DIVERSAS - ALBERT ARAUJO

1
albert araujo · Niterói, RJ
23/6/2008 · 117 · 11
 

ETERNO ABRIGO




De leve peguei tuas mãos
Pequenas e delicadas
E as beijei suavemente.

E percebi que definitivamente
Em toda parte do meu universo
Tu estás
E hoje te encontrei sorrindo
Para as flores.
Que beleza, Que maravilha...

E quando tu
Abriste tuas asas
Para o meu eterno abrigo
Fiquei feliz sim,
Foi nesta hora que senti
O meu coração em ti repousar.

O sol no céu cintilava...
No meu peito o amor brilhava.

Agora,
Vejo que tudo em mim
Cheira o teu amor,
O meu coração
Os meus ossos
E as minhas veias.


ALBERT ARAÚJO
27-03-08
site: www.albertaraujo.recantodasletras.com.br




TODO AMOR




Amei aquela noite
Em que a lua te trouxe
Para bordar o meu sorriso.

E foi tanto
Que ainda estendo
A minha felicidade pelos canaviais
Onde de perto vejo
A cana ser transformada
Em teus lábios,
Os fazendo doces.

Fiquei muito feliz
Que meu coração transpira
Amor pelos poros.



ALBERT ARAUJO
27-03-08




PASSAGEIRO NO TEMPO





Sou um passageiro no tempo
Penso quais as borboletas
Que sonha em liberdade
Todos os dias de tardes gris.

Sempre a solidão me chega
Silenciosamente nas noites frias

Mas não tenho medo de trevas...

Gargalho com as gravuras expostas
Em meu quarto de dormir
Elas sempre me ajudam a entender
A minha insensatez.

Do que mais gosto em mim
É o meu jeito de driblar a dor
Afinal,
Carrego na boca uma sinfonia de pardais
No peito um amor crepuscular
Nos pulsos uma chama em carne viva
No bolso um punhado de moedas
E no pescoço um talismã.


ALBERT ARAUJO
27-03-08










AMOR DE POETA






Poeta é capaz de amar
Sim senhor
Quem te falou que não

Todo poeta
Ama o amor dos pássaros
Gasta as pupilas desvendando
A beleza de amar
Nas poesias indecifráveis

Olha repara ausculta
A ciência que fez a mulher

Lacrimeja sobre o véu triste
Das portas fechadas

Ajoelha-se diante das flores
Que o tempo não conseguiu as murcharem
Humildemente visita o túmulo
Das mãos interceptadas que na vida
Não conseguiram amar

Poeta ama
Sim senhor

Mesmo que suas palavras
Sejam gastas no liquidificador.



ALBERT ARAUJO
27-03-08




O AMOR É SUBLIME





Não adianta querer
Neutralizar o amor
Com cortinas pardas

O amor é algo sublime...
Irradia-te de emoções
Em todos os sentidos

Não existe escuridão
Ao seu redor
As flores estão sempre
Prontas para cobrir sua nudez
Na mesa do teu jantar
Brinda a tua felicidade.

O amor é mesmo sublime...

E, sobretudo
Nas noites te cantam
Canções de ninar
E sempre te chega sorridente
Na tua sala de estar.


ALBERT ARAUJO
27-03-08











O SEGRÊDO DAS MÃOS






Antes do meu deslize...

Sequer deu tempo
De contar-te o meu segredo
É que minhas mãos andavam
Sinceramente distraídas
Que apagaram as luzes
Do abajur e a do quarto de dormir

Peço-te perdão
Mas eu sei o quanto me custa
Derreter o gelo
Da minha máquina pensante

E todas as coisas
Delibero ao pé da cama
Prezo e as trajo de transparências

Estou pronto para
Descobrir os enigmas
Dos beijos dos amantes.

E tão logo
Que eu chegar ao ápice
Da minha sensatez
Irei querer sim
Que o amor me espere
De portas abertas
E com mil pétalas de flores.


ALBERT ARAÚJO
27-03-08



ABRI MEU CORAÇÃO





Abri meu coração tão
Profundamente que chegou à raiz
Mas tive cuidado para não deixar cair
As plumas ao chão

Sei que ando
Triste
Cabisbaixo
E sem gasolina

No entanto
Quero confidenciar
Meu segredo
Sofro em silêncio
E não tenho uma gota
De água no meu jarro

Mas acredite
Tenho forças ainda
Para soprar a flauta
E submergir das geleiras

Afinal
Conheço o amor de cor
Estou pronto para segurar a tua mão
Contra essa chuva mortal
Que teima te levar
Para a sepultura.



ALBERT ARAUJO
28-03-08





LINHA DO TEMPO




Eterno
Eternamente
eterníssimo


Cada vez o amor
Está em mim
Eternamente


A cada fração de minuto
O teu rosto me parece
Eterníssimo


A cada milésimo de segundo
A tua alma se apresenta a mim
Eterna





ALBERT ARAUJO
28-03-08











compartilhe



informações

Autoria
ALBERT ARAÚJO
LUZILANDIA-PI
Downloads
415 downloads

comentários feed

+ comentar
celina vasques
 

Não sei te dizer qualo Soneto mais lindo desses ntodos! São maravilhosos!
eu vi que voce é também Recantista como eu!!!
Meu voto com louvor!!! meus aplusos de pé!!!
Bravo!!!

um beijo e votado!

celina vasques · Manaus, AM 21/6/2008 19:20
sua opinião: subir
José Carlos Brandão
 

O amor brilha no jardim da nossa vida,
o amor brilha nos teu poemas.
Tem razão, Albert: é o amor que dá sentido à vida.
Abraços.

José Carlos Brandão · Bauru, SP 22/6/2008 15:50
sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Que bom que vc. resolveu nos brindar num só pacote, com tantas belas poesias. Votado! Abraços

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 23/6/2008 02:48
sua opinião: subir
clara arruda
 

Poemas maravilhosos.
Publicado.
Aceita meu carinho.

clara arruda · Rio de Janeiro, RJ 23/6/2008 06:46
sua opinião: subir
Falcão S.R
 

Um belo pacote de poesias maravilhosas.

Abraço

Falcão S.R · Rio de Janeiro, RJ 2/8/2008 07:57
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Albert,
Esses poemas são singelos e maravilhosos.
A poesia canta e encanta em todos eles, não dá para comentar só um dos versos.
Parabéns!
bjsssss

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 2/8/2008 10:25
sua opinião: subir
Sônia Brandão
 

Parabéns pelos poemas, pelo amor neles contido.
Abraço.

Sônia Brandão · Bauru, SP 2/8/2008 11:48
sua opinião: subir
Saavedra Valentim
 

Caro Albert
Parabéns por tão belos poemas. Agradeço à minha qerida amiga Clara Arruda, que me conduziu até aqui e me possibilitou conhecer o seu trabalho.
Muito bom mesmo. Como disse o meu amigo Falcão, você nos ofertou um pacote completo, que deu para fartar-nos nessa iguaria literária.
Abraços

Saavedra Valentim · Vitória, ES 2/8/2008 15:01
sua opinião: subir
Edson Rufo
 

Olá amigo por recomendação da amiga Clara li gostei e votei agora será meu amigo tbm e vamos estar sempre juntos
abraços

Edson Rufo · São Paulo, SP 3/8/2008 00:21
sua opinião: subir
Sigrid Spolzino
 

Leitura indicada, significa dizer que tem lindos versos a frente...
Dito e feito! rsrs
Votado!
Baci

Sigrid Spolzino · Brasília, DF 3/8/2008 20:30
sua opinião: subir
zilka jacques
 

Parabéns caro amigo! votos pelas mãos da querida Clara.
Abraços

zilka jacques · Porto Alegre, RS 3/8/2008 23:43
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 7 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados