Sobre a minha fuga *

http://clientes.netvisao.pt/nv144957/fuga.JPG
1
Higor Assis · São Paulo, SP
26/12/2008 · 126 · 7
 

Amostra do texto


Da
distância

Pensei não existir
sentir o encontrar distante.
O alcance e o vazio
povoam o reflexo do olhar
e os lustres balançam ...



Do medo

Sob a vida, acordo
mesmo longe.
Que o juízo persiga o receio.
Logo, atravessarei
um mar de vinho ...


* Um bom computador e um carro veloz pra me manter distante de mim ...

Sobre a obra

Entre belezas e o descaso a sociedade se forma.

compartilhe



informações

Autoria
Higor Assis / Dezembro 2008
Ficha técnica
Da série pensamentos soltos juntosa organizam pensamentos livres ...
Downloads
319 downloads

comentários feed

+ comentar
Robert Portoquá
 

Olá Higor.
"Sobre a minha fuga*"

Quando vamos ao encontro do inesperado ou desconhecido os sentimentos se nos assaltam em explosões dimensionais quase incompreensíveis, mas o “juízo os persegue” e com certeza e nossa “travessia” de retorno nos trás fortalecidos de volta ao real.
Quando no som, na velocidade, nas palavras, na interatividade tentamos expressar o que somos ou o que pretendemos ser, aí já o somos! E mesmo distante de nós estamos unidos: Coração e mente e desejo e luta.
Forte abraço.

Ps. Se viajei? Não sei!

Robert Portoquá · Adamantina, SP 23/12/2008 10:58
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
cibele salma
 

Reflexivo e profundo!
Adorei!
Bjs.

cibele salma · Brasília, DF 26/12/2008 00:19
sua opinião: subir
O NOVO POETA.(W.Marques).
 

um belo poema,votado.

O NOVO POETA.(W.Marques). · Franca, SP 26/12/2008 13:45
sua opinião: subir
Higor Assis
 

Caros amigos, Robert, Cibele, Um nelo poema, votado.

Agradeço a passagem por aqui e o voto de confiança.

Higor Assis · São Paulo, SP 27/12/2008 09:37
sua opinião: subir
Marcos Pontes
 

Crises existenciais vêm e vão na mesma velocidade e sem explicações.

Marcos Pontes · Eunápolis, BA 8/1/2009 12:40
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Meu caríssimo amigo Higor.

A solidão é como o vinho,
um mar avermelhado cor de sangue,
pulsante em nossas veias...
quando o bebo, não estarei nele;
ele é que esta em mim.
Abraços

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 8/1/2009 23:15
sua opinião: subir
Luciano Colossi
 

Gostei mesmo! Ótima metáfora... do dinheiro... sempre corremos atraz... ou ele corre atraz da gente, mas não para acrescentar, mas muitas vezes, para subtrair...

Luciano Colossi · Florianópolis, SC 17/1/2009 22:11
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
doc, 19 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados