“SONO FERIDO”

1
Cau Santana · Barreiras, BA
21/3/2009 · 88 · 26
 

“SONO FERIDO”

Na convalescência das feridas vivas
da vida,
Ainda impele para a dor, aquele que as
abriu.
No instante do repouso...
um grito a tolher o sono.
No quarto do pobre descanso,
mais pobre ainda o fizera.
O sono dissipado fora,
sono tênue e desejado.
Acorde! Esqueça as dores e não
leve contigo os pesares.
Liberta-te! o mundo precisa de ti,
esqueça tuas chagas e faça o mundo sorrir!
Lá fora, as flores são o bálsamo das dores,
pois lá, há jardins em flores,
entardeceres em cores, crianças a sorrir.
Lá também há clamores,
Clamores que clamam por ti.


Claudia Soares Santana
27-09-91

Sobre a obra

Essa composição foi inspirada num momento muito tumultuado da minha vida. Conflitos, relações paterna extremadas, desejo de liberdade, vontade de fazer parte de um contexto amplo no sentido existencialista.
Entretanto, tudo na vida passa. Mas aprendemos as lições e graças a Deus, escrevo, pois assim tenho registrada uma parte da minha história.

compartilhe



informaes

Downloads
266 downloads

comentrios feed

+ comentar
LAURO WINCK
 

Linod poema Cau, mas a vida é cheia de idas e vindas, como ondas que nos carregam ao seu sabor. Parta em busca dos seus sonhos, não desista nunca. Se a vida fosse sempre certinha, o mundo seria uma chatice.
Um beijo volto pra votar

LAURO WINCK · Rio Pardo, RS 18/3/2009 16:29
1 pessoa achou til · sua opinio: subir
LAURO WINCK
 

Digo lindo!

LAURO WINCK · Rio Pardo, RS 18/3/2009 16:30
sua opinio: subir
Ivan Cezar
 

Clamores ... chamam
a atender
ou a não atender ...
Parabéns !!

Ivan Cezar · São Sepé, RS 18/3/2009 16:30
sua opinio: subir
autografado
 

Cau, tudo ok?

Cau, você menciona um período conturbado de sua vida. Uma fonte e tanto, pra se beber muito. São períodos que agora, olhando com um pouco mais de discernimento e percepção, não que eles não tenham existido, mas com tempo nos damos conta de como poderíamos ter feito tudo diferente, ou não. Você soube descrever muito bem o período, seus sentimentos.

Um poema de aprendizado, pra reter, ou melhor, colher da lembrança àquilo que pode ser refeito, melhorado. Mas cada época guarda sua magia, e com certeza esse grato trabalho que você nos trás é um destes frutos. Com certeza todos um dia pensaram poder mudar o mundo, escrevê-lo com letras pretas.

A nostalgia é uma fonte fantástica.
Muito bom seu trabalho. Voltarei...


abç
aut...

autografado · Presidente Prudente, SP 18/3/2009 16:33
sua opinio: subir
Brida
 

Cau, a vida é mesmo de recomeços. Conflitos, perdas, fracassos - todos os temos. O importante é a busca da harmonia, da aceitação do outro, da vitória, de mãos dadas com nossos irmãos e agradecendo a Deus a festa que, verdadeiramente, é - ou deve ser - a vida!.
Um beijo carinhoso pra você dessa terra quente e generosa.

Brida · Salvador, BA 18/3/2009 16:44
sua opinio: subir
alcanu
 

A vida é mesmo uma estranha ironia:
a gente querendo dormir e um monte de pássaros cantando lá fora...
Um beijo!

alcanu · São Paulo, SP 18/3/2009 17:21
1 pessoa achou til · sua opinio: subir
Cau Santana
 

Lauro: como sempre são enriquecedores seus comentários, são como poesias.
Obrigada!
Ivan: sua percepção muito me agrada. Obrigada.
Aut.: sempre com comentários pertinentes à obra e ao momento da escrita. Obrigada tb.
Brida: poetisa linda e sensível - bela percepção.
Alcanu: irreverente e sempre presente.
Obrigadoooo. Bjsssssssssssss

Cau Santana · Barreiras, BA 18/3/2009 17:58
sua opinio: subir
graça grauna
 

Acorde! Esqueça as dores e não
leve contigo os pesares.


Querida Cau: como você disse, na vida tudo passa. Assim seja. O bom mesmo é quando a gente volta a sorrir.Paz em Ñanderu, Grauninha

graça grauna · Recife, PE 18/3/2009 18:15
1 pessoa achou til · sua opinio: subir
Cau Santana
 

Querida Graça,
Obrigado pela visita e sinto-me feliz por ter apreciado meu poema.
Bjim

Cau Santana · Barreiras, BA 19/3/2009 09:10
sua opinio: subir
Taco
 

"Acorde! Esqueça as dores e não
leve contigo os pesares."
Como eu disse para um amigo:
"Consigo viver melhor quando
deixo minhas angustias no traviseiro"
vou mostrar esse poema pra ele.

Bjos e até mais

Taco · Belo Horizonte, MG 19/3/2009 16:19
sua opinio: subir
Cau Santana
 

Taco,
Obrigada pela visita.
Espero que volte outras vezes.
Abraços

Cau Santana · Barreiras, BA 19/3/2009 17:22
sua opinio: subir
Ecila Yleus
 

belíssimo trabalho

Ecila Yleus · Recife, PE 19/3/2009 20:13
sua opinio: subir
Cau Santana
 

Obrigado Ecila, é sempre uma honrasua visita.
Bjs

Cau Santana · Barreiras, BA 19/3/2009 20:52
sua opinio: subir
Saramar
 

Um exemplo de como os problemas complexos da vida, as dores todas que nos acompanham não são totalmente vãs, pois abrem a alma para outros olhares pela vida.
Muito pungente e bonito.

beijos

Saramar · Goiânia, GO 20/3/2009 00:34
sua opinio: subir
Cau Santana
 

Querida Saramar.
Obrigado por seu olhar.
Bjs

Cau Santana · Barreiras, BA 20/3/2009 10:05
sua opinio: subir
Gustavo Adonias
 

Cau,

Belíssimos versos. Acordemos do sono ferido, deixemos as dores e os pesares fora do novo dia. Libertemo-nos das chagas que tornam a vida tão difícil. Façamos dos sorrisos antídotos, e das flores bálsamo. Adentremos pelo belo jardim da vida, que clama por todos nós...

Parabéns !

Bjs

Gustavo Adonias · Salvador, BA 20/3/2009 10:47
sua opinio: subir
Cau Santana
 

Olá Gustavo!
É muito bom quando alguem, ao ler um poema nosso, percebe a essência do que foi sentido.
Muito obrigada.
Espero que volte outras vezes.
Abraços

Cau Santana · Barreiras, BA 20/3/2009 11:34
sua opinio: subir
LAURO WINCK
 

Primeiro a votar, com prazer!
bjs

LAURO WINCK · Rio Pardo, RS 20/3/2009 13:15
sua opinio: subir
Marcelo ShytaraLira
 

"Lá também há clamores,
Clamores que clamam por ti."

Eu clamo por tua poesia...
bjs
Marcelo ShytaraLira

Marcelo ShytaraLira · São Paulo, SP 20/3/2009 14:18
sua opinio: subir
autografado
 

"As flores são o bálsamo das dores" como não pensei nisso antes?..rsrs, essa é na inveja construtiva, pode.
Mais uma vez te leio, imaginando todas as possibilidades, pontos pra você! Um belo poema, pra reler sempre.

abç
aut...

autografado · Presidente Prudente, SP 20/3/2009 17:42
sua opinio: subir
Cláudia Campello
 

Oi Cau, poetisa brisa... seus poemas traz essa magia
de desejar o amor e acredita-lo flor sem espeinho.
É um estado de sentimento especial esse.
Q bom!

bjssss;)

Cláudia Campello · Várzea Grande, MT 20/3/2009 18:21
sua opinio: subir
Doroni Hilgenberg
 

Claudia,
O pior é isso...
a noite quando o sono não vem,
as lembranças atacam, né?
bjs e votos

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 20/3/2009 18:59
sua opinio: subir
Jurandir Barbosa
 

Isso aí... Libertemo-nos!
Liberdade já.
acabo de romper as correntes.

Jurandir Barbosa · Montes Claros, MG 20/3/2009 19:07
sua opinio: subir
Gustavo Adonias
 

Cau,

Cá estou eu novamente, parabenizando-a pelo belo poema e deixando o meu voto !

Bjs

Gustavo Adonias · Salvador, BA 20/3/2009 19:43
sua opinio: subir
Adroaldo Bauer
 

Acontece de ser assim mesmo
que acontece de acontecer.
E os que sabemos de assim ser
é que percebemos a importância
de assim ir sendo.
Que mais dizer
que ir-se vivendo
para poder escrever...

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 24/3/2009 17:52
sua opinio: subir
Cau Santana
 

Adroaldo,
Que prazer sua visita.
Pois se nao é vivendo a vida, como sabe-la para poder escrever?
É isso mesmo. Vamos vivendo.
Abracos e obrigada

Cau Santana · Barreiras, BA 24/3/2009 22:40
sua opinio: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faa primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Voc conhece a Revista Overmundo? Baixe j no seu iPad ou em formato PDF -- grtis!

+conhea agora

overmixter

feed

No Overmixter voc encontra samples, vocais e remixes em licenas livres. Confira os mais votados, ou envie seu prprio remix!

+conhea o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados