A Bela Adormecida

Yusseff Abrahim
1
Yusseff Abrahim · Manaus, AM
13/11/2006 · 121 · 3
 

É o monumento natural da cidade, como uma pintura, o complexo rochoso na perspectiva de quem o observa da cidade dorme com as mãos sobre o colo. Na mitologia tradicional, durante o período em que o mundo estava em transformação, um ser sagrado andarilho chamado Basebó ensinava todos os povos a plantar e trabalhar. Conhecedor da sabedoria de Basebó, e sabendo que o mesmo passaria próximo de sua morada, o índio Wariró pediu que suas duas filhas esperassem a sua passagem e o seduzissem até sua maloca, lugar onde havia escassez de alimento e as frutas do mato tinham pouco sabor.

Vendo a beleza das índias Basebó as seguiu, chegando à maloca, viu a situação dos Wariroá e os ensinou o cultivo da roça e como fazer vários alimentos a partir da mandioca. Feliz com a fartura de alimentos, Wariró propôs a Basebó suas duas filhas em casamento, a oferta foi aceita e Basebó ficou morando ali o resto de sua vida.

A explicação da presença das montanhas no local, segundo a mitologia Desana – pronuncia-se dessana – carrega uma sintonia com o olhar admirado do turista contemporâneo, segundo um pajé da etnia, Feliciano Lana, a Serra de Curicuriari é o retrato de uma das filhas de Wariró. Uma origem essencialmente indígena, embora o nome popularizado faça uma referência ao conto de fadas globalizado.

onde fica
O turista pode observar o conjunto de rochas da praia da cidade. A distância entre São Gabriel da Cachoeira e a Serra de Curicuriari (Bela Adormecida) é de 30 quilômetros com acesso possível por meio de “voadeira”, canoa regional com motos de popa.
quem vai
Existem excursões que promovem escaladas nas montanhas, dependendo do gosto e do preparo físico, as subidas podem ser por meio de trilhas ou verdadeiros desafios verticais.
contato
Para excursões: 0xx97 3471-1385 / 3471-1321

comentários feed

+ comentar
Ricardo Pancho
 

tu já foi escalar lá? parece maneiro mesmo...

Ricardo Pancho · Campos dos Goytacazes, RJ 13/11/2006 21:38
sua opinião: subir
Yusseff Abrahim
 

Oi, Ricardo!
Infelizmente ainda não. Para chegar até lá é preciso coincidir com algum grupo que esteja na cidade para fazer isso, não tive esta felicidade.
Se você tiver vontade, pode ligar para o telefone de contato acima para saber da agência quando haverá uma excursão de aventura pra lá, aí você embarca, se você for sozinho, vai ter que bancar com o custo da estrutura.
Ah, em geral, estes grupos são de turistas estrangeiros. É sempre legal viajar com estrangeiros por estas banda, eles demonstram um respeito e uma admiração duplicada.
Abraço e valeu o contato.

Yusseff Abrahim · Manaus, AM 16/11/2006 17:25
sua opinião: subir
herikbodyartmm
 

fale herik

herikbodyartmm · Manaus, AM 13/1/2007 00:02
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados