Brasil.gov.br Petrobras Ministério da Cultura
 
 

Botequim da Francisca

Thaís da Silveira
Fachada do Botequim num sábado à noite: ambiente tranqüilo.
1
Ricardo Fela · Sorocaba, SP
24/2/2008 · 110 · 1
 

Se você passar em frente ao Botequim da Francisca meio com pressa ou desavisado, capaz de não dar muita atenção, mesmo porque só está ali há pouco mais de quatro meses e fica num bairro tranqüilo, residencial, sem muito movimento. O que destoa do lugar onde está instalado é o barulho que provoca com as conversas nas mesas lotadas.

Parece um botequinho normal, com uma varanda, luz baixa, cadeiras e um balcão que pode ser visto ali da rua mesmo. Como vários outros, também tem aparelhos de TV nas paredes exibindo vídeos musicais (blues, MPB e rock dos anos 60 e 70 – Beatles, Led Zeppelin etc.) num volume suportável que permite conversar na boa sem ter que gritar.

Se você entrar e chegar até a geladeira vai perceber algo diferente: mais de cinqüenta marcas de cerveja espalhadas pelas prateleiras. E se já fica difícil sair sem beber com essa oferta enorme do produto, tem ainda as caipirinhas de vários sabores oferecidas pela casa.

Mas, para não ficar aqui só “incentivando a bebedeira”, o bar tem também acompanhamentos especiais para “rebater”. A especialidade da casa é inusitada: porção de pastéis de filé mignon com pera e gorgonzola. “É nosso prato chique aqui”, diz o balconista que me atende.

Confesso que, se for medir por aí, não sou nada chique, porque não curto mistura de doce com salgado. Mas, enfim, para quem gosta deve ser bom. Prometo que se eu experimentar, dou meu testemunho aqui.

Outro prato requisitado são as panquecas de frango, mignon e quatro queijos. Esse sim, só de falar, me dá fome. Acho que vou passar lá no fim de semana. E tento experimentar os pastéis. Ah, a Francisca não é a dona do bar, como se poderia supor. É o nome da rua.

onde fica
Rua Francisca de Queiroz, 125, Bairro Mangal.
por que ir
Tomar uma cerveja diferente de vez em quando é bom, né? Afinal, são cinqüenta marcas diferentes.
Tem ainda os tais pastéis de mignon com pêra e gorgonzola, as panquecas e as caipinhas. Fora os vídeos que rolam no DVD.
quando ir
De segunda a sábado, a partir das 17 horas.
quem vai
O público tem, em média, 25 anos, mas isso varia, claro. Geralmente, para mais.
Apreciadores de cerveja, conversa de bar e shows em DVD.
quanto custa
A cerveja varia de R$ 3,80 (Brahma 600 ml.) a R$ 37,00 (Trois Pistoles 750 ml.)
contato
(15) 3222-1623
robson-lyrio@uol.com.br

comentários feed

+ comentar
Ailuj
 

os tres primeiros votos sao meus,esperando que abra muitos outros

Ailuj · Niterói, RJ 23/2/2008 00:58
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

observatório

feed
Nova jornada para o Overmundo

O poema de Murilo Mendes que inspirou o batismo do Overmundo ecoa o "grito eletrônico" de um “cavaleiro do mundo”, que “anda, voa, está em... +leia

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados