Chão de Estrelas: samba, chorinho e um Fusca amarelo

Thaís Brianezi
Ambiente versátil: de sala de estar a bar e garagem.
1
Thaís Brianezi · Manaus, AM
24/2/2008 · 154 · 4
 

O “Pai Nosso” rezado no microfone, no começo da madrugada de sábado, anuncia que é passada a hora de terminar a saideira. Se para bom entendedor essa meia palavra não bastar, os donos do Chão de Estrelas costumam ser mais enfáticos: com firmeza e bom humor, eles vão empilhando as mesas e cadeiras brancas, de plástico, que se espalham pela pequena rua sem saída, em frente ao bar. Na parte interna, elevada, o espaço já foi completamente liberado para se transformar em garagem e duas ripas de madeira estão posicionadas como rampas: o ritual semanal termina com a entrada triunfal do Fusca amarelo, dirigido pela simpática Socorro.

Além de bar e garagem, o local já abrigou uma sala de estar. Ela desapareceu para dar lugar ao projeto (e ganha pão) de Socorro. Mas, sobre o grande vão aberto, o restante da casa de madeira continua a funcionar como lar da jovem empreendedora e de sua família.

A decoração do Chão de Estrelas também é inusitada: pelas paredes e teto se espalham discos de vinil e outras preciosidades dignas de um antiquário. Há de tudo: de mictório de metal a berrante de osso. Perto do palco, um cartaz escrito a mão avisa que o público pode se aventurar a mostrar seus dotes musicais, desde que não cante mais de três músicas por vez. A mesma caligrafia informa que a cadeira de balanço não pode ser ocupada por qualquer um: ela está “reservada para a vovó’, a matriarca da família de Socorro.

onde fica
O Chão de Estrelas fica no final de um beco, em uma área residencial no centro de Manaus, de baixa renda, escondido, sem qualquer placa de sinalização. Para chegar a primeira lá, o ideal é ir com alguém que já conheça o caminho.

Existe um folclore entre os freqüentadores mais antigos do bar de que sua localização exata não pode ser divulgada. Atualmente, porém, ele já aparece em outros cantos da Internet, saiu nos jornais e emissoras locais de televisão. Então, o que faço agora não é mais sacrilégio:

Endereço do Chão de Estrelas:
Rua Chaves Ribeiro nº 49 (São Geraldo)
por que ir
O Chão de Estrelas tem música ao vivo de primeira qualidade, tocada voluntariamente por senhores amantes do bom samba e do chorinho.
quando ir
Esse bar de personalidade abre de sexta-feira a domingo, apenas. Nos dois primeiros dias, começa a funcionar a partir das 17h. É local para iniciar a noitada, porque também fecha cedo (no máximo, à 1h). No domingo, o expediente boêmio vai das 12h às 21h.
quem vai
Às sextas-feiras e sábados, o público do Chão de Estrelas é mais jovem, de pessoas na faixa dos 25 aos 40 anos. O estilo geral é o que caracteriza o movimento sócio-ambiental, a la bicho grilo: mestrandos e doutorandos do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) batem cartão. Aos domingos, a faixa etária sobe e a característica comum passa a ser o apreço pelo samba e pelo chorinho.
quanto custa
O Chão de Estrelas não cobra consumação mínima nem couvert artístico. Mas o preço da cerveja foi aumentando em um ritmo inversamente proporcional à quantidade de freqüentadores: a garrafa hoje custa R$ 4,00.
contato
Telefone: (92) 3233-3947 (falar com Socorro)

comentários feed

+ comentar
Thaís Brianezi
 

Se passarem por Manaus, não deixem de conhecer o Chão de Estrelas!!!

Thaís Brianezi · Manaus, AM 22/2/2008 20:25
sua opinião: subir
Sinvaline
 

Quando for a Manaus quero conhecer o Chao de Estrelas.
beijos Tahis
sinvaline

Sinvaline · Uruaçu, GO 24/2/2008 09:06
sua opinião: subir
Saramar
 

Muito legal!
Achei simpático e diferente!

beijos

Saramar · Goiânia, GO 25/2/2008 21:32
sua opinião: subir
Bruno Resende Ramos
 

Votado com muita vontade! Abraços

Bruno Resende Ramos · Viçosa, MG 24/6/2008 23:45
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

imagens clique para ampliar

No Chão de Estrelas, Socorro é empresária, moradora, garçonete e manobrista. zoom
No Chão de Estrelas, Socorro é empresária, moradora, garçonete e manobrista.
O músico Klayber Varela, hoje em Londres, sempre dava uma palhinha no bar. zoom
O músico Klayber Varela, hoje em Londres, sempre dava uma palhinha no bar.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados