Parque Lindendorf

Guilherme Mattoso
Detalhe da Minicidade
1
Guilherme Mattoso · Niterói, RJ
16/9/2009 · 10 · 2
 

O Parque Lindendorf, reforça ainda mais a ideia de que estamos realmente na Áustria quando visitamos a cidade de Treze Tílias (SC). Além da arquitetura típica, com seus jardins e campanários, o espaço conta com um cardápio caprichado, como chope, comida típica e o famoso Apfelstrudel, a torta de maçã com massa folheada que é uma delícia.

A grande atração do parque é a Minicidade, uma réplica em miniatura da cidade de Treze Tílias perfeita nos mínimos detalhes, desde o traçado as ruas e o relevo até as principais construções. A obra é criação um dos fundadores, Valter Felder, que morou na Áustria por seis anos e lá participou de um curso de presépios artesanais.

Todo o parque, aliás, foi idealizado e tocado pelas famílias Felder e Koroll que nos recebe pessoalmente nas visitas, com trajes tiroleses e ao som de música típica. A recomendação é ir sem muita pressa, para curtir o passeio pelas trilhas do parque, saborear os pratos austríacos e observar cada detalhezinho.

onde fica
Rua Antonio Pattis
Jardim das Flores, Treze Tílias (SC)
CEP: 89650-000
por que ir
É um passeio agradável e um contato mais íntimo com a cultura típica austríaca. E a Minicidade é um barato!
quando ir
Todos os dias, das 9:30 às 18:00
quanto custa
R$ 3,00
website
http://www.minicidade.com
contato
Tel: (49) 3537-0658 / (49) 8839-0234
E-mail: minicidade@yahoo.com.br / contato@minicidade.com

comentários feed

+ comentar
Felipe Obrer
 

Oi, Guilherme.

A tua dica me fez lembrar o fim da infância/início da pré-adolescência.

Conheço Treze Tílias de duas ou três temporadas de verão.
Década de 90.

Lembro da família Felder, acho que jogava atari (aquele video-game que virou até tema de documentário algum tempo atrás) com um menino da família. Passei essas temporadas lá porque meu pai trabalhou gerenciando um hotelzinho que se chamava Hotel Áustria (nome óbvio tratando-se de Treze Tílias).

Tem um acontecimento interessante na história dessa década -anos 1990- na cidadezinha (que, se não me falha a memória, tinha na época uns 5 mil habitantes). A extinta tv Manchete rodava uma telenovela, chamada História de Ana Raio e Zé Trovão, de maneira itinerante.

Uma das cidades usada como locação foi Treze Tílias. A equipe de produção toda e o elenco permaneceram lá por cerca de 3 meses. Foi uma fase de vacas gordas para a cidade. Todos os hotéis e pousadas ficaram lotados. Aconteceram alguns choques culturais entre o pessoal moreno e com molejo carioca da produção e os descendentes de austríacos da cidade.

Lembro de ler, em férias pós-novela, os maços de papel com o roteiro da novela, as falas dos atores, descrições de cenas etc.

Vi também fotos do evento que foi o período de filmagens lá. Resquícios do agito noveleiro, que nem vi, já que estava no Uruguai, onde morava. (com pais separados, eu vinha passar as férias no Brasil com meu pai)

Que mais?

Voltei, uma vez, ainda pré-adolescente, de carona até Floripa na boléia de um caminhão da Tirol, empresa de laticínios trezetiliense bem conhecida aqui em SC. Tinha ido acompanhar meu pai na missão de levar um buggy (é assim?) recém-comprado em Florianópolis para -se não me falha a memória- um filho do patriarca Felder.

Também lembro que uns jegues de estimação que tínhamos ficavam aos cuidados da família Felder.

Mil voltas da memória.

Não sei se contribuí com a dica.

Abraço!,
Felipe

P.S.: Lembro que na cidade muita gente praticava a escultura, como diletante ou profissional, e muitas casas tinham em algum ponto um ateliê com formões, placas de madeira e outros utensílios. Havia desde escultor especialista em fazer cristos de madeira até manufatureiros de cavalinhos em miniatura.

Felipe Obrer · Florianópolis, SC 15/9/2009 21:46
sua opinião: subir
Guilherme Mattoso
 

Uau Felipe!
Que ótimo comentário! Qdo estive em Treze Tílias fiquei no Hotel Áustria! Aos poucos farei novos posts sobre a cidade. As esculturas, como vc bem citou, ainda são marcantes na cidade. Existem programas de intercâmbio e os artistas têm a chance de aperfeiçoar a técnica na Áustria.

Guilherme Mattoso · Niterói, RJ 16/9/2009 11:57
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados