Brasil.gov.br Petrobras Ministério da Cultura
 
 

APOLOGIA AO CARALHO

1
Daianne Fernandes · Palmas, TO
8/9/2006 · 132 · 11
 

Texto de Tatiana Fagundes
(tatifagu@hotmail.com
)

No meu pequeno vocabulário extremamente familiar, sempre achei que “caralho” fosse um dos mais tremendos e horrendos de todos os palavrões de nossa bela e culta língua portuguesa. Mas de uns tempos para cá escutei esse nome com tanta naturalidade e, então, decidi que era melhor refletir mais sobre o assunto e, também, resolvi repensar o meu conceito referente a tal palavra, antes tida pra mim como um pecado estrondoso em pronunciá-la.

Ao pesquisar a fundo a questão recorri ao dicionário, o famoso pai dos burros e S.O.S de loiras curiosas como eu. Cheguei a pensar que seria impossível um livro tão importante trazer o significado de uma palavra proibida em ambientes onde impera a boa educação. Para minha surpresa encontrei, em instantes, a grande busca pela definição correta de caralho. É, realmente, o dicionário traz o termo grifado com todas as letras e diz que: caralho nada mais é que uma exclamação de desgosto ou raiva. O pai dos burros afirma ainda que caralho é o nome ou apelido dado ao órgão genital masculino, no qual eu particularmente prefiro chamar de pênis. (Acho que soa melhor).

Apesar dessa notável definição do dicionário, eu defendo a tese de que “caralho”, dependendo do contexto da frase, pode ser utilizado e interpretado de diferentes formas, além de apenas ser uma exclamação de desgosto ou raiva.

Na minha visão, caralho pode expressar maneiras até mesmo contraditórias, seja de algo bom ou ruim. Isso mesmo! Incrível, mas para mim “caralho” é mesmo uma palavra digamos “um pouco complexa”. Vejamos alguns exemplos:

Imagine que depois de uma noite “daquelas” você escuta a seguinte frase: “Nossa! Foi bom pra caralho!” Uma pronuncia completamente orgástica, concorda? E, com toda certeza e sem sobra de dúvidas, é melhor do que ouvir “Puta merda! Foi ruim pra caralho!” Aqui nesse caso utilizado para expressar uma sensação bem desagradável que, convenhamos, deve ser terrível de se ouvir e até mesmo porque não dizer “broxante”.


Mas tenho que concordar com o dicionário quando define caralho como uma exclamação. Também acho que o termo pode ser utilizado como ponto de exclamação do tipo quando usamos logo após recebemos uma notícia surpresa, estranha, totalmente inesperada. A reação imediata de muitos nessas situações é: Ca-ra-lho! (Aqui ele é utilizado num sentido de espanto, bem exclamativo mesmo !).

Caralho também pode ser usado de forma ofensiva. Ato de xingar alguém como: “Ah vá pro caralho que o parta!”. Bem nesse caso, não sei ao certo onde fica esse caralho, mas acredito que essa seja uma expressão sinônima daquela “Vá tomar naquele lugar!”. (Bom, daí é melhor nem descobrir onde fica o caralho em questão).

Continuando com as diversas formas de utilização de tal palavra, outro exemplo que cito é chamar alguém de “Seu caralho!” Desse jeito entendemos que a pessoa é um “merda”. Mas também dependendo da pronuncia pode até considerar o indivíduo bacana se for dito assim: “Tu és do Caralho”, aqui no sentido de explicar que a pessoa é gente boa.

Finalizando essa minha ingênua reflexão, acredito que não importa se seja usado no contexto positivo ou negativo, mas sim que falar e ouvir “caralho”, de uma forma bem natural, é algo interessante e extremamente divertido, principalmente se você estiver com alguém que é verdadeiramente “Do caralho”. (No bom e melhor sentido é claro)

Obs. Nunca escrevi e pronunciei tanto caralho como ao redigir esse texto. Acho que finalmente venci o preconceito de dizer, sem dor na consciência, essa palavra “CARALHO”.



compartilhe

comentários feed

+ comentar
Tatisodre
 

Gostei da reflexão, Daianne. Agora, se um dia a minha mulher falar assim:
- Vai, amor, me come com esse pênis gostoso....
- Pênis? Caralho, que broxante!
Bjs
Marcelo Perez BV / RR

Tatisodre · Boa Vista, RR 7/9/2006 01:44
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Em minha humilde opinião de lexicólogo incipiente de boteco, CARALHO é uma das interjeições mais satisfatórias da língua portuguesa (seguida de perto da graciosa "Fodeu!"), além de ser uma palavra com tantos, e tão variados, usos.

Viva o Caralho (e sua contraparte feminina que, em Portugal, também designa aquele "algo" que Pandora abriu para o mundo...)


Abraços do verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 7/9/2006 12:42
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Em tempo... quem falou primeiro da Boceta de Pandora não fui eu não... foi o Sérgio Augusto na edição de 21 de março de 2000 do adorável "hebdomadário" Bundas. :)

Abraços do verde.

Daniel Duende · Brasília, DF 7/9/2006 12:46
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Alexandre Vox
 

Caralho!!!!

Que texto do "caralho"! Quando vi quem tinha escrito pronunciei lenta e pausadamente, caralho... Não esperava um texto tão encaralhado(*). Realmente o estilo habitual dos textos da Tati é diferente pra caralho! Apesar do instigante tema, espero q os comentários mantenham o alto nível e não virem o caralho!(he he he)

Pra finalizar, vale lembrar a expressão idiomática, também nada convencional, que é companheira quase inseparável desse versátil vocábulo, o "puta que o pariu". Dependendo da situação é impossível não pronunciá-los juntos... Vem como reforço pra expressar o sentido da coisa pra quando "caralho" não consegue atingir toda a dimensão e o impácto desejados.

Abraço a todos.

Alexandre.

(*) Encaralhado. Derivação prefixal de caralho. Diz-se de quem ou o que está com o caralho. Como o vocábulo originário possue vários sentidos. Ex: O carro do Barriquelo vive encaralhado, quebra sempre. / Hoje o carro do Schumacher estava encaralhado, não tinha quem conseguisse vencê-lo.

Alexandre Vox · Palmas, TO 11/9/2006 13:05
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Daniel Duende
 

Com "o perdão do meu francês"(*), caro Alexandre... seu comentário foi também encaralhado. :D

Abraços do verde.


(*) "o perdão do meu francês" é a vertência desajeitada da expressão idiomática inglesa "excuse my french" para o português. Usada em alguns países como uma forma de pedir perdão antecipadamente pelo uso de palavras "de peso" (como, por exemplo, "Caralho"), é uma expressão graciosa que insinua que o povo gálico tem um vocabulário rico em impropérios... :)

Daniel Duende · Brasília, DF 11/9/2006 16:04
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
So Jorge
 

Lá nas Minas Gerais nóis tamem custama chamá esse trem de "CARÁI", muito bom o texto, ficou du caralho!!!!

So Jorge · Palmas, TO 12/9/2006 11:09
sua opinião: subir
Daniel Cariello
 

Tratando com ainda menos rigidez o assunto, sem no entanto broxar nunca, tem uma outra reflexão filosófica que complementa essa. É o texto do Adolar Gangorra, chamado O Sexo Masculino Para Toda Obra.

Daniel Cariello · Brasília, DF 19/9/2006 19:05
sua opinião: subir
Antonio Rezende
 

Imagino que "viagem" interessante e humorado daria o tema se os colaboradores deste Overmundo "filosofassem" na criação de um textão porreta coletivo. Não resta dúvida, a sacada da Tatiana é "do caralho". Aliás, quem a conhece sabe: ela toda é "do caralho". Só não sei se ela vai querer me "peitar" depois deste comentário. Gostei!

Antonio Rezende · Palmas, TO 25/12/2006 13:12
sua opinião: subir
Antonio Rezende
 

Caralho!!! Vejam no que dá fazer alterações em comentários sem atentar para a concordância. Ao trocar TEXTO por VIAGEM no comentário anterior, dei com os burros n'água. Reparei somente depois de ler a minha "bestagem". Por isso é que volto para para mandar ao caralho o comentário anterior (não sei se é possível excluir). Na verdade, a "viagem" seria interessante e HUMORADA.

Antonio Rezende · Palmas, TO 25/12/2006 13:29
sua opinião: subir
Adroaldo Bauer
 

Corajoso, imaginativo, delicioso, instrutivo.
Quando permitiu os derivativos das contribuições, então, tornou-se eclético e, pasmem, para alguns, apologético.
Sincrético que era, tornou-se porreta, que vem de nenhum outro lugar que da bolsa seminal ejaculado (escrotinho já virou até personagem de quadrinhos).
E a figurinha maldesenhado do próprio com os grãos ensacados é até identidade de grife.
Ah, são os tempos, são os tempos. Tempos sãos, que desentocam libidos e expulsam a hipocrisia religiosa ou acadêmica dos salões.
Duca, era pronunciado pelos impagáveis fradins do Henfil e por uma geração que já dissera muita vez caralho em todas as conotações e denotações.
Louras inteligentes são adoráveis.
Aliás, et por cause, são do caralho.
Gostei.

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 11/3/2007 20:18
sua opinião: subir
Laura Botelho
 

Oi,
Uma amiga Portuguesa me enviou recentemente um PPs com o significado da palavra CARALHO Segundo a Academia Portuguesa de Letras.
"CARALHO" é a palavra com que se denominava a pequena cesta que se encontrava no alto dos mastros das caravelas, de onde os vigias prescrutavam o horizonte em busca de sinais de terra.

O CARALHO, dada a sua situação numa área de muita instabilidade (no alto do mastro) era onde se manifestava com maior intensidade o rolamento ou movimento lateral de um barco. Também era considerado um lugar de "castigo" para aqueles marinheiros que cometiam alguma infração a bordo. O castigado era enviado para cumprir horas e até dias inteiros no CARALHO e quando descia ficava tão enjoado que se mantinha tranquilo por um bom par de dias. Daí surgiu a expressão:
“MANDAR PRO CARALHO" - como forma de punição

Meu objetivo nesse forum é saber se esta informação é correta. Procede esse significado ou foi mais um Hoax destes que andam por aí na internet.


Laura Botelho · Niterói, RJ 23/1/2008 12:30
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

observatório

feed
Nova jornada para o Overmundo

O poema de Murilo Mendes que inspirou o batismo do Overmundo ecoa o "grito eletrônico" de um “cavaleiro do mundo”, que “anda, voa, está em... +leia

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados