Cinema de Wakamatsu sai do limbo e chega ao Brasil

Zeta Filmes
Extase dos Anjos, filme de Koji Wakamatsu, 1972
1
Francesca Azzi · São Paulo, SP
8/11/2008 · 107 · 7
 

O limbo é um lugar mítico, bíblico, mas o termo é comumente usado para designar o lugar da não memória, do esquecimento. Não há como esquecer aquilo que não conhecemos, e coisas que continuam desconhecidas parecem estar jogadas neste lugar do desinteresse. O limbo pode ser um verdadeiro inferno para o conhecimento, se for este o lugar do inacessível. Mas lá estão almas boas. Koji Wakamatsu é uma destas almas que são excluídas do nosso escopo. Por que será? Porque um diretor que tem mais de 100 filmes produzidos no Japão, que participou de dezenas dos principais festivais internacionais, que levantou tantas polêmicas, que foi radical para os padrões de sua época sendo muitas vezes censurado, nunca viu sua obra exibida no Brasil?

Numa oportunida rara e única, a exibição de seis filmes inéditos deste diretor dentro da mostra INDIE 08 em São Paulo intencionam fazer conhecer um pouco da obra deste artista polêmico no Japão. Os filmes serão exibidos em película 35mm com legendas eletrônicas, apenas durante a semana do evento, de 7 a 12 de novembro, no Cinesesc, em São Paulo.

Koji Wakamatsu nasceu em 1936, em Wakuya, Japão. Entre 1963 e 1965, dirigiu 20 filmes do gênero, virou um dos mais célebres diretores dos pinku eiga, ou pink films, os filmes eróticos de baixo orçamento típicos do Japão. Por muito tempo, um dos segredos mais bem guardados do país, os pink films, não eram distribuídos para outros países, traziam os tabus, fantasias e fetiches sexuais daquela sociedade, mantendo as dualidades proibido/permitido, sexo/política, perversão/violência e criando regras: nada de sexo explícito e nu frontal, principalmente, masculino, claro.

Wakamatsu, no entanto, sempre acrescentou elementos estéticos, políticos, radicais, indo muito além de ser apenas um diretor tradicional de filmes pink. Aliás, nada é tradicional em Koji. Ele é antes de tudo um anarquista de bem com a arte de fazer cinema. Basta assistir e ver os planos elaborados, belas músicas, a fotografia, a explosão da violência do desejo e da guerra.

Sua liberdade criativa foi impulsionada por um escândalo. Em 1965, o Festival de Berlim seleciona “Segredos por Trás da Parede” e cria um problema diplomático. Como um filme de essência pinku eiga sai do Japão e é exibido representando o cinema do país na Europa? A partir daí, o diretor cria a Wakamatsu Productions e realiza livremente e freneticamente mais de 100 filmes.

O primeiro filme da sua nova produtora é “O Embrião Caça em Segredo”, de 1966, Wakamatsu gosta de citá-lo como um dos seus favoritos, trata da essência do poder numa relação entre um homem e uma mulher. “Go Go Second Time Virgin”, de 1969, um cult, filmado no telhado da sua produtora, com uma trilha sonora especial, e ”Êxtase dos Anjos” (1972), um filme provocativo e exemplar de como Wakamatsu explora sexo e radicalismo político, são marcos da parceria dele com Masao Adachi.

Da sua produção mais recente, bem mais política e crítica à sociedade japonesa, será exibido o lírico “Crônicas de Bicicleta: Paisagens Que O Menino Viu” (2004) e seu último filme “United Red Army”, que resgata em mais de 3 horas - utilizando imagens de arquivo, reconstituição e ficção - um importante momento da militância terrorista no Japão.

Conhecer os filmes de Koji Wakamatsu é descobrir a obra de um cineasta que vive produtivamente a margem dos mercados, impérios, tendências, é conhecer a obra de um homem sem medo, livre.

Dentro da programação do INDIE 2008 SP estarão os seguintes títulos (clique abaixo e leia as sinopses e consulte os horários no site do festival):

SEGREDOS POR TRÁS DA PAREDE (Secrets Behind the Wall/ Kabe no naka no himegoto)
EUA/Japão, 1965, 80 min.

O EMBRIÃO CAÇA EM SEGREDO (The Embryo Hunts In Secret/Taiji ga mitsuryosuru toki)
Japão, 1966, 72 min.

GO, GO SECOND TIME VIRGIN (Yuke yuke nidome no shojo)
Japão, 1969, 66 min.

ÊXTASE DOS ANJOS (Ecstasy of the Angels/ Tenshi no kôkotsu)
Japão, 1972, 89 min.

CRÔNICAS DE BICICLETA: PAISAGENS QUE O MENINO VIU (Cycling Chronicles: Landscapes The Boy Saw / 17-sai no fûkei - shônen wa nani o mita no ka)
Japão, 2004, 89 min.

UNITED RED ARMY (United Red Army/ Jitsuroku rengô sekigun: Asama sansô e no michi)
Japão, 2007, 190 min.

(Colaborou neste texto: Daniella Azzi)

Indie 2008 SP – Mostra de Cinema Mundial
Data: de 6 a 12 de novembro
Dia 06 - abertura apenas para convidados com o filme "Go GO Second Virgin", de Koji Wakamatsu.
Local: Cinesesc (Rua Augusta 2075)
Ingressos: R$ 6,00 (inteira), R$ 3,00 (estudante e idosos), R$ 1,50 (Trabalhador do comércio e serviços matriculados e dependentes).

Informações: 11 3087-0500 | www.indiefestival.com.br | www.sescsp.org.br

Realização: SESC SP e Zeta Filmes


compartilhe

comentários feed

+ comentar
robcruz
 

Excelente esta mostra. Em São Paulo cada vez mais acontecem festivais de cinema que exibem mais do mesmo. O Indie faz a diferença.

robcruz · São Paulo, SP 4/11/2008 18:10
sua opinião: subir
Ivette G.M.
 

Eu, pelo que você relata, e muitas outras pessoas, estamos tomando conhecimento deste cineasta, através de você. Ótima. informação. Votada
Abração, Ivette G M

Ivette G.M. · Cotia, SP 6/11/2008 15:56
sua opinião: subir
Andre Luiz Mazzaropi
 

Votei.
As raizes da cultura japonesa fazem parte da nossa cultura e nada melho que o cinema para retratar isto. Em 1.964 meu pai, Mazzaropi fez um filme intitulado Meu Japão Brasileiro foi um grande sucesso. E sucesso a voçe
Andre Luiz Mazzaropi
O Filho do Jeca
www.andreluizmazzaopi.com.br

Andre Luiz Mazzaropi · Taubaté, SP 7/11/2008 10:05
sua opinião: subir
Paulo Apolonio
 

Super interessante.
Porque tentam excluir certos gênios?
Passe aqui: http://www.overmundo.com.br/banco/o-que-procuro

Paulo Apolonio · Salvador, BA 7/11/2008 22:09
sua opinião: subir
Sérgio Franck
 

Massa demais, a sua matéria, moça.

Sérgio Franck · Belo Horizonte, MG 8/11/2008 10:58
sua opinião: subir
Francesca Azzi
 

Obrigada Sérgio, Paulo, André Luiz, Ivette e Robcruz, divulguem a mostra que vai só até dia 12/11. Abraços.

Francesca Azzi · São Paulo, SP 8/11/2008 18:21
sua opinião: subir
toinho.castro
 

interessante... eu mesmo não conhecia esse trabalho. muito bom. pena eu não poder ir a sp para assistir a mostra.
espero que um dia esse material passe pelo rio de janeiro.

eu queria só comentar que o limbo não é uma imagem bíblica, e entra em cena por volta do século IV.
beijos

toinho.castro · Rio de Janeiro, RJ 10/11/2008 15:00
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

imagens clique para ampliar

United Red Army, último filme de Koji Wakamatsu, 2007 zoom
United Red Army, último filme de Koji Wakamatsu, 2007
Crônicas de Bicicleta, Wakamatsu, 2004 zoom
Crônicas de Bicicleta, Wakamatsu, 2004
Êxtase dos Anjos, Wakamatsu, 1972 zoom
Êxtase dos Anjos, Wakamatsu, 1972
O polêmico Embryo, Wakamatsu, 1966 zoom
O polêmico Embryo, Wakamatsu, 1966
Go, Go Second Time Virgin, Wakamatsu, 1969 zoom
Go, Go Second Time Virgin, Wakamatsu, 1969
Segredos por trás da parede, Wakamatsu, 1965 zoom
Segredos por trás da parede, Wakamatsu, 1965

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados