Janelas da Terra

Acervo do Instituto Souza cruz
Jovens de Albardão conectados
1
Guilherme Mattoso · Niterói, RJ
20/2/2009 · 102 · 2
 

A idéia é simples: promover cursos de informática para a localidade de Albardão, no município de Rio Pardo (RS). Nada mais natural para uma comunidade que, graças a uma mobilização participativa, tornou o acesso à internet possível nas escolas, nos sindicatos rurais, nas unidades de inclusão digital e em 70% dos lares da região.

Foi assim que surgiu o Projeto Janelas da Terra, uma iniciativa organizada pelo núcleo do Centro de Desenvolvimento do Jovem Rural (Cedejor) do Vale do Rio Pardo, em parceria com a Associação Desportiva e Cultural do Albardão (Adesca), Associação Pró-Desenvolvimento do Albardão (Aproalba), Associação Pró-Desenvolvimento do Passo Fundo da Cavalhada (Apropaca) e com o Sindicato de Trabalhadores Rurais (STR) de Rio Pardo.

A realização do Janelas da Terra se deu através de uma doação feita ao Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescentes (COMDICA) de Rio Pardo. O projeto foi aprovado pelo conselho em novembro de 2008. Os cursos tiveram início em janeiro e terminam no final de março.

As aulas ocorrem no laboratório de informática do Cedejor e, no total, são duas turmas com 15 alunos cada: a primeira atende crianças e jovens e a segunda é destinada a adultos e idosos.

O conteúdo do curso é centrado em princípios básicos de informática e ministrado pelo instrutor José Mauro Gomes Santos, jovem da comunidade de Albardão.

“Eu procuro trabalhar com a realidade dos alunos, então, os temas que desenvolvemos em aula estão ligados à agricultura familiar, ao meio rural e à produção de orgânicos”, diz José Mauro.

De acordo com Laís Beserra, coordenadora do Cedejor Vale do Rio Pardo, já existe uma lista com 70 nomes na fila de espera. A ideia é que o Projeto seja estendido com a abertura de novas vagas a partir de abril.

---

Saiba mais sobre o Projeto Janelas da Terra e leia o texto completo aqui.

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Patricia Canarim
 

Muito interessante esse projeto. Muitas vezes a inclusão social acontece a partir da inclusão digital..temos que promover o uso do computador, da internet e divulgar as mídias sociais como ferramentas de inclusão social. Parabéns!

Patricia Canarim · Rio de Janeiro, RJ 25/2/2009 13:03
sua opinião: subir
Guilherme Mattoso
 

olá patrícia!

o projeto é muito interessante sim. e construído pela própria comunidade, um barato!

Guilherme Mattoso · Niterói, RJ 25/2/2009 19:38
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados