'O túmulo do samba'

1
Marcus Marmello · São Paulo, SP
24/4/2007 · 88 · 11
 

Assim como o saci, a mula sem cabeça, a Cuca e as melhorias educacionais do país, existe uma lenda antiga que começou não sei onde, não sei por quem, de que São Paulo seria o túmulo do samba.
Bem, como carioca de Irajá, Madureira, Pilares, Meier e mais uma meia duzia de bairros que eu morei e mais um milhão de bairros que frequentei, posso discorrer este assunto com certa isenção, não por ser carioca somente, mas por ter acompanhado a produção cultural na cidade do RJ, desde que o São sebastião do Circo Voador usava fraldas, com todo respeito ao Perfeito, Juçá e a galera toda, que "quixotescamente", conseguiram criar a Lapa Pop do segundo milênio. Onde a malandragem cedeu lugar as miçangas retro 70.
Os tempos são outros, Pedro Luiz há muito deixou de ser Urge, e as cidades não são mais eletrikas como dantes... O eletricismo e a verborragia punk cedeu lugar aos conceituais, alguns chinfrins outros bacanas, alguns criaram a releitura D2 malandra que manteve o respeito, e isso é muito importante.
Porque enquanto o Rio hoje tenta resgatar alguns valores a muito esquecidos, São Paulo os manteve desde há muito.
Quando cheguei na metrópole do concreto, achava que não veria o que vi, zilhões de rodas de choro, samba de raiz, bailes de samba rock, respeito aos grandes sambistas do passado, serestas, e principalmente muitos musicos. Não que o Rio não respeite seus valores do passado, mas tambem sei que por se tratar do vizinho do lado, é muito mais fácil não dar o valor devido.
Normalmente a gente no Rio só descobre que o velhinho do boteco era importante depois que morre ou que aparece um mauricinho de canal a cabo entrevistando ele. ( é exagero mas, tem lá suas verdades )
Quem que não é do meio do samba, que reconhece um Mauro Diniz passeando na treze de maio?
Quem conhece em Irajá, um bom violão 7 cordas? Se voce conhece por favor me indique. No rio a maioria da garotada quer batucar, aprender cavaquinho e banjo e só. No Rio a gente tropeça em cavaco, em percussionista então...uau.

Acreditem em São Paulo é mais fácil achar um bom muisco de violão de 7 cordas, que no Rio. No Rio são raros e poucos.

É muito mais fácil ainda esbarrar com um garoto de 17 anos com todo o repertório de Candeia na ponta da língua.

E isto também passa obrigatoriamente pelo enorme respeito que o sambista de São Paulo tem pelas escolas de samba do Rio de Janeiro, e que é recíproco. Queiram os bairristas acharem o contrário.

Aprendi a respeitar o samba de São Paulo, porque sua linguagem, a sua estética é completamente diferente. Enquanto em São paulo se valoriza a harmonia, no Rio cada vez mais é valorizado o ritmo.
Vejam que não estou tecendo comentários as melodias produzidas, mas sim a forma estética de se executar o samba.
São Paulo não em volume de produção, mas em qualidade tem sambas memoráveis, não pdemos nos esquecer que Vadico, Geraldo Filme, Paulo Vanzolini, chico buarque e Luverci Ernesto são paulistas, sem falar que na fase inicial do rádio Ely e Gracy, uma dupla paulista na decada de 30 fez enorme sucesso no Rio de Janeiro, na Radio Tupi e Nacional, pasmem, cantando samba.
Então falar em tumulo do samba é uma baboseira enorme.
É puro preconceito de quem não entende, absolutamente nada de samba e principalmente a arte produzida no Brasil.

Agora falar que o samba se manteve estável é outra coisa.

O samba mudou e muito, em São Paulo apareceram vertentes como o samba romantico e principalmente no Rio, após o boom Fundo de Quintal.
E eletro-samba, tecno-choro e outros Frank´s..

Se o que vem por aí é pra melhor ou pior...não sei, não sou crítico e nem quero ser.

Tenho gosto, gosto de algo aqui, não gosto de muitos acolá, mas não tenho muito o que dizer não.

Só acredito que não podemos perder os nossos valores por modismos ou conceitos "modernistas - 20´s" ( seculo passado ), pois a contra gosto dos modernos de vinte, Alberto Nepomuceno foi tão importante quanto Chiquinha Gonzaga.

Aliás para resumir o que eu acho, vou aqui transcrever parte de um samba de Candeia, que diz mais ou menos o que eu penso:

" Eu não sou africano, nem norte americano, ao som da viola e pandeiro sou mais o samba brasileiro"....

e que mais na frente diz ....

" pra acabar com o tal de soul basta um ponto de macumba...."

Por isso continuo batendo meu ponto de macumba...Viva o Samba!







compartilhe

comentários feed

+ comentar
Spírito Santo
 

Marcos,
Muito bom o texto e, principamente o assunto. Concordo com você sobre o Samba paulista.
Para ficar bom total, de uma vez por todas, tem uma frase entre parênteses no parágrafo do 'velhinho do boteco' que podia ficar antes do ponto. Ah...Tem também o nome do Chico Buarque com minúsculas.
Só não fecho com a letra do Candeia. O samba que você cita é antológico mas a xenofobia da letra é totalmente sem fundamento: o Samba é africano (da dáspora) e tem umas influências de música negra norte americana (africanas também) bem legais.
Abs,

Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ 21/4/2007 15:50
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Spírito Santo
 

Diáspora! Bem entendido?

Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ 21/4/2007 15:50
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Spírito Santo
 

Acho também que Túmulo tem acento agudo.

Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ 21/4/2007 15:52
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
FILIPE MAMEDE
 

Marcos, só uma dica quanto à diagramação; procure dar um "espaço" entre os parágrafos, isto facilita a leitura e visualmente, fica melhor resolvido. Abraço. Só sei que o samba foi uma grande invenção. Abraço.

FILIPE MAMEDE · Natal, RN 24/4/2007 10:14
sua opinião: subir
sombradanoite
 

tudo bem até concordo que são paulo seje mesmo o túmulo do samba, mas também é óbvio que o rio de janeiro é o túmulo do futebol brasileiro, e no próprio site da FIFA o futebol carioca aparece como o 16 futebol do país ou seje um dos piores do brasil, e o futebol PAULISTA lidera o rankik do melhor futebol do pais seguido pelo futebol GAUCHO que aparece em 2 lugar e o futebol mineiro que aparece em 3 lugar!! portanto realmente há de convir que é melhor ser tumulo do sambda do que o tumulo do futebol, e para se ter uma ideia nos programas esportivos de TV aberta o futebol carioca mal é citado entre as noticias e entre os comentaristas!!!

sombradanoite · São Paulo, SP 24/4/2007 19:43
sua opinião: subir
Spírito Santo
 

Pô, Sombra! Bairrismo futebolístico numa hora dessas? Além do mais, pelo que entendi, o post fala exatamente o contrário: Ninguém é túmulo de nada. A propósito, sou Flamengo, e daí?
Abs,

Spírito Santo · Rio de Janeiro, RJ 24/4/2007 21:19
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
mourao
 

Realmente, ridícula a mensagem descabida do colega. Além de usar o futebol como critério para um texto sobre samba, ainda deixou bem claro que nem leu o texto, já que não percebeu o ponto do autor. Lamentável. Tive que me cadastrar só pra responder isso.

Sobre o texto, em si, achei muito legal tanto pelo assunto quanto pela forma como foi escrito. Texto gosto de ler e inteligente.
Existem alguns erros de português que eu notei conforme lia, mas, agora, depois de me cadastrar e tudo, já nem lembro direito. Só lembro do ´a muito´ no lugar de ´há muito´, que eu achei estranho, especialmente porque logo depois você escreveu certo.

Além disso, a respeito do comentário sobre a suposta xenofobia de Candeia, embora não seja nenhum grande conhecedor do gênero e não saiba muito da vida dele, eu entendi, pelo trecho, que o que ele faz é valorizar o que é nosso.
Me pareceu que ele só queria espantar preconceitos como o de que o samba seria ritimo de africano ou coisa do tipo. Disse, e bem dito, que é samba brasileiro, e o brasileiro é o que é: uma mistura de africano, europeu, índio...

mourao · São Paulo, SP 25/4/2007 00:48
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Paulo - Popó
 

Se São Paulo é o túmulo do Samba, com a Bateria das Escolas de Samba da nossa Cidade, ele ressuscitou logo no terceiro dia.
Poucos conhecem a história de grandes nomes do Samba Paulistano, como Pé Rachado, fundador da Escola de Samba Vai Vai, e da Faculdade do Samba Barroca Zona Sul, com o ilustre Cartola.Poucos, como eu, tiveram a oportunidade de conhecer e conviver com Adoniran Barbosa, o saudoso "Charutinho".
Sou Ritmista da Bateria da Faculdade do Samba Barroca Zona Sul, e sei que na comunidade do Samba, tanto do Rio como de São Paulo, há sim, respeito e concorrência, mas nunca descaso.
Em São Paulo, por ser uma megalópole, é possivel encontrar rodas de Samba em todos os bairros da nossa cidade, em todos os dias da Semana, para todos os gostos e classe sociais.
O samba rola solto, desde, aquele feito na periferia, na favela mesmo, com poucos recursos, mas com ótima qualidade, até em casas de espetáculos onde os camarotes ficam lotados.
São Paulo é o túmulo do Samba????
- Convido todos (as) à visitarem nossa missa de sétimo dia, que se realiza no Sambódromo do Anhembi, onde durante os 4 dias de Carnaval, todos os anos, presenciamos "milagres", tais como: Judeus e Muçulmanos juntos, Americanos e Chineses, e até paraliticos, ensaiando passos e envolvidos pelo contágio das nossas Baterias.


Paulo - Popó · São Paulo, SP 25/4/2007 08:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
rf
 

Esse tipo de comentario sempre vai existir , devido a uma certa rivalidade entre rio e são paulo e aconselho a todas as pessoas q realmente gostam de samba não dar ouvidos a certas coisas
O samba em são paulo vem conquistando espaço e isso faz com q o nosso samba fique a cada vez mais em evidencia
queria eu que outras cidades de nosso Estado fossem consideradas ao menos algo do samba , seria sinal de que o samba estaria por todo o nosso pais

rf · São Paulo, SP 25/4/2007 09:01
sua opinião: subir
Marcus Marmello
 

Muito bom....KKKKKK
Tem gente aqui que não leu o texto, só leu o título e ainda deu opinião....isso me divertiu muito....

Marcus Marmello · São Paulo, SP 26/4/2007 12:40
sua opinião: subir
bubuzz
 

puta merda!!! não acredito que tú tá falando do URGE!!!!
esssa banda do pedro luís era foooooooooooda!!!!

bubuzz · Rio de Janeiro, RJ 15/6/2007 21:21
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados