Oscar Niemeyer - A vida é um sopro

1
Rodo · Belo Horizonte, MG
13/5/2007 · 294 · 14
 

“Eu me lembro que na Europa, às vezes eles diziam: ‘O passado arquitetônico
de vocês é pobre, é mais português do que brasileiro’. E eu dizia: ‘isso é muito
bom para nós, porque vocês vivem circulando entre monumentos, e nós estamos
livres pra fazer hoje o passado de amanhã’.”
Oscar Niemeyer



Documentar em apenas 90 minutos a história de um personagem centenário com mais de 800 obras é um desafio. Parece que foi exatamente isto que estimulou o diretor gaúcho Fabiano Maciel e do produtor carioca Sacha a arriscarem o primeiro filme documentário de suas carreiras. Uma provocação que resultou em A vida é um sopro, o relato da vida e das obras de Oscar Niemeyer, o melhor arquiteto que o Brasil já produziu.


O documentário, que está em cartaz somente em algumas salas de cinema do circuito cultural do país, mostra Niemeyer contando de forma descontraída sobre sua vida, seu ideal de uma sociedade mais justa e sobre como ele concebeu seus principais projetos. Filmado durante o verão de 1998 e, posteriormente, nos anos seguintes antes de seu lançamento, A vida é um sopro dosou bem o distanciamento e estreitamento das relações com seu protagonista.


A história registrou a passagem do tempo para um homem em plena atividade na última década de seus 100 anos. O documentário também incluiu obras que não estariam prontas se a montagem final do filme tivesse sido lançada antes. Caso do Museu Oscar Niemeyer , inaugurado na cidade de Curitiba, em 22 de novembro de 2002.


As filmagens registraram a revolução na Arquitetura Moderna, com a introdução da linha curva e a utilização do concreto armado, e suas principais obras nas cidades de Brasília, Belo Horizonte, Ouro Preto, Rio de Janeiro, São Paulo, Paris, Londres, Le Havre, Constantine, e Nova Iorque. Também não faltaram depoimentos de figuras importantes como José Saramago, Eric Hobsbawn, Nelson Pereira dos Santos, Ferreira Gullar, Carlos Heitor Cony e Chico Buarque, entre outros.


Sem pretender inovar ou ser genial como o personagem-tema, o filme procura pautar a clareza das linhas e poesia de Niemeyer. O maior destaque são questões metafísicas desse velho arquiteto pessimista, que acha que o tempo cósmico muito curto e tudo vai desaparecer. Em suma, seja para refletir sobre a insignificância dos homens diante do universo ou seja para simplesmente poder conhecer as obras e a vida deste grande artista brasileiro, ainda vivo, A vida é um sopro é uma bela sacada de seus produtores.

compartilhe

comentários feed

+ comentar
FILIPE MAMEDE
 

Rodo, o texto tá excelente. Oscar Niemeyer merece um até mesmo um filme. Seria interessante descatar no texto quando você se refere ao título do documentário. Um negrito ou até mesmo um itálico. Outra coisa bacana, seria uma foto dele ou de algunas obras arquitetadas por Oscar. Muito bom o texto. Um abraço.

FILIPE MAMEDE · Natal, RN 10/5/2007 15:52
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Alê Barreto
 

O documentário que registra a beleza que é termos uma pessoa como o Niemeyer no planeta merece sem dúvida uma atenção especial. Oxalá comece a ser rodado em escolas, em circuitos alternativos de exibição de audiovisual.

Alê Barreto · Rio de Janeiro, RJ 13/5/2007 14:25
sua opinião: subir
Andre Pessego
 

Rodo, ve se descobre locais e datas onde estará sendo mostrado. Me lembro, a minha filha é enga. civil, na época nao achou pra comprar.
- Mas, se eu tivesse que eleger quatro brasileiros do Séc. XX eu elegeria misturados - Luis Gonzaga; Mestre Bimba; Sobral Pinto e Oscar Nyemeyer. Se fossem apenas dois eu iria pra forca.
um abraço, andre.

Andre Pessego · São Paulo, SP 13/5/2007 15:14
sua opinião: subir
jujuba
 

Putz! Eu gostaria de ver esse documentário! - Um cara de cem anos ainda produzindo, espero chegar nesta marca!

jujuba · Santo André, SP 13/5/2007 19:11
sua opinião: subir
Guilherme Mattoso
 

a frase do oscar no início do texto é FODA!

Guilherme Mattoso · Niterói, RJ 14/5/2007 11:20
sua opinião: subir
Rodrigo Biguá
 

Para mais informações:

Site do filme

Rodrigo Biguá · Rio de Janeiro, RJ 14/5/2007 16:15
sua opinião: subir
Suca
 

parabéns!!

muito bem escrita a resenha.

Suca · Belo Horizonte, MG 15/5/2007 17:59
sua opinião: subir
Richardson Pontone
 

O documentário é simplesmente genial. Merece uma leitura. Pena que deve sair de cartaz em pouco tempo. Sugiro uma olhada no site da obra: www.avidaeumsopro.com.br lá encontra-se disponível uns materiais bem legais, como o roteiro, por exemplo.

Richardson Pontone · Belo Horizonte, MG 16/5/2007 23:55
sua opinião: subir
Rita Fagundes
 

Muito bacana o texto...
Que maravilha, quero assistir!!!
100 anos de genialidade.

Rita Fagundes · Aracaju, SE 17/5/2007 10:56
sua opinião: subir
Pedro dos Anjos
 

Rá, esse cara é meu amigo.. e é PHoda...

Rodo, também postei a minha.. vamos ver o que a galera comenta... abs

Pedro dos Anjos · Belo Horizonte, MG 18/5/2007 23:45
sua opinião: subir
Carolina Jardim
 

chega deu água na boca...pena não passar por aqui=/

Carolina Jardim · Aracaju, SE 9/10/2007 07:23
sua opinião: subir
victorvapf
 

Oscar Niemeyer disse certa vez que o sonho dele e fazer o concreto voar, ficsr suspenso no ar...E ele quase faz isto...

victorvapf · Belo Horizonte, MG 24/11/2007 15:56
sua opinião: subir
Psychojoanes
 

"diferentemente dessas pessoas diferentes de todo mundo, eu gosto é do diferente" heheheheh

Psychojoanes · São Domingos do Prata, MG 17/12/2007 04:05
sua opinião: subir
Clecinho
 

Massa rodo!
Ainda não vi o filme. Minha telona tem sido o Emule, mas nem tudo está está em cartaz. [rs]

Abraço, meu velho.

Clecinho · Belo Horizonte, MG 17/2/2008 22:35
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados