Pedro Vianna lança Sementes da Revolta

Foto: Eduardo Souza
1
Pedro Vianna · Belém, PA
26/6/2008 · 139 · 12
 

'Sementes da Revolta' foi publicado como prêmio em um concurso editorial. O poeta Pedro Vianna lançou , no Colégio Ipiranga , o livro Sementes da Revolta, publicado como premiação do concurso de poesia promovido pela Fundação Ipiranga, no qual ele tirou o primeiro lugar. Sobre o livro, o reconhecido poeta Antônio Moura escreveu:

'Em seu segundo livro, o poeta Pedro Vianna retoma, ou seria melhor dizer, prossegue em um itinerário em que o espaço urbano é o espaço para a apreensão do fenômeno. E aqui o fenômeno é o poema, que se manifesta ainda de maneira amorfa nos eventos e transforma-se em verbo. E como uma metáfora ou duplo do espaço e tempo, aqui, urbano, o poema assinala a fragmentação como elemento determinante em sua configuração.

Desde a sua grafia, o poema tem, paradoxalmente, no fragmento a sua unidade: a fragmentação visual, através do olhar que depara com o espacejamento fraturado do texto; a fragmentação rítmica, que compõe um sonoridade em staccato ao longo de toda a leitura e, por último - mas não menos importante na totalidade do poema - a fragmentação psíquica a que o sujeito, tanto no interior da cidade quanto no interior do poema, está exposto. Fragmentos de luz, de sombra, fragmentos do desejo, da repulsa, fragmentos do corpo, da mente, armando e desarmando jogos de montar e desmontar a memória, a infância, o cotidiano, a história, o mito, o silêncio e a palavra. Este é um espaço onde a poética se desenrola através da acumulação de sentidos, numa voz lírica impessoal e indeterminada, num lugar onde 'Nem/ a áspera língua do poeta/ estendida/ no/ chão/ vazado das palafitas/ como/ cadáver das marés/ anoitecidas/ em/ círios/ de embriaguez exaltada/ traz algum/ resquício de conforto/ para a/ triste/ &/ promíscua procissão/ de almas/ em convulsa monotonia. Cenário onde a miséria social e a miséria anímica se fundem num pesadelo onde nada acena com um possível conforto.

Já havia assinalado em relação ao seu primeiro livro, Itinerário Interno, que, apesar de centralizado num eu lírico, o verdadeiro personagem do texto era o caminho, de fora para dentro, percorrido por um olhar transfigurador, que, a meu ver, é inerente a arte e a poesia. Neste trabalho presente o itinerário interno continua, só que numa tensão ainda maior em que 'um movimento denso/ construindo/ cicatrizes/ na arquitetura imaginária/ do/ tempo/ perdido/ amortece/ os nervos/ da cidade metálica/ alimentando/ a fúria dos barcos/ entre aromas/ &/ carnificina/ onde/ a morte foi seqüestrada/ pelos espelhos/ da/ infância. Uma fratura permanente na paisagem, nos objetos, no sujeito e na temporalidade que engloba a memória da infância lançada para o presente com todo o peso das coisas existentes, num 'horizonte encarcerado', quase sempre provocante e hostil.

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Pedro Vianna
 

Quem quiser adiquirir o livro pode deixar um comentário, ou me contatar pelo e-mail:

pedroviannaneto@hotmail.com.br

Pedro Vianna · Belém, PA 23/6/2008 10:09
sua opinião: subir
Bruno Resende Ramos
 

Pedro todo incentivo ao seu trabalho. Um grande abraço e sucesso em seus projetos!

Bruno Resende Ramos · Viçosa, MG 24/6/2008 23:19
sua opinião: subir
Andre Pessego
 

Legal Pedro, desejo boa sorte, como não poderia deixar de ser.
Nestes tempos bicudos de tanto descredito e desempenho
andre.

Andre Pessego · São Paulo, SP 25/6/2008 06:21
sua opinião: subir
Mestre Jeronimo - JC
 

Pedro,

Parabens, e que colhas frutos deste trabalho.

Mestre Jeronimo - JC · Austrália , WW 25/6/2008 10:11
sua opinião: subir
Cida Almeida
 

Pedro,

Parabéns pela publicação do segundo livro. Estava sentindo sua falta por aqui. Tenho o maior interesse em adquirir os dois. Faço contato pelo e-mail.

Grande abraço e sucesso.

Cida Almeida · Goiânia, GO 25/6/2008 16:25
sua opinião: subir
Cintia Thome
 

Pedro
Tenho uma admiração por você tamanha, teus versos são inteligentes e nos dá prazer na leitura. Realismo, surreal e que chama e clama. Fico feliz com seu prêmio e seu lançamento.Sucesso!ab

Cintia Thome · São Paulo, SP 25/6/2008 18:41
sua opinião: subir
Denis Sen@
 

Parabéns, meu rei!!!

Ah,veja...

Olá Chiesa,

Graffiti no MAM_ Museu de arte Modernada Bahia.
Ancestralidade contemporânea.

Veja...
http://www.overmundo.com.br/banco/exposicao-presente-do-passado


Muito grato pela atenção.

Denis Sen@ · Salvador, BA 26/6/2008 02:48
sua opinião: subir
Doroni Hilgenberg
 

Oi Pedro. Gostaria sim de ler seu livro. O titulo e bem sugestivo e também gostei do seu texto. Essas fragmentações de que vc fala é que compõe um poema perfeito. Parabéns pelo lançamento do segundo livro, nesses tempos onde poucos se dedicam a prazeirosa leitura de poesias. Bjsss e sucesso.

Doroni Hilgenberg · Manaus, AM 26/6/2008 09:48
sua opinião: subir
Raiblue
 

Oi Pedro!!

Parabéns pelo prêmio e lançamento do livro!!
Gostei muito do título e da temática!
A capa também está linda!
Gostaria muito de lê-lo!

um beijo azul...
Raiblue

Raiblue · Salvador, BA 2/7/2008 10:02
sua opinião: subir
Ecila Yleus
 

Tenho acompanhado seu trabalho desde que você era meu amigo no Orkut e desejo a você também sucesso.

Ecila Yleus · Recife, PE 8/8/2008 01:43
sua opinião: subir
Ilhandarilha
 

Parabéns, Pedro. Tem haicai no livro? rsrsr
bjos

Ilhandarilha · Vitória, ES 29/9/2008 15:02
sua opinião: subir
Léia Alves Moreira Pierucci
 

Pedro, parabéns viu.. uma bela conquista!!
abçs e tudo de bom pra tí

Léia Alves Moreira Pierucci · Diamantina, MG 11/3/2010 10:44
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

imagens clique para ampliar

Capa do Livro zoom
Capa do Livro

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados