Revelando as cidades - São Roque do Canaã (ES)

Ratão Diniz / Imagens do Povo / IMA
Dona Angelina Gonçalves ao lado da neta e vizinhas
1
Vitor Lopes · Vitória, ES
4/6/2007 · 131 · 2
 

Sentada na porta da sua casa, Dona Angelina Gonçalves sente a dor da idade chegar. Os 75 anos a impedem de sair de casa constantemente. “Tem dia que a coluna dói tanto que não consigo me levantar”, confessa enquanto observa sua neta Jéssica, 11, chegar acompanhada da vizinha Ana Carla, 11. Assim como Angelina, as duas também nunca foram ao cinema.

Dona Angelina estava disposta a ficar em casa naquela noite de domingo, dia 27 de maio. Não iria à missa, pois as pernas doíam. Moradora do Morro do Querosene, em São Roque do Canaã, norte do Espírito Santo, a aposentada queria mesmo “é ficar em casa vendo o SBT”. Após saber que veria pela primeira vez um filme em tela grande, por conta da passagem do caminhão itinerante do Revelando os Brasis pela sua cidade, escolheu a melhor roupa, foi à missa e esperou começar a sessão sentada na escadaria da igreja.

A mesma realidade bateu à porta de Letícia Cássia Brawn de Oliveira, 16, e Marciana Rodrigues, 18, que também nunca tinham ido ao cinema. Moradoras deste que é um dos principais bairros populares de São Roque do Canaã, município que teve o vídeo “O Último Tocador”, de Valbert Vago, selecionado na primeira edição do Revelando, as duas trabalham para ajudar a sustentar a família e se divertem na pracinha do lugarejo quando encontram tempo.

Nesta mesma pracinha, onde também se localiza a Igreja Matriz da cidade, cujo padre parece mandar mais do que o prefeito, o motorista e também projecionista Aécio Lino Guerra, 30, e o ajudante Ivonildo Bispo de Miranda, 22, montaram o telão do projeto. “O padre queria que fosse atrás da igreja, mas lá não cabe. Temos de fechar a rua e fazer aqui na frente mesmo”, explicou Aécio.

Já com a praça lotada, os moradores de São Roque do Canaã acompanharam o senhor Jepim Penitente a tocar sua concertina na frente da tela. O músico e agricultor, que mora na zona rural da cidade, é tema do documentário que Vago gravou ali na cidade mesmo, dentro da idéia central do projeto, que é transformar em vídeo histórias contadas em cidades brasileiras de até 20 mil habitantes, numa parceria do Ministério da Cultura com o Instituto Marlin Azul (ES). “Eu cresci aqui em São Roque admirando a figura dele. Depois, passei a admirar enquanto músico, principalmente por ele ser o último tocador de concertina da região”, afirma o diretor Vago.

Sobre a própria história, Jepim relembra o início. “Comecei a tocar aos sete anos escondido do meu pai. Um belo dia toquei e as pessoas diziam: cadê o sanfoneiro? Eu estava atrás dela de tão pequeno que era”.

Questionado se o filme que Vago realizou e que já foi exibido em diversos festivais e cidades do Brasil provocou alguma alteração em sua vida, Jepim foi certeiro: “o vídeo tirou minha vergonha de tocar concertina”. Indagada se o cinema poderia trazer benefícios à sua vivência, a cansada Dona Angelina completou: “é sempre bom ver coisa boa e bonita. Eu gosto. Vou me entrar para tomar banho”, finalizou.

Sob um frio que cortava a cidade, os moradores de São Roque do Canaã sentiram de perto o resgate da própria cultura por meio de uma tela de cinema instalada entre a igreja e a praça, as duas principais ocupações para aqueles cidadãos fora do horário de trabalho.

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Henrique Araújo - Grupo TR.E.M.A
 

Ótimas contribuições, Vítor. Também li o texto anterior, ainda em fila de edição. Nos vemos mais na frente.

Abraços!

Henrique Araújo - Grupo TR.E.M.A · Fortaleza, CE 1/6/2007 12:26
sua opinião: subir
Ana Murta
 

que texto lindo Vitor !!

Ana Murta · Vitória, ES 22/11/2007 10:46
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados