Um revival original

Delfin tem uns oito discos-solo do Lafayette ? e adora o design da maioria deles
1
Delfin · São Paulo, SP
15/4/2006 · 100 · 6
 

Já faz alguns anos que a onda de reviver os momentos de ouro da Jovem Guarda está em voga. De um lado, velhos astros, esquecidos, tentando polir seu antigo brilho ou garantir uma estrela mais luminosa na calçada da fama da história. No outro, diversas bandas que, ao invés de investirem num repertório inédito, se contentam em repetir sucessos do passado, de preferência sem mudar sequer arranjos e instrumentos originais. Esta onda trouxe especiais na televisão, muitos cabelos brancos, cantores de apenas um sucesso (que, aliás, entraram só no fim da Jovem Guarda) se mostrando como se fossem mais do que jamais foram e muitas homenagens e tributos constrangedores.

No meio de tudo isso, no entanto, surgiu algo diferente e digno de nota. Uma banda que reúne grandes nomes recentes do rock nacional junto a uma lenda ignorada dos tempos áureos de Roberto Carlos. O nome do conjunto não deixa margem a erros de interpretação: Lafayette e os Tremendões.

Lafayette Coelho Vargas Limp é ele mesmo, o mago dos órgãos dos primeiros sucessos de Roberto Carlos na Jovem Guarda e autor, em carreira solo, de uma série enorme de discos instrumentais de grande sucesso pela CBS (hoje, Sony). Não é nenhum erro afirmar que a percepção auditiva dos jovens dos anos 60 no Brasil seria outra sem os teclados marcantes de Lafayette.

Esta mesma percepção, que influenciou muita gente no passado e gerou, em última instância, a profusão dos teclados bregas e de qualidade duvidosa dos anos 70 e 80, também marcou muita gente boa. Entre eles, Gabriel Thomaz, líder dos Autoramas, que teve a idéia de reunir grandes nomes de diversas bandas nacionais ao famoso organista para criar os Tremendões. Que, apesar do seu repertório, transmitem um frescor às músicas que combina o verdadeiro espírito de diversão dos anos 60 à evolução dos últimos 40 anos de rock. O resultado é simples: potência musical, originalidade, festa e prazer garantido aos ouvintes de seus shows.

Completando um ano de união no último dia 28 de dezembro, a banda formada por Lafayette, Gabriel, Érica Martins (Penélope), Nervoso (Acabou la Tequila), Melvin Fleming (Carbona), Renato Martins e Marcelo Callado (ambos do Canastra), lançou seu primeiro disco. Respeitando o espírito do grupo, o compacto com duas músicas foi lançado apenas em vinil e traz, no lado A, a primeira música inédita dos Tremendões, O Pão Duro, composição dada de presente à banda por um compositor ícone da Jovem Guarda, Getúlio Cortês – autor de sucessos como Negro Gato.

Desde 2005, eles fazem shows em diversas capitais do Brasil. Seja pelo inusitado da união entre o novo e o antigo, seja pela qualidade da interpretação e do repertório, o fato é que já faz meses que Lafayette e os Tremendões são reconhecidos pela crítica especializada. O que não é nada fácil, se se pensar que, em princípio, se trata de uma banda cover.

Mas desde quando interpretar o repertório alheio tira o mérito musical de alguém? É só ir diretamente aos anos 60 e lá vão estar os primeiros discos dos Beatles, que, em sua grande maioria, são compostos por reinterpretações de músicas que outros já tinham gravado antes. Mas não só os garotos de Liverpool, como boa parte das bandas daquele época, se apoiaram inicialmente em composições que não eram originais. E todos viram no que deu aquela efervescência. A própria Jovem Guarda, anterior à Beatlemania, mostrava esses sinais: muitas músicas eram versões de sucessos estrangeiros, que demoravam meses e às vezes anos para aportarem por aqui.

Por tudo isso, ir a algum show de Lafayette e os Tremendões é quase uma catarse. Quem tem mais de cinqüenta se esbalda. Quem tem seus vinte e poucos vai ficar é incorformado por estar agitando com as mesmas músicas que balançaram os esqueletos de seus coroas. E quem está longe do lugar em que nasceu vai mesmo se emocionar na hora em que a banda começa a tocar O Portão, lembrando que, por vezes, não há mesmo lugar melhor que o próprio lar.

São mesmo tantas emoções que, no final, o que importa é que o show é mesmo uma brasa. Mora?

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Bruno Maia (sobremusica.com.br)
 

Salve Delfin,
Ser cover pode não tirar o mérito, mas certamente não o atribui. Curto o trabalho dos Tremendões, acho que são dignos de nota, mas até agora não vi no Overmundo o espaço para muitas coisas novas. Teve aquele da banda do ES com coisas japonesas e não muito mais.. Já rolou um texto bonzão do show dos Tremendões em Belém, o seu tá bacana, mas porque também não escrever sobre o Canastra, o Autoramas, o Nervoso, o novo trabalho da Érika Martins, né verdade?

Tá certo ou não tá!?!? rsrss

Forte abraço e parabéns!
Apesar de talvez não parecer, gostei do texto!

BM

Bruno Maia (sobremusica.com.br) · Rio de Janeiro, RJ 15/4/2006 01:35
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Delfin
 

Heya!
Na verdade, este texto tá pronto desde o lançamento do vinil e foi uma coincidência feliz, para efeitos de links autorreferentes, ter outra matéria sobre os Tremendões aqui.
Ontem fui num show do Canastra e da banda do Nervoso. As coisas boas sempre vão pintar por aqui, se depender de mim. Sei que não dependem, mas faço a minha parte.
Abração!

Delfin · São Paulo, SP 15/4/2006 19:09
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Bruno Maia (sobremusica.com.br)
 

Bacana!
Não pude ir nesse show do Canastra com o Nervoso por motivos que fugiram à minha vontade. De qualquer forma, se interessar, o sobremusica cobriu o encontro. Só não posso publicar a matéria aqui pois ela não foi escrita por mim... mas segue o link para quem quiser ver: http://smusica.blogspot.com/2006/04/shows-canastra-e-nervoso-e-os.html

É isso, como diria Zeroquatro, "a hora é agora e vamo que vamo! Trabalho novo trabalho"

abração!
BM

Bruno Maia (sobremusica.com.br) · Rio de Janeiro, RJ 17/4/2006 11:45
sua opinião: subir
miguel06
 

Hola, queuro conoicer si alguiem podre enviarme musica de Lafayette de anos decada del 70. en mp3 o wav. Desde cha muito obrigado.
miguel06 - brincosino-busca@yahoo.com

miguel06 · Porto Alegre, RS 23/8/2006 11:04
sua opinião: subir
miguel06
 

Hola, queuro conoicer si alguiem podre enviarme musica de Lafayette de anos decada del 70. en mp3 o wav. Desde cha muito obrigado.
miguel06 - brincosino-busca@yahoo.com
http://miguel-06.blogspot.com/

miguel06 · Porto Alegre, RS 23/8/2006 11:27
sua opinião: subir
Byra Dorneles ( Freakout Muzik)
 

Muito legal essa materia!
abs
Byra Dorneles

Byra Dorneles ( Freakout Muzik) · São Paulo, SP 12/12/2007 03:11
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados