Urubu, O Empregado da Limpeza

Chistopher Jennings
Homen e Urubus ao anoitecer, no Lixão nos arredores de tegucigalpa, Hoduras
1
Pedro Monteiro · São Paulo, SP
10/10/2007 · 29 · 13
 

Um congressista está em seu jatinho, rumando para sua ilha particular, quando sua aeronave, repentinamente, é atropelada por um urubu. A aeronave fica avariada e seu experiente piloto é forçado a pousar num pobre lugarejo. O pouso só é possível, graças uma pista clandestina que serve a contrabandistas e traficantes de todas as espécies. O piloto culpa o apagão aéreo, e o político brada: -“Como...?” Ele não sabe o que é apagão aéreo. De repente o político começa a enfartar. Levado às pressas à unidade de saúde local. Ele logo constata que ali não dispõe de quadros profissionais, e tampouco, de equipamentos e remédios para primeiros socorros. O político morre por falta de atendimento adequado. E por erro de contabilidade, da comissão de ética, sua alma chega ao Céu.

No céu dá de cara com São Pedro, que vai logo lhe dizendo: - Bem-vindo ao Paraíso de todos os santos! Antes que você entre, preciso lhe dizer, que há um problema a ser resolvido. É que raramente vemos parlamentares por aqui, sabe, então não sabemos bem o que fazer com você. - Não vejo problema, é só me deixar entrar, diz o experiente político. - Eu bem que gostaria, mas cumpro ordens superiores... Vamos fazer o seguinte: Você passa um dia no Inferno e outro no Paraíso, aí, poderá escolher onde quer passar a eternidade. São Pedro, ainda o adverte que, o regimento interno do céu, não pode ser mudado.

Com firmeza e elegância, São Pedro o acompanha até o elevador e ele desce, desce, desce até as profundezas do inferno. A porta do elevador se abre e o congressista, se vê no meio de um lindo campo de golfe. Ao fundo o clube, onde estão todos os seus colegas, amigos e lobistas, com os quais havia atuado. Ele é cumprimentado, abraçado e eles começam a falar sobre os bons tempos em que ficaram ricos, à custa da loteria. Jogam partidas descontraídas e depois no banquete se deliciam, comendo lagostas ao molho de caviar. O vinho e o champagne francês são cuidadosamente servidos, sempre observados a temperatura ideal. O Diabo, é um cara muito agradável, atento as necessidades dos participantes, logo lhe apresenta as garotas de programa especialmente agendadas para o evento. Ele se diverte tanto que, antes que perceba, já é hora de ir embora. Todos se despedem dele com abraços e acenam enquanto o elevador sobe. Ele sobe, sobe, sobe e a porta se abre outra vez. São Pedro está esperando por ele. Agora é a vez de visitar o Paraíso. Ele passa o dia junto a um grupo de almas felizes que andam de nuvem em nuvem, tocando harpas e cantando. Tudo na maior calmaria, o dia se acaba e São Pedro retorna. -E aí? Você passou um dia no Inferno e um dia no Paraíso. Agora escolha, sem direito a recuo, a sua casa eterna. Ele pensa um minuto e responde: - eu já decidi... O Paraíso é muito bom, mas eu vou ficar melhor no Inferno.

Então São Pedro o leva de volta ao elevador e ele desce até o Inferno. A porta abre e o congressista dá de cara, com um enorme lixão. Ali vê todos seus amigos com as roupas rasgadas, sujos e ensangüentados das bicados dos urubus. Estão todos catando e comendo lixo. O Diabo vai ao seu encontro e o agarra pelo pescoço. – Não, não estou entendendo, - gagueja o político - Ontem eu estive aqui... E... Havia um campo de golfe, um clube, um grande banquete, E... Nós dançamos e nos divertimos o tempo todo. Agora é isso? Miséria e violência!!!
O Diabo olha em seus olhos, sorri ironicamente e diz: - Ontem estávamos em campanha, coleeega. Hoje já temos o seu voto.

Triste sina dos Urubus... Empregados da limpeza.


Por: Pedro Monteiro

compartilhe

comentários feed

+ comentar
ILZE SOARES
 

Pedro, gostei da sátira que vc faz com o(s) político(s). Pouco conhecedor da realidade brasileira, e morre justamente por causa do colapso da saúde. Agora essa de ir ao "inferno" e ao "céu"... tendo escolhido ficar no inferno, aqui pra nós, me lembra um ex-político da Bahia (que o povo está satirizando dizendo que nem o diabo o quer por lá, pra não tomar o lugar dele). E a maior é o termino, assim como enganou na vida política, foi enganado pelo diabo. Muito bom. Vc teve uma boa articulação nesse texto, gostei.
Volto pra votar.

beijo

ILZE SOARES · Salvador, BA 10/10/2007 21:57
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Muito bem Ilze, que bom que tenhas gostado.
confesso também, ter gostado muito do comentário que fizestes.
Beijos

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 10/10/2007 22:08
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Joca Oeiras, o anjo andarilho
 

Querido Pedro:
Sem contar que o céu também estava em campanha pelo voto nulo rsrsrs. Não pode ser tão chato desse jeito.
beijos e abraços
do Joca Oeiras, o anjo andarinlo

Joca Oeiras, o anjo andarilho · Oeiras, PI 12/10/2007 09:41
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Sim, querido Jóca:
Ainda que seja uma metafórica utopia.
Que os asselvajados urubus façam seu trabalho de assepsia.
E que o anseio contido nos fragmentos do poema do Eduardo Galeano, O DIEITO DE SONHAR, possa nos acompanhar na vida.
"Em nenhum país do mundo os jovens vão ser presos por contestar o serviço militar. Serão encarcerados apenas os quiserem se alistar. Os economistas não chamarão de nível de vida o nível de consumo, nem de qualidade de vida a quantidade de coisas. Os cozinheiros não vão mais acreditar que as lagostas gostam de ser servidas vivas. Os historiadores não vão mais acreditar que os países gostem de ser invadidos. Os políticos não vão mais acreditar que os pobres gostem de encher a barriga de promessas.
O mundo não vai estar mais em guerra contra os pobres, mas contra a pobreza. E a indústria militar não vai ter outra saída senão declarar falência, para sempre. Ninguém vai morrer de fome, porque não haverá ninguém morrendo de indigestão. Os meninos de rua não vão ser tratados como se fossem lixo, porque não vão existir meninos de rua. Os meninos ricos não vão ser tratados como se fossem dinheiro, porque não vão existir meninos ricos.
A educação não vai ser um privilégio de quem pode pagar por ela. A polícia não vai ser a maldição de quem não pode comprá-la. Justiça e liberdade, gêmeas siamesas condenadas a viver separadas, vão estar de novo unidas, bem juntinhas, ombro a ombro".
Um grande Abraço, querido patriota.

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 12/10/2007 11:27
2 pessoas acharam útil · sua opinião: subir
Fátima Rocha
 

Pedro!
Será que os urubus conseguem digerir certos políticos? Rá...rá...rá...
bjs

Fátima Rocha · São Paulo, SP 10/11/2007 11:53
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Georgina Maria
 

Os urubus Merecem menção Honrosa.
"Como é triste a vida do abutre, quando morre alguém é que se nutre, como é grande e suprema a natureza"(Zé Ramalho).
Beijo

Georgina Maria · São Paulo, SP 10/11/2007 19:20
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Então Georgina, por certo esse menção não vira de Brasilia.
Muito obrigado pelo comentário.
Beijos

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 11/11/2007 23:40
1 pessoa achou útil · sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Fátima, minha amiga do peito esquerdo.
Acho sábio, deixar que cada urubu cumpra seu papel.
Já que certos políticos não o fazem...
Beijos

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 17/11/2007 17:21
sua opinião: subir
Georgina Maria
 

Lindo!
Chocante!
Provocante!
Beijos

Georgina Maria · São Paulo, SP 24/11/2007 16:44
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Georgin, mais uma vez, muito obrigado pela sua participação.
bj

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 25/11/2007 12:18
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

(Georgina Maria)

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 25/11/2007 12:31
sua opinião: subir
pedro paulo
 

Achei muito legal. Parabéns

pedro paulo · São Paulo, SP 6/1/2008 16:59
sua opinião: subir
Pedro Monteiro
 

Muito obrigado pedro paulo.
Abraços

Pedro Monteiro · São Paulo, SP 10/4/2009 02:13
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados